Menu
 Inicio
 Registro
 Administrador
 Menu
 Torpedos
 Downloads
 Enquete
 Galeria de Fotos
 Seus Links
 Recomende-nos
 Internet_TV
 Artigos
 Internet_Radio3
 Publicações
 Conteudos
 Album
 Estatística
 Fale Conosco

· Procurar

 Radio On
Ouça Agora:
Nenhuma opção foi escolhida



<a href=''>Play Nenhuma opção foi escolhida</a>

Abrir em janela pop-up

 Previsão

 Visitas
Até o momento, recebemos
9797017
vizualizações de páginas (page views) desde July 2007

 Apoios:


PABLO ESCOBAR
Diversos

‘Guardei muitas lembranças’, diz filho de Pablo Escobar de infância com pai

Minhas babás eram os piores bandidos, diz filho de Pablo Escobar (Reprodução / TV Globo)

Fantástico conversou com Juan Pablo Escobar. E quando tentou falar com o irmão de Pablo Escobar, recebeu até ameaças.

Aviões particulares, motos de alta velocidade, carros esportivos, bichos exóticos e violência sem limites. Assim agia Pablo Escobar, o traficante que aterrorizou a Colômbia nos anos 80 e 90. Essa vida louca é contada em detalhes pelo filho dele, Juan Pablo, que hoje mora na Argentina e escreveu um livro sobre a intimidade do pai.

E em Medellín, na Colômbia, os repórteres Álvaro Pereira Júnior e Marcelo Benincassa refizeram a trajetória de Escobar. Do bairro onde ele começou no crime, até o cemitério onde está enterrado. E quando tentaram falar com o irmão dele, Roberto, receberam até ameaças.

Com ele, não tinha miséria e não tinha limite! Na fazenda da família, construiu um zoológico particular. Com menos de 30 anos, já tinha faturado mais de US$ 100 milhões! Se alguém o enfrentava, ele mandava assassinar. Mesmo que precisasse derrubar um avião! Só aceitou se entregar à polícia depois de construir a própria cadeia. Ele é Pablo Escobar, o traficante sanguinário que aterrorizou a Colômbia.

Agora, a vida louca do chefe do cartel de Medellín é contada em detalhes por alguém que esteve com ele até os últimos minutos: o seu único filho homem, Juan Pablo Escobar.

O Juan Pablo, filho do Pablo Escobar, não quis que o Fantástico fosse até a casa dele. Ele prefere não divulgar o endereço. Por isso, preferiu marcar com a equipe em um parque, o Parque Rosedal, um dos principais de Buenos Aires.

Juan Pablo, arquiteto, tem 38 anos. Há 20, junto com a mãe e a irmã mais nova, escolheu a Argentina para recomeçar a vida. Chegou a mudar de nome, Sebastian Marroquín, para fugir do passado. Mas é difícil.

Antes mesmo de a entrevista começar em Buenos Aires, ele já é reconhecido por uma turista colombiana.

Fantástico: E se ele saísse na rua em Medellín, onde nasceu, em quanto tempo seria reconhecido?
Juan Pablo: Eu acho que alguns segundos.

Isso porque foi na região de Medellín, na Colômbia, que Pablo Escobar construiu o seu império. Em 1964, quando tinha 15 anos, Pablo se mudou para um bairro chamado La Paz, e foi morar na rua mostrada no vídeo acima. Foi no local que ele começou no crime.

Em poucos anos, já era um multimilionário. Em 1977, quando o filho dele nasceu, Pablo Escobar tinha 27 anos e já era o patrão da cocaína na Colômbia. Essa trajetória de violência e excessos está no livro de Juan Pablo.

“A principal testemunha dessas histórias é o meu próprio pai. No último ano da vida dele, nós ficamos juntos, escondidos. Vinte e quatro horas sem ter o que fazer a não ser conversar. Eu era só uma criança, mas guardei muitas lembranças”, conta Juan Pablo.

Várias dessas lembranças são da enorme propriedade que Escobar construiu para a mulher, Maria Victoria, e os filhos, Juan Pablo e Manuela: a fazenda Nápoles. O filho sempre ao lado do pai...

O vídeo acima mostra o lugar de lazer da família. Era como ter um zoológico no quintal de casa. Rinocerontes, elefantes, camelos. Quando o parque foi criado, ele tinha muitas coisas ligadas à memória do Pablo Escobar espalhadas pelo local. Mas hoje isso mudou completamente. Eles querem limpar o parque das lembranças do narcotráfico. Mas tem certas coisas que não dá para apagar. Por exemplo, os hipopótamos, que sobreviveram, se reproduziram e estão lá até hoje. Eles são uma das atrações do parque temático que hoje existe na região.

A mansão da família foi demolida recentemente. Mas as estradas ainda existem. Nelas, pai e filho testavam seus brinquedos favoritos. Aos 11 anos, Juan Pablo tinha mais de 30 motos.

“Meu pai foi um homem muito rico que perdeu todo o controle da fortuna”, diz Juan Pablo.

Quando não ficava na fazenda, a família viajava muito. Em abril de 1982, Pablo Escobar trouxe mais de 20 parentes para o Rio de Janeiro. Quatro meses depois, ele voltou, mas só com os amigos.

“Nessa segunda vez eu não fui. Perdi a festa. Eu era muito pequeno”, conta Juan Pablo.

Fantástico: Não levaram as mulheres?
Juan Pablo: Não levaram as mulheres.

Além das próprias memórias, Juan Pablo usou no livro depoimentos de ex-comparsas do pai.

Fantástico: Você esteve frente a frente com essas pessoas?
Juan Pablo: Sim. Eu e o editor do livro. Nós até falamos com os mortos.
Fantástico: Como assim, mortos?
Juan Pablo: Com alguns que constam como mortos, mas não estão. Existe um ou outro morto-vivo por aí. É que eu nasci nesse mundo do crime. Minhas babás eram os piores bandidos da Colômbia.

À medida que ia crescendo, Juan Pablo começava a entender que seu pai, tão generoso com a família dentro de casa, era, da porta para fora, um traficante extremamente violento. Pablo Escobar é apontado como o responsável por mais de 4 mil mortes na Colômbia, entre os anos 70 e 90.

“Eu lembro do dia em que meu pai me disse: ‘filho, minha profissão é ser bandido’”, diz Juan Pablo.

Foi o tráfico de cocaína para os Estados Unidos que fez dele um milionário. Naquela época, o controle de fronteiras era frágil. Não havia nem raios x nos aeroportos. E quanto mais ele enriquecia, mais inimigos ganhava. A disputa de quadrilhas espalhou uma onda de terror pela Colômbia.

“Não é que meu pai tivesse prazer com a violência. Só que ele era muito vingativo. Se fizessem uma coisa contra ele, ele fazia dez piores”, conta Juan Pablo.

Na visão do Juan Pablo, foi no lugar mostrado no vídeo acima, no prédio hoje abandonado, que a guerra do narcotráfico perdeu completamente qualquer limite. No dia 13 de janeiro de 1988, explodiu na porta do edifício Mónaco, um carro-bomba com nada menos que 700 quilos de dinamite. Quem botou o carro foi o cartel de Cáli, concorrente de Pablo Escobar no tráfico. E quem vivia no local era a família de Escobar. 

“Eles colocaram a bomba para me matar, matar minha irmã e a minha mãe”, relata Juan Pablo.

Quando Pablo Escobar viu o estrago, jurou se vingar. “O que veio foi uma vingança terrível, que não se justificou. Eu, que fui uma das vítimas, deveria estar cheio de ódio e rancor. Mas eu era quem mais pedia para o meu pai para que ele fizesse as pazes com os inimigos”, lembra Juan Pablo.

Não adiantou. Escobar ia com tudo para cima dos bandidos rivais. E de políticos também. Principalmente os que defendiam a extradição para os Estados Unidos de criminosos como ele. No começo dos anos 80, Pablo Escobar entrou para a política. Chegou a se eleger deputado. Construiu campos de futebol e casas populares em bairros pobres. Dizia que era pecuarista. Mas foi obrigado a renunciar depois que um jornal revelou que ele já tinha sido preso, anos antes, com oito quilos de cocaína.

Desmascarado como traficante, começava aí sua vida de eterno fugitivo e de inimigo mortal do estado colombiano, como disse o então presidente, César Gaviria. Quando Gaviria ainda era candidato, Escobar explodiu uma bomba em um avião, achando que o político estaria a bordo. Mas não estava. Morreram 110 pessoas. “Nada de positivo vinha depois de tanta violência”, afirma Juan Pablo.

Pablo Escobar só se entregou depois de construir a própria cadeia. Cheia de luxos. Juan Pablo visitava sempre o pai. A cadeia virou uma segunda casa da família,mas o traficante também tinha outras companhias...

Agora o local está em ruínas. Mas ainda dá para ver claramente o que era a base da cama redonda, giratória, que o Pablo Escobar tinha dentro da cadeia – assista no vídeo acima. Quando as autoridades descobriram o parque de diversões que a cadeia tinha virado, decidiram transferir Escobar. Mas ele fugiu antes.

Em 19 de fevereiro de 1993, a família também decidiu escapar. Só o pai, que ainda estava escondido, ficaria na Colômbia.

“A gente ia para os Estados Unidos. Mas a polícia nos segurou e não conseguimos embarcar. Eu sabia que iam nos matar”, lembra Juan Pablo.

Juan Pablo, que tinha então 16 anos, estava cercado no aeroporto por homens armados da polícia e de quadrilhas inimigas. “Até que um milagre aconteceu. Um senhor que nunca tinha visto me disse: ‘sei que você está no pior momento da sua vida. Em que posso ajudar?’”, conta Juan Pablo

O homem conseguiu um telefone para Juan Pablo ligar para uma empresa de táxi aéreo. Alugou um helicóptero, e escapou do aeroporto. “Foi uma jogada que salvou nossas vidas”, diz Juan Pablo. Mas houve uma vida que Juan Pablo não conseguiu salvar...

Dois de dezembro de 1993. Um dia depois de completar 44 anos, Pablo Escobar foi morto, em um telhado, com três tiros. Minutos antes, tinha falado com o filho por telefone, o que não costumava fazer. “Nesse dia, ele quebrou sua principal regra de segurança. Ele dizia: ‘o telefone é a morte’. Ele escolheu morrer pela família. Deu a vida por nós. Não foram os agentes que encontraram meu pai. Ele que se deixou encontrar”, conta Juan Pablo.

O filho acha também que o tiro fatal, na orelha direita, foi dado pelo próprio pai. “A bala estava a cinco milímetros do lugar que o meu pai dizia que daria um tiro, se precisasse se matar”, destaca Juan Pablo.

Juan Pablo virou o homem da família. E teve que aprender a lidar com os inimigos do pai. Alguns muito próximos. “Meu pai me contava que seu irmão mais velho, Roberto, o traía”, diz Juan Pablo. Juan Pablo acusa a família paterna de delatar Escobar e de roubar parte da fortuna. Em Medellín, o Fantástico foi até a casa de Roberto Escobar em um bairro de classe alta.

A equipe tocou a campainha, mas ninguém apareceu. Até que, de repente, Roberto sai pelo portão, ao lado de um segurança. Roberto é o homem de camisa rosa no vídeo acima. Nervoso, ele põe a equipe para fora, a ameaça de morte, e diz que cobra US$ 5 mil para dar entrevista.

“A história não se entrega de graça. E vocês têm que respeitar. Já chamei a polícia”, diz Roberto. E ainda faz uma ameaça: “Se sair algo na reportagem deste lugar, eu processo”.

“Eles puderam continuar vivendo na Colômbia porque entregaram meu pai. Eu, minha mãe e minha irmã tivemos que fugir do país”, conta Juan Pablo.

Morando na Argentina, Juan Pablo ficou 14 anos sem ir à Colômbia. Até que, em 2008, voltou, por um motivo especial: pedir perdão aos filhos de duas vítimas do pai. O então ministro da Justiça Rodrigo Lara Bonilla, morto em 1984. E o então candidato à presidência Luiz Carlos Galán, assassinado em 1989. “Foi o pior momento que vivi.  Eu senti um soco no estômago. Senti toda a dor dessas famílias ao mesmo tempo, num mesmo lugar”, confessa Juan.

Pablo Escobar está enterrado em um cemitério imenso, de Montesaco, em Medellín. Mas para ele foi reservado um cantinho, escondido, quase na rua. Agora isso não impede que o túmulo receba muitas visitas.

“Ela é uma lenda do nosso país, da nossa cidade. Ele ajudou muitas pessoas. Claro, ele fez muito mal. Mas também fez coisas muito boas”, diz a vendedora Stefany Martinez.

“Pablo Escobar teve muitas facetas. Por um lado, ele espalhava o terror. Por outro, era visto como um benfeitor. Mas as suas ações sociais não eram amplas e relevantes. Escobar foi uma figura muito negativa. Ele desencadeou uma espiral de violência sem limites”, conta Ana Maria Jaramillo, socióloga. 

Hoje, 21 anos depois da morte de Pablo Escobar, Medellín é uma cidade muito diferente da que Juan Pablo conheceu. Com 2 milhões de habitantes, moderna e uma queda radical na criminalidade, quer deixar para trás os anos de terror. Juan Pablo também. “Me enche de esperança saber que todos nós buscamos a paz. Porque ninguém é feliz promovendo a violência”, diz.


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

FIQUE SABENDO
Diversos

STF debate ensino religioso em escolas públicas

STF (José Cruz/Agência Brasil)

A audiência pública vai reunir representantes de 31 entidades José Cruz/Agência Brasil

O Supremo Tribunal Federal (STF) promove hoje (15) audiência pública para discutir o ensino religioso em escolas públicas. A audiência está prevista para começar às 9h e 31 entidades foram habilitadas para participar das exposições. Cada uma terá 15 minutos para expor seus argumentos.

A audiência foi convocada pelo ministro Luís Roberto Barroso, relator da Ação Direta de Inconstitucionalidade na qual a Procuradoria-Geral da República (PGR) pede que a Corte reconheça que o ensino religioso é de natureza não confessional, com a proibição de admissão de professores que atuem como “representantes de confissões religiosas”.

O ministro pretende ouvir os argumentos de todos os participantes antes de elaborar seu voto e liberar o processo para julgamento no plenário da Corte.  “A interpretação constitucional envolve certa capacidade de o juiz interpretar o sentimento social, as demandas da sociedade. Portanto, o que eu espero na audiência em que se discute o ensino religioso nas escolas públicas é saber como pensam os representantes das religiões, os representantes de órgãos de educação, intectuais e pensadores de questões teológicas”, disse Barroso na última semana.

A ação da PGR foi proposta em 2010 pela então vice-procuradora Débora Duprat. Segundo entendimento da procuradoria, o ensino religioso só pode ser oferecido se o conteúdo programático da disciplina consistir na exposição “das doutrinas, práticas, histórias e dimensão social das diferentes religiões”, sem que o professor tome partido. Para a procuradora, o ensino religioso no país aponta para a adoção do “ensino da religião católica” e de outros credos, fato que afronta o princípio constitucional da laicidade. O ensino religioso está previsto Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional e no Decreto 7.107/2010, acordo assinado entre o Brasil e o Vaticano para o ensino da matéria.

Em 2011, a Agência Brasil publicou uma série de matérias retratando o desafio das escolas brasileiras de oferecer um ensino religioso que respeite as diversas crenças. O especial Escolas de fé: a religião na sala de aula foi ganhador do prêmio Prêmio Andifes de Jornalismo 2012 na categoria educação básica.

Livro ensina crianças sobre espécies brasileiras ameaçadas de extinção

Do universo de 1.173 espécies da fauna brasileira ameaçadas de extinção, 50 foram selecionadas para compor o Livro Vermelho das Crianças, uma publicação que visa a familiarizar o público infantil sobre o tema e que apresenta, de forma simples e explicativa, os problemas que afetam a fauna do país.

O livro foi editado pelo Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia (Ibict) e está disponível no Canal Ciência, portal de divulgação científica do Ibict, em cooperação da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco). As 50 espécies do livro representam os diferentes grupos taxonômicos e biomas e são espécies muito conhecidas como desconhecidas pelas crianças, como a arraia-aramaçá, a ararinha-azul, o tatu-bola, a fadinha, o pato-mergulhão, o tamanduá-bandeira, o balança-rabo-canela e o peixe-boi-marinho.

As ilustrações que compõem o livro foram feitas por 76 crianças de diversas regiões do Brasil e as histórias, escritas por Otávio Maia e Tino Freitas, trazem humor e afeto. Os textos tentam despertar a afetividade no leitor e reforçar a relação de equilíbrio entre a fauna e o meio ambiente.

O livro também traz explicações, curiosidades e citações de autores como Guimarães Rosa, Helmunt Sick, Manoel de Barros e Orlando e Cláudio Villas Bôas. Na página 9, há também um desenho feito por um dos filhos do naturalista britânico Charles Darwin no verso de uma das folhas do manuscrito original de A Origem das Espécies, de 1859, livro que apresenta a teoria da evolução.

Maia, que é analista de Ciência e Tecnologia do Ibict e conteudista do Canal Ciência, explica que a ideia de um livro sobre as espécies ameaçadas surgiu em 2012, enquanto selecionava desenhos para outra publicação do Ibict, o Vocabulário Ambiental Infantojuvenil. “Após encantar-me com dezenas de desenhos feitos pelas crianças da Escolinha de Criatividade (Biblioteca Pública) sob a batuta da professora Beatriz Almeida e sua trupe docente liguei para Tino Freitas e disse algo como: precisamos fazer um livro sobre as espécies ameaçadas de extinção. Temos desenhos sensacionais aqui!”

O Livro Vermelho das Crianças não será comercializado, aqueles impressos pelo Ibict serão distribuídos entre os participantes do Concurso de Desenhos Animais em Perigo, de onde as ilustrações do livro foram escolhidas. As instituições interessadas em utilizar ou distribuir, gratuitamente, o livro, deverão solicitar ao Ibict autorização de reprodução da obra original e arcar com os custos de impressão e distribuição.

Segundo Maia, o Canal Ciência pode vir a editar outros livros para o público infantojuvenil, mas abordando outros temas. “Produzir o livro foi tão desafiador e exaustivo quanto escrever ou adequar os textos lúdicos à luz da zoologia, da biologia da conservação e da divulgação científica", disse o analista do Ibict.


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

DA HORA
Diversos 16h44

Nomeado no Ministério dos Transportes, Giroto estaria em cargo vetado por Abin

Giroto ocuparia, na prática, cargo vetado pela Abin em março

O ex-deputado estadual Edson Giroto, que também foi secretário estadual na gestão de André Puccinelli e candidato a prefeitura derrotado nas urnas em 2012 ocuparia cargo vetado pela Abin (Agência Brasileira de Inteligência) no Ministério dos Transportes. A informação é de Leonel Rocha, da Revista Época.

Segundo a nota da coluna “Expresso”, “A manobra do PR para mandar no DNIT”, a jogada será uma forma encontrada pelo mensaleiro condenado e ex-deputado Valdemar da Costa Neto (PR) para abrigar Edson Giroto, que ficou sem mandato, no governo federal.Após três meses da nomeação original, a bancada do PR teria conseguido colocar o ex-deputado no cargo vetado.

No final de fevereiro, surgiu a possibilidade de Giroto ser nomeado secretário executivo, quando até uma lista chegou a ser divulgada pelo Ministério. De acordo com a coluna, a nomeação só não aconteceu porque a Abin vetou o nome.

Isto porque Giroto responde a processo no STF (Supremo Tribunal Federal), a Ação Penal 605, instaurada após investigação da Polícia Federal, a Operação Vintém, de 2007. Giroto, o filho do ex-governador, André Puccinelli Júnior, Edmilson Rosa e Mirched Jafar Júnior, então dono da gráfica Alvorada, que trabalhou para a campanha do governador Puccinelli, são réus da Ação.

Giroto foi nomeado como seu assessor especial em março, função que não necessita de parecer do serviço secreto do governo. Um dia depois, o ex-deputado foi promovido a secretário executivo substituto, função que também não precisa do aval da Abin.

Agora, Giroto ocuparia, na prática, a função de secretário executivo para a qual tinha sido vetado por seu histórico com o STF. Isso porque no último dia 20 de maio, Miguel de Souza foi exonerado do cargo de Secretário de Gestão dos Programas de Transportes do Ministério. No papel, o ex-deputado federal pelo Paraná, Luciano Castro, foi nomeado para substituir Miguel.

No atual cargo, Giroto passou a ser o que inicialmente queriam que fosse, presidente do conselho administrativo do DNIT. Ele decide tudo do órgão que tem mais de mil contratos e um orçamento de R$ 10 bilhões por ano para construção e manutenção de estradas federais. O Jornal Midiamax tentou contato por celular com Giroto, que não atendeu as ligações. 

Polícia apreende mais de 1 tonelada de maconha após perseguição

Uma caminhonete foi apreendida na manhã deste domingo (14) carregada com mais de 1,7 tonelada de maconha. O veículo foi encontrado na BR-060, próximo do distrito de Boqueirão, na região de Jardim.

Droga estava na carroceria de caminhonete - Foto: Divulgação/PM
Droga estava na carroceria de caminhonete Foto: Divulgação/PM

Conforme o site Sidrolândia News, segundo a Polícia Militar, o motorista da caminhonete fugiu depois de desobedecer ordem de parada. Houve perseguição por aproximadamente três quilômetros e um dos pneus da caminhonete acabou estourando.

Diante da situação, o motorista abandonou o veículo e fugiu em um matagal às margens da via. Apesar das buscas, ele não foi encontrado.

A droga e o veículo foram encaminhadas para a delegacia de polícia de Jardim e a droga, ao todo, somou mais de 1.700 mil quilos e 1,3 mil tabletes.


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

CAFE DA MANHÃ
Diversos
PSDB afina discurso da convenção de sábado e traça planos para 2016
Fernando Ortega
Ampliar
Onevan de Matos e Márcio Monteiro conversam sobre futuro
Willams Araújo

Os principais dirigentes do PSDB afinam os discursos visando à convenção que escolherá a executiva e os membros do diretório regional no próximo sábado, durante convenção na Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul. 

O partido também já traça planos em torno da campanha eleitoral do ano que vem, quando serão eleitos novos prefeitos e vereadores em todo o Estado. 

O presidente regional do partido, Márcio Monteiro, e o vice-presidente da Assembleia, Onevan de Matos, se reuniram na última quinta-feira (11) para discutir os últimos detalhes para a convenção do fim de semana, além de ações de Governo e a conjuntura política atual. 

Durante o encontro, Monteiro, que é deputado federal licenciado e secretário de Fazenda do Estado, fez um panorama das principais ações da gestão de Reinaldo Azambuja, o cenário ao qual o Estado foi recebido pelo governador e os programas sociais que estão sendo levados à população, como, por exemplo, a "Caravana da Saúde".

Ele destacou o apoio da Assembléia Legislativa nestes primeiros seis meses de governo e cumprimentou Onevan pela atuação como líder do PSDB no parlamento estadual.

Os líderes políticos conversaram também sobre a convenção, na qual o PSDB deve anunciar a adesão de importantes lideranças estaduais, e abordaram a força e o crescimento do partido no contexto estadual. 

A expectativa da cúpula tucana é que o ato político lote as galerias da Assembleia, onde várias lideranças regionais e municipais, além de militantes, prestigiem a convenção, marcada para ser aberta às 8 horas.  

Durante o evento, o partido deve anunciar a adesão dos prefeitos de Figueirão, Rogério Rosalin, ex-PR; Cacildo Pereira (Santa Rita do Pardo) e Yuri Valeis (Sonora), eleitos pelo PRP e pelo PR.  

Os novos prefeitos vão se juntar aos colegas tucanos Silas José da Silva (Água Clara), Luiz Antonio Milhorança (Angélica), Pedro Caravina (Bataguassu), Alberto Luiz Sãoverso (Batayporã), Júnior Vasconcelos (Fátima do Sul), Roberto Arcoverde (Iguatemi), Ricardo Favaro Neto (Itaquiraí), Juvenal Neto (Nova Alvorada do Sul), José Domingues Ramos, o Zé Cabelo (Ribas do Rio Pardo), Ari Basso (Sidrolândia) e Roberto Almeida (Taquarussu).

Com as novas adesões a serem anunciadas no próximo sábado o PSDB passará a contar com 14 prefeitos em Mato Grosso do Sul. 

Na reunião com Monteiro, Onevan destacou o momento que o partido atravessa, sendo governo em âmbito local e oposição no cenário nacional, o que, segundo o deputado, o credencia a propor ações e projetos que fortaleçam Mato Grosso do Sul e o Brasil.

"O PSDB governa o Estado e é o principal partido de oposição nacional. O partido tem se colocado à frente dos debates que estão na pauta, como a reforma política e a discussão de propostas referentes à redução da maioridade penal", atestou Onevan, que um dos principais expoentes tucanos em Mato Grosso do Sul. 

Os principais dirigentes da legenda se articulam para vencer as eleições em cidades estratégicas, incluindo a Capital, Dourados, Corumbá, Três Lagoas e Ponta Porã, além de conquistar novas prefeituras. 

Brincadeira de “soquinho” entre casal, regada a bebida, termina em morte

Antonio Marques e Luana Rodrigues

 

 

 

 

 

 

Crime ocorreu por volta das 15h deste domingo (Foto: Fernando Antunes)Crime ocorreu por volta das 15h deste domingo (Foto: Fernando Antunes)
O delegado Camilo Kettenhuber revelou que a vítima teria pelo menos 10 passagens por estelionato (Foto: Fernando Antunes)O delegado Camilo Kettenhuber revelou que a vítima teria pelo menos 10 passagens por estelionato (Foto: Fernando Antunes)

A causa do homicídio ocorrido na tarde de hoje, no Jardim Morenão, na região Sul da Capital, teria sido uma brincadeira entre o casal, que começou com “soquinhos” no marido. Para revidar, ele deu um empurrão mais forte na esposa. Neste momento, Ismael da Silva Dauzaker, 22 anos, tentou defender a mulher, levou um tapa na cara e revidou com quatro tiros contra o amigo Eduardo Afonso Sampaio Andrade, que morreu na hora.


De acordo com o delegado da Depac Piratininga, Camilo Kettenhuber, a mulher e a filha (17 anos) teriam relatado, durante o caminho até a delegacia, que o marido estava há um ano sem tomar bebida alcoólica, mas na semana passada, por conta do aniversário, ele voltou a beber. E hoje, durante o churrasco em casa, ele e o autor do crime estavam tomando cerveja desde às 10h30.

Ainda conforme o relato da esposa da vítima, após ter levado o tapa no rosto, Ismael entrou na residência. Ela pediu ao marido para irem para o quarto e, assim, acabar com a briga. No entanto, ao entrarem na sala já encontraram o autor com a arma na mão apontada para Eduardo Sampaio, que levantou o braço na tentativa de se defender.

O primeiro tiro acertou o antebraço, o segundo no tórax. Como a vítima caiu na sala, Ismael atirou mais duas vezes na cabeça. A mulher chamou o Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência), mas ao chegarem ao local os socorristas já confirmaram o óbito.

Na delegacia a mulher e filha contaram que o autor estava com a arma há cerca de três semanas, quando ao presenciar a mãe ser assaltada no Bairro Moreninhas, bateu no ladrão e foi jurado de morte, uma vez que, segundo elas, o rapaz faria parte de uma associação criminosa.

Conforme o delegado, a vítima e o autor eram "amigos" e já haviam sido presos em 2012 por crime de estelionato e cumpriram pena na mesma cela. Ismael da Silva já teria passagem na polícia em 2010 por tráfico de drogas. Camilo Kettenhuber revelou que a vítima teria pelo menos 10 passagens por estelionato, como cheque sem fundo.

Ismael da Silva Dauzaker, de acordo com o delegado, vai ser autuado por homicídio qualificado, por motivo fútil e por impossibilitar a defesa da vítima, além de porte ilegal de arma. Se condenado, ele deve pegar de 12 a 30 anos de prisão em regime fechado.

 

Senado terá semana com discussão do pacto federativo

A semana que se inicia deverá ser marcada no Senado pela retomada das discussões sobre o pacto federativo. A comissão especial criada na Casa para discutir a reforma das relações entre os entes federados deverá se reunir na próxima quarta-feira (17) para estabelecer os projetos que estão prontos para serem apreciados pelo plenário e sobre os quais pode haver consenso, inclusive com o governo por não terem impacto financeiro.

14senado

Os membros da comissão também deverão aproveitar para analisar quais projetos deverão receber substitutivos e quais são as novas proposições sobre o pacto federativo que deverão ser apresentadas. A comissão é presidida pelo senador Walter Pinheiro (PT-BA) e tem como relator-geral o senador Fernando Bezerra (PSB-PE), conta membros que representam outras regiões do país – a senadora Ana Amélia (PP-RS), a senadora Simone Tebet (PMDB-MS) e o senador Antônio Anastasia (PSDB-MG).

No mesmo dia em que a comissão especial se reunirá, o presidente do Senado deverá receber prefeitos de todo o país para discutir o pacto federativo. O encontro deverá reunir também os parlamentares para tratar de desenvolvimento regional e dos problemas financeiros que vem sendo enfrentados pelas prefeituras.

Na terça-feira, a comissão especial mista que analisa a Medida Provisória 673, que dispensa de licenciamento e de emplacamento os tratores usados em atividade rural, deverá analisar o relatório do deputado José Carlos Aleluia (DEM-BA). Ainda na terça-feira, os senadores deverão se juntar aos deputados em sessão do Congresso Nacional para a apreciação de cinco vetos presidenciais a projetos diversos como o do Código de Processo Civil e o que tratou da fusão de partidos políticos.

Na pauta do plenário do Senado, a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que estabelece que a segurança pública passa a ser de competência comum da União, estados e municípios entra na última sessão de discussão para votação em primeiro turno e poderá ser apreciada pelos senadores.

A decisão sobre a votação nesta terça ou quarta-feira, assim como a inclusão de outros projetos de interesse dos senadores na pauta deverá acontecer após reunião do presidente da Casa, Renan Calheiros (PMDB-AL), com os líderes partidários.

Na Comissão Parlamentar de Inquérito do Carf, três pessoas deverão ser conduzidas coercitivamente para depor na próxima quinta-feira (18). Paulo Roberto Cortez, Leonardo Manzan e Nelson Mallmann não compareceram espontaneamente à CPI na última semana e agora serão conduzidos pela Polícia Federal para prestar os esclarecimentos. A comissão apura um esquema de corrupção no conselho que pode ter resultado em um prejuízo de R$ 19 bilhões aos cofres públicos.


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

BRASILEIRO
Diversos
Grêmio vence Atlético-PR em casa e deixa São Paulo na liderança
 
Teve fim neste domingo a série de vitórias do Atlético-PR no Campeonato Brasileiro. Em um jogo muito aberto na Arena do Grêmio, o Tricolor Gaúcho teve a intensidade pedida pelo técnico Roger Machado e ganhou pela terceira vez seguida dentro de casa. Com gols de Giuliano e Rhodolfo, o Grêmio chegou a uma boa vitória por 2 a 1. Hernani descontou para o rubro-negro de Curitiba.

O Furacão começou bem nos primeiros minutos, mas logo o Grêmio adiantou sua marcação e passou a controlar o jogo, indo para o intervalo com uma merecida vantagem de 1 a 0. Na etapa final, o Atlético-PR empatou cedo e o jogo ficou aberto, mas a maior contundência tricolor prevaleceu, e o capitão Rhodolfo marcou o gol da vitória.

Com o resultado positivo, o Grêmio sobe para o 8º lugar, com 11 pontos, e o Atlético-PR mantém a vice-liderança, com 15 pontos. O Tricolor volta a jogar sábado, novamente em casa, diante do Palmeiras. Já o Furacão faz o clássico Atletiba na Arena da Baixada, no domingo.

Com dois jogadores a menos, Flu não segura o Palmeiras e perde, de virada, por 2 a 1

Palmeiras bateu o Fluminense
Palmeiras bateu o Fluminense Foto: Michel Filho / O Globo
São Paulo - Com duas expulsões, o Fluminense não conseguiu segurar o Palmeiras e perdeu, de virada, por 2 a 1, neste domingo, na Arena Palmeiras. O tricolor perdeu a chance de entrar no G-4, permaneceu com 11 pontos, e caiu para oitavo lugar. Os paulistas deixaram a zona de rebaixamento e estão em 12º. A equipe carioca só volta a campo no dia 24, contra a Ponte Preta, no Maracanã.

— Demos recuada e não conseguimos segurar a bola. é difícil jogar com jogadores a menos. Mas a equipe se empenhou e lutou — afirmou Pierre, que jogou na vaga de Wagner, suspenso.

Com os resultados da rodada, a vitória levaria o tricolor ao G-4. Mas como frisou o técnico Enderson Moreira, o tricolor não iria atrás da colocação entre os primeiros a qualquer custo. Foi o que o time fez no primeiro tempo. Deixou o Palmeiras tomar a atitude inicial da partida, como aos oito minutos. Gabriel recebeu de letra de Zé Roberto e Gabriel disparou rasteiro. Cavalieri se esticou e espalmou.

Aos poucos, o tricolor viu que o adversário estava deixando espaços. E aproveitou. Pierre postado na frente da zaga e os laterais mais concentrados na defesa deram liberdade ao meio-campo. Sobretudo a Jean e Edson. O primeiro fez bem esse papel aos 16. Magno Alves avançou pela esquerda, teve a chance de finalizar, mas preferiu rolar a bola para Vinícius. Ele e Gérson ficaram indecisos e não foram na bola, que sobrou para Jean desferiu um chute sem defesa: 1 a 0.

O substituto de Fred mostrou a mobilidade e habilidade esperadas, e, logo depois, chutou cruzado. Desta vez, Prass defendeu. O Palmeiras teve alguns lampejos em meio a um jogo desorganizado. Aos 29, após falha da zaga tricolor na área, Dudu ficou a bola, que após um desvio, quase enganou Cavalieri. O goleiro voltou a tempo e salvou com um tapa. No rebote, Zé Roberto não conseguiu chutar e Cleiton Xavier fura.

O tricolor também desperdiçou outra chance de gol. Aos 42, Vinícius tabelou com Magno Alves, que rolou para o companheiro na área. O meia furou feio.

As chances perdidas fariam falta. Já nos acréscimos do primeiro tempo, o Palmeiras alcançou o empate na bola parada. O escanteio foi quebrado, Rafael Marques subiu na primeira trave, com marcação falha de Magno Alves, e desviou para o gol: 1 a 1.

— Eles acharam o gol na bola parada, tínhamos que estar ligados até o apito do juiz — disse o meia Vinícius.

Na volta do intervalo, o jogo ficou ainda mais aberto. Alecsandro, que estava recentemente no Flamengo, entrou no lugar de Zé Roberto. Logo de cara, já mostrou presença de área. Lucas cobrou lateral e ele cabeceou entre os zagueiros. Aos dois minutos, Victor Hugo cabeceou no travessão.

Jogo aberto e com mais erros. Aos cinco, Gum se atrapalhou e recuou a bola com Cavalieri fora do gol. Por sorte, foi para fora. Logo depois, uma sequência de chutões e bate e rebate na área tricolor. Dudu finalizou, mas Giovanni tirou perto da linha.

A pressão do Palmeiras continuou com Alecsandro, na área, chute de Rafael Marques, de longe. E só aumentou após a expulsão de Magno Alves, aos 15. O atacante deu duas entradas duras em Gabriel e recebeu o vermelho.

Porém, com três volantes em campo, o tricolor parecia que iria segurar o empate. Apesar do sufoco, as bolas dos atacantes do Palmeiras ou foram para fora ou pararam nas mãos de Cavalieri. Até que Gum foi expulso por colocar a mão na bola, fora da área, aos 45. Egídio cobrou falta, o goleiro espalmou e Cristaldo ficou com o rebote. A cabeçada foi na trave e voltou para o atacante virar a partida.




 

Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

COPA AMÉRICA
Diversos
Brasil marca nos acréscimos e bate Peru no sufoco em estreia
Terra
AFP
Ampliar
Brasil levou 1 a 0 com 2 minutos, mas empatou logo na sequência com Neymar
AFP
Ampliar
Brasil e Peru fizeram partida movimentadíssima em Temuco
AFP
Ampliar
Modelo peruana Nissú Cauti é a musa do Peru na Copa América
A estrela de Dunga é gigantesca. Foi de um jogador colocado por ele em campo no segundo tempo que saiu o gol da dramática vitória da Seleção Brasileira neste domingo, diante do Peru, no Estádio Municipal Germán Becker, em Temuco, no Chile. Depois de levar “gol-relâmpago” após erro bizarro de David Luiz com Jefferson logo no início e de empatar na sequência com Neymar, o Brasil precisou jogar mais 86 minutos até conquistar no sufoco um triunfo por 2 a 1. Coube a Douglas Costa, que substituiu Diego Tardelli no segundo tempo, anotar o gol salvador do Brasil aos 46min do segundo tempo.

Brasil e Peru entraram em campo dispostos a protagonizar um jogo alucinante, neste domingo, em Temuco. Logo aos 4min, o placar já apontava um gol para cada lado. O time comandado por Ricardo Gareca abriu o placar com Cueva após pixotada de Jefferson, e a Seleção verde e amarela empatou logo na sequência com Neymar, de cabeça, após lindo cruzamento de Daniel Alves.

Disputado em um gramado perfeito e que estava molhado por causa da chuva, o confronto apresentou velocidade absurda até os 20min. Brasil e Peru trocavam ataques sem cerimônias, e Neymar só não virou a partida porque Zambrado salvou de maneira incrível em cima da linha. Do outro lado, Guerrero era o mais ativo e infernizava David Luiz e Miranda com movimentação constante. O ritmo só caiu nos 15 minutos finais.

O segundo tempo não teve início avassalador, como o primeiro. E também não foi tão bom para o Brasil. Sentindo falta de Philippe Coutinho, que, lesionado, foi substituído por Fred no time titular, os comandados por Dunga pouco conseguiram criar depois do intervalo. Só a individualidade de Neymar parecia capaz de assustar os peruanos - como aconteceu aos 7min, quando ele acertou o travessão de Gallese.

A seleção do Peru conseguiu fazer jogo equilibrado com os pentacampeões mundiais. Porém, novamente Neymar apareceu, desta vez aos 46min, e serviu Douglas Costa. O atacante balançou as redes e salvou a Seleção Brasileira de um tropeço logo na estreia da Copa América.

Com o resultado, o Brasil somou os seus três primeiros ponto e, agora, ocupa a liderança do Grupo C da Copa América. No outro jogo do grupo, a Venezuela surpreendeu e venceu a Colômbia por 1 a 0 , tornando-se a vice-líder da chave pelo número de gols marcados. A Seleção Brasileira volta a campo na próxima quarta-feira, às 21h (de Brasília), diante da Colômbia. Já o Peru desafia os venezuelanos um dia depois, às 20h30.

O fantasma do 7 a 1 passeou por Temuco...

Pode passar o tempo que for: o 7 a 1 decretado pela Alemanha ao Brasil na semifinal da última Copa do Mundo seguirá mais do que viva na memória da geração que acompanhou este jogo histórico. Neste domingo, por exemplo, a seleção peruana abriu o placar logo aos 2min do primeiro tempo, com Cueva, e a velocidade com que o gol foi aberto já fez muitos torcedores preverem um novo massacre histórico à Seleção verde e amarela. Neymar empatou o confronto dois minutos depois, mas este tempo já foi suficiente para dar um “medinho” nos brasileiros.

Colômbia decepciona na estreia na Copa América e perde para a Venezuela por 1 a 0

Jose Rondon
Jose Rondon Foto: Ricardo Mazalan / AP
Uma das melhores seleções da última Copa do Mundo, a Colômbia estreou neste domingo na Copa América cercada de muita expectativa. O time manteve a base do último Mundial, com nomes como James Rodríguez e Cuadrado, e ainda recebeu reforço de Falcao García, que não jogou a Copa porque estava se recuperando de uma lesão joelho esquerdo. Mas dentro de campo, o time de José Pekerman decepcionou a sua torcida. Com um gol de Arango, a Venezuela venceu a Colômbia por 1 a 0 no estádio El Teniente, em Rancagua.

Com isso, os colombianos se complicaram numa chave que ainda conta com Brasil e Peru. E será a seleção brasileira a próxima adversária do time de Pekerman. O jogo será na quarta-feira, às 21h (de Brasília), em Santiago. Já a Venezuela jogará no mesmo dia contra o Peru, em Valparaíso.

Além de decisivo para os colombianos, o jogo contra a seleção marcará o reencontro de Neymar com Zúñiga. Durante as quartas de final da Copa, o lateral deu uma entrada violenta nas costas do atacante brasileiro. No lance, Neymar quebrou uma vértebra e ficou de fora do restante do Mundial. O Brasil venceria o jogo por 2 a 1 para depois ser eliminado pela Alemanha ao perder por 7 a 1 nas semifinais.

Oswaldo Vizcarrondo, Radamel Falcao Garcia, Jackson Martinez,

Oswaldo Vizcarrondo, Radamel Falcao Garcia, Jackson Martinez, Foto: Luis Hidalgo / AP

Já os venezuelanos comemoram um feito. Antigo saco de pancadas do futebol sul-americano, o time conseguiu a quinta vitória de sua história na Copa América. O time passou 40 anos sem vencer um único jogo do torneio entre 1967 e 2007, mas agora tem quatro triunfos nas últimas três edições da competição (2007, 2011 e 2015).

O gol da vitória foi marcado aos 14 minutos do segundo tempo. Arango recebeu a bola na área e cruzou para Vargas. Este ajeitou de cabeça para Rondón, também de cabeça, vencer o goleiro Ospina.

Depois do gol, a Colômbia pressionou. Teve uma chance de empatar com James Rodríguez e Cardona, mas a Venezuela soube se defender bem e garantir a vitória até o fim.

Venezuela comemora o gol




Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

NOTICIAS DA TARDE
Diversos 09h29

Latinos de Dourados, Amambai e Ponta Porã avançam na Copa Morena

Começou na última sexta-feira, dia 12 de junho, a segunda fase da Copa Morena de Futsal e quatro times já estão garantidos nas oitavas de final. Um deles é o Latinos, de Dourados, que sediou uma das fases e precisava vencer Barayporã para seguir sonhando com o título inédito e conseguiu por incontestáveis 4 a 1. Estão na próxima fase também o CAA/Santa Rosa de Amambaí, Sport 10 de Ponta Porã e o Construmark de Campo Grande. Os classificados se enfrentam no dia 26 de junho em sede a ser definida pela organização.

A fase em Dourados começou com a vitória do Sport 10 sobre Dois Irmãos do Buriti por 1 a 0, gol de Ronaldo Centurion, e a classificação do time da Fronteira. O time agora enfrenta o CAA/Santa Rosa que ficou no 2 a 2 com Brasilândia, em Amambaí. Melhor na primeira fase, o time da casa jogava pelo empate e marcou dois gols com Gabriel e Valter Vilhalva, mas sofreu a igualdade com gols de Gilvan. Com o ginásio lotado, o CAA contou com o apoio do torcedor para segurar o resultado até o fim e seguir no campeonato.

Latino enfrentou o Batayporã com a obrigação de reverter a vantagem do adversário que jogava pelo empate e, já no primeiro tempo, conseguiu vantagem ao marcar com Renatinho. O time douradense continuou melhor na etapa final e marcou o segundo gol logo no primeiro ataque, mais uma vez com Renatinho. Depois, abriu 4 a 0 com dois gols de Lexandre e até viu o adversário marcar o gol de honra no final, mas a classificação estava garantida. O time douradense agora enfrenta a forte equipe da Construmark que se classificou ao vencer Bodoquena por 5 a 3, com gols de Alex Pinheiro, dois de Hércules e dois de Alessandro, com Jederson, Geovane e Murilo descontando para o adversário

Celebridades invadem o Miss Bumbum 2015 em busca da coroa

Elas querem o primeiro lugar numa das principais paixões do brasileiro: o bumbum. Este ano, celebridades como Dani Sperle, Sabrina Boing Boing e Suzy Cortez (a sósia da Daniela Cicareli) estarão competindo no Miss Bumbum 2015. Com o evento mais estrelado do que nunca, as musas querem usar a vantagem da fama para chegar ao topo.

Dani é uma das mais conhecidas. Dona de 101cm de quadril, a namorada do apresentador João Kleber tem a responsabilidade de representar as cariocas, famosas por seus belos bumbuns. Para ela, isso não será um problema.

ADVERTISEMENT

Foto: Dani Sperle quer garantir o título de bumbum mais bonito do Brasil

— O rio é um celeiro de mulheres bonitas, corpos esculturais, e eu graças a Deus tenho uma genética perfeita — soltou a musa.

Dani também garantiu que o namorado não criou problemas com sua participação no concurso, mas rola ciúmes:

— Eu disse para ele que todos olham, mas só ele tem.

Já Sabrina Boing Boing, apesar de ser mais conhecida pelos seios turbinados, quer mostrar que também dá goleada lá atrás.

Foto: Sabrina Boing Boing quer mostrar que não só seus seios que merecem atenção

— Eu sempre serei conhecida pelos seios. Foram nove anos só dedicados a eles. Mas quero provar que também posso ter um bumbum bonito. E isso abre portas — explicou Boing Boing, no alto dos seus 110cm de quadril.

Por outro lado, Suzy Cortez, que gastou R$ 55 mil em 14 cirurgias para deixar os lábios iguais ao da Cicareli, garantiu que seus 105cm de bumbum não sofreram alterações médicas:

Foto: Suzy Cortez, a sósia da Daniela Cicareli, entra forte na disputa

— Nunca fiz nem farei cirurgia no meu bumbum. Ele se mantém em forma só com treinos e dieta. E se eu ganhar essa competição, vou colocá-lo no seguro.




Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

UFC
Diversos

Werdum finaliza Velasquez e conquista 3º cinturão para o Brasil

Um especialista em chocar o mundo do MMA. Assim pode ser definido Fabrício Werdum. O homem que há quatro anos fez história ao quebrar a série invicta do lendário Fedor Emelianenko, desta vez marcou seu nome no rol dos campeões lineares do maior evento do planeta, finalizou Cain Velasquez e unificou os títulos dos pesos pesados do UFC.

F. Werdum é o novo campeão linear dos pesos pesado - Foto: Josh Hedges/UFC
F. Werdum é o novo campeão linear dos pesos pesado Foto: Josh Hedges/UFC

Apesar de ser fluente em espanhol, comentarista oficial do Ultimate para o público latino e ter provocado bastante Velasquez sobre a proximidade do norte-americano com suas raízes mexicanas, Werdum parece não ter feito o suficiente para convencer o público local, que torcer por Cain e vaiou bastante o brasileiro durante toda a luta.

A vitória de Werdum, no entanto, calou os mais de 20 mil torcedores presente à Arena Ciudad de Mexico, onde ecoavam os gritos de comemoração da equipe do lutador brasileiro.

Com o triunfo de Werdum, o Brasil agora tem três campeões no Ultimate – além de “Vai Cavalo”, também são detentores de cinturão Rafael dos Anjos e José Aldo.

A LUTA
Antes do primeiro minuto de luta, Fabrício Werdum já havia sofrido um knockdown, mas CainVelasquez não quis aceitar o jogo no chão. Pelo contrário, o norte-americano ascendência mexicana buscou rapidamente a grade para impor seu jogo de pressão e intensidade. No fim da parcial, o brasileiro conseguiu acertar um golpe de encontro, que abriu um corte no rosto deVelasquez.

No segundo assalto, Werdum se mostrou um pouco mais cansado e teve sua movimentação minada pelos chutes de Velasquez. Apesar disso, o brasileiro conseguiu alguns bons golpes de encontro por cima e também ameaçou o campeão linear. Na metade do assalto, Cain sentiu uma joelhada do brasileiro, que viveu um bom momento e chegou a dar a impressão que cederia aos golpes do gaúcho. No minuto final, o momento foi todo de Fabrício, que conectou boas joelhadas e golpes diretos para garantir a parcial.

Instruído por seus técnicos, Velasquez tentou a queda logo no início do terceiro round, mas Werdum conseguiu a reversão e se livrou da investida. Usando e abusando do clinch do muay thay, o brasileiro atingiu Cain e o deixou completamente desnorteado. Bastante cansado, o norte-americano tentou uma queda desesperadamente e deixou o pescoço para que o brasileiro, multicampeão no jiu-jitsu pegasse uma guilhotina justa.

Com a posição encaixada, era possível ver Werdum sorrindo antes da intervenção do árbitro Herb Dean, pois sabia que o título dos pesados estava em suas mãos.

Após o duelo, ainda no octógono, Werdum comemorou, agradeceu e pregou respeito a seu adversário. “Eu quero agradecer a todo. Todos vamos respeitar o Cain Velasquez e eu queria agradecer ao meu país, o Brasil, minha equipe e minha família. Foi uma luta duríssima e com certeza teremos uma revanche”, declarou, ao comentarista Joe Rogan.

Eddie Alvarez x Gilbert Melendez era um dos combates mais aguardados do UFC 188, pois reunia dois ex-campeão do Bellator e Strikeforce – e, portanto, os melhores pesos leves fora do octógono há alguns anos. Porém, apesar da expectativa, o duelo não teve tanta ação quanto se suponha, mas ainda assim foi bastante movimentado e Alvarez levou a melhor, em decisão apertada.

Após um início de muito estudo, Melendez acabou acertado Alvarez com uma cotovelada duríssima de encontro enquanto o rival tentava um uppercut. O golpe acabou abrindo um corte na região do olho esquerdo de Eddie, que passou a ter dificuldade para enxergar daí em diante. Até o fim da primeira parcial, o ex-campeão do Strikeforce soube capitalizar bem sobre a vantagem adquirida e controlou o rival na trocação, especialmente com seus jabs certeiros.

No segundo round, a dificuldade para enxergar de Alvarez se acentuou e o atleta da Blackzilians apostou nas tentativas de quedas para minimizar os danos na região do olho. Após quase cinco minutos tentando, o ex-campeão do Bellator finalmente conseguiu levar o rival para o chão na reta final do assalto, o que, juntamente com uma cotovelada no segundo final, acabou lhe garantindo a vantagem.

No último e decisivo round, Melendez apresentou sinais de cansaço e o combate transcorreu de forma bastante equilibrada nos cinco minutos finais. Sem conseguir se desvencilhar do jogo de Alvarez na grade, Melendez acabou cedendo à pressão do rival. Nos últimos segundos, Eddie ainda conectou um golpe rodado que abriu um corte profundo, que sangrou de forma abundante, para levar a melhor também na terceira parcial.

Ao fim dos 15 minutos sem a intensidade que se imaginava, Eddie Alvarez foi declarado vencedor na decisão dos juízes em decisão dividida dos jurados.

CAMPEÃO DO TUF 17 VOLTA A VENCER APÓS PROBLEMAS COM PESO

De volta aos pesos médios após sofrer sua primeira derrota profissional e perder o peso por quase cinco quilos, Kelvin Gastelum fez questão de impressionar em sua volta ao octógono e atropelou o ex-campeão do Strikeforce Nate Marquardt. Após uma verdadeira surra aplicada no rival, Gastelum viu os córners de Marquardt jogarem a toalha no intervalo do segundo para o terceiro assalto.

Após o triunfo, o campeão do TUF 17 disse que seu plano era mesmo deixar um recado para os dirigentes do Ultimate e tentar, quem sabe, justificar sua volta aos pesos meio-médios. “Esse é meu plano, mas eu ainda não sei. Eu tenho que sentar e conversar com o Joe Silva e o Dana White e ver o que vamos fazer”, garantiu.

CARD PRINCIPAL

Fabrício Werdum finalizou Cain Velasquez com uma guilhotina aos 2m13s R3;

Eddie Alvarez venceu Gilbert Melendez por decisão dividida dos juízes (29×28, 28×29 e 29×28);

Kevin Gastelum venceu Nate Marquardt por TKO (desistência) no intervalo do R2 para o R3;

Yair Rodriguez venceu Charles Rosa por decisão dividida dos juízes (29×28, 28×29 e 29×28);

Tecia Torres venceu Angela Hill em decisão unânime dos juízes (30×27, 30×27 e 29×28);

CARD PRELIMINAR

Henry Cejudo venceu Chico Camus por decisão unânime dos juízes (30×27, 30×27 e 30×27);

Efrain Escudero finalizou Drew Dober com uma guilhotina aos 54 segundos do R1;

Patrick Williams finalizou Alejandro Perez com uma guilhotina aos 23 segundos do R1;

Johnny Case venceu Francisco Trevino por decisão unânime dos juízes (30×27, 30×27 e 30×27);

Cathal Pendred venceu Augusto Montaño por decisão unânime dos juízes (29×28, 29×28 e 29×28);

Gabriel Benitez venceu Clay Collard por decisão unânime dos juízes (30×27, 30×27 e 30×27).

Marcadores: Cain Velasquez, Fabricio Werdum, UFC 188


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

DIVERSOS
Diversos
Polícia prende três traficantes de droga em Amambai
Divulgação
Ampliar
Cada um receberia R$ 1 mil pelo transporte até Selvíria
Tânia Fernandes da Costa, 28 anos, Beatriz Tibúrcio da Silva, 23 anos, e Elton Gomes Trindade, travesti Paola, de 25 anos, foram presos com 42 quilos de maconha em bagagens. Todos eram passageiros de um ônibus intermunicipal, quando foram abordados por investigadores da Defron (Delegacia Especializada de Repreensão aos Crimes de Fronteira), em Amambai (MS).

Durante vistoria no ônibus, que saiu de Coronel Sapucaia (MS), policiais encontraram no bagageiro duas malas e uma mochila com maconha.

Os donos das bagagens foram identificados e confessaram que foram contratados por telefone para levar a droga até Selvíria (MS), onde moram Beatriz e Elton. Cada um receberia R$ 1 mil pelo transporte.

Os três foram indicados por tráfico de drogas, associação para o tráfico e encaminhados para o presídio de Amambai. 
Três pessoas morrem em acidente na MS-134 em Nova Andradina
 
 
Ampliar
Vítimas morreram na hora, segundo a Polícia Militar
Da redação 

Um grave acidente ocorrido na madrugada deste domingo, na MS-134, município de Nova Andradina, matou 
três pessoas, sendo duas de uma mesma família. 

De acordo com a Polícia Militar, um homem de 40 anos, a filha de 14 anos e um amigo da família, de 56 anos, estavam em uma picape que foi atingida por um ônibus.

O acidente aconteceu por volta das 4h30 (de MS). A PM relatou ao G1 que as vítimas seguiam para um assentamento rural no distrito de Casa Verde quando o motorista do automóvel, o homem de 56 anos, precisou fazer um retorno na rodovia. Testemunhas relataram à polícia que, durante a manobra, o ônibus bateu na lateral do carro e o arrastou.

Os ocupantes da picape morreram na hora. Segundo a corporação, o condutor da picape foi imprudente ao fazer o retorno em uma rodovia.

Policiais informaram que nenhum dos passageiros do ônibus ficou ferido. Uma equipe da PMR (Polícia Militar Rodoviária) esteve no local para auxiliar no trânsito, que ficou lento.
 
Dunga faz mistério para a estreia da seleção brasileira na Copa América
O Dia
Terra
Ampliar
Dunga comanda o Brasil na estreia contra o Peru
Invicta e com 100% de aproveitamento desde que o técnico Dunga voltou ao comando - após o vexame da equipe de Felipão no Mundial. É assim, cheia de moral, que a Seleção estreia na Copa América, neste domingo, às 18h30 (de Brasília), contra o Peru, no gélido Estádio Germán Becker, em Temuco - o frio de cinco graus impera nesta região próxima à Patagônia. A meta, além de começar com o pé direito a luta por outro título continental, é continuar imbatível.

Mas, apesar da boa fase, Dunga adotou a tática do mistério para o duelo pelo Grupo C, que ainda tem Colômbia e Venezuela. Mesmo confiante, ele preferiu não revelar a escalação após o treino deste sábado, em Temuco. Muito em razão da situação de Philippe Coutinho, com edema na coxa.

“Final de temporada sempre vai acontecer um detalhe, um imprevisto. Algumas são lesões, outras são contusões leves e temos de controlar isso durante a competição”, despistou Dunga, que deve poupar Coutinho e manter Fred no meio-campo ao lado de Fernandinho, Elias e Willian.

Indagado sobre o motivo de tanto mistério (também não se sabe quem será o lateral-direito - Fabinho ou Daniel Alves - e o segundo atacante - Firmino e Diego Tardelli brigam
 
16h23

Homem é morto com quatro tiros na cabeça por namorado de enteada

Equipes buscam por suspeito pelo crime  (Foto: Bruno Henrique/Correio do Estado)
Equipes buscam por suspeito pelo crime (Foto: Bruno Henrique/Correio do Estado)

Um homem identificado como Eduardo Alfonso Sampaio de Andrade, que ainda não teve a idade divulgada, morreu na tarde deste domingo (14) depois de ser baleado na cabeça com quatro tiros. O suspeito pelos disparos é o namorado da enteada do homem e o caso aconteceu no Jardim Morenão, na Capital.

As informações iniciais davam conta de que a vítima tratava-se de uma mulher, no entanto, a informação confirmada pela Polícia Militar é de que se trata de um homem.

De acordo com o apurado preliminarmente pela Polícia Militar, houve desentendimento entre a vítima e o namorado da enteada por volta das 15 horas de hoje.

O rapaz teria sacado uma arma e atirado pelo menos quatro vezes contra Eduardo, os tiros atingiram a cabeça da vítima, que não resistiu aos ferimentos e morreu no local.

Equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi ao local, mas apesar das tentativas, vítima morreu. Equipes da Polícia Militar fazem buscas na região para encontrar o suspeito.


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

CAFE DA MANHÃ
Diversos

 

Acordo entre governo do Estado e sindicato impede greve da Polícia Civil
Em Assembleia realizada na manhã de sábado (13), os policiais civis decidiram não realizar greve após o governo estadual se comprometer em atender boa parte de suas reivindicações. 

Dentre elas pode-se destacar a melhoria na Lei Orgânica da Polícia Civil como aposentadoria e os critérios para promoção.

Para isso, foi criada uma comissão composta por diretores do Sinpol-MS e filiados que se comprometeram a elaborar, juntamente com a administração estadual, a forma e o modelo a serem adotados. 

A expectativa é que as alterações já comecem a vigorar no ano de 2016.

O presidente do Sinpol-MS, Alexandre Barbosa, lembra que desde março o sindicato estava em negociação e que graças a mobilização da classe o bom resultado foi alcançado. 

“A categoria está dando um crédito de confiança ao governador Reinaldo Azambuja de que ele quer valorizar os policiais civis e por isso decidiram não realizar a greve”, afirmou Barbosa.

Outra reivindicação atendida foi a de aumentar o efetivo da Polícia Civil com a convocação de cerca de 170 remanescentes do último concurso. “Com mais efetivo a população será a maior beneficiada, pois terá mais segurança em seus lares”, concluiu Barbosa. 
 
 
Alegando traição, ex-prefeito Nelsinho Trad deixa o PMDB
Divulgação
Ampliar
Reunião do PMDB no começo do mês
Divulgação
Ampliar
Nelsinho e Fábio já sairam; Marquinhos Trad pensa o mesmo

Willams Araújo

O ex-prefeito de Campo Grande, Nelsinho Trad, deixou os quadros do PMDB alegando traição de alguns correligionários e após troca de farpas com o ex-governador André Puccinelli, principal liderança do partido em Mato Grosso do Sul. 

A derrota frustrante na campanha para o governo do Estado no ano passado teria sido o fator principal da desfiliação de Nelsinho, que alegou falta de empenho dos ex-companheiros de partido durante o pleito.

Nelsinho sai do partido depois de 24 anos de convivência com André Puccinelli, com quem sequer conversou antes de tomar sua decisão. Os dois usaram a imprensa para mandar recado e estocadas.

Ele não se conforma pelo fato de André Puccinelli não ter se dedicado a sua candidatura, preferindo pedir votos para o senador Delcídio do Amaral (PT) e para a presidente Dilma Rousseff.

Outro que também apoiou Delcídio foi o ex-presidente da Assembleia Legislativa, Jerson Domingos, hoje conselheiro do TCE-MS (Tribunal de Contas do Estado).

Apesar da desfiliação, Nelsinho disse em entrevista ao site Campo Grande News, que só definirá seu destino após a votação da proposta de reforma política em discussão no Congresso Nacional.

Antes de anunciar seu desligamento do PMDB, pelo qual foi prefeito da Capital por dois mandatos consecutivos, Nelsinho foi aconselhado publicamente pelo seu irmão e ex-deputado federal Fábio Trad a tomar uma atitude.

Fábio Trad, que foi o primeiro a sair do partido alegando falta de empenho dos correligionários em sua campanha à reeleição, usou as redes sociais para pedir que Nelsinho deixasse de ser humilhado e tomasse um rumo em sua vida política.

Além de Fábio e Nelsinho, o deputado estadual Marquinhos Trad (PMDB) também deve tomar o mesmo caminho. Campeão de votos nas últimas eleições, ele pensa em disputar a prefeitura da Capital por outro grupo político. A alegação é a mesma: falta de companheirismo.

AUSÊNCIA

O prenúncio da desfiliação de Nelsinho foi notado com a sua ausência na reunião do diretório regional, ocorrida no começo do mês, quando o partido decidiu mapear as bases para medir sua densidade eleitoral.

Fragmentado, após ser derrota nas eleições para o governo em 2014, o PMDB se reuniu para discutir o processo sucessório do ano que vem, quando planeja lançar candidatos a prefeito em Campo Grande e nos demais municípios do Estado.

Durante a reunião, ocorrida na sede do diretório regional, o partido decidiu dividir responsabilidades, ou seja, indicando cada uma de suas lideranças para cuidar de determinadas regiões.

Na prática, o partido quer saber onde é possível vencer as eleições municipais com candidato próprio e, se for o caso, apoiar eventuais aliados.

A disputa do ano que vem é a primeira prova de fogo dos peemedebistas depois que o PMDB perdeu o controle do governo do Estado.

Apesar de controlar o maior número de municípios do Estado, a cúpula partidária foca prefeituras estratégicas, como Campo Grande, Dourados e Três Lagoas, mas vai se esforçar para manter as cerca de 20 que ainda estão sob seu domínio. 

O exemplo disso é que, durante a reunião, o PMDB incumbiu uma comissão de promover pesquisas de intenções de voto em 22 municípios com maior número de eleitores no Estado na tentativa de escolher os nomes viáveis dentro do grupo. 

Principal liderança do partido no Estado, André Puccinelli ficou responsável por fazer esse levantamento na Capital, Dourados, Corumbá, Ponta Porã e Naviraí.

O deputado estadual Eduardo Rocha fará a sondagem na região de Três Lagoas, seu principal reduto eleitoral, incluindo Inocência, Cassilândia, Paranaíba e Água Clara.

A realização de pesquisas para aferir o potencial de seus pré-candidatos não é novidade nos quadros da legenda, isso porque há anos o próprio André Puccinelli adota esse critério em períodos pré-eleitorais.

Colisão entre carro e ônibus deixa três pessoas mortas na MS-134
Almir Portela/Nova News
Ampliar
Carro foi atingido por ônibus e arrastado 30 metros
Três pessoas, sendo dois homens e uma mulher, morreram em um acidente envolvendo um carro Strada e um ônibus na madrugada deste domingo (14), na MS-134, próximo ao distrito de Casa Verde em Nova Andradina.

De acordo com o site Nova News, o condutor do carro, identificado como Paulo, seguia sentido Nova Andradina-Casa Verde. Testemunhas disseram que ele é morador de uma propriedade rural no assentamento Teijim e teria passado da entrada da estrada vicinal que dá acesso a sua propriedade.

Ao realizar o retorno, o carro foi atingido pelo ônibus, que seguia no mesmo sentido, e foi arrastado por cerca de 30 metros, até parar no acostamento do sentido contrário da pista. Há a suspeita que o condutor do ônibus estivesse em alta velocidade.

O Corpo de Bombeiros foi acionado, mas as vítimas não resistiram aos ferimentos e morreram antes da chegada do socorro. A PRF (Polícia Rodoviária Federal) também esteve no local. As circunstâncias do acidente serão investigadas.
 

Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

COPA AMERICA
Diversos

Copa América esquentou, e o XD adianta a finalíssima

Copa América esquentou, e o XD adianta a finalíssima
Quem vence essa peleja, Riquelme ou Mayte? Você pode decidir!

A paraguaia Larissa Riquelme que se cuide, mas tem gente querendo garfar seu lugar de musa da torcida (e dos jogadores). O nome dela é Mayte Flores, da Bolívia... Não, espera! Vamos fazer melhor: vamos contar mostrando! E, depois, você diz quem é a vencedora deste clássico!

Mayte diz ter 19 anos e ser modelo

Copa América esquentou, e o XD adianta a finalíssima

Foto: Reprodução Facebook

Nasceu em Santa Cruz de la Sierra e sempre usa #Cruceña e #Bolivia nas redes sociais

Copa América esquentou, e o XD adianta a finalíssima

Foto: Reprodução Facebook

Está no terceiro ano do curso de hotelaria

Copa América esquentou, e o XD adianta a finalíssima

Foto: Reprodução Facebook

Está solteira, mas já mandou recado que adora o atacante chileno Alexis Sánchez

Copa América esquentou, e o XD adianta a finalíssima

Foto: Reprodução Facebook

Representa a Bolívia no concurso Rainha da América, promovido pelo jornal chileno “La Cuarta” (a estrelinha, nós é que colocamos em respeito à tradicional família brasileira)

Copa América esquentou, e o XD adianta a finalíssima

Foi para o Chile por causa do concurso, mas adora o sucesso na Copa América

Copa América esquentou, e o XD adianta a finalíssima

Foto: Reprodução Facebook

Será que Riquelme está se sentindo ameaçada?

Copa América esquentou, e o XD adianta a finalíssima

Copa América esquentou, e o XD adianta a finalíssima

Copa América esquentou, e o XD adianta a finalíssima

21h46

Mega-Sena, concurso 1.713: duas apostas dividem prêmio de R$ 63 mi

Confira as dezenas do concurso 1.713: 03 - 10 - 16 - 23 - 27 - 29
Cada um dos vencedores receberá prêmio de RS 31.598.692,07 milhões.

Duas apostas acertaram as seis dezenas do concurso 1.713 da Mega-Sena, realizado neste sábado (13) na cidade de Itabaiana (SE). As apostas vencedoras, de Maringá (PR) e do Rio de Janeiro (RJ), receberão cada um R$ 31.598.692,07.

Esse é o maior prêmio do ano até agora. O próximo sorteio da loteria acontece na quarta-feira (17).

Veja as dezenas sorteadas: 03 - 10 - 16 - 23 - 27 - 29.

A quina teve 388 apostas ganhadoras, que levaram prêmio de R$ 17.070 cada uma. Outros 6845 bilhetes acertam a quadra e levaram R$ 440,56.

Para apostar
A Caixa Econômica Federal faz os sorteios da Mega-Sena duas vezes por semana, às quartas-feiras e aos sábados. As apostas podem ser feitas até as 19h (de Brasília) do dia do sorteio, em qualquer lotérica do país. A aposta mínima custa R$ 3,50.


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

Brasil vence Espanha e se classifica às oitavas de final
Diversos

A Seleção Brasileira venceu a sua segunda partida na Copa do Mundo Feminina de Futebol. Depois de bater Coréia do Sul na estreia , a equipe verde e amarela confirmou o bom momento e superou a boa seleção espanhola por 1 a 0, neste sábado, no Canadá. De quebra, garantiu vaga às oitavas de final do torneio de maneira antecipada.

O único gol do jogo foi marcado pela atacante Andressa Alves, de maneira dramática. Depois de resistir à pressão da equipe europeia durante todo o primeiro tempo, o Brasil teve bom momento pouco antes de ir ao intervalo, e viu a camisa 9 mostrar raça e oportunismo ao tocar na saída da goleira adversária e ainda conferir o rebote após a zagueira Celia salvar em cima da linha.

No segundo tempo, o jogo ficou mais aberto do que antes do intervalo, e a Espanha seguiu em cima da Seleção Brasileira. Mas o time comandado por Vadão mostrou maturidade suficiente para resistir mais uma partida sem sofrer gols e ainda contou com o talento de Marta no meio de campo para cadenciar o confronto quando necessário. Mais uma importante vitória.

Com o resultado, a Seleção Brasileira chegou aos seis pontos e se manteve na liderança isolada do Grupo E da Copa do Mundo Feminina de Futebol. Assim, garantiu classificou antecipada às oitavas de final. Já a Espanha estacionou no um ponto e na terceira colocação. Na próxima rodada, o Brasil encara a Costa Rica, enquanto as espanholas pegam as sul-coreanas. Os dois jogos vão ser realizados na quarta-feira, às 20h (de Brasília).
Flamengo vence e Coxa sofre a sexta derrota
Band
A situação do Coritiba no Brasileirão não está nada fácil. Neste sábado, o clube recebeu o Flamengo no Couto Pereira e perdeu para o rubro-negro carioca por 1 a 0, sua sexta derrota em sete jogos no campeonato.

O gol do Flamengo saiu aos 38 minutos do primeiro tempo, depois que Eduardo da Silva recebeu cruzamento na medida de Luiz Antonio e cabeceou com categoria para as redes do Coritiba.

Sete minutos mais tarde, Jonas deu um pisão em Wellington Paulista e como já tinha cartão amarelo, acabou expulso e deixou o Flamengo com um a menos em campo.

Mesmo em vantagem numérica, o Coxa não conseguiu chegar ao gol rubro-negro e amargou sua sexta derrota em sete partidas no Campeonato Brasileiro, resultado que manteve o clube na zona de rebaixamento.

No próximo sábado, o Flamengo recebe o Atlético-MG, no Maracanã. Já Coritiba faz o clássico paranaense contra o Atlético-PR, no domingo, na Arena da Baixada.

A la Selección se le escapó un partido increíble en el final

Copa América

Ganaba en el debut con goles de Agüero y Messi de penal y estaba para golear. Pero Paraguay lo presionó con centros en el segundo tiempo y llegó al 2-2 definitivo con goles de Haedo y Barrios. El martes Argentina enfrenta a Uruguay.

Haedo Valdez festeja el descuento ante Argentina en La Serena (Gustavo Ortiz)

Haedo Valdez festeja el descuento ante Argentina en La Serena (Gustavo Ortiz)

 

  • Lionel Messi y un gesto de preocupación tras el descuento de Paraguay. (Reuters)

Lucas Barrios sale gritando desaforado, se saca la camiseta, recorre la pista de atletismo y grita el 2-2 final que opacó el debut argentino en la Copa América. El empate le deja un gusto amargo al equipo de Tata Martino que ganaba 2-0 con los goles de Agüero y Messi, de penal, y parecía cómodo, que tuvo situaciones para golear y que se fue desinflando, retrocedió mal, no mejoró con los cambios y lo terminó pagando muy caro.  

El primer tiempo fue un dominio absoluto de Argentina. Desde el primer minuto el trámite quedó claro. Los once paraguayos en su campo, parados 4-5-1, con una marca escalonada. Salía Víctor Cáceres a hacerle sombra a Messi, lo relevaba Ortigoza y esperaban agazapados los defensores para achicar líneas. Así trataban de cortar el circuito de juego argentino.

El equipo del Tata mantuvo siempre la paciencia. Con Banega y Pastore como ejes en el medio y abanicando la pelota de banda a banda. Con el dominio absoluto de la pelota y con el equipo de Ramón Díaz replegado, enseguida los laterales se sumaron al mediocampo y el equipo argentino defendía con el triángulo Garay-Otamendi-Mascherano.

La primera situación clara fue a los 16 minutos. Trepó Rojo por izquierda sacó el centro para el lado opuesto, que capturó Di María, tocó con Pastore, pivoteó para Mascherano y el remate del 5 con destino del arco se encontró con Messi en el camino, que no pudo desviarla al gol.

Y en ese contexto, la Selección empezó a caer en las redes paraguayas. No le encontraba la vuelta y necesitó de un regalito para destrabar el partido a los 28 minutos. Encaró Messi del medio hacia la derecha, encerrado en la marca de dos defensores. Parecía que el avance se diluía pero Miguel Samudio, que ya había ganado la posición, intentó tocar atrás para su arquero. El pase fue muy débil, quedó corto y lo aprovechó el Kun Agüero, que definió con clase: gambeta larga frente a Antony Silva y toque para el 1-0.

Con la ventaja, todo fue distinto. A Paraguay el plan de abroquelarse y presionar la creación de juego de Argentina ya no le alcanzaba. Y a la Argentina el 1-0 le daba esa cuota de tranquilidad para empezar a crecer en el juego.

De mitad para adelante las posiciones nunca quedaban fijas. Di María apareció por derecha en la jugada que terminó en el penal de Samudio (no pareció infracción, el exCentral fue al choque) y que Messi transformó en el 2-0. Pastore flotó por el frente de ataque y Agüero entraba y salía del corazón del área.

En el segundo tiempo, a Paraguay no le quedó otra que salir un poco de su trinchera. Y se armó otro partido. El gol de Nelson Haedo Valdez, con un derechazo fuerte que se coló por encima de Romero, activó al equipo de Martino, que estaba demasiado cómodo con la ventaja.

Se animó el equipo de Ramón Díaz y el partido se transformó en un partidazo. Messi encaraba por un lado y la pelota cruzaba por la línea de gol sin que nadie llegara a soplarla. De contra, cuatro paraguayos llegaban a la carrera ante tres argentinos. El equipo del Tata lucía partido. Y lo salvó Chiquito Romero dos veces. 

Los cambios no ayudaron a mejorar al equipo: Higuaín y Tevez oingresaron al mismo tiempo por Agüero y Pastore. Pero el equipo precisaba tenencia de pelota y marcar territorio en el mediocampo. Ya no había ideas. Era apostar a que una gambeta de Messi liquidara la historia o que los paraguayos fallaran en la definición, como lo hicieron hasta esa pelota parada del final. Llegó el centro de Ortigoza, la bajaron para la entrada de Lucas Barrios y el mediocampista sacó un latigazo, seco, que dejó sin nada para hacer a Sergio Romero.

¿Fue justo el empate? No, Argentina mereció ganar y si hubiera estado fino debió haber goleado. Pero el entrenador no acertó en los cambios, Paraguay se animó a jugar y desnudó los huecos entre la defensa y los mediocampistas de la Selección. Y lo acorraló hasta llegar al empate. El debut fue un paso en falso. El martes habrá revancha ante Uruguay. Martino tiene tarea para la semana. El primer tiempo le dejó cosas para sonreír, pero la segunda parte demostró que a su idea de juego todavía le quedan muchas cosas por pulir.   


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

CAMARA DE PONTA PORÃ
Diversos

Rony Lino pede georeferenciamento e demarcação de lotes no Nova Itamarati

            O vereador Rony Lino, apresentou na sessão de quinta-feira passada, 11 de junho, uma indicação solicitando ao prefeito Ludimar Novaes para que seja feito o georeferenciamento do Assentamento Itamarati bem como a demarcação dos lotes e seus proprietários e que ainda sejam especificadas e demarcadas as áreas destinadas às entidades filantrópicas (escolas, igrejas,associações etc).

            Rony Lino informa que esta é uma solicitação de todos os moradores do Assentamento, hoje Distrito de Nova Itamarati, "pois o georeferenciamento e essa demarcação são muito importantes a todas essas famílias , pois já faz 13 anos que ocupam essa área e não possuem quaisquer documentos que comprovem que os mesmos ocupam esses lotes,  pois assim estarão informados, legalizados e documentados  cada proprietário  de sua área e das áreas destinadas às entidades filantrópicas e demais", justificou o parlamentar.

IMPOSTOS DOS ASSENTADOS

            Em outra indicação, Rony Lino, pede ao prefeito a total aplicação no Itamarati dos recursos provenientes de arrecadação feitas no Assentamento. E que os recursos sejam direcionados para a implantação de melhorias para os assentamentos tais como: infraestrutura básica saneamento básico, iluminação pública, pavimentação viária, abastecimento de água potável e drenagem de águas pluviais etc.

            O parlamentar argumenta que "esta é uma solicitação dos moradores dos assentamentos para que estes recursos arrecadados ali sejam investidos em melhorias para essas famílias que com certeza  trarão muito benefícios a todos".

PISTA PARA CAMINHADA

            Na mesma sessão, o vereador Rony Lino também apresentou indicação endereçada à Prefeitura solicitando a implantação de uma pista de caminhada no prolongamento da rua Guia Lopes.

            De acordo com o parlamentar, o atendimento a esta solicitação estará beneficiando a todos, pois este local disponível na referida rua tem um ótimo espaço para se implantar a pista, inclusive prevendo a instalação de um espaço para ciclovia, dando maior segurança às pessoas. "Como este local tem uma boa estrutura solicitamos estudos quanto a implantação da mesma", argumentou Rony Lino.

 

Puka propõe rotatória na BR 463 para garantir segurança aos moradores do Grande Marambaia

         O vereador Daniel Valdez, o Puka, apresentou indicação encaminhando pedido ao governador Reinaldo Azambuja, ao prefeito Ludimar Novais e ao secretário municipal de Obras e Urbanismo, João Batista Sandri, para que sejam realizados os serviços de implantação de uma rotatória na BR 463, em frente à empresa Pro Lavoura.

            Puka justificou o pedido alegando que "este serviço vai atender reivindicação dos moradores do Grande Marambaia, pois os mesmos estão sofrendo com o grande fluxo de veículos na rotatória da Cuia sendo a única entrada para os demais bairros, principalmente em horários de pico. A implantação de mais uma rotatória seria uma forma de diminuir  o número de  veículos, organizar melhor o fluxo de trânsito, garantir a segurança aos motoristas e alunos dando mais  acessibilidade aos demais bairros adjacentes ao Grande Marambaia.

FAZENDA MAEMI

            O vereador Daniel Valdez - Puka, também apresentou indicação  para que seja encaminhado expediente ao Senhor Ludimar Novais – prefeito Municipal com cópia ao Dr. João Batista Sandri, secretário municipal de Obras e Urbanismo, solicitando os serviços de patrolamento e cascalhamento na estrada que dá acesso à Fazenda Maemi.

         Puka disse que "este é um pedido dos moradores que utilizam a referida estrada, os quais reclamam da falta de acesso às fazendas, pois, quando chove ficam impossibilitados de chegar até suas residências.           Desta forma, sabendo da preocupação com a população, este Vereador espera o atendimento deste ato indicativo o mais breve possível".

SANGA PUITÃ

            Em outra indicação, o vereador Daniel Valdez - Puka pede que a prefeitura providencie os serviços de patrolamento e cascalhamento, também recolher os lixos da Rua Josefa León Brizueña em frente ao campo de futebol em Sanga Puitã.

            Em sua justificativa, o parlamentar alega que, a pedido dos moradores, comerciantes, juntos com os jogadores de futebol pedem melhorias para  a rua que encontra-se em péssimas condições para o tráfego de veículos principalmente em dias de chuva, havendo poça de água parada nos buracos causando mal cheiro e transtorno para se chegar até o campo onde vem acontecendo campeonatos de futebol aos fins de semana.

 

Marcelino solicita a revitalização de praça e a elaboração de cartilha explicativa para a população

O presidente da Câmara Municipal de Ponta Porã, Marcelino Nunes de Oliveira solicitou na sessão ordinária desta quinta-feira, 11 de junho, ao prefeito Ludimar Novais e ao secretário municipal de Esporte Juventude e Lazer, Antônio Marques de Oliveira, a revitalização da Praça Pedro Manvailler.

Marcelino diz que a citada praça já foi ambiente de lazer e socialização, mas hoje encontra-se abandonada. O parlamentar explica que a indicação tem a finalidade de revitalizar bancos, calçadas, luminárias, além de reativar o chafariz, reinstalar o telão e criar um espaço destinado para apresentações culturais dos artistas fronteiriços.

O presidente da Casa de Leis também pede que seja feito patrulhamento da Guarda Civil a fim de proteger o patrimônio e garantir a segurança da população que transita pelo local.

Cartilhas Explicativas

O parlamentar também solicitou ao prefeito Ludimar Novais e ao secretário municipal de Governo e Relações Institucionais, Luiz Alexandre Gonçalves do Amaral, a elaboração e confecção de cartilhas explicativas dos serviços prestados pelo município.

Marcelino explicou que a elaboração e confecção desta cartilha tem o intuito de facilitar o entendimento e a comunicação dos serviços prestados pelo município, pois algumas siglas tem causado confusão e dificultado o entendimento da população.

A cartilha deve conter informações como endereços, telefones, horários de atendimento e a finalidade do órgão. A disponibilização pode ser feita através de meio digital e/ou impresso.

 

Professora Leny pede melhorias para moradores do Jardim Itaipu

            A vereadora professora Leny solicitou ao prefeito Ludimar Novaes para que determine à secretaria municipal de Obras e Urbanismo, a realização do serviço de cascalhamento, patrolamento e limpeza das ruas no Bairro Jardim Itaipu.

            O pedido de professora Leny se deve ao fato de que, tendo em vista as constantes chuvas dos últimos dias, toda a terra e o cascalho foram arrastados pela enxurrada formando grandes valetas nas ruas, dificultando o trânsito de veículos e pedestres naquelas vias.

            A parlamentar justificou a solicitação informando que o objetivo é proporcionar aos moradores daquela região melhores condições de utilização destas vias, pois as mesmas encontram-se intransitáveis.

 

Vereador Adão Dauzacker solicita reparo de iluminação pública em via e reforma em cemitério

 

 

O vereador Adãozinho Dauzacker fez uma indicação na Câmara Municipal de Ponta Porã, na sessão do dia 11de junho, em que solicita o reparo no poste de iluminação pública, na Avenida Manoel Cardinal, esquina com a Rua Leticia Zaneti, no bairro Nuevo, Jardim Universitário.

O pedido foi encaminhado ao prefeito Ludimar Novais e ao secretário municipal de Obras e Urbanismo, João Batista Sandri.

O parlamentar recebeu a reivindicação de morador da rua, que afirmou que o local está sem iluminação adequada há alguns meses. O mesmo se sente lesado, pois mensalmente a taxa de iluminação pública é cobrada em sua fatura, no entanto ele não usufrui do benefício.

Adãozinho Dauzacker solicita que o pedido seja realizado com urgência, pois o ponto encontra-se vulnerável às ações de meliantes que se aproveitam da falta de iluminação pública para praticarem delitos.

Cemitério

O vereador solicitou também que seja feito o reparo no prédio do setor administrativo do cemitério São Vicente de Paula,sendo o pedido encaminhado ao prefeito Ludimar e ao secretário municipal de Obras e Urbanismo, João Batista Sandri.

Durante visita ao local, foi constatada situação deplorável e crítica, sendo que o prédio administrativo se encontra em péssimas condições de conservação. O local está totalmente abandonado, precisando de várias reformas.

 


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

NOTICIAS DA NOITE
Diversos

PT racha e metade da bancada assina manifesto contra Dilma

Trinta e cinco dos 63 deputados federais da bancada do PT na Câmara assinaram o manifesto "Mudar o PT para continuar mudando o Brasil", que foi inscrito pela corrente Mensagem ao Partido no 5º Congresso petista, que começa nesta quinta-feira, 11. O texto propõe a revisão da política de alianças para as próximas eleições, traz críticas ao ajuste fiscal proposto pela equipe econômica do governo Dilma Rousseff e ainda pede a convocação de um novo encontro, em novembro, para mudar a direção da sigla.

Integrada pelo ex-governador do Rio Grande do Sul Tarso Genro e pelo ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, a Mensagem ao Partido conta com o apoio de outras correntes, como Movimento PT e Militância Socialista, e quer influenciar os rumos do congresso.

Uma das propostas apresentadas é a de gestão compartilhada nas finanças do partido, alvo de denúncias de corrupção. "O PT vai ter unidade na política de alianças e na política econômica. Todo mundo acha que é preciso uma calibragem na política econômica, mas não vai ter guerra. O que vai polarizar o Congresso do PT é a profundidade do processo de mudança no partido", disse o deputado Paulo Teixeira (PT-SP), que também integra a corrente Mensagem ao Partido.

PT rejeita fim da aliança com PMDB e alteração da política econômica
G1
G1
Ampliar
Rui Falcão dá entrevista após congresso do PT
O Partido dos Trabalhadores (PT) decidiu neste sábado (13) excluir da resolução final de seu 5º Congresso Nacional trechos que defendiam o fim da aliança nacional com o PMDB no governo e a alteração na atual política econômica, marcada pelo ajuste fiscal.

No encontro, militantes e dirigentes da sigla fizeram críticas ao presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), e ao ministro da Fazenda, Joaquim Levy.

Durante a votação da resolução do evento, que consolida as posições do partido sobre a atual situação da política e da economia, os delegados decidiram tirar da versão final uma parte que dizia que "o presidencialismo de coalizão está esgotado, dando espaço e poder ao principal dos 'aliados', muitas vezes, o sabotador do governo, o PMDB, que opera pela contrarreforma política e pela revisão do regime da partilha do pré-sal".

No debate que antecedeu a votação, militantes gritavam "Fora Cunha! Fora Cunha!", em protesto contra o presidente da Câmara. No palco onde lideranças discursavam, parlamentares petistas que atuam na linha de frente governista no Congresso buscaram defender a aliança com o PMDB em nome da "governabilidade".

"Nós não podemos ter ilusão no Congresso. Nós também não podemos achar que, a partir de hoje, a presidente Dilma vai ter maioria no Congresso para votar os projetos que advêm da mobilização social. A governabilidade congressual é também necessária... Ou o PT não está fazendo isso todo dia no Congresso Nacional? Nós não podemos levar o governo Dilma para o isolamento no Congresso", afirmou o deputado José Guimarães (PT-CE), líder do governo na Câmara.

Na discussão sobre a atual política econômica, o PT aprovou texto que defende ser "preciso conduzir a orientação geral da política econômica para a implementação de estratégias para retomada do crescimento, para a defesa do emprego, do salário e demais direitos dos trabalhadores, que permitam a ampliação das políticas sociais".

A proposta original usava a expressão "alteração da política econômica", em vez de "conduzir a orientação geral da política econômica". Durante o anúncio da mudança, o líder do governo no Senado, Humberto Costa (PT-PE), foi vaiado por militantes ao defender a necessidade do ajuste fiscal para alcançar os objetivos defendidos pela legenda.

O texto original também continha menções críticas ao ministro Joaquim Levy, que acabaram sendo retiradas do documento.

Retorno da CPMF

Alvo de polêmica, uma proposta de relançar a CPMF (Contribuição Provisória sobre Movimentação Financeira), extinta em 2007, chegou a ser incluída no documento, mas acabou ficando de fora.

Durante o congresso do PT, o ministro da saúde, Arthur Chioro, sugeriu a retomada da contribuição, criada para subsidiar a saúde, mas a medida foi logo descartada pelo ministro da Fazenda.

Defensor do retorno da cobrança, o presidente nacional do PT, Rui Falcão, mostrou insatisfação com o assunto. Para ele, o item debatido não seguiu no documento porque "as pessoas têm medo de falar em imposto". "Eu prefiro fazer o debate, enfrentar, explicar, mas foi a decisão que eu respeito, a decisão da maioria", justificou.

Falcão também afirmou que a discussão não se encerra com o congresso. "De qualquer maneira, esse debate vai prosseguir, independente de estar no texto aprovado ou não", garantiu.

Para ele, a "CPMF é um imposto que você [o governo] pode excluir a classe média, pode excluir os trabalhadores e concentrar no topo - pegar cinco e seis milhões de pessoas pagando a CPMF, que propiciaria grandes recursos para financiar a saúde", defende.
 

Vereadora assediada por parlamentar revela clima tenso e aguarda Justiça

Virginia Magrini, que foi assediada e constrangida pelo Vereador Mauricio Lemes, registrou boletim de ocorrência na Delegacia da Mulher

A vereadora Virginia Magrini (PP) (foto: assessoria)Vereadora assediada por parlamentar revela clima tenso e aguarda Justiça
A vereadora Virginia Magrini (PP) (foto: assessoria)

Ainda configurada como um ambiente machista, a Câmara Municipal de Dourados registou nessa semana um caso sério de assédio. A vereadora Virginia Magrini passou por um enorme constrangimento em plena sessão ordinária da Câmara na segunda-feira (8).

Na sessão, após ser discutida uma moção para um policial militar em Ponta Porã, os vereadores se reuniram para uma fotografia. Virginia conta que sentiu alguém passar a mão em seu corpo. Como estavam todos concentrados, olhando para a câmera, ela não conseguiu identificar, naquele momento, quem a havia assediado.

Mesmo sem saber quem era a pessoa, a vereadora pediu que parassem, pois o fato se repetia. Foi então que, indignada, Virginia se manifestou, pedindo ao presidente da Câmara, Idenor Machado, que tomasse uma providência. Em clima de tensão, o vereador e pastor, Cirilo Ramão, suspeito naquele momento, afirmava desesperado que não era o culpado e que tinha visto quem foi.

Apesar de sério, o caso foi tratado como brincadeira por alguns vereadores. Virginia conta que suspeitou do pastor Cirilo pelo fato do parlamentar ter dado risada. De acordo com ela, o momento em que o vereador ria foi até registrado em uma fotografia.

No entanto, como foi descoberto depois, o culpado pelo assédio foi o vereador Mauricio Lemes (PSB), que no momento do ocorrido, saiu apressado. Percebendo que o caso era sério, o vereador retornou a Câmara. “Ele voltou pedindo desculpas, me dizendo que tinha sido apenas uma brincadeira”, explicou Virginia. Como a delegacia da mulher estava fechada durante a noite, ela registou o B.O no dia seguinte. A delegada que cuida do caso é a Dra. Roseli.

A vereadora é uma das únicas duas mulheres na Câmara, uma situação de vulnerabilidade. Por conta disso, levar o caso a público e procurar justiça se torna um ato de coragem. Virginia recebeu uma mensagem da esposa de Mauricio, afirmando que o caso tinha sido apenas uma brincadeira, e que ela “iria destruir a sua família”.

Além da esposa, o pai de Lemes, que já foi vereador, também se envolveu no caso, chegando a ameaçar o Secretário de governo, José Jorge Filho. O secretário registou um B.O pelas ameaças recebidas. É mais um exemplo em que se tenta proteger quem comete violência contra a mulher, especialmente se a pessoa ocupa um cargo público ou possui alguma notoriedade.

A prova de que casos como esses são comuns é o fato de Virginia ter sido desestimulada por diversas pessoas a registrar o boletim, como se o assédio não fosse algo sério.  Outras pessoas ainda trataram o ocorrido no tom da brincadeira e da piada, como ela explica.

“Naquele momento, me senti um lixo, um objeto sexual. Não autorizo que ninguém toque no meu corpo. Isso mostra como ainda vivemos em um mundo machista, onde homens sempre predominam. Quem faz esse tipo de coisa não deveria ser permitido continuar no local”, afirmou ela. A vereadora não quer nenhum tipo de contato com Mauricio Lemes.

Apesar do machismo predominante, Virginia tem recebido apoio de diversos vereadores, de sua família e de outras mulheres. A vereadora acredita que seu partido, O Partido Progressista, (PP), está tomando providências.

O caso aguarda a decisão do B.O, além de resolução na Câmara. Um fator agravante é a relação de parentesco entre o vereador Mauricio Lemes e o procurador da Câmara, que são primos.

“Espero que, mesmo assim, ele vigie bem o caso”. É o que espera Virginia e todas as mulheres que sofrem com assédio todos os dias.

PT racha e metade da bancada assina manifesto contra Dilma

Trinta e cinco dos 63 deputados federais da bancada do PT na Câmara assinaram o manifesto "Mudar o PT para continuar mudando o Brasil", que foi inscrito pela corrente Mensagem ao Partido no 5º Congresso petista, que começa nesta quinta-feira, 11. O texto propõe a revisão da política de alianças para as próximas eleições, traz críticas ao ajuste fiscal proposto pela equipe econômica do governo Dilma Rousseff e ainda pede a convocação de um novo encontro, em novembro, para mudar a direção da sigla.

Integrada pelo ex-governador do Rio Grande do Sul Tarso Genro e pelo ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, a Mensagem ao Partido conta com o apoio de outras correntes, como Movimento PT e Militância Socialista, e quer influenciar os rumos do congresso.

Uma das propostas apresentadas é a de gestão compartilhada nas finanças do partido, alvo de denúncias de corrupção. "O PT vai ter unidade na política de alianças e na política econômica. Todo mundo acha que é preciso uma calibragem na política econômica, mas não vai ter guerra. O que vai polarizar o Congresso do PT é a profundidade do processo de mudança no partido", disse o deputado Paulo Teixeira (PT-SP), que também integra a corrente Mensagem ao Partido

:31

Mulher mete bala em marido policial após discussão em Campo Grande
Valdenir Rezende / Correio do Estado
Ampliar
Os dois relembraram o passado, a policial ficou nervosa e atirou contra o marido
Um soldado do BPTran (Batalhão da Polícia Militar de Trânsito) foi baleado no abdômen pela esposa, também policial militar, lotada na Policlínica, depois de esquecer de dar remédio para o filho do casal, de 10 meses. 

A tentativa de homicídio aconteceu por volta das 14h de sábado (13), em residência localizada na Rua Ministro José Linhares, Bairro Vila Palmira, em Campo Grande.

Segundo informações de vizinhos, brigas entre o casal são constante e, neste sábado, depois de gritaria, testemunhas ouviram disparo de arma de fogo.

O casal teria iniciado a briga depois que o homem esqueceu de dar remédio o filho. Durante a discussão, os dois relembraram o passado, a policial ficou nervosa e atirou contra o marido com um revólver calibre .38.

Ele saiu correndo, pulou o muro e gritou por socorro. Em seguida, foi atendido por equipe do Corpo de Bombeiros e encaminhado para a Santa Casa. Já a policial permanece na casa, onde conversa com equipes da PM. 

Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

NOTICIAS DA TARDE
Diversos

Homem fura pneu de carro, ameaça militares e é morto a tiros de pistola

Rapaz estava armado com faca e não parou mesmo depois de tiros de borracha

Um homem de 39 anos foi morto, na noite desta quinta-feira (11), depois de furar o pneu de um carro, ameaçar quem passava pela rua e policiais e ser atingido por disparos dos próprios militares. O crime ocorreu no centro de Miranda, distante 203 quilômetros da Capital.

De acordo com o registro da ocorrência, Micenir Cezar Bazana Trindade estava na Praça Agenor Carrilho com uma faca nas mãos e ameaçando pessoas que passavam pelo local. O rapaz chegou a furar o pneu de um carro.

Pouco tempo depois, equipes da Polícia Militar chegaram no local e o homem teria resistido à prisão e ameaçado os policiais.

No primeiro momento, os policiais disparam tiros de bala de borracha, mas o rapaz não foi contido e os policiais atiraram contra Micenir com pistolas calibre .40. A suspeita era de que ele estivesse sob efeito de drogas O rapaz morreu na hora e o caso foi registrado como morte a esclarecer na delegacia de polícia de Miranda.

16h12

Casal de policiais militares briga e homem é baleado no tórax

Briga entre um casal de policiais militares terminou com um ferido na tarde deste sábado (13) no bairro Santo Amaro, em Campo Grande. Uma sargento da policlínica da corporação, identificada como Andréia, atirou no marido Claudemilson Pereira Paim, soldado lotado no BPTran (Batalhão de Polícia Militar de Trânsito).

Conforme a polícia, a bala atravessou o abdômen da vítima, que apesar disso foi socorrida consciente, orientada e aparentemente sem lesões graves pelo Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência). Corpo de Bombeiros também mandou viaturas ao local.

A corporação afirma que os dois começaram a discutir depois que Claudemilson esqueceu de dar um remédio ao filho do casal. Andréia alega que o marido tentou agredi-la, de forma que usou um revólver calibre 38 como meio de defesa.

Quando foi atingido, o soldado saiu correndo da residência, pulou o muro e foi se abrigar na casa de um vizinho até a chegada do resgate. A mulher permaneceu dentro do imóvel aguardando a chegada do delegado plantonista da Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário).

Equipes do SIG (Serviço de Investigações Gerais) estiveram no local para colher informações.

 

10h55

Carga com mais de 1t de maconha é apreendida próximo a Dourados

O flagrante ocorreu durante tentativa de abordagem ao GM Montana, placas JGR-5718 de Campo Grande

Policiais do DOF (Departamento de Operações de Fronteira) apreenderam no início da tarde desta segunda-feira (8) na MS-270, entre a região do Copo Sujo e o distrito de Itahum, em Dourados, 1,4 tonelada de maconha. A droga estava escondida no interior da GM S-10 conduzida por Edemar Horsi Pereira, 22, residente em Maracaju.

De acordo com as informações apuradas no local, o veículo possuía queixa de roubo na cidade de Boa Vista de Aparecida (PR) no dia 15 de novembro do ano passado.

O flagrante ocorreu durante tentativa de abordagem ao GM Montana, placas JGR-5718 de Campo Grande.

Ao avistar o policiamento, o condutor suspeito de fazer o papel de batedor, Leandro José dos Santos, 20, morador na Capital, tentou dispensar o aparelho de telefone celular, causando desconfiança. Logo depois, passou a caminhonete, que também recebeu ordem de parada.

Durante questionamentos, Edemar confirmou o tráfico e a maconha foi encontrada na carroceria e na parte de trás dos bancos. Ele disse ter pegado o veículo na frente de um cassino, no Paraguai, e levaria até Campo Grande.

Já Leandro negou que fazia o papel de batedor, porém, havia contatos entre os dois nos telefones e rádios nos veículos. Encaminhados para a sede do DOF, ambos devem ser autuados pelo tráfico.


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

DA HORA
Diversos

Ex-deputado pede para Nelsinho deixar de ser humilhado e sair do PMDB

Fábio usou pai para comover irmão


ex-deputado federal Fábio Trad (PMDB)


O ex-deputado federal Fábio Trad (PMDB) publicou um vídeo no Facebook aconselhando o irmão, ex-prefeito de Campo Grande, Nelsinho Trad (PMDB), a deixar o PMDB. No vídeo o ex-deputado diz que é irmão mais novo, mas usa ensinamentos do pai para pedir ao irmão para sair do partido.

Fábio diz que Nelsinho está se sentindo incomodado com agressões desnecessárias que vem sofrendo em virtude de ter pago preço de ser leal e fiel a um correligionário, companheiro na política e fala da relação com o pai. “Posso dizer sem sombra de dúvida, como aquele que te ama de verdade. Nosso pai nunca nos ensinou a sermos humilhados”, ressaltou.

O irmão diz a Nelsinho que lá de cima o pai, ex-deputado Nelson Trad, está ao lado dele e tentando falar o que está dizendo agora. “Vamos juntos. Saia do PMDB e faça da sua atividade política o destino próprio de sua existência”, declarou.

Polêmica

O clima que já não era bom ficou ainda pior entre o ex-prefeito de Campo Grande, Nelsinho Trad e o ex-governador, André Puccinelli (PMDB). Em entrevista nesta semana o ex-governador culpou Nelsinho pela derrota na campanha ao Governo do Estado, alegando que ele não andou por todos os 79 municípios. A declaração causou revolta em Nelsinho, que voltou a falar em traição em postagem no Facebook.

Na primeira resposta Nelsinho alfinetou Puccinelli de leve. “Para alguém que ama Campo Grande, como eu, acredito que o momento agora é de união para tentar resolver os problemas, e não de ficar ‘dando risada da situação como tem gente fazendo”, postou. A declaração foi dada em resposta a Puccinelli, que disse dar risada da atual situação de Campo Grande.

Em outra postagem o ex-prefeito criou coragem para falar diretamente ao governador, dando resposta a acusação de que ele seria responsável pela derrota acachapante do PMDB, que não chegou nem ao segundo turno da disputa do governo.

“Não me surpreendi com a declaração do ex-governador André Puccinelli colocando toda a culpa em mim pela derrota do PMDB (nosso partido) na última eleição. Não sou de tentar encontrar culpados das derrotas no decorrer da minha vida. Pelo contrário, procuro sempre enxergar onde se cometeram os Eros para que as lições da derrota possam se tornar armas para as futuras vitórias”, começou o texto.

Nelsinho continuou a postagem dizendo que realmente não visitou todos os 79, mas foi pessoalmente a 68 municípios e, na maioria das vezes, acompanhado apenas e tão somente do companheiro Francisco Pierette.
 
Marçal diz “sim” a Reinaldo e se filia ao PSDB dia 20 para disputar prefeitura
Marçal Filho aceitou convite e vai se filiar ao PSDB na convenção estadual, dia 20 deste mês (Foto: Arquivo)

O ex-deputado federal Marçal Filho vai regressar ao PSDB quase duas décadas após deixar o ninho tucano. A convite do governador Reinaldo Azambuja, o radialista douradense assina ficha de filiação no dia 20 deste mês em Campo Grande.

Sem conseguir se reeleger para a Câmara Federal no ano passado, Marçal chegou a afirmar no microfone de sua rádio, um dia após a derrota, que nunca mais disputaria um cargo eletivo. Entretanto, deve ser o candidato do PSDB à prefeitura de Dourados em 2016.

Marçal Filho confirmou nesta sexta-feira que vai se filiar ao partido do governador e disse que o ato do dia 20, durante convenção estadual do partido, será apenas simbólico, pois a intenção é realizar um grande evento em Dourados, para marcar seu regresso ao PSDB.

A confirmação da filiação do radialista ao partido de Reinaldo Azambuja ocorre quatro dias depois de fracassar a tentativa do ex-governador André Puccinelli de manter Marçal no PMDB. Na segunda-feira André esteve em Dourados e conversou com Marçal Filho, mas ele manteve a decisão de deixar a legenda peemedebista.

Com a saída de Marçal, diminui a disputa interna que existe no PMDB douradense quanto ao candidato a prefeito no ano que vem. Agora só existem dois pré-candidatos – a vereadora Delia Razuk e o deputado federal Geraldo Resende. Entretanto, Delia já admite a possibilidade de também deixar o partido.

Ditadura – Na segunda-feira, Marçal disse ter informado ao ex-governador que o principal motivo para deixar o PMDB seria o conflito com Geraldo Resende: “Temos aqui um ditador, que há dois anos diz que é candidato, assim não se constrói nada”.

Geraldo Resende, que comanda o diretório do PMDB em Dourados, culpou a falta de articulação política de Marçal: “Há 23 anos não temos candidato. Neste período, o suplente de deputado foi presidente do partido por mais de 10 anos e não conseguiu construir uma candidatura”.
 

Nelsinho ‘rompe relação’ com André e deixa o PMDB

O ex-prefeito de Campo Grande Nelsinho Trad seguiu o conselho doo irmão caçula, Fábio Trad e “rompeu a relação” com o ex-governador André Puccinelli (PMDB) inciada em 1992, quando Nelsinho foi convencido por André a sair candidato a vereador em Campo Grande,

Nelsinho Trad e André Puccinelli foram aliados por 24 anos
Nelsinho Trad e André Puccinelli foram aliados por 24 anos

Naquela época André era deputado estadual e queria ter um candidato forte na Capital. Um dos argumentos apresentados por André, estava o fato dele ser deputado do interior e precisar um vereador na Capital., somado a isso ele disse a Nelsinho que o trabalho seria para ele ter mais votos do que Guy Machado, filho do ex-deputado Londres Machado, adversário político do ‘italiano’, desde Fátima do Sul.

Nelsinho foi segundo mais votado e ajudou a calçar a trilha de André, eleito prefeito em 1996, quando Nelsinho se reelgeu, chegou a presidência da Câmara até ser eleito o deputado estadual mais votado do Estado em 2002. Esses primeiros mandatos Nelsinho exerceu pelo PTB, mas tinha em André seu ‘padrinho’ político.

Eem 2003, Nelsinho ingressou no PMDB. Começou pavimentar sua candidatura para ser o candidato do partido a prefeito de Campo Grande, e foi eleito duas vezes seguidas. Em 2004 e 2008.

Na útlima quarta-feira durante entrevista ao programa Tribuna Livre da FM Capital , Puccinelli culpou Nelsinho pela derrota do partido nas eleições do ano passado. Ele andou pouco e teve município que sequer visitou’, disparou.
Hoje Nelsinho emitiu uma nota em seu Facebook respondendo as declarações do ex-padrinho. Em um trecho da nota, o ex-prefeito disse que “na vida é muito melhor ser traído, do que ser o traidor”.

Leia a nota:

Não me surpreendi com a declaração do ex-governador André Puccinelli colocando toda a culpa em mim pela derrota do PMDB (nosso partido) na última eleição. Não sou de tentar encontrar culpados das derrotas no decorrer da minha vida. Pelo contrário, procuro sempre enxergar onde se cometeram os erros para que as lições da derrota possam se tornar armas para as futuras vitórias. Realmente não visitei todos os 79 municípios de MS, mas fui pessoalmente em 68 e, na grande maioria das vezes, acompanhado apenas e tão somente do meu companheiro Francisco Pierette.

Participei de milhares de reuniões, e posso afirmar a todos vocês que, em muitas delas, mesmo estando ao meu lado, o ex-governador André Puccinelli sequer mencionou o meu nome. O que faltou para mim foi ter a percepção de que estava totalmente abandonado, e que, aqueles que deveriam estar mais próximos e empenhados na vitória do partido PMDB, foram os primeiros a virarem as costas e a traírem. Traíram não só a mim, mas o PMDB. Mas quero aqui, ao fazer este desabafo, deixar uma mensagem a todos vocês: na vida é muito melhor ser traído, do que ser o traidor.


 


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

POLICIA
Diversos

Dois detentos fogem e um é morto por colegas em presídio da fronteira

Policiais socorrem detento esfaqueado por outros internos após fuga em presídio de Pedro Juan Caballero (Foto: Leo Veras/Ponta Porã Digital)Policiais socorrem detento esfaqueado por outros internos após fuga em presídio de Pedro Juan Caballero (Foto: Leo Veras/Ponta Porã Digital)

Um detento foi morto e dois fugiram entre a madrugada e a manhã desta sexta-feira, dia 12 de junho, do presídio de Pedro Juan Caballero, cidade paraguaia que faz fronteira com Ponta Porã, em Mato Grosso do Sul. O diretor da unidade já foi afastado e a cadeia vai passar por intervenção das autoridades do país vizinho.

De acordo com a polícia do Paraguai, durante a madrugada, os detentos Oscar Daniel Recalde Ramirez e Fabio Perez Deniz, condenados por homicídio, conseguiram fugir do presídio de forma ainda não esclarecida.

Segundo o site Campo Grande News, na manhã desta sexta-feira, o promotor público Balta David Martinez foi ao presídio para investigar a fuga, quando começou uma briga generalizada entre os presos.

O detento Ruben Dario Villalba foi ferido com vários golpes de faca. Ele chegou a ser socorrido por policiais que acompanhavam o promotor, mas morreu por volta de 8 horas no hospital de Pedro Juan Caballero.

02

PM prende três homens e uma mulher suspeitos de tráfico de drogas
 
Divulgação
Ampliar
Os suspeitos foram presos em locais diferentes da Capital
Quatro pessoas suspeitas de tráfico de drogas foram presas ontem (11) em dois locais diferentes de Campo Grande. Dois homens foram detidos no Jardim São Conrado, enquanto que um casal, natural de Bela Visa, sudoeste do Estado, foi preso na avenida Gunter Hans.

Segundo informações da ocorrência policial, Emerson Inácio Caviglioni, de 40 anos, e Anderson Prates da Silva, de 29, trafegavam pela rua Pedra Negra no momento em que foram abordados pela PM. Durante a revista, os policiais encontraram vários tabletes de cocaína no veículo.

Eles afirmaram aos PMs que não sabiam da existência do entorpecente. A polícia verificou os aparelhos celulares deles e encontrou ligações entre eles. 

Emerson confessou e disse que pegou o entorpecente na casa do amigo, mas Anderson assegurou ter ligado para o comparsa apenas para tratar sobre a compra e venda de pneus.

Já na Gunter Hans, a PM prendeu Sandra Maria Padoin, de 37anos, e Luiz Sérgio da Silvas dos Santos, de 35. Os agentes foram informados de que um casal de Bela Vista estaria levando droga na Capital.

Luiz concordou que os policiais fizessem um busca no veículo, afirmando que não haveria drogas, mas os militares encontraram cerca de 3 quilos de cocaína dentro de uma bateria, que estava no banco traseiro do carro. O homem confessou o tráfico, mas a esposa assegurou que não sabia de nada.

Os quatro foram presos em flagrante pelo crime de tráfico de drogas e encaminhados à Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) do Bairro Piratininga.

Diputado Lezcano pide que De Souza sea trasladado de Tacumbú

 

 

El diputado colorado Marcial Lezcano pidió en la sesión ordinaria de la Cámara Baja de este miércoles, que el traficante Ezequiel de Souza sea trasladado a otro centro penitenciario ya que "su vida corre peligro". El legislador es amigo y aliado político de  "Chicharõ" Sánchez, quien difundió el polémico audio.


Lezcano, quien no acostumbra a realizar intervenciones en las sesiones, pidió el uso de la palabra para referirse a la grabación que trascendió días atrás y que involucra a los senadores Arnoldo Wiens (ANR) y Arnaldo Giuzzio (PDP), y al titular de la Secretaría Nacional Antidrogas (Senad), Luis Rojas.

Sobre este último, dijo que es representante de la corrupción en la institución que dirige y habló de una "estructura poderosa" que respondería a los intereses de los hombres de peso del narcotráfico.

El legislador mostró un gráfico que muestra la supuesta red de corrupción que maneja la lucha antidroga en nuestro país.

Indicó que "llamativamente" un grupo de funcionarios cercanos a Luis Rojas ascendió a cargos de jefatura después de noviembre del 2014, fecha en la que se grabó la conversación con Ezequiel de Souza. Sobre el traficante, dijo que lo mejor es trasladarlo a otro centro penitenciario ya que "su vida corre peligro".

El diputado es frecuentemente sindicado por tener nexos con el tráfico de drogas en el departamento del Amambay. Al respecto dijo que nunca fue citado a declarar en el Ministerio Público y afirmó que los fiscales "no tienen autoridad sobre el ciudadano común".

Cadáver é encontrado boiando no Rio Paraná

 

Foz do Iguaçu - PR- O corpo de um homem ainda não identificado foi encontrado boiando por pescadores no Rio Paraná no fim da tarde desta quarta-feira (10). O flagrante se deu defronte ao Bertoni, a cerca de 10 km abaixo do Marco das Três Fronteiras. Os pescadores decidiram então amarrar o corpo em uma pedra às margens do rio, no lado argentino e, devido ao pôr-do-sol, retornaram para o Brasil. Segundo informações, o cadáver apresentava várias perfurações por arma de fogo e aparentava estar na água há pelo menos 24 horas.  (Foto: Tribuna Popular)

Suposto membro do PCC é preso em Foz

Policiais Civis da 6ª Subdivisão Policial das cidades de Medianeira e Santa Helena, com apoio da Denarc, Núcleo de Foz do Iguaçu, prenderam no início da noite da última terça-feira (9) um fugitivo da cadeia da cidade de Santa Helena. Segundo o delegado, Denis Zortea, devido a sua periculosidade, não foram medidos esforços por parte das forças policiais para a captura do preso.

Cristiano Alves Rolim, que se intitula membro fã da organização criminosa PCC, foi preso no bairro Copacabana, em Foz do Iguaçu. "Cristiano" foi um dos mentores da fuga em massa que foi evitada na carceragem da Delegacia de Polícia Civil de Medianeira no último dia 1 de junho, onde um túnel já havia sido cavado pelos presos.

Após a descoberta do túnel em Medianeira, Cristiano foi transferido para a cidade Santa Helena, de onde fugiu na noite do último domingo (7). Cristiano responde pelos crimes de furto, tráfico de drogas, roubo e falsidade ideológica. Em seu histórico consta fuga da PEFI de Foz, da PEP de Piraquara e duas vezes da cadeia de Santa Helena. Sobre forte esquema de segurança, Cristiano Alves Rolim foi encaminhado à cadeia de Santa Helena, onde ficará à disposição da Vara de Execuções Penais


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

AMAMBAI
Diversos

Campanha do Dia dos Pais é lançada em Amambai

A campanha “Paizão Nota 10” sorteia uma moto e mais sete prêmios

O lançamento contou com a presença de autoridades e membros da diretoria da Acia  Foto: Moreira Produções

O lançamento contou com a presença de autoridades e membros da diretoria da Acia Foto: Moreira Produções

Amambai (MS) – Foi realizada na tarde desta sexta-feira (12), no salão de eventos da Associação Comercial e Empresarial de Amambai (Acia), a solenidade de lançamento da campanha “Paizão Nota 10”. A campanha é realizada pela Acia em parceria com a Prefeitura de Amambai, com apoio das empresas que aderirem a campanha.

O premio principal será uma moto 0 Km. Além da moto, serão sorteados um relógio, um kit churrasco, uma caixa térmica, um kit pescaria e uma bicicleta. Também serão sorteados um prêmio em dinheiro no valor de R$ 500,00, para o atendente da pessoa sorteada com a moto, e uma TV 32” entre as empresas participantes.

Os comerciantes interessados em participar da campanha devem adquirir o kit promocional na secretaria da Acia. O valor do kit com 1.000 cupons é de R$ 130,00, kit com 2.000 é de R$ 180,00, kit com 5.000 cupons é de R$ 400,00 e o kit com 10.000 cupons é de R$ 700,00. As lojas participantes estarão bem identificadas com cartaz anunciando a campanha.

De acordo com a direção da Acia, a expectativa é distribuir cerca de 200 mil cupons no comércio local. O sorteio vai acontecer no dia 08 de agosto, às 19h30, na sede da Acia.

Estiveram presentes o prefeito municipal, Sérgio Barbosa; o presidente do legislativo, vereador Jaime Bambil; presidente da Acia, empresário Azor Cleodemar de Assis; vereador David Nicoline e membros da diretoria da Acia.

Poesia, de autoria do médico Diobelso, vence Concurso Nacional da Poesia

Fonte: Da Assessoria, com edição da Redação  AN

O autor do poema vencedor, Diobelso Teodoro de Souza, é médico e reside atualmente em Florianópolis / Foto: Divulgação O autor do poema vencedor, Diobelso Teodoro de Souza, é médico e reside atualmente em Florianópolis / Foto: Divulgação

Amambai (MS) - Foram divulgados na quinta-feira (11), no teatro Aracy Balabanian do Centro Cultural José Octávio Guizzo, os vencedores da “27ª Noite Nacional da Poesia”, realizada pela União Brasileira de Escritores de Mato Grosso do Sul em parceria com a Fundação de Cultura da Prefeitura de Campo Grande.

O autor do poema vencedor, Diobelso Teodoro de Souza, é médico e reside atualmente na Grande Florianópolis, mas atuou por muitos anos no município de Amambai. Hoje com 56 anos, é autor de Cinzas Frias dos Poemas em Brasas (1995) e O Que Ficou de Miro Duarte (2000). Atualmente escreveu dois livros que serão publicados em 2016: Os Pertences do Mar e Os Orvalhos da Quarta Linha.

Segundo Diobelso, existe apenas uma meta que quer conquistar na literatura: ser um poeta como Davi, que foi um homem segundo o coração de Deus. Confira abaixo o poema vencedor:

O evento

Puderam se inscrever gratuitamente, até o dia 22 de maio, poetas de todo o País, sem limite de idade e com temática livre, inscrevendo apenas um poema inédito. A premiação, pelo mérito literário, é de R$ 1.500,00 ao primeiro colocado, R$ 1.000,00 para o segundo e R$ 700,00 para o terceiro.

A Noite Nacional da Poesia de Campo Grande faz parte do calendário oficial de Literatura do Brasil, acontece anualmente em junho, e recebe inscrições de todos os estados.

A programação da Noite constou da entrega da premiação aos vencedores do Concurso Nacional, apresentações artísticas e, por último, a palestra de João Gilberto Noll, renomado escritor gaúcho convidado, com vasta obra literária.

Involuções

Interesso-me, especialmente,
Por conferências de aves mutantes
Que se assentam nos parapeitos
De janelas fáceis dos quintais.

Costumo comparecer, quando posso,
Em importante reuniões
De bichos isolados do cerrado.

Para combinações de cantos e involuções
De suas danças primitivas, rasteiras.

Tentando ludibriar
Os abandonos da noite.

Semed de Amambai participa de encontro estadual da educação infantil em Campo Grande

Fonte: Da Assessoria

As professoras Célia Chaparro Miranda (E), Jaqueline Michelson (D) e a secretária de Educação Vera Lorensetti estiveram participando / Foto: Assessoria As professoras Célia Chaparro Miranda (E), Jaqueline Michelson (D) e a secretária de Educação Vera Lorensetti estiveram participando / Foto: Assessoria

Amambai (MS) - A Organização Mundial para Educação Pré-Escolar (OMEP/BR/MS) realizou nos dias 4, 5 e 6 deste mês, na cidade de Campo Grande, o 26° Encontro Estadual de Educação Infantil.

O evento teve o intuito de proporcionar o intercâmbio entre as diversas instituições ligadas a educação infantil possibilitando discussões em prol do desenvolvimento da criança/aluno, sujeito de direitos, bem como favorecer a reflexão sobre os desafios da educação da infância e sua especificidade referente à formação e à atuação dos profissionais nos diversos espaços onde acontecem a educação formal.

Amambai esteve presente no Encontro através da Secretaria Municipal de Educação (Semed), com as professoras Célia Chaparro Miranda, Jaqueline Michelson e Vera Lorensetti, secretária municipal de Educação

Nos dias 4 e 5, aconteceram diversas palestras com interesse focado para a Educação Infantil e, no dia 6, aconteceram 30 oficinas pedagógicas.

A secretária de Educação, professora Vera Lorensetti, pontuou a qualidade das formações oferecidas pela Semed. A secretária de Educação, professora Vera Lorensetti, pontuou a qualidade das formações oferecidas pela Semed.

Oficina Contando Histórias, Colorindo Vidas

Amambai realizou a oficina com o tema “Contando Histórias, Colorindo Vidas”, ministrada pela assessora pedagógica da educação infantil, Célia, e pela professora Jaqueline Michelson. O trabalho apresentado teve repercussão positiva por parte das participantes e pelos organizadores do evento.

Segundo a coordenadora Célia, o evento proporcionou troca de experiências entre os educadores e oportunizou a divulgação do projeto realizado com as profissionais em educação infantil do município, no ano de 2013, em âmbito estadual.

A secretária de Educação, professora Vera Lorensetti, pontuou a qualidade das formações oferecidas pela Semed. “Recebemos como uma forma de reconhecimento esta oportunidade de repassar aos outros municípios o que desenvolvemos com em prol a formação dos nossos profissionais”, conclui.


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

DA HORA
Diversos

Carros com placas paraguaias são tema de discussão

 - A Associação Comercial e Industrial de Foz do Iguaçu (ACIFI) convocou para esta quinta-feira , no auditório da entidade, uma reunião multilateral para discutir o uso de veículos com placas paraguaias por parte de brasileiros e empresas brasileiras.

Imagem: Divulgação / ACIFI

De acordo com a assessoria da ACIFI, participarão do encontro representantes de órgãos públicos como a Receita Federal do Brasil (RFB), Polícia Rodoviária Federal (PRF), Polícia Federal (PF), Polícia Militar (PM), Guarda Municipal (GM) e Instituto de Trânsito de Foz do Iguaçu (FOZTRANS).

A reunião atende ao pedido de concessionárias e distribuidoras de motos e carros da Terra das Cataratas, que há anos contabilizam prejuízos com a prática irregular de aquisição de veículos no país vizinho, por brasileiros sem residência ou arraigo no Paraguai, para uso cotidiano no lado de cá da fronteira.

Queremos apresentar estudos que demonstram a utilização indiscriminada desses veículos emplacados fora do País, principalmente no Paraguai, e que trazem prejuízos não somente a comerciantes deste segmento em Foz, mas também em diversas cidades do Estado”, pontualizou a presidente da ACIFI, Elizangela de Paula Kuhn.

Outra preocupação, expressada por Mário Alberto Camargo, diretor de Comércio Exterior, é quanto à unificação do emplacamento de veículos entre os países do Mercosul, prevista para ter início em 2016, tal como definido no mês de dezembro pelos governos de Brasil, Paraguai, Argentina e Uruguai.

Precisamos de uma legislação clara e precisa sobre esse assunto. É isto que devemos reivindicar”, afirmou Camargo. Em Foz do Iguaçu, é comum o uso de carros e motos paraguaias por brasileiros que adquirem, no país vizinho, veículos pela metade do valor de mercado em território nacional.

Por Guilherme Wojciechowski -

Hace 80 años, las armas callaron sus estruendos de muerte en el Chaco

 

 

Símbolo. Un oficial paraguayo y otro boliviano se dan la mano frente al hito que marca la frontera entre los países.

Histórico. La tapa del diario El Orden, del 12 de junio de 1935, anticipaba la firma del acuerdo y el fin de

@andrescolman

"Al mediodía llega al frente la noticia. Callan los cañones. Se incorporan los soldados, muy de a poco, y van emergiendo de las trincheras. Los haraposos fantasmas, ciegos de sol, caminan a los tumbos por campos de nadie, hasta que quedan frente a frente el regimiento Santa Cruz, de Bolivia, y el regimiento de Toledo, del Paraguay: los restos, los jirones...".

Así relata, con mucho dramatismo literario, el recientemente fallecido escritor uruguayo Eduardo Galeano, el momento en que finalizó el combate entre los ejércitos de Paraguay y de Bolivia, luego de tres años de la Guerra del Chaco, al mediodía del 14 de junio de 1935, en un desolado camino entre Villamontes a Boyuibe.

"Las órdenes recién recibidas prohíben hablar con quien era enemigo hasta hace un rato. Solo está permitida la venia militar; y así se saludan. Pero alguien lanza el primer alarido y ya no hay quien pare la algarabía. Los soldados rompen la formación, arrojan las gorras y las armas al aire y corren en tropel, los paraguayos hacia los bolivianos, los bolivianos hacia los paraguayos, bien abiertos los brazos, gritando, cantando, llorando, y abrazándose ruedan por la arena caliente...".

La descripción de Galeano, en su obra Memoria del fuego, se basa en los testimonios de un autor boliviano Roberto Querejatzu Calvo (Masamaclay. Historia política, diplomática y militar de la Guerra del Chaco) y del propio presidente de la época, Daniel Salamanca, (Documentos para una historia de la Guerra del Chaco), que coinciden con el relato que también hacen los excombatientes paraguayos.

BATALLA. Llegar al histórico Día de la Paz del Chaco –que se recuerda cada 12 de junio– supuso una ardua batalla diplomática, que se libró en forma paralela al combate por las armas.

 

 

      Embed

Tras un largo conflicto por los límites de territorios entre Paraguay y Bolivia, principalmente sobre el dominio de la árida región del Chaco Boreal, la guerra había estallado tras una serie de incidentes entre tropas bolivianas y paraguayas, como la del Fortín Sorpresa, en febrero de 1927, donde perdió la vida el teniente paraguayo Adolfo Rojas Silva.

La contienda se libró desde el 9 de setiembre de 1932 hasta el 14 de junio de 1935. Bolivia movilizó a unos 250.000 soldados y Paraguay como a 120.000. Los enfrentamientos dejaron cerca de 60.000 muertos en filas bolivianas y 30.000 en las filas paraguayas, además de gran cantidad de heridos, mutilados y desaparecidos.

"Los dos pueblos más pobres de América del Sur, los que no tienen mar, los más vencidos y despojados, se aniquilan mutuamente por un pedazo de mapa", retrata Eduardo Galeano.

El célebre historiador Eric Hobsbawn sostiene que la guerra entre Paraguay y Bolivia fue "un epílogo de la primera Guerra Mundial" y se refiere a ella como "una de las más sangrientas del siglo XX".

LA PAZ. "Buenos Aires, 12. A las doce horas treinta y tres minutos, hora local, se ha firmado el Protocolo que provisionalmente da fin a la Guerra del Chaco" publicaba un despacho del diario La Vanguardia, de Barcelona, España, el 13 de junio de 1935.

"El documento firmado, que tiene valor de armisticio, dice que las dos naciones firmantes, Paraguay y Bolivia, se comprometen a hacer cesar todas las hostilidades en el término de cuarenta y ocho horas después de la firma, es decir, el viernes al mediodía. La noticia de haberse firmado el Protocolo ha causado en Buenos Aires gran satisfacción", añadía el corresponsal desde Argentina.

El acuerdo se firmó tras una conferencia de cancilleres que duró varios días, convocada por el canciller argentino Carlos Saavedra Lamas, con la participación protagónica del canciller paraguayo Luis Riart y el boliviano Tomás Manuel Elio, acompañados por el canciller brasileño José De Macedo Soares. La firma del Protocolo de Paz se hizo con participación del presidente argentino Agustín P. Justo, en el salón blanco de la residencia presidencial bonaerense.

"Se firmó la paz" fue el destacado título del diario paraguayo El Orden, en su edición del 12 de junio. "Según las últimas informaciones, el viernes (14) deberán cesar las hostilidades en todo el Chaco Boreal", añadía.

La noticia provocó celebraciones de júbilo en Asunción y en La Paz, así como en otros pueblos y ciudades del Paraguay y Bolivia.

EL ABRAZO. Poco antes del mediodía, en las trincheras cercanas a Villamonte hubo en fuerte estruendo de tiroteos de fusiles y cañonazos al aire, desde el frente boliviano.

Varios soldados paraguayos relatan que permanecieron ocultos, pegados a la tierra, tratando de que no les alcance ningún proyectil, esperando que llegue la hora señalada.

Al mediodía cesó el fuego y se impuso un silencio sepulcral, en medio de una picante nube de pólvora y humo, seguido por algunos gritos.

"Subimos encima de la trinchera nosotros y ellos también (los bolivianos), y después de un momento de pausa, de un momento angustioso sin saber qué hacer, empezamos a caminar hacia la 'tierra de nadie' y ellos hacia nosotros", recuerda en un relato oral el excombatiente Heriberto Giménez.

La posición paraguaya distaba a unos 500 metros de la posición boliviana. "Cuando en el campo de nadie nos encontramos frente a frente con el enemigo, con el que luchamos tres años y con el que nos matamos, ahí, en ese momento, después de esa lucha tremenda de los tres años, se nos ocurrió y nos abrazamos con los enemigos", rememora el excombatiente.

EL FINAL. Actualmente, de los cerca de 90.000 combatientes que sobrevivieron a la contienda, ya solo quedan vivos unos 518 chacoré. Son los últimos guerreros, la mayoría ya en el ocaso de sus vidas, con edades que sobrepasan los 90 y los 100 años. Se trata de la remesa de los más jóvenes que acudieron a la guerra, cuando tenían edades aún de niños o adolescentes.

"Uno va a la guerra para matar o morir, pero lo mejor de todo es vivir", dice Romualdo González de 101 años de edad, uno de los últimos excombatientes del Chaco, residente en Mayor Martínez, Ñeembucú. Poco a poco, la tierra por la que pelearon, los va acogiendo en su seno

COPA MORENA

CAA empata e se classifica para as oitavas da Copa Morena 2015

Próximo adversário será o Sport 10, de Ponta Porã, que passou por Dois Irmãos do Buriti.

Clique na Imagem para ampliá-la

Diante de um ginásio lotado que incentivou o time do começo ao fim, o CAA/Santa Rosa jogou com o regulamento embaixo do braço e colocou Amambai entre as 16 melhores equipes de futsal de Mato Grosso do Sul. Próximo adversário será Ponta Porã, dia 16. (Fotos: Vilson Nascimento)

@@START_COMMENT Fecha IF id da Notícia @@END_COMMENT

Vilson Nascimento

Jogando em casa e com ginásio lotado à favor, com gols de Gabriel no primeiro tempo e Valter Vilhalva no segundo, o CAA/Santa Rosa, de Amambai, empatou em 2x2 com Brasilândia na noite dessa sexta-feira, 12 de junho, “Dia dos Namorados”, e avançou para as quartas-de-final da Copa Morena de Futsal 2015, considerada a maior competição do salonismo do Centro-Oeste brasileiro.

Os dois gols de Brasilândia na partida foram marcados pelo jogador camisa sete, Gilvan.

O próximo adversário a equipe amambaiense no certame estadual será a equipe do Sport 10, de Ponta Porã, que também na noite dessa sexta-feira, com gol do jogador Ronaldo Centurion, bateu Dois Irmãos do Buriti por 1x0, jogo realizado na cidade de Dourados.

CAA/Santa Rosa e Sport 10 já se enfrentaram duas vezes este ano em amistosos de preparação para a Copa Morena.

A primeira partida em Ponta Porã terminou empatada em 2x2 e no jogo de volta, realizado na poliesportiva antiga, em Amambai, deu a equipe visitante pelo placar de 1x0.

Apesar do equilíbrio nos amistosos contra a equipe pontaporanense, o técnico da representação de Amambai, Júnior Peroli, que tem a experiência de um vice e um terceiro lugar em edições anteriores da Copa Morena e é o atual campeão estadual de futsal, não vê com o confronto com preocupação.

Para Júnior Peroli os resultados dos amistosos não servem de parâmetro, tendo em vista que ele ainda não estava com sua equipe completa.

O jogo entre CAA/Santa Rosa e Sport 10 de Ponta Porã pela competição estadual, que começou com 78 equipes agora restam apenas 16, vai acontecer no dia 26 de deste mês (junho), uma sexta-feira, com sede ainda a ser definida.

O prefeito de Amambai, Sérgio Diozébio Barbosa, que ao lado do presidente da Câmara Municipal local, vereador Jaime Bambil, esteve presente no Ginásio de Esportes Flávio Derzi acompanhando a fase do certame na noite dessa sexta-feira, demonstrou interesse em trazer a próxima fase do certame para o município novamente. A organização da Copa Morena disse que Amambai tem prioridade em sediar, por já ter sediado uma fase.

Apoio da torcida

Se o time não teve o desempenho esperado, ou seja, vencer com facilidade levando em consideração o peso do elenco que tem, fora de quadra a torcida que atendeu ao chamado, lotou as dependências do Ginásio de Esportes Flávio Derzi e empurrou o CAA/Santa Rosa do começo ao fim do jogo, que também teve transmissão ao vivo pela rádio comunitária Auxiliadora FM, de Amambai.

O elenco do CAA/Santa Rosa no empate em 2x2 com Brasilândia foi composto pelos goleiros, Renan e Jackson, os jogadores, Afeife, Gabriel Vilhalba, Amarildo, Valter Vilhalva, Cristian, Fubica, Rodriguinho, Félix, Rafael Toledo, Buiú e Fernando.

Brasilândia veio à quadra com os goleiros, Aranha e Jan e os jogadores de linha, Gilson, Gil, Cesinha, Maurílio, Edilso e o Gilvan, autor dos dois gols.

Campo Grande bateu Bodoquena e se classificou

Antes do confronto CAA/Santa Rosa e Brasilândia, a equipe da Construmac, de Campo Grande, venceu Bodoquena pelo placar de 5x3 e também avançou para as oitavas-de-final da Copa Morena de Futsal 2015.

Os gols da Construmac foram marcados por Hercules (duas vezes), Alessandro (duas vezes) e Alex Pinnheiro. Marcaram para Bodoquena, Jederson, Geovane e Murilo.

Veja resultados dos jogos da fase em Amambai:

Sexta-feira- dia 12 de junho

20h- Construmarc/Campo Grande 5x3 Bodoquena

21h- CAA/Santa Rosa 2x2 Brasilândia

Sexta-feira- dia 26 de junho

CAA/Santa Rosa x Sport 10/Ponta Porã- local à definir

Copa América viernes 12 de junio de 2015

Ramón Díaz: "Vamos a cortar los circuitos en torno a Messi"

Ramón Díaz, DT de Paraguay, asumió que una de las metas de su combinado es "cortar los circuitos" en torno a Lionel Messi, astro de Argentina, y aseveró que están preparados "física y mentalmente".

"Queremos que Messi para que reciba lo menos posible", manifestó hoy Díaz, en la ciudad chilena de La Serena, donde Paraguay se mide mañana a Argentina en su primer partido de la Copa América.
Queremos que Messi para que reciba lo menos posible", manifestó hoy Díaz, en la ciudad chilena de La Serena, donde Paraguay se mide mañana a Argentina en su primer partido de la Copa América.

"Me sorprendió mucho este equipo por la actitud, las ganas, la concentración. Tienen mucha experiencia, mucha categoría", señaló el técnico argentino, que asumió el cargo en el 2014, en medio de una crisis de resultados que se dio después del subcampeonato en la Copa América del 2011.
PUBLICIDAD

Para Díaz, leyenda del River Plate argentino, el equipo está preparado, ya sea mentalmente y físicamente. "Los veintitrés llegan en condiciones muy buenas, que se quedan tranquilos, que vamos a hacer un buen partido", dijo.

Pidió "no dar espacio" al rival e imprimir "intensidad" al juego del combinado guaraní.

Díaz resaltó que "el equipo está creyendo en sí mismo" y apeló a la "fuerza" del grupo para contrarrestar a una selección argentina de sobra conocida.

Elogió el papel de los veteranos Justo Villar, Paulo da Silva y Roque Santa Cruz, pues, comentó, inculcan a los más jóvenes tranquilidad.

A Santa Cruz, de 33 años, Díaz le pidió que hiciese lo mismo ante el último amistoso contra Honduras: marcar dos goles.

El seleccionador de Paraguay también confirmó que el extremo Derlis González, que tuvo un golpe en el entrenamiento de hoy, "está a pleno" y ultima su recuperación.

Díaz, de 55 años, fue preguntado dos veces sobre las duras críticas a su trabajo que le vertió el legendario internacional paraguayo José Luis Chilavert. "Esto es al margen de lo que es nuestro entorno", comentó. EFE
 

Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

ELEIÇÕES
Diversos 11h19

Focado em 2016, PSDB encosta no PT com adesão de mais um prefeito em MS Partido também pode ter em seus quadros o ex-prefeito de Corumbá, Ruiter Cunha

Chefe da Casa Civil, Sérgio de Paula

Chefe da Casa Civil, Sérgio de Paula

O comando regional do PSDB deve anunciar em breve a adesão do prefeito de Figueirão, Rogério Rosalin, eleito pelo PR, atingindo assim o mesmo número – 14--  de municípios controlados pelo PT, um de seus principais adversários em Mato Grosso do Sul. 


A adesão de Rosalin ao PSDB foi revelada na noite de ontem pelo secretário Sérgio de Paula (Casa Civil), principal articulador político do governo, em entrevista exclusiva ao site Conjuntura Online. 


Liderado pelo governador Reinaldo Azambuja, o partido também pode ter em seus quadros o ex-prefeito de Corumbá, Ruiter Cunha, pré-candidato ao cargo no próximo pleito.  


Ruiter tem audiência marcada com Sérgio de Paula nesta sexta-feira, para discutir o processo sucessório em Corumbá, uma vez que seu desejo é enfrentar o atual prefeito Paulo Duarte (PT) nas eleições de 2016 com o apoio de Reinaldo Azambuja. 


A meta da cúpula tucana, segundo Sérgio de Paula, é conquistar o maior número de prefeituras e eleger vários vereadores nas eleições municipais do ano que vem.  


 

Rose Modesto tem apoio de Reinaldo na Capital

Rose Modesto tem apoio de Reinaldo na Capital

Há dias, o PSDB ampliou o número de prefeitos, passando dos 11 eleitos para 13 com o anúncio das filiações de Cacildo Pereira (Santa Rita do Pardo) e Yuri Valeis (Sonora), egressos do PRP e do PR.  


Agora com 14 prefeitos, com a adesão de Rogério Rosalin, o PSDB começa a ganhar mais musculatura em torno do fortalecimento de suas bases eleitorais visando a campanha do ano que vem, em Campo Grande e no interior do Estado. 


Pelo que o partido projeta, essas adesões são apenas as primeiras de uma série que a cúpula regional pretende oficializar até setembro deste ano – data-limite de filiação estabelecida pela legislação eleitoral para quem deseja postular cargos eletivos em 2016.


Apesar de manter a cautela em torno das discussões sobre a disputa do ano que vem, os principais dirigentes da legenda se articulam para vencer as eleições em cidades estratégicas, incluindo a Capital, Dourados, Corumbá, Três Lagoas e Ponta Porã. 


A vice-governadora Rose Modesto é uma das opções do PSDB para disputar a sucessão do prefeito Gilmar Olarte (PP), assim como o ex-deputado federal Marçal Filho pode representar o grupo em Dourados; Ruiter, em Corumbá, e o deputado estadual Ângelo Guerreiro, em Três Lagoas. 


Novas filiações nos quadros tucanos devem ser anunciadas durante a convenção que o partido fará em Campo Grande no próximo dia 20 para escolher os novos membros do diretório regional. 


Antes dessas adesões, o PSDB contava com os prefeitos Silas José da Silva (Água Clara), Luiz Antonio Milhorança (Angélica), Pedro Caravina (Bataguassu), Alberto Luiz Sãoverso (Batayporã), Júnior Vasconcelos (Fátima do Sul), Roberto Arcoverde (Iguatemi), Ricardo Favaro Neto (Itaquiraí), Juvenal Neto (Nova Alvorada do Sul), José Domingues Ramos, o Zé Cabelo (Ribas do Rio Pardo), Ari Basso (Sidrolândia) e Roberto Almeida (Taquarussu). 


CONFRONTO 


A previsão é que a campanha do próximo ano envolva muitas negociações e deva ocorrer por um confronto direto entre PSDB e PMDB, que também já deu início as conversações em torno da indicação de seu representante no pleito.


Fragmentado após a derrota para o governo em 2014, o PMDB ainda não tem uma definição sobre o seu candidato a prefeito na Capital e corre o risco de ficar sem o deputado estadual Marquinhos Trad -- campeão de votos em 2014, que deseja disputar a Prefeitura por outro partido. 


No PT, o deputado federal Zeca do PT e o deputado estadual Pedro Kemp manifestaram o interesse pelo cargo, mas ainda dependem de entendimentos dentro do partido em torno de um consenso. 

10h40

RAFAELA CARMONA: ‘FICAR NUA É ESTAR EM CONTATO COM A NATUREZA COMO ELA É’ Nascida em Porto Alegre, a gaúcha de 22 anos mora hoje no Rio e é adepta do naturismo: 'No lugar certo e com as pessoas certas, é uma experiência linda'

Foto: Dani Botelho // Modelo: Rafaela CarmonaFoto: Dani Botelho // Modelo: Rafaela Carmona

Rafaela Carmona

Cidade natal: Porto Alegre
Mora no Rio de Janeiro
Signo: Leão
Idade: 22 anos
Altura: 1,65

Você parece ser uma mulher com corpo natural. Sem silicone, sem músculos exagerados…
Acho que ser mais natural é o que mais aproxima as pessoas de mim. E eu também me interesso por pessoas que não passam horas numa academia em busca do corpo perfeito. Gosto de quem tem mais com o que se preocupar do que só com a estética. E assim espero que sejam as pessoas que se interessem por mim também.

Suas fotos foram em uma praia. Você já foi a alguma praia de nudismo?
Já fui muito a um centro naturista no Rio Grande do Sul, a Colina do Sol. Foi lá onde tive minha primeira experiência com o nudismo. Ficar nua é como estar em contato com a natureza como ela é, ao natural. O olhar para os outros corpos muda muito a partir do momento que você fica pelado com frequência: eles já não têm uma conotação sexual, todos os corpos acabam se tornando iguais. No lugar certo e com as pessoas certas, é uma experiência linda, quase como uma terapia de autoaceitação do seu corpo.

Em geral, você acha que os homens se interessam mais pelas saradas?
Acho que pelas mulheres naturais, porque mulheres muito saradas podem se tornar vulgares com facilidade.

CONEXÃO INTERNACIONAL

Foto de Jorge Pacheco.

O PROGRAMA CONEXÃO INTERNACIONAL É APRESENTADO PELO JORNALISTA QUE SABE DAS COISAS- JORGE PACHECO NA FM NHU-VERÁ 100.9 E CONQUISTA 90.7, TODOS OS SABADOS A APARTIR DAS 11 HORAS. ENTREVISTA:CONSEJAL CHRISTIAN, DENISON SANCHES, GILMAR VICENTIM, , VALTER BRITO, COMANDANTE DA PM DE AMAMBAI,,DR. BANDEIRA,
, CHRISTIANO BORTOLOTTO,  CLERSON BERTELLI -ENTTRE OUTRAS.


 


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)


Página selecionada de 1328 páginas.
 Calendario de Eventos
Agosto 2015
  1
2 3 4 5 6 7 8
9 10 11 12 13 14 15
16 17 18 19 20 21 22
23 24 25 26 27 28 29
30 31  

Eventos

 Hora Certa

 Amigos do Site!

Image and video hosting by TinyPic




RondPoint Web Services Web site powered by MEGAWEB