Warning: Cannot modify header information - headers already sent by (output started at /home/correiod/public_html/index.php:1) in /home/correiod/public_html/mainfile.php on line 168
=:Correio da Fronteira:=

 Menu
 Inicio
 Registro
 Administrador
 Menu
 Torpedos
 Downloads
 Enquete
 Galeria de Fotos
 Seus Links
 Recomende-nos
 Internet_TV
 Artigos
 Internet_Radio3
 Publicações
 Conteudos
 Album
 Estatística
 Fale Conosco

· Procurar

 Radio On
Ouça Agora:
Nenhuma opção foi escolhida



<a href=''>Play Nenhuma opção foi escolhida</a>

Abrir em janela pop-up

 Previsão

 Visitas
Até o momento, recebemos
12813089
vizualizações de páginas (page views) desde July 2007

 Apoios:




REFORMA POLITICA AVANÇA
Diversos

Senado aprova PEC que muda vida de partidos e acaba com coligações

Plenário do Senado; parlamento aprovou reforma política nesta quarta - Divulgação/Arquivo

Por 69 votos a favor e nove contra, o plenário do Senado aprovou hoje (23), em segundo turno, a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) da Reforma Política. O texto segue agora para análise da Câmara dos Deputados.

A PEC estabelece uma cláusula de barreira que divide os partidos políticos em dois tipos: os com funcionamento parlamentar e os com representação no Congresso Nacional. Os primeiros serão os que obtiverem no mínimo 2% dos votos nas eleições gerais de 2018 e 3% nas de 2022. Essas legendas poderão ter acesso a fundo partidário e tempo de rádio e televisão, estrutura funcional própria no Congresso e terão direito de propor ao Supremo Tribunal Federal (STF) ações de controle de constitucionalidade.

Os partidos com representação no Congresso, mas que não superarem a barreira do número mínimo de votos, terão o mandato de seus eleitos garantido, mas perdem o acesso aos benefícios. Os políticos filiados a esses partidos terão direito de mudar de legenda sem perder o mandato. Mas, os deputados e vereadores que o fizerem não contarão no novo partido para fins de cálculo do tempo de televisão e o Fundo Partidário.

A PEC também reforça a fidelidade partidária ao estabelecer que políticos eleitos já no pleito de 2018 perderão o mandato caso se desfiliem de suas legendas. Os suplentes e os eleitos como vice perdem a possibilidade de atuar como substitutos se também mudarem de legenda.

A proposta reforça ainda a necessidade de os partidos serem fiéis aos programas que apresentarem nas eleições. A mudança em relação a esses programas constitui ressalva para que os eleitos possam mudar de agremiação sem perder o mandato.

Fim das coligações 

Além disso, a proposta acaba com as coligações partidárias para eleições. Dessa forma, os partidos não poderão mais se unir para que os votos de um candidato ajudem a eleger o candidato de outra legenda. O texto prevê, porém, a possibilidade de que, após as eleições, eles se unam em federações – no caso dos partidos com afinidade ideológica – que terão atribuições regimentais nas casas legislativas como se fossem uma legenda única. As federações poderiam ser desfeitas nas convenções partidárias e não teriam efeitos para contagem de votos nas eleições, como no caso das coligações partidárias.

Embora favoráveis à ideia do fim das coligações partidárias e da imposição de cláusulas de barreira, os partidos de oposição tentaram aprovar emendas para que o percentual de votos mínimo exigido para acesso ao tempo de televisão e rádio fosse menor. Eles tentaram reduzir o percentual para 1% nas próximas eleições, 1,5% em 2022 e 2% em 2026, mas não conseguiram aprovar a modificação. Por isso, votaram contra o projeto.

“Somos a favor da reforma política no mérito, mas, diante dessa intransigência deles [autores da PEC] em modificar um pouco a cláusula de barreira, tivemos que nos posicionar contra. Nossa proposta reduziria o número de partidos políticos para 17, apenas quatro a mais do que a proposta deles. Salvaria exatamente os partidos de mais tradição ideológica, como o PCdoB e o PPS”, afirmou a senadora Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM).

Na Câmara dos Deputados, disse a senadora, é possível que essas legendas se unam ao chamado Centrão, que agrega vários partidos pequenos, para tentar modificar a proposta ou até evitar sua votação.




Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

AMAMBA
Diversos
h39

Sindicato Rural de Amambai promove curso de Processamento de Carne de Frango

Amambai (MS)- O Sindicato Rural de Amambai (SRA) realizou, em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar), o curso Processamento Caseiro da Carne de Frango, que teve duração de dois dias divididos em 8 horas aula por dia.

Segundo a instrutora Eunice Ramalho, o curso ofereceu uma oportunidade, aos produtores que comercializam frango, de agregar ainda mais valor ao produto. "Quando se vende um frango vivo, temos um preço; mas ao vender um frango limpo já se obtém um valor mais alto, agora ao processar o frango, desossar, fazer linguiça, vender um produto pronto, agrega-se muito mais valor."

Eunice ainda ressaltou que o curso também é destinado àqueles que não comercializam frango, mas simplesmente desejam aprender novas maneiras de preparar a carne. "Durante o curso os participantes aprendem nove formas de preparo do frango, que é a proteína animal mais acessível que existe."

Para informações sobre este e outros cursos gratuitos, o Sindicato Rural de Amambai está à disposição pelo telefone 3481 1093

 


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

NEIMAR
Diversos

Promotoria pede dois anos de prisão e multa de R$ 36 milhões a Neymar

Promotor espanhol pede 2 anos de prisão para Neymar por corrupção

 

A Justiça da Espanha recebeu nesta quarta-feira (23) a acusação formal por parte da DIS contra Neymar, a família do craque e dirigentes de Santos e Barcelona por corrupção. Nela, o fundo de investimento pede que o camisa 10 da Seleção seja condenado a cinco anos de prisão e fique impossibilitado de jogar futebol durante esse período. Já a promotoria requisitou dois anos de prisão e € 10 milhões (R$ 35,9 milhões) de multa para o atacante brasileiro.

Além disso, o fundo de investimento quer uma indenização entre € 159 e € 195 milhões (R$ 571 a R$ 700,3 milhões) por conta da transferência do jogador para o futebol espanhol em 2013. Os dirigentes do Barcelona também estão na mira da DIS, que pede oito anos de prisão para o atual presidente do Barcelona, Josep María Bartomeu, e seu antecessor no cargo, Sandro Rosell.

Procurado pela produção da TV Globo, Altamiro Bezerra, CEO da NN Consultoria, disse que Neymar e família estão tranquilos, pois este é um processo antigo que já havia sido arquivado e que foi reaberto há um mês à pedido da DIS. Ele informou, ainda, que não há nenhuma notificação da Justiça sobre o caso.

 


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

CONIACC
Diversos

CONIACC promove ações de conscientização no Dia Nacional de Combate ao Câncer Infantojuvenil

Reprodução

Divulgar os sinais e sintomas e alertar para o diagnóstico precoce. Esses são os principais objetivos do Dia Nacional de Combate ao Câncer Infantojuvenil, 23 de novembro. A data será lembrada em todo o Brasil, através de várias ações que serão realizadas pelas 49 instituições que fazem parte da Confederação Nacional das Instituições de Apoio e Assistência à Criança e ao Adolescente com Câncer – CONIACC. Serão realizadas ações preventivas e educativas, que visam informar a população sobre os principais sinais e sintomas do câncer em crianças e adolescentes, promover debates e outros eventos sobre as políticas de atenção às crianças acometidas com o câncer, difundir os avanços técnico-científicos relacionados ao tema e apoiar as crianças com câncer e seus familiares. O Dia Nacional de Combate ao Câncer Infantojuvenil foi instituído pela Lei n° 11.650, de 4 de abril de 2008.

De acordo com o Instituto Nacional de Câncer – INCA, no Brasil, o câncer representa a primeira causa de morte (7% do total) por doença entre crianças e adolescentes de 1 a 19 anos, para todas as regiões. Estima-se que ocorrerão cerca de 12.600 casos novos de câncer em crianças e adolescentes no país por ano, em 2016 e em 2017. As regiões Sudeste e Nordeste apresentarão os maiores números de casos novos, 6.050 e 2.750, respectivamente, seguidas pelas regiões Sul (1.320), Centro-Oeste (1.270) e Norte (1.210).

Ainda de acordo com o INCA, nas últimas décadas, o progresso no tratamento do câncer na infância e na adolescência foi extremamente significativo. Hoje, em torno de 70% das crianças e adolescentes acometidos de câncer podem ser curados, se diagnosticados precocemente e tratados em centros especializados. A maioria deles terá boa qualidade de vida após o tratamento adequado.

Os tumores mais frequentes na infância e na adolescência são as leucemias (o câncer mais comum na infância, afeta o sangue), os do sistema nervoso central (tumor dentro da cabeça) e os linfomas (sistema linfático). Também acometem crianças e adolescentes o neuroblastoma (tumor de células do sistema nervoso periférico, frequentemente de localização abdominal), tumores renais (a clínica mais comum é o aparecimento de um tumor na barriga), o retinoblastoma (afeta a retina, fundo do olho), o osteossarcoma (tumor ósseo, mais comum entre os adolescentes) e os sarcomas (tumores de partes moles). Esses são os tumores mais comuns em crianças e adolescentes. Outros tumores poderão acometer essa faixa etária. Por isso, é importante estar atento aos sinais e sintomas. 

Sinais e sintomas

Os principais sinais e sintomas são: dores ou aumento da barriga; pressão alta; palidez repentina; manchas roxas pelo corpo; dores nos ossos; ínguas ou nódulos, principalmente nas axilas, pescoço e virilha; perda de peso; mancha branca na pupila (reflexo de olho de gato); dores de cabeça; náuseas e vômitos (acompanhadas de dores de cabeça); convulsões; alteração na fala e no andar; dores nos ossos não relacionadas a fraturas, quedas e traumas; nódulos na cabeça, pescoço, braços e pernas; sangramentos em geral, fraqueza e febre prolongada. Esses sinais e sintomas não significam que a criança ou o adolescente tem câncer. Mas, se apresentar algum desses sintomas, o aconselhável é levá-lo ao pediatra para esclarecer e tirar as dúvidas.

“A CONIACC, juntamente com as 49 instituições que dela fazem parte, tem se empenhado em divulgar para um maior número de pessoas informações extremamente importantes para a definição do diagnóstico e que podem fazer a diferença na vida da criança e do adolescente com câncer, a fim de que eles se tornem adultos curados e sem sequelas. Precisamos mudar a realidade do câncer infantojuvenil, virar multiplicadores, fazer com que a sociedade se mobilize em torno do diagnóstico precoce”, afirmou Rilder Campos, presidente do CONIACC.

Sobre a CONIACC

A Confederação Nacional das Instituições de Assistência à Criança e ao Adolescente com Câncer - CONIACC representa as instituições de apoio à criança e ao adolescente com câncer espalhadas por todo o Brasil. Atualmente conta com 49 Instituições filiadas.

Através da CONIACC surge uma nova abordagem do papel das Instituições de Assistência às Crianças e Adolescentes com Câncer, ancoradas por uma visão de futuro, reconhecendo a responsabilidade de sua liderança em proporcionar melhor qualidade de vida e dignidade, minimizando a dor e o sofrimento dos pacientes portadores de câncer infantojuvenil.

Graças ao engajamento de seus dirigentes, através de uma divulgação constante e de campanhas específicas, como a mais recente ‘Setembro Dourado’, que mobilizou o País em torno do assunto, a CONIACC possui representatividade e um propósito bem definido, que é o de estimular e apoiar através de uma rede de ações, em todos os níveis da sociedade, um olhar mais sensível para a criança e o adolescente com câncer e suas famílias.

Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

IPVA
Diversos

Governo de MS divulga tabela com valor de cálculo do IPVA para 2017

Imposto pode ser pago à vista com desconto ou em cinco parcelas iguais. Consulte valor venal e veja como calcular o preço que será cobrado.

Boletos do IPVA 2017 também serão em preto e branco, diz Sefaz (Foto: Marycleide Vasques/Sefaz-MS)

Tabela com o valor fixado como base de cálculo do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) em Mato Grosso do Sul, relativo ao exercício de 2017, foi publicada nesta quarta-feira (23) no Diário Oficial do Estado. A publicação traz ainda prazos para o pagamento.

Conforme o decreto, é possível fazer o pagamento do IPVA à vista com desconto de 15%, até o dia 31 de janeiro de 2017, ou em até cinco parcelas iguais, sem desconto. Nesse caso, as datas de vencimento serão: 31 de janeiro, 24 de fevereiro, 31 de março, 28 de abril e 31 de maio de 2017, respectivamente.

O valor de cada parcela não pode ser inferior a R$ 30, no caso de motocicletas, e R$ 55 para os demais tipos de veículos. Em caso de atraso, haverá juros de mora e multa.

De acordo com a Secretaria Estadual de Fazenda (Sefaz), a cobrança do IPVA é calculada sobre os preços médios de mercado do automóvel (valor venal) multiplicado por sua alíquota. O valor de mercado é avaliado pela tabela da Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe).


Veja exemplo de como calcular o valor do imposto:
Valor venal do veículo: (exemplo: R$ 24.836)
Alíquota: 3,5%
Cálculo: 24.836 x 0,035 (R$ 869,26 é o valor que será cobrado no IPVA)

Alíquotas

Decreto publicado no Diário Oficial do Estado desta quarta-feira traz as alíquotas do IPVA (veja decretos, na página 1). Segundo o governo do estado, a alíquota para automóvel (carro de passeio), camionete, camioneta de uso misto e utilitário é de 3,5%. Para ciclomotor, motocicleta, triciclo, quadriciclo, caminhão com qualquer capacidade de carga, ônibus ou micro-ônibus para transporte coletivo de passageiros, as alíquotas são de 2%.

Para automóveis de oito lugares movidos a diesel, a alíquota fica em 4,5%. No caso dos frotistas – que possuem mais de 30 veículos – a alíquota é de 1,5% para motos; 2% para automóveis, carros de passeio e utilitários; 3% para automóveis de oito lugares movidos a diesel; e 1% para caminhões e ônibus.

No caso dos frotistas – que possuem mais de 30 veículos – a alíquota é de 1,5% para motos; 2% para automóveis, carros de passeio e utilitários; 3% para automóveis de oito lugares movidos a diesel; e 1% para caminhões e ônibus.

A publicação informa ainda que os carro, caminhão com qualquer capacidade de carga, ônibus e microônibus para transporte coletivo de passageiros, caminhoneta, caminhoneta de uso misto e utilitário e veículos com capacidade de até oito pessoas (excluído o condutor) mantêm a isenção total no 1º ano. As motos mantém 50% de isenção, também no 1º ano.

Boletos preto e branco

Segundo a Sefaz, como forma de economizar, os boletos de 2017 também serão emitidos em preto e branco. Dados do órgão apontam uma economia de pouco mais de R$ 1 milhão aos cofres públicos estaduais com a impressão.

A previsão é que os contribuintes recebam os carnês nas residências até o dia 30 de novembro de 2016.

O formulário segue em formato único, independente da opção do contribuinte de pagar à vista ou em até cinco vezes.


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

PONTA PORÃ
Diversos

EMvisi à Câmara, Kayatt reafirma compromissos com Ponta Porã

 

 Kayatt reafirma compromissos com Ponta Porã

O presidente da Câmara Municipal de Ponta Porã, vereador Daniel Valdez- Puka, e o vice-prefeito eleito, vereador Caio Augusto, receberam na tarde desta quinta-feira, 17 de novembro, a visita do deputado estadual, Flávio Kayatt.

Durante o encontro com os dois parlamentares, Kayatt falou do futuro de Ponta Porã e manifestou total apoio á administração do prefeito eleito Hélio Peluffo. “Tenho um compromisso com Ponta Porã. E, vamos trabalhar para garantir total apoio nas ações desenvolvidas pelo Hélio. Naquilo que depender do Governo do Estado, estaremos intercedendo junto ao governador Reinaldo Azambuja para que a futura administração tenha condições de promover ações que beneficiam a nossa população”, afirmou.

Kayatt também disse que está á disposição para auxiliar no contato com os parlamentares que compõem a bancada federal de Mato Grosso do Sul. “São parlamentares que temos excelentes relações há muito tempo e que sempre nos atenderam quando fui prefeito. O Hélio pode contar com nosso apoio para que possamos reconstruir Ponta Porã”.

O presidente da Câmara Municipal, Daniel Valdez – Puka, declarou que ficou muito satisfeito com a deferência por parte do deputado Kayatt em visitar a sede do Poder Legislativo Municipal. “Mais do que uma visita de cortesia, foi um momento para conversarmos sobre o futuro de Ponta Porã. O deputado Kayatt nos assegurou que, a partir do ano que vem, nosso município terá uma atenção especial por parte do governador Reinaldo Azambuja. Uma das ações será a concretização do anel viário, uma obra emblemática, que será concluída na administração do prefeito Hélio Peluffo”, disse Puka.

Outro tema acordado no encontro foi o trabalho que a Organização Social está desenvolvendo na administração do Hospital Regional de Ponta Porã. “O programa ‘Saúde Já’, desenvolvido pelo hospital está beneficiando mais de três mil pacientes que estão há anos na fila de espera por atendimento e procedimentos cirúrgicos. O objetivo é zerar as filas de espera de pacientes dos municípios de Ponta Porã e região (Amambai, Antônio João, Aral Moreira, Coronel Sapucaia, Paranhos, Sete Quedas e Tacuru), cadastrados na Central de Regulação da Secretaria de Estado de Saúde. Para isso, serão contratados mais de 15 médicos de diferentes especialidades e também disponibilizadas duas carretas para realização de procedimentos nas imediações do Hospital. Uma iniciativa inédita e histórica em benefício da nossa população”, destacou o deputado.

O vereador Caio Augusto, vice-prefeito eleito, agradeceu ao deputado estadual, Flávio Kayatt pela visita. “A visita do deputado Flávio Kayatt ocorre num momento em que estamos somando forças para trabalhar bastante visando beneficiar a população de Ponta Porã. E as ações desenvolvidas na saúde nos animam bastante e sinalizam que estamos no caminho certo”, destacou Caio.

O presidente da Câmara Municipal de Ponta Porã, vereador Daniel Valdez- Puka, e o vice-prefeito eleito, vereador Caio Augusto, receberam na tarde desta quinta-feira, 17 de novembro, a visita do deputado estadual, Flávio Kayatt.

Durante o encontro com os dois parlamentares, Kayatt falou do futuro de Ponta Porã e manifestou total apoio á administração do prefeito eleito Hélio Peluffo. “Tenho um compromisso com Ponta Porã. E, vamos trabalhar para garantir total apoio nas ações desenvolvidas pelo Hélio. Naquilo que depender do Governo do Estado, estaremos intercedendo junto ao governador Reinaldo Azambuja para que a futura administração tenha condições de promover ações que beneficiam a nossa população”, afirmou.

Kayatt também disse que está á disposição para auxiliar no contato com os parlamentares que compõem a bancada federal de Mato Grosso do Sul. “São parlamentares que temos excelentes relações há muito tempo e que sempre nos atenderam quando fui prefeito. O Hélio pode contar com nosso apoio para que possamos reconstruir Ponta Porã”.

O presidente da Câmara Municipal, Daniel Valdez – Puka, declarou que ficou muito satisfeito com a deferência por parte do deputado Kayatt em visitar a sede do Poder Legislativo Municipal. “Mais do que uma visita de cortesia, foi um momento para conversarmos sobre o futuro de Ponta Porã. O deputado Kayatt nos assegurou que, a partir do ano que vem, nosso município terá uma atenção especial por parte do governador Reinaldo Azambuja. Uma das ações será a concretização do anel viário, uma obra emblemática, que será concluída na administração do prefeito Hélio Peluffo”, disse Puka.

Outro tema acordado no encontro foi o trabalho que a Organização Social está desenvolvendo na administração do Hospital Regional de Ponta Porã. “O programa ‘Saúde Já’, desenvolvido pelo hospital está beneficiando mais de três mil pacientes que estão há anos na fila de espera por atendimento e procedimentos cirúrgicos. O objetivo é zerar as filas de espera de pacientes dos municípios de Ponta Porã e região (Amambai, Antônio João, Aral Moreira, Coronel Sapucaia, Paranhos, Sete Quedas e Tacuru), cadastrados na Central de Regulação da Secretaria de Estado de Saúde. Para isso, serão contratados mais de 15 médicos de diferentes especialidades e também disponibilizadas duas carretas para realização de procedimentos nas imediações do Hospital. Uma iniciativa inédita e histórica em benefício da nossa população”, destacou o deputado.

O vereador Caio Augusto, vice-prefeito eleito, agradeceu ao deputado estadual, Flávio Kayatt pela visita. “A visita do deputado Flávio Kayatt ocorre num momento em que estamos somando forças para trabalhar bastante visando beneficiar a população de Ponta Porã. E as ações desenvolvidas na saúde nos animam bastante e sinalizam que estamos no caminho certo”, destacou Caio.



Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

POLITICA
Diversos

Azambuja, Marquinhos, Puccinelli, Bernal e Zeca demarcam territórios

Sucessão estadual e vagas do Senado são prioridades para 2018, mas não prejudicam entendimento pela governabilidade

 

Os recentes encontros de Marquinhos Trad (PSD) com o governador Reinaldo Azambuja e a vice-governadora Rose Modesto (PSDB), o prefeito Alcides Bernal (PP) e os ex-governadores Zeca do PT e André Puccinelli (PMDB) estão longe de ser tratados como meros compromissos protocolares. Independentemente do grau de diplomacia em cada encontro, a verdade é que seus interlocutores estão operando duas situações simultâneas e contraditórias: celebram um entendimento tácito de trégua pela governabilidade, sobretudo de Campo Grande, e ainda demarcam o território de atuação nos quais assentarão seus interesses com vistas às eleições de 2018.

 

Daqui a dois anos os sulmatogrossenses irão ás urnas para as eleições gerais. Além de votar para presidente da República, escolherão governador e vice, dois senadores, oito deputados federais e 24 estaduais. Já se sabe que além da tentativa de reeleição de Reinaldo Azambuja, as projeções para 2018 colocam ao menos três alternativas para a disputa das duas vagas senatoriais: Puccinelli, Zeca e o ex-prefeito Nelsinho Trad. Esse panorama terá  ainda outras personagens, como a senadora Simone Tebet, segundo nome do PMDB para a disputa do governo, e o presidente da Cassems (Caixa de Assistência dos Servidores Publicos), Ricardo Ayache, cujo nome é cotado dentro de um largo arco de possibilidades, que vão da Assembléia Legislativa à vice-governadoria.

Em outubro deste ano as principais lideranças do circuito político majoritário se enfrentaram nos bastidores e palanques municipais. Todos contabilizaram vitórias e derrotas em disputas de elevada importância para as próximas eleições. Em Campo Grande, mesmo discretamente Puccinelli, Bernal e Zeca, juntamente com Nelsinho Trad, ajudaram a turbinar a campanha de Marquinhos no segundo turno, enfrentando Rose Modesto, a candidata de Azambuja. Já em Dourados, segundo maior município, essas forças se dividiram: Zeca apoiou a candidatura vitoriosa de Délia Razuk (PR), enquanto Azambuja apadrinhava Geraldo Resende e Puccinelli se desdobrou na campanha do deputado estadual Renato Câmara, seu correligionário.

 

Em Três Lagoas, Corumbá e Ponta Porã - pela ordem, 3º, 4º e 5º  maiores colégios eleitorais - o governador teve sua desforra na disputa sucessória envolvendo os cinco maiores municípios. Essas três cidades fazem parte das 37 que tiveram candidaturas tucanas vitoriosas. Azambuja patrocinou os projetos vencedores de Ângelo Guerreiro, Ruiter Cunha e Hélio Pelluffo, o que, de uma certa forma, minimiza o impacto dos revezes do PSDB em Campo Grande e Dourados.

 

Agora, entretanto, a linguagem imediata de todos é somar esforços para calçar os eleitos, que com a conjuntura recessiva e o rescaldo dos enfrentamentos eleitorais recentes terão pela frente quadros complexos e desafiadores de governabilidade administrativa, financeira e política. Marquinhos Trad acelerou o passo e já no dia seguinte à proclamação da vitória saiu em busca de reuniões com os chefes dos poderes e porta-vozes de instituições estaduais e federais. 

 

De Bernal e Azambuja a ministros e congressistas o prefeito eleito alinhou os seus objetivos prioritários e não economizou argumentos para reivindicar apoio e atenção diferenciada para a capital sulmatogrossense, sobretudo porque em áreas estratégicas de serviços essenciais é o polo que mais concentra demandas do interior, casos da saúde e assistência social. 

A pauta para 2018 só começará a ser delineada no final do ano anterior. Até lá, Azambuja, Marquinhos, Puccinelli, Zeca, Nelsinho, Simone, Rose, Dagoberto, Ayache e outros eventuais protagonistas da corrida eleitoral terão o tempo necessário para amadurecer seus projetos e estabelecer as condições políticas para que atravessem 2017 com o mínimo de desgastes e o mais preservados que puderem


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

TEMER DEVE CAIR NO ANO QUE VEM
Diversos

O deputado Enio Verri (PT-PR), em sua coluna desta terça (22), prevê a queda de Michel Temer (PMDB). “O mercado produtivo não confia num governo sem legitimidade, quase todo ele envolvido em corrupção e que pode não chegar a fevereiro”, escreve o experiente parlamentar.

 

Política econômica de Temer é crime de lesa-pátria

As evidências de que o golpe de estado aplicado contra a jovem democracia brasileira e a Constituição Federal de 1988 são, a cada dia, mais claras e terríveis. Testa de ferro de um consórcio entre poderes da República, oposição e traidores, parte da imprensa, interesses internacionais e o mercado financeiro, Michel Temer impôs o golpe como condição para moralizar o Brasil e salvar a sua economia.

Em relação à segunda, a promessa da retomada de confiança do mercado e, consequentemente, do seu crescimento, ainda está por se cumprir. Em setembro, o Boletim Macro, da Fundação Getúlio Vargas (FGV), apontou uma queda de 0,3% do PIB, em 2016. Um mês depois, o índice foi corrigido, para pior. A queda será de 0,6%. A previsão de crescimento de 1,13% do PIB, para 2017, foi reduzida para 1%.

Segunda-feira (07), o semanal boletim Focus, do Banco Central (BC), apontou uma queda de 3,31% no PIB, do próximo ano. Sete dias depois, em 14/11, 120 bancos e outras instituições consultadas pelo mesmo boletim corrigiram a previsão anterior e apontaram uma queda maior, de 3,40%. A perspectiva de produção industrial também caiu, de -6% para -6,06%.

Ainda segundo a FGV, o potencial instalado das fábricas brasileiras, em 2016, ficou em apenas 73,9% da sua capacidade, sendo esse o nível mais baixo desde 2001. A indústria do aço está operando com apenas 60% da sua capacidade. Entre julho e agosto, investimentos em material de construção, equipamento e máquina caíram cerca de 5%.

De julho a setembro, de acordo com o Valor Data, do jornal “Valor Econômico”, a receita líquida de 278 empresas de capital aberto apresentou queda de 3%, em relação a 2015. Esse é o pior resultado desde 2012. A pesquisa não considerou a Eletrobras e Petrobras. Caso fossem incluídas na análise, a queda na receita seria de 5%.

Em 28 de outubro, a Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) rebaixou o Brasil na sua classificação de risco de crédito. Numa escala crescente de risco, de zero (menor) a sete (maior), o Brasil saiu de 4 para 5. Produzir ficou mais caro, pois o rebaixamento aumenta o custo de importação de máquinas e equipamentos. O prêmio de risco em uma importação passou de 1,45% para 1,79%.

Como se não bastasse, o Indicador Serasa Experian de Atividade Econômica revela retração de 0,7% na atividade econômica no País, no terceiro trimestre de 2016, em relação ao trimestre anterior. Numa comparação com o mesmo período de 2015, a retração passa para 2,9%. Nesse cenário, não há expectativa de mercado de trabalho formal para a maioria dos cerca de 12 milhões de desempregados.

O Brasil não sairá desse cenário com medidas recessivas e de austeridade fiscal, como propõe o governo plutocrata. No lugar do déficit proposto pela presidenta Dilma Rousseff, de aproximadamente R$ 80 bilhões, Temer apresentou um de R$ 170,5 bilhões. O presidente ilegítimo expandiu o déficit público, mas não investiu no setor público, como em infraestrutura, e nem baixou os juros.

Temer e Henrique Meirelles conduzem a economia do País na contramão das políticas anticíclicas dos países afetados pela crise econômica mundial, de 2008. Vão de encontro com os últimos entendimentos do Fundo Monetário Internacional (FMI) sobre o neoliberalismo. Por fim, e em nome de um Estado mínimo e fraco, condenam o Brasil à condição de colônia estagnada e destroem os poucos avanços políticos, econômicos e sociais dos últimos 13 anos, que fizeram o Brasil sair da 16ª para a 6ª posição entre as maiores economias do mundo.

Enquanto a União Europeia (EU) e os Estados Unidos da América (EUA) discutem a adoção de políticas anticíclicas, como investimento em infraestrutura e redução das taxas de juros, o grupo que tomou o Brasil com um golpe apresenta políticas recessivas e deletérias, como as PECs 55 e 272, de 2016, que tiram do Brasil a capacidade de investir em si mesmo, como faz qualquer nação com os potenciais energéticos que os brasileiros têm e que tenha autoestima suficiente para autodeterminar sua soberania.

A política da estagnação e das altas taxas de juros, aliada ao estratosférico déficit de R$ 170 bilhões, favorece apenas o mercado financeiro. Empresas de serviços e indústrias deixam de investir na produção para ganharem em aplicações voláteis nas bolsas de valores. Aplicações que não produzem sabonete, alimento, ferramentas e demais bens de consumo. Não há confiança dos donos dos meios de produção, não há investimento, não há empregos e não há consumo.

Essa cadeia é o resultado do golpe. O mercado produtivo não confia num governo sem legitimidade, quase todo ele envolvido em corrupção e que pode não chegar a fevereiro. Temer e seu grupo golpista jogaram o Brasil em uma aventura, de iminente deflagração social, cujos resultados são imprevisíveis.

*Enio Verri é deputado federal, presidente do PT do Paraná e professor licenciado do departamento de Economia da Universidade Estadual do Paraná. Escreve nas terças sobre poder e socialismo.


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

DROGA
Diversos

Polícia apreende duas carretas carregadas de maconha em MS

Flagrantes aconteceram em cidades diferentes; motoristas estariam juntos. Somadas, as cargas totalizaram 2.062 kg, segundo a PRF.

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu uma carreta carregada de maconha e descobriu outra, também transportando o entorpecente, nesta terça-feira (22). Uma foi flagrada em Guia Lopes da Laguna, no oeste de Mato Grosso do Sul, e o outro veículo em Terenos, a 23 km de Campo Grande. Somadas, as cargas somaram 2.065 kg.

A primiera abordagem aconteceu em Guia Lopes da Laguna. Polícia pararam uma carreta e, ao fazerem uma vistoria, encontraram 740 kg de maconha em tabletes escondidos em um fundo falso do veículo.

O motorista foi preso em flagrante por tráfico de drogas. Aos policiais ele contou que uma outra carreta também carregava o entorpecente e passou detalhes do veículo. Policiais da Base Descentralizada de Operações Aéreas (BDOA), do Núcleo de Operações Aéreas (NOE) e do Grupo de Patrulhamento Tático das delegacias da região (GPT) ajudaram nas buscas, mas foi uma equipe da Unidade Operacional de Terenos que encontrou o segundo veículo do município.

Assim como na outra carreta, eles encontraram 1.322 kg de maconha em tabletes em um fundo falso. O motorista também foi preso. Tanto as 2.062 kg de maconha quanto os veículos envolvidos nos flagrantes foram apreendidos e levados para as delegacias das cidades onde foram encontrados.


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

REPATRIAÇÃO
Diversos

Após reunião com Temer, Rose assegura recursos da repatriação para MS

Estado deve receber mais de R$ 50 milhões até dezembro

Representando o governo de Mato Grosso do Sul em reunião com o presidente Michel Temer (PMDB), em Brasília, a vice-governadora Rose Modesto (PSDB) volta ainda nesta terça-feira (22) com três sinalizações positivas para o Estado. Segundo Rose, ficou acordado que a União deve repassar recursos da repatriação ainda este anopara MS. Outros avanços seriam em relação a votação dos projetos de renegociação das dívidasdos Estados e do repasse dos depósitos judiciais.

Em relação a multa relacionada a repatriação, na qual MS entrou na Justiça junto com os demais estados, e deve receber mais de R$ 50 milhões, Rose ressaltou que houve um acordo com a União. “Hoje em conversa com o presidente Michel Temer, nós entramos em um entendimento político, de que a União está disposta a fazer esse repasse. Amanhã vai ser dado encaminhamento de documento fazendo esse pacto. É um acordo político com a União reconhecendo que esse valor também pertence ao Estados, disse a vice-governadora ao Jornal Midiamax. Segundo Rose, a expectativa é de que encaminhamento do valor seja feito até dezembro deste ano.

Rose destacou ainda que em encontro com o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB),recebeu resposta positiva sobre votação do alargamento das dívidas e sobre repasses dos depósitos judiciais. “Essa(renegociação) é uma proposta na qual Mato Grosso do Sul entende que precisa ser votada, e ele (Renan) fez compromisso de que a proposta deverá ser votada nesta semana, no máximo, semana que vem”, adiantou.

Outra questão tratada em Brasília, segundo a vice-governadora, foi a questão dos depósitos judiciais, desta vez, tratada também com o presidente da Cãmara Federal, Rodrigo Maia (DEM). “Também entramos em acordo para que o projeto seja votado nesta semana, ou na que vem”, completou.

Repatriação - A Lei 13.254/2016, conhecida como Lei da Repatriação, prevê que pessoas físicas e jurídicas possam fazer a regularização de bens e recursos obtidos de forma legal no exterior, mas que não foram declarados à Receita Federal. Em troca da legalização, o governo cobra 15% de imposto de renda e multa de 15%. A data-base para a cobrança é 31 de dezembro de 2014.

As procuradorias estaduais sustentam no Supremo que parte do valor arrecadado com a multa também deve ser repassado pelo governo federal aos estados, assim como acontecerá com o montante obtido com a cobrança do Imposto de Renda, que não é receita exclusiva da União e parte deve ser repassada por meio do FPE (Fundo de Participação dos Estados), previsto na Constituição. No entendimento dos estados, a multa faz parte do valor integral do recurso arrecadado com Imposto de Renda e integra o valor obrigatório ao FPE.

O repasse da multa estava previsto no texto aprovado pelo Congresso, mas foi vetado pela ex-presidente Dilma Rousseff.

A Receita Federal informou que, dos R$ 50,9 bilhões declarados por pessoas físicas e jurídicas que aderiram ao programa de regularização de ativos (também conhecido como repatriação), R$ 46,8 bilhões foram efetivamente arrecadados.

Renegociação de dívidas- O PLP 257/16 é um projeto anterior ao governo interino de Michel Temer (PMDB), mas que agora ganha força, além de ter sido ampliado. De acordo com o texto, que aumenta o prazo de renegociação da dívida, “a União poderá adotar, nos contratos de refinanciamento de dívidas celebrados com os Estados e o Distrito Federal, com base na Lei no 9.496, de 11 de setembro de 1997, e nos contratos de abertura de crédito firmados com os Estados ao amparo da Medida Provisória no 2.192-70, de 24 de agosto de 2001, mediante celebração de termo aditivo, o prazo adicional de até 240 meses para o pagamento das dívidas refinanciadas”.

Precatórios – A PEC (Proposta de Emenda à Constituição) 233/16, regula o pagamento de precatórios e permite a utilização de depósitos judiciais que existem em nome de municípios, estados e da União.

Essa proposta teve origem na PEC 74/15, aprovada no ano passado pela Câmara e modificada depois pelo Senado. Os senadores reduziram de 40% para 20% o percentual dos depósitos judiciais destinados à quitação envolvendo partes privadas – dívidas em que o poder público não faz parte. Ficou prevista a criação de um fundo garantidor, composto pela parcela restante dos depósitos judiciais.


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

da noite
Diversos

Ciclista é atropelado por carro e morre ao ser arrastado por mais de 50 metros

Trevo da BR-463

O ciclista Feliciano Vargas, de 69 anos, morreu atropelado no final da tarde desta terça-feira (22) no trevo bandeira da BR-463 em Ponta Porã, cidade a 346 quilômetros de Campo Grande. De acordo com testemunhas, a vítima transitava próximo ao trevo quando foi atropelado por um veículo VW Gol conduzido por um motorista, de 22 anos. O ciclista foi arrastado por mais de 50 metros com a colisão.

O motorista disse no local que não viu o idoso que cruzava a pista. De acordo com o site Porã News, Feliciano voltava do trabalho no momento do acidente.  Ele trabalhava em frente à Escola Estadual Calvoso onde vendia doces.

Agentes da Policia Militar e do corpo de Bombeiros, foram acionados por populares, porém o idoso morreu no local. Agentes da Policia Técnica realizaram os trabalhos de praxe no local e encaminharam o corpo ao IML (Intituto Médico Legal) a espera dos familiares.

Polícia encontra ossada de quarta vítima de esquema de exploração sexual

Um adolescente apontou a cova 

(Foto: Luiz Alberto)

A ossada de uma mulher, de aproximadamente 37 anos, foi encontrada na tarde desta terça-feira (22) na região da Chácara dos Poderes, em Campo Grande. Ela seria a quarta vítima da rede de exploração sexual e tráfico de drogas a ser encontrada enterrada pela Polícia Civil. O esquema é responsável pelo desaparecimento de pelo mesmo dez pessoas no Danúbio Azul.

Um adolescente, apreendido durante as investigações, apontou aos policiais o local da cova. Com auxílio de uma retroescavadeira, equipes da Deaij (Delegacia Especializada de Atendimento à Infância e Juventude) encontraram a ossada quarta vítima. Segundo informações da polícia, a mulher estava enterrada de cabeça para baixo, como as outras vítimas.

Nesta manhã, buscas na mesma região foram realizadas para localizar o corpo de uma adolescente de 15 anos. Apenas roupas que seriam da vítima foram encontradas no local apontado pelo suspeito. A adolescente que teria sido enterrada no local desapareceu há dois anos.
(Foto: Luiz Alberto)

Até o momento, de dez pessoas que desapareceram após serem vítimas do grupo criminoso, três restos de corpos foram encontrados e identificados como os de ‘Café’, ‘Alemão’, e ‘Bruninho’.
O caso

Luiz Alves Martins Filho, o ‘Nando’, era considerado a saída para os problemas dos moradores na região do Danúbio Azul, que sem terem como pagar as dívidas, se envolviam em esquemas de exploração sexual e também de tráfico de drogas. Em sua maioria, as vítimas que recorriam a ‘Nando’ eram usuárias e viviam em situação de extrema miséria.

As investigações começaram em setembro deste ano, após a morte de ‘Leleco’, Leandro Aparecido Nunes Ferreira, de 28 anos, morto a tiros no dia 2 por dois rapazes que estavam em uma motocicleta. Sobre o homicídio, a polícia concluiu que a vítima tinha envolvimento com o grupo responsável pelo esquema de exploração sexual e tráfico, há aproximadamente 3 anos.
(Foto: Luiz Alberto)

No dia 10 de novembro, mandados de busca e apreensões foram cumpridos no Danúbio Azul. Foram presos Luiz Alves Martins Filho, o ‘Nando’, Rudi Pereira da Silva, com quem ainda foram encontrados 70 galos utilizados em rinhas e Diego Vieira Martins, que é sobrinho de ‘Nando’. Os três ainda têm envolvimento no tráfico de drogas e na casa de Diego foram apreendidas várias porções de entorpecente.

Além dos três foram presos Jeová Ferreira Lima e Jeová Ferreira Lima Filho, Andreia Conceição Ferreira e Ariane de Souza Gonçalves, que seriam as aliciadoras para exploração sexual. Uma arma de fogo também foi apreendida com ‘Nando’.


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

POLICIA
Diversos
7h30

Chefe do tráfico do PCC na fronteira é morto em confronto com a polícia

O traficante Jefferson Barbosa, 34, o "Dimenor", um dos chefes da facção criminosa PCC (Primeiro Comando da Capital) na fronteira entre Brasil e Paraguai, foi morto nesta segunda-feira, dia 21 de novembro, em confronto com a polícia em Coronel Sapucaia.

A operação, envolvendo equipes do DOF (Departamento de Operações de Fronteira) e Polícia Civil, também resultou na prisão de outros bandidos e na apreensão de três fuzis 556 e uma espingarda calibre 12, conforme informações oficiais já divulgadas pela comunicação do DOF.

Como a ocorrência ainda está em andamento, não há confirmação de quantas pessoas foram presas nem de como foi iniciada a operação, apenas de que houve a morte de um dos traficantes - que conforme apurado pela reportagem, é Dimenor..

Além das armas, também foram apreendidos vários coletes balísticos (à prova de balas), munições de grosso calibre, toucas ninjas, lanternas e aparelhos celulares e carregadores de fuzis com o grupo preso.

Douradosnews

Mulher é morta a facadas no interior de MS e homem se mata em seguida

Vítima se negou a iniciar relacionamento

Shirley Alves, 32 anos - Divulgação

Shirley Alves, 32 anos, foi morta a facadas na noite da segunda-feira (21), em Costa Rica, a 384 quilômetros de Campo Grande. O agressor foi identificado como Rodrigo Lisboa, 31 anos, que se matou após o crime. 

De acordo com o site MS Todo Dia, a polícia foi acionada para ir ao local onde o crime aconteceu, mas o suspeito havia fugido para a casa de uma tia.

De acordo com testemunhas, Rodrigo seria apaixonado por Shirley. Ela teria se negado a iniciar um relacionamento e acabou sendo morta com várias facadas.

Os policiais foi até a casa da tia de Rodrigo e, ao perceber que estava cercado pela polícia, ele tentou suicídio, usando uma arma de fogo. O Corpo de Bombeiros foi acionado e socorreu o homem.

Devido à gravidade dos ferimentos, Rodrigo foi transferido para a Santa Casa de Campo Grande, mas não resistiu e morreu na manhã desta terça-feira (22).

O corpo da jovem foi encaminhado ao IML (Instituto Médico Legal) de Paranaíba onde serão realizados o exame de necrópsia.

Briga de 'irmãos' evangélicos tem até martelo e grávida apanha por R$ 100

Foram ameaçados com martelo

Uma briga que teve início nesta sexta-feira (18) acabou com as vítimas na delegacia de polícia nesta terça-feira (22) para registrar um boletim de ocorrência por lesão corporal dolosa, em Campo Grande. A confusão aconteceu no Jardim Noroeste.

A mãe da vítima, de 18 anos, disse na delegacia que a filha, que está grávida de cinco meses, tinha um débito de R$ 100 com a autora, que em contrapartida tinha um débito de R$ 80 com a jovem.

Vítima e autores se conhecem de uma igreja na região, de onde são membros. Ainda de acordo com informações, a mãe da jovem tentou resolver a situação com a autora, que passou a ameaçar a grávida.

Um tumulto se instalou e segundo a mulher, membros da igreja passaram a agredir a jovem grávida. Momento em que ‘Pimpolho’ teria ameaçado de morte o filho, de 15 anos, da mulher. Outro membro da igreja teria ameaçado a família com um martelo e o adolescente teria se armado com uma picareta, mas foi contido.

A mulher ainda foi agredida por um dos autores, além de tentarem enforca-la. Ainda de acordo com ela, as ameaças do grupo se intensificaram quando o carro de ‘Pimpolho’ apareceu incendiado, nesta terça-feira (22).


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

ECONOMIA MS
Diversos

Dos tops do agro de MS só cana, soja e frango devem ter ganho de receitaMapa indica queda no VBP de R$ 28,923 bilhões para R$ 27,781 bilhões. Seis produtos representam 96,44% do faturamento do agro do estado.

Entre os seis principais produtos da agropecuária de Mato Grosso do Sul apenas três devem ter ganho de receita em 2016 em comparação com 2015, segundo o indicador Valor Bruto de Produção Agropecuária (VBP), divulgado pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa).

Dos tops do agro de MS só cana, soja e frango devem ter ganho de receitaDos tops do agro de MS só cana, soja e frango devem ter ganho de receita



O VBP é um indicador da atividade calculado com base nos volumes de produção e preços médios da agricultura e pecuária.

Segundo o Mapa, juntos: soja, milho e cana-de-açúcar na agricultura e a criação de bovinos, de suínos e de frangos, na pecuária, devem ser responsáveis em 2016 por um VBP de R$ 26,793 bilhões, o que representa 96,44% do faturamento de toda a agropecuária do estado no ano, que deve chegar a R$ 27,781 bilhões.

Destes seis produtos, dois na agricultura e um na pecuária deverão ter incremento de receita este ano em relação ao anterior. O maior crescimento percentual deve ser na produção de cana-de-açúcar que passará de um VBP em 2015 de R$ 3,150 bilhões para R$ 3,726 bilhões, um ganho de 19,99%.

Depois aparece a soja, que passará de um Valor Bruto de Produção na mesma comparação de R$ 8,650 bilhões para R$ 8,866 bilhões, o equivalente a 2,49% a mais. O último produto entre o top seis do agro sul-mato-grossense a ter resultado positivo em 2016 ante 2015 é a avicultura, que deverá passar de um resultado financeiro de R$ 1,772 bilhão para R$ 1,813 bilhão, ou 2,28% de crescimento.

O outros três itens que compõem o grupo dos principais produtos agropecuários do estado devem registrar queda de receita. A maior será do milho, que deve cair, conforme o indicador do Mapa, de R$ 4,998 bilhões em 2015 para R$ 3,848 bilhões em 2016, o que representa 23,01% a menos.

A segunda maior retração deve ser na suinocultura, de R$ 592,503 milhões para R$ 520,480 milhões, 12,16% menor e a terceira na bovinocultura, de R$ 8,699 bilhões para R$ 8,018 bilhões, ou 7,84% abaixo.

A agricultura, que representa em 2016, 61,44% do VBP de Mato Grosso do Sul, deve ter uma retração frente a 2015, contabilizando todas as culturas produzidas no estado, de 2,27%, caindo de R$ 17,466 bilhões para R$ 17,070 bilhões de receita.

Já a pecuária, que corresponde a 38,55% do faturamento agropecuário do estado, deve ter uma queda de faturamento ainda maior, 6,53%, passando de R$ 11,457 bilhões para R$ 10,710 bilhões.

O VBP do estado deve recuar, analisando os números dos dois anos, em 3,96%, caindo de R$ 28,923 bilhões para R$ 27,781 bilhões ou R$ 1,142 bilhão a menos.

 


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

GIROFLEX
Diversos

Marmanjo' agride mãe e destrói carro que ela não quis emprestar para rolê

Inconformado com 'não', rapaz de 25 anos partiu para agressão

Na madrugada desta terça-feira (22), mulher de 51 anos foi vítima de agressões pelo filho, de 25 anos. O caso aconteceu em Dourados, cidade a 225 quilômetros de Campo Grande, depois que a mãe não deixou o rapaz pegar o carro dela para sair.

Segundo informações do boletim de ocorrência, a vítima acionou a Polícia Militar após o filho a agredir. Ela contou que o rapaz estava bastante nervoso porque ela não quis dar as chaves do carro, um Fiat Uno, para ele sair.

Ao se negar a entregar as chaves, a mulher conta que foi empurrada contra a parede pelo filho, ficando com ferimentos nos braços. O rapaz ainda pegou uma barra de ferro e bateu contra o carro, atingindo o capô e o para-brisa, danificando bastante o veículo.

O suspeito não foi encontrado pelos policiais e o caso foi registrado na delegacia como lesão corporal dolosa, qualificada por violência doméstica.

Bombeiros são chamados na Máxima e encontram preso morto em cela

Teria se enforcado

Na manhã desta terça-feira (22), um detento que cumpria pena no Presídio de Segurança Máxima foi encontrado morto em uma das celas da penitenciária. Corpo de Bombeiros chegou a ser acionado, mas o interno já estava sem vida.

Segundo os bombeiros, eles foram acionados para atenderem uma ocorrência de tentativa de suicídio no presídio. Quando chegaram no estabelecimento penal, encontraram o detento já sem vida. Ele teria se enforcado e não teve a identificação informada.

O preso teria entre 25 e 30 anos, mas os bombeiros não souberam dar mais informações sobre a vítima. Perícia deve ir ao local com a Polícia Civil, para que o caso seja registrado.

‘Frango’ é preso em flagrante por espancar esposa cadeirante

Em Nova Alvorada do Sul

Um homem, de 31 anos, conhecido como ‘Frango’, foi preso por agredir a esposa, uma cadeirante, de 43 anos, no final da tarde desta segunda-feira (21) na casa onde moram localizada no Bairro Maria de Lourdes em Nova Alvorada do Sul, cidade a 115 quilômetros de Campo Grande.

A vítima foi quem entrou em contato com a polícia e informou que estava sendo agredida. Com várias escoriações pelo corpo, ela foi levada a delegacia onde foi feito um boletim de ocorrência.

Durante diligências, ‘Frango’ foi preso em um bar da cidade. De acordo com a polícia, foi necessário a utilização de algemas pelo fato da alteração do autor. Consta no boletim de ocorrência que o mandado de prisão contra ‘Frango’ é da cidade de Dourados. O caso foi registrado como lesão corporal dolosa. 

Jovem apanha de 'amiga' ciumenta, mas nega relação amorosa com agressora

Bateu na amiga por ciúmes do marido dela

Uma jovem, de 20 anos, foi vítima de agressões nesta segunda-feira (21), na cidade de Dourados distante 225 quilômetros de Campo Grande, pela amiga, de 26 anos.

A vítima, que acabou de ter bebê, disse aos policiais que nesta segunda-feira (21) a autora foi até a sua casa e passou a agredi-la, pois, estava com ciúmes dela. O motivo dos ciúmes seria o marido da jovem.

Ainda de acordo com informações, a jovem afirmou não ter nenhum relacionamento amoroso com a autora, e que ela teria ameaçado matar suas irmãs. O caso foi registrado como vias de fato.

 


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

DOF
Diversos

Carga de 1,7 tonelada é apreendida 
e três 'batedores' são presos

Flagrante ocorreu na noite de ontem, na rodovia MS-289, em Amambai

Grande carregamento de maconha foi apreendido por volta das 23h30min de ontem, e três homens que atuavam na função de “batedores” (espiões de fiscalizações) foram presos em flagrante, por policiais do Departamento de Operações de Fronteira (DOF). O episódio aconteceu na rodovia sem pavimentação MS-289, na cidade de Amambai.

Imagem relacionada

De acordo com Boletim de Ocorrência, policiais atuavam pela região quando se depararam com primeiro veículo transitando pelo local. O motorista foi abordado e respondendo a questionamentos demonstrou nervosismo, levantando suspeita de envolvimento em ato ilícito.

Durante a abordagem, segundo automóvel passou pela equipe de policiais em alta velocidade. Dois homens que ocupavam o carro também foram parados, momento em que o terceiro veículo envolvido no esquema de tráfico e que levava o carregamento passou por policiais no sentido oposto. Ao notar que seria ordenado a parar, o traficante freou repentinamente e, junto com comparsa, desceu e fugiu em meio a matagal.

Foi constatado que no carro havia dezenas de tabletes de maconha que totalizaram 1,7 tonelada. Dois dos presos confessaram que atuavam “como batedores”, enquanto que o terceiro – abordado primeiramente, confessou ter sido contratado para organizar o transporte do carregamento. O destino que seria dado à droga, bem como o mandante do crime estão sob investigação.

 


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

MS
Diversos

Em dez dias, 53 servidores comissionados são exonerados da Assembleia Legislativa

Demissão de funcionários pode ser influência da CPI Caça-fantasma

 

Nos últimos dez dias a Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul exonerou 53 funcionários comissionados. Tanta demissão assim pode estar diretamente relacionada à crise financeira ou à possibilidade da abertura de CPI Caça-fantasma. Mas, de acordo com o presidente da Casa, deputado estadual Junior Mochi (PMDB) a medida faz parte do “corte de gastos e preparação para posse dos concursados que ocorrerá no início do ano legislativo”.

As dispensas foram publicadas no Diário Oficial da Assembleia e, se realmente estiverem ligadas aos cargos ofertados no certame, 80 pessoas   serão demitidas no total, para darem direito à entrada dos concursados.  Porém, apesar da justificativa apresentada por Mochi, a maioria das exonerações foram de cargos de comissão lotados em gabinetes dos deputados. 

Além disso, antes de abrir o concurso, o presidente criou o Programa de Aposentadoria Incentivada (PAI), com o objetivo de tornar os servidores inativos de forma voluntária para que as vagas ficassem disponíveis. Isso significa que já havia sido feito uma ‘limpa’ na questão dos cargos, tornando desnecessária uma nova remessa de demissões. 

(*) A reportagem, de Gabriela Couto, está na edição de hoje do jornal Correio do Estado.[

Integrante do PCC é morto durante troca de tiros e dois são presos em MS

Em Coronel Sapucaia

Um traficante identificado como Jefferson Barbosa, 34, conhecido como “De Menor” morreu em uma troca de tiros com a polícia nesta segunda-feira (21) em Coronel Sapucaia, cidade a 389 quilômetros de Campo Grande.

De acordo com os policiais, era realizada uma operação em conjunto com o Dof (Departamento de Operações de Fronteira), Policia Nacional do Paraguai, Policia Militar e Policia Civil, quando foram recebidos a tiros por integrantes do PCC (Primeiro Comando da Capital) na cidade que faz fronteira com Capitán Bado (Paraguai).

De acordo com o site Porã News, dois foram presos e “Di Menor” morreu  durante troca de tiros com a policia. Ainda de acordo com a polícia, a operação conjunta foi realizada para combater a instalação de integrantes do PCC na região.

Os três estariam morando em uma casa na Vila Nova em Coronel Sapucaia onde agentes do DOF apreenderam três fuzis 5.56, uma espingarda calibre 12, munição, coletes balísticos, aparelhos de celular, lunetas e carregadores de fuzil.


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

TACURU
Diversos

Após sete dias de busca, bombeiros localizam corpo em Tacuru

Jovem de 18 anos morreu afogado ao tentar atravessar o Rio Morotya à nado

Clique na Imagem para ampliá-la

Momento que a equipe do 16º SGB realizava o resgate do corpo após uma semana de buscas. Jovem de 18 anos morreu afogado na segunda-feira, dia 14, no Rio Moroty. (Fotos: 16º SGB)

Vilson Nascimento

Após sete dias de buscas praticamente ininterruptas, parando somente em períodos noturnos, uma das equipes do 16º Subgrupamento Independente do Corpo de Bombeiros (16º SGB), com sede em Amambai, localizou e resgatou nessa segunda-feira, 21 de novembro, o corpo de um jovem que havia morrido afogado, em Tacuru.

O indígena Cleberson Oliveira Martins, de 18 anos, morador na Aldeia Sassoró, distante cerca de 30 quilômetros da cidade, em Tacuru, morreu afogado na tarde da segunda-feira, dia 14 de novembro, quando tomada banho em companhia de amigos, tentou atravessar as águas barrentas do Rio Moroty a nado, mas não conseguiu vencer a correnteza.

Segundo o Corpo de Bombeiros, o corpo do rapaz foi localizado flutuando cerca de 200 metros rio abaixo em relação ao local que havia desaparecido há uma semana.

Os bombeiros acreditam que o corpo do jovem possa ter permanecido enroscado na estrutura de madeira de uma antiga ponte que existia no local e está submersa no rio, na região onde ocorreu o afogamento. A Polícia Civil de Tacuru vai instaurar inquérito para apurar o caso.


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

ESCOLA FELIPE DE BRUM E A FAMILIA NA ESCOLA
Diversos

O Projeto Família na Escola, desenvolvido pela escola estadual Cel. Felipe de Brum, da rede de ensino de Amambai, usa como viés pedagógico a realização da Amostra Científica com experimentos e desafios nas áreas das Exatas

O evento aconteceu na manhã do último sábado (19) com a presença dos alunos, seus pais, professores, direção, coordenadores e funcionários.

A iniciativa viabilizou o desenvolvimento de uma série de atividades realizadas pelos alunos sob a coordenação de seus professores, apresentações artístico-culturais, palestra e o oferecimento de pratos típicos da culinária sul-mato-grossense produzidos pelos professores e servidores em geral.

A unidade escolar tem como diretor Paulo Claidimar Fernandes de Lima e diretora adjunta Antônia Andreia de Almeida Gomes.

Segundo a coordenadora pedagógica e do projeto, professoras Jesudete Catarina Nogueira Brum do Nascimento, esse é um Projeto para nortear o relacionamento entre a escola e a família, haja vista que ambas constituem uma dinâmica das relações de cunho afetivo, social e cognitivo que estão imersas nas condições materiais, históricas e culturais de um dado grupo social. "Com esta iniciativa queremos que a família seja uma parceira a mais na busca pelo cumprimento da nossa função social e nos ajude a cumprir com a nossa meta, cada um fazendo o que lhes é de direito e não deixando todas as ações para a escola, de modo que o aluno possa desenvolver em todos os aspectos da vida pessoal, profissional e ter sucesso", explica ela.

Entre os objetivos está o de proporcionar momentos de reflexão com as famílias sobre a efetiva participação no processo de desenvolvimento através da parceria com a escola, usando como fundo pedagógico o Projeto interdisciplinar nas áreas das exatas, tendo como aspectos norteadores:

• Orientação pedagógica (Palestra) e Visitação da família aos trabalhos científicos dos alunos, Dinâmicas de reflexões e momento de confraternização;
• Visitação as salas e aos estandes de trabalhos científicos e experimentos;
• (Sair com algo significativo na cabeça, no Coração, nas mãos e no estômago)

Outras metas do projeto são:

-Valorizar dentro do ambiente escolar e familiar a importância do diálogo;
-Promover a integração entre família e escola, estimulando o rendimento e o comportamento escolar;
-Ressaltar a importância da afetividade na escola e na família;
-Adotar atitudes de solidariedade, companheirismo, respeito e cooperação no coletivo;
-Aprender a resolver conflitos por meio do diálogo, ouvir e respeitar os outros;
-Reconhecer a população, costumes e cultura de cada região do Brasil e de algumas nacionalidades, nas disciplinas de história e geografia
-Despertar na comunidade escolar o espírito de colaboração, pesquisa e participação;
-Despertar o interesse pela pesquisa como fonte de conhecimento;
-Adquirir novos conhecimentos através da criatividade individual e coletiva;
-Perceber por meio de pesquisa as possibilidades de trabalhos de experimentos e experiências práticas;
;-Proporcionar momento de relacionamento familiar dentro da escola entre pais, filhos e os professores da escola;
- Desenvolver atitudes de respeito e solidariedade necessárias à preservação ambiental;

Entre as atividades apresentadas pelos alunos estão:

Sala da alimentação saudável e não saudável
Educação especial / jogos pedagógicos
Desafios matemáticos
Química- show da química
Ciências - os cinco sentidos e maquetes: ambientes naturais e modificados
Scratch / NTE / Projetec
Ciências/ alimentação saudável, saúde bucal
Química e física - experimentos
Ciências - água/ tratamento de água e esgoto, misturas homogêneas e heterogêneas / experimentos
Ciências e biologia / planetas, classificação das plantas e dos animais, corpo humano
Técnico / programação de PHP, como funciona cada peça do PC (nomes e função) evolução do projetor, celular e dos PCs.


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

Por que ter orgasmos nos faz sentir tão bem?
Diversos
 
 

O segredo do orgasmo (Foto: Think Stock)

D

pois de os cientistas revelarem que não existe um ponto G, um novo estudo revelou exatamente o que acontece com o nosso corpo durante o orgasmo, segundo a Marie Claire inglesa.

O neurocientista Adam Safron descreveu como a estimulação rítmica altera nossa atividade cerebral durante o clímax, razão pela qual os orgasmos podem se sentir tão bem.

Em suma, a estimulação sexual focaliza nossos neurônios até o ponto em que somos enviados a um transe. Esse transe nos permite concentrar-nos unicamente na sensação prazerosa que estamos experimentando.

"O sexo é uma fonte de sensações prazerosas e conexão emocional, mas além disso, é na verdade um estado alterado de consciência", explica Safron.

Quando estamos neste trance, perdemos todo o sentido de auto-consciência e consciência e somos capazes de bloquear todos os outros sentimentos e cheiros que nos rodeiam.

Para sua pesquisa, o Dr. Safron analisou estudos relacionados e literatura que foram compilados ao longo dos anos e criou um modelo que mostra como ritmo sexual rítmica influencia ritmos do cérebro.

A estimulação de determinados nervos de uma maneira particular a uma velocidade particular em um movimento repetitivo força nossos neurônios a focalizar na atividade e sincronizar sua própria atividade a ela. Então eles basicamente se juntam à diversão, por assim dizer.

Este conjunto de sincronização se espalha por todo o cérebro e permite que ele se concentre apenas na sensação que o nosso corpo está experimentando. Isso é conhecido como entretenimento neural. "Antes deste artigo, sabíamos o que iluminava o cérebro quando as pessoas tinham orgasmos e sabíamos muito sobre os fatores hormonais e neuroquímicos em animais não humanos, mas não sabíamos realmente por que o sexo e o orgasmo são sentidos desta maneira", diz o Dr. Safron.

Para sua surpresa, o Dr. Safron também encontrou semelhanças entre os padrões experimentados no cérebro durante o clímax sexual para aqueles vistos durante a dança, ouvindo música e tendo convulsões. Todos as quatro situações assumem os canais sensoriais do cérebro com uma entrada rítmica.


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

AS MAIS
Diversos

As novas cantoras sertanejas são o maior fenômeno pop brasileiro de 2016. Marília Mendonça, Maiara e Maraisa, Simone e Simaria, Naiara Azevedo e Paula Mattos invadiram rádios e streaming, ainda mais no segundo semestre. Mas, afinal, o que querem as sertanejas? O G1 analisou todas as letras e conversou com as cantoras para entender como elas estão mudando o papo da música sertaneja.

 

 

 

 


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)


Página selecionada de 1619 páginas.
Fotos

Nova pagina 2


Notícias

Sábado, janeiro 21
· SEM TOMAR BANHO
· PLANTÃO 2
· DA HORA 2
· MEGA
· DA TARDE
· DA MANHÃ
· DURMA BEM
· INDUSTRIA DA NULTA
· PLANTÃO
Sexta, janeiro 20
· RECEITA
· DESABAFO
· USA
·
· FIM DE TARDE
· INCENDIO
· BARRADO NO BAILE
· DA HORA
· AMAMBAI
· COBRAS
· PLAMTÃO
Quinta, janeiro 19
· CHUVAS
· CAI PODER DA FUNAI
· eleição
·
· MINISTRO MORRE EM QUEDA DE AVIÃO
· ACHADA MORTA
· TSE
· PRESOS
· DA MANHÃ
· DAYSE

 Calendario de Eventos
Janeiro 2017
1 2 3 4 5 6 7
8 9 10 11 12 13 14
15 16 17 18 19 20 21
22 23 24 25 26 27 28
29 30 31  

Eventos

 Hora Certa

 Amigos do Site!

Image and video hosting by TinyPic




RondPoint Web Services Web site powered by MEGAWEB