Menu
 Inicio
 Registro
 Administrador
 Menu
 Torpedos
 Downloads
 Enquete
 Galeria de Fotos
 Seus Links
 Recomende-nos
 Internet_TV
 Artigos
 Internet_Radio3
 Publicações
 Conteudos
 Album
 Estatística
 Fale Conosco

· Procurar

 Radio On
Ouça Agora:
Nenhuma opção foi escolhida



<a href=''>Play Nenhuma opção foi escolhida</a>

Abrir em janela pop-up

 Previsão

 Visitas
Até o momento, recebemos
9289390
vizualizações de páginas (page views) desde July 2007

 Apoios:




CAFE DA MANHÃ
Diversos

Prefeitura de Amambai entregou 330 pares de óculos à população nos últimos quatro meses

Programa atende pessoas através da Semed, pelo Programa Saúde na Escola e pela Secretaria Municipal de Saúde

Seguindo a política de contribuir com o bem estar e garantir um tratamento digno à população, a Prefeitura Municipal de Amambai, através da Semed (Secretaria Municipal de Saúde) e Secretaria Municipal de Educação entregou, neste dia 05 de Dezembro, 84 pares de óculos para a população, totalizando assim o número de 330 pessoas contempladas através do atendimento, que engloba alunos que fazem parte da Reme (Rede Municipal de Ensino) – 40%; e pessoas devidamente cadastradas pela Secretaria Municipal de Saúde, que procuraram espontaneamente pelo programa – 60% dos contemplados.

Para o Secretário Municipal de Saúde, Sérgio Perius, que discursou durante a entrega dos óculos na ultima sexta-feira, “é uma imensa alegria para nós estarmos realizando a entrega desses óculos para a população.

Ficamos satisfeitos ao perceber que, enquanto gestão, estamos conseguindo cumprir o papel que nos é confiado: o de atender a população com dignidade e proporcionar a promoção da saúde plena aos moradores do Município”, observou.

O Presidente da câmara de vereadores, Robertino Dias, parabenizou a Administração Municipal pela realização do programa e destacou a importância do “Consórcio da Saúde” para a realização de um atendimento de qualidade na área da saúde, para a população. “Todas as ações realizadas pela prefeitura de Amambai nesses quase dois anos de mandato, tem vindo de encontro às necessidades da população. É de grande importância que a população propague isso e destaque as coisas boas realizadas pela administração na área da saúde, da educação, da segurança publica e geração de emprego”, finalizou o vereador.

Carlinhos do Nascimento, vereador em Amambai, o valor do programa é ainda maior do que o imaginado, pois trás aos contemplados uma qualidade de vida muito diferente da que seria sem o uso dos óculos. “Nós sabemos que é de grande dificuldade para a maioria da população conseguir uma simples consulta oftalmológica e hoje o Município tem oferecido um atendimento de qualidade, através do Dr. Roberto Gasparini e sua equipe que vem mensalmente ao Município, realizar as consultas e encaminhamentos necessários para dar continuidade aos atendimentos”, ressaltou Carlinhos.

O Prefeito Municipal, Sergio Barbosa, aproveitou do momento para anunciar que a Prefeitura realizará, até o mês de janeiro, aproximadamente 580 cirurgias eletivas, que englobam procedimentos cirúrgicos de cataratas, ginecológicas, vesículas, hérnia e ortopedia, viabilizadas através do Consórcio da Saúde, que atende também aos Municípios vizinhos de Coronel Sapucaia, Aral Moreira, Tacuru, Sete Quedas e Paranhos.

É importante ressaltar que no sábado (29), a Prefeitura de Amambai realizou, através da Secretaria de Saúde, 48 procedimentos cirúrgicos dentro do “Consórcio da Saúde”, como é chamado o Conisul (Consórcio Intermunicipal para o Desenvolvimento do Cone Sul de Mato Grosso do Sul). Destas, 35 cirurgias são de catarata e 13 ortopédicas.

A Prefeitura de Amambai tem mantido um plano de governo que transformou para melhor a área da saúde, com destaque para investimentos no Hospital Regional, onde são realizados atendimentos e cirurgias eletivas das mais diversas áreas, como ortopedia, pediatria, obstetrícia, entre outras

Prefeitura continua com inscrições abertas para preencher 367 vagas

Prefeitura de Três Lagoas continua com inscrições abertas de concurso público para preencher 367 vagas. Os salários variam de R$ 727,47 a R$ 5 mil. As inscrições vão até o dia 22 de dezembro e devem ser realizadas somente pelo site www.fapec.org/concurso. São dois editais abertos no total.

Veja Mais
› 
Funsat oferece hoje vagas para porteiro, mecânico, faxineiro e até office-boy
› Funsat suspende emissão da Carteira de Trabalho a partir da próxima semana 

Há vagas para os cargos de nível fundamental completo, nível médio e nível superior. As principais oportunidades são para a área de saúde eeducação. Há vagas para professor de nível fundamental de artes, educação física e inglês e para professor da educação infantil.

As oportunidades são também para a função de administrador, arquiteto, assistente social, auditor tributário fiscal, cirurgião dentista, contador, economista, educador físico, educador social, endodontista, enfermeiro, engenheiro ambiental, engenheiro civil, engenheiro de segurança do trabalho, engenheiro financeiro, farmacêutico bioquímico, fiscal ambiental, fiscal de vigilância sanitária, fisioterapeuta, fonoaudiólogo.

A taxa é de R$ 50 para cargos de nível fundamental completo, R$ 70 para nível médio e R$ 100 para nível superior. A prova escrita objetiva será aplicada no dia 1º de fevereiro de 2015. Para acessar o edital número 1 clique aqui e o 2 aqui.

Fonte: Campo Grandenews


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

CONISUL ESTEVE REUNIDO EM CEL. SAPUCAIA
Diversos

Sérgio Barbosa vai presidir o Conisul no biênio 2015/2016

 

O atual diretor-administrativo do bloco, Sérgio Diozébio Barbosa (PMDB) vai presidir o Conisul (Consórcio Intermunicipal para o Desenvolvimento da Região Cone Sul de Mato Grosso do Sul) durante o biênio 2015/2016.

A eleição acontece no dia 24 de dezembro, uma quarta-feira, mas o nome do prefeito de Amambai foi indicado como o presidente da entidade dentro da chapa de consenso montada durante a reunião do Conisul realizada nessa quarta-feira, 10 de dezembro, em Coronel Sapucaia.

Além de Sérgio Barbosa, que também tem o nome cogitado para presidir a Assomasul (Associação dos Municípios de Mato Grosso do Sul) no biênio 2015/2016, a chapa única para a direção do Conisul a partir de 2015 traz o prefeito de Japorã, Vanderlei Bispo (PT) como vice-presidente e a prefeita de Coronel Sapucaia, Nilcéia Alves de Souza (PR) como diretora-administrativa do bloco de municípios.

O Consórcio Intermunicipal para o Desenvolvimento da Região Cone Sul de Mato Grosso do Sul (Conisul), tem como integrantes treze municípios da região Cone Sul de Mato Grosso do Sul.

São eles; Amambai, Aral Moreira, Coronel Sapucaia, Paranhos, Sete Quedas, Tacuru, Eldorado, Japorã, Mundo Novo, Iguatemi, Itaquiraí, Navirai e Juti.

Na reunião de trabalho realizada nessa quarta-feira em Coronel Sapucaia, o bloco aprovou a adesão do décimo quarto membro, o município de Caarapó, cuja inclusão oficial ainda será homologada por meio de adequação de legislação.

A atual presidente do Conisul é a prefeita de Eldorado, Marta Araújo, do Partido dos Trabalhadores (PT).

Fonte: A Gazeta News


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

GIRO POLICIAL
Diversos

Assaltantes mortos em assalto a joalheria na fronteira foram atingidos por desconhecido

Os suspeitos de um assalto na manhã desta

quarta-feira (10), por volta das 10 horas na área central de Coronel Sapucaia, a 380 quilômetros ao sul de Campo Grande, usavam pistolas 9 milímetros israelenses. Eles teriam trocado tiros com um popular que passava pelo local e flagrou o roubo, conforme informações do delegado titular da Polícia Civil daquele município, Roberto Duarte Faria.

“Não sabemos quem teria efetuado os disparos contra a dupla. A pessoa, que atirou nos dois, não foi localizada”, afirma o delegado que vai registrar o caso como tentativa de roubo seguida de homicídio. Os suspeitos são de Cuiabá, em Mato Grosso, e ainda não é sabido por quanto tempo eles estavam na cidade.

Um deles foi identificado como Bruno Alinor Moraes Leite, de 17 anos. Já o outro não teve o nome divulgado, pois apenas um deles portava os documentos pessoais. Os corpos deles foram encaminhados para o IML (Instituto Médico-Legal) de Ponta Porã, a 346 quilômetros ao sul da Capital, para realização dos laudos necroscópicos.

A família de ambos segue para a cidade de Coronel Sapucaia para posteriormente levar os corpos para a cidade natal.

Assalto

Roberto informou à equipe do Jornal Midiamax que a dupla estava em uma motocicleta Honda 125 CG, quando chegou na “Designer joias e relógios” e anunciou o assalto. Com as pistolas em punho renderam os funcionários e os clientes e os trancaram em um cômodo nos fundos do estabelecimento.

Enquanto isso, os suspeitos pegaram o dinheiro do caixa e as joias das vitrines. Os objetos foram colocados às pressas nos bolsos. Bruno saiu do estabelecimento e tentava ligar a motocicleta, enquanto o comparsa continuava na loja.

A ação foi vista por um popular que efetuou dois disparos em cada um dos suspeitos. A dupla foi atingida com um tiro na cabeça e outro no peito.

Adolescente que ajudou em incêndio que matou a própria mãe é apreendido

O adolescente de 17 anos, envolvido no incêndio criminoso que matou três pessoas no Jardim Columbia, em Campo Grande, foi apreendido nesta quarta-feira (10). Ele foi localizado por uma equipe da Deaij (Delegacia Especializada em Atendimento à Infância e Juventude), realizando trabalho de jardinagem em uma casa do Bairro Mata do Jacinto.

O incêndio aconteceu no dia 13 de outubro e provocou a morte de Lucinda Ferreira Torres, de 41 anos, a mãe do adolescente, Hélio Queiroz Neres, de 37 anos, e Daniel Candia, de 38 anos. As chamas teriam sido provocadas pelo adolescente e por Adriano Ribeiro Espinosa, de 27 anos, que estava com ciúmes da ex-namorada, Edna Rodrigues de Souza.

Conforme o delegado responsável pelas investigações, Maercio Alves Barboza, por meio de investigações a polícia conseguiu descobrir que ele estava na casa da namorada no Jardim Columbia. Eles foram lá e o garoto não foi localizado, mas foi descoberto que ele estava na Mata do Jacinto, onde foi abordado.  Na casa onde ele estava, foram apreendidos facões.

O adolescente contou a polícia que Adriano o chamou para ir até a casa onde estavam as vítimas e era realizada uma festa. Eles olharam por uma porta de ferro, que estava sem vidro, e viram Edna e Daniel praticando ato sexual. Com raiva da ex, Adriano quis bater no casal, mas arquitetou o plano, pedindo para que o adolescente comprasse álcool em um posto de combustíveis e atearam fogo na casa. O garoto disse que não sabia que a mãe também estava na mesma casa, em outro cômodo, junto com Hélio.

O adolescente afirmou ao Jornal Midiamax que Adriano não falou que a mãe dele estava na casa e que só descobriu a morte dela quando chegou em casa. “Acredito que realmente ele não sabia”, diz o delegado.

‘Filho problema’

Além de ter ajudado a provocar o incêndio que causou a morte da mãe, o adolescente teria causado a prisão do pai. O pai do garoto cumpre pena no Presídio de Segurança Máxima por tráfico de drogas e segundo o delegado, na casa onde eles moravam foram encontrados 200 quilos de maconha. A droga seria do adolescente, que fugiu, deixando a responsabilidade para o pai.

Foi pedida a internação do adolescente e ele foi responsabilizado por ato infracional análogo ao crime de homicídio qualificado por uso de fogo ou explosivo. Ele poderá ficar internado até completar 21 anos.

Incêndio

O incêndio aconteceu na noite de 13 de outubro. A primeira vítima, Lucinda, morreu asfixiada pela fumaça e teve várias queimaduras pelo corpo. A segunda vítima, Hélio Queiroz Neres, de 37 anos morreu na tarde do dia seguinte. Já no dia 5 de novembro, morreu Daniel Candia, de 38 anos. A última vítima, Edna, ficou internada e teve alta médica.

Vizinhos disseram que Edna e o marido, identificado apenas como Adriano, tiveram uma briga em via pública, antes do imóvel ser incendiado. A filha da vítima contou que Adriano teria passado pelo local e feito ameaças, dizendo que compraria gasolina e atearia fogo no local.

Lucinda não mora no imóvel, mas estava na casa em uma visita a Edna, que havia discutido com o marido. No imóvel, além do casal, moravam mais dois homens, entre eles, a vítima que morreu na Santa Casa.

Geisy Garnes

Adolescente foi apreendido na Mata do Jacinto

 


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

ENFOQUES
Economia Reinaldo confirma seus 2 primeiros secretários

Fotos Divulgação

O governador eleito Reinaldo Azambuja (PSDB) confirmou hoje os primeiros dois nomes de seu secretariado, que já eram citados pela imprensa, ambos do ninho tucano: o presidente da Famasul, Eduardo Riedel, será o titular da Secretaria de Governo; e a vice-governadora eleita, Rose Modesto, vai comandar a Secretaria de Estado de Assistência Social (Setas). “É uma secretaria que vai cuidar sim da Assistência Social, mas vai cuidar também de outras áreas de governo”, explicou Reinaldo em nota enviada à imprensa nesta manhã.

ma oficializa Dia Nacional do Macarrão

Ilustração

Lei que institui o Dia Nacional do Macarrão, a ser comemorado em 25 de outubro, data em que empresas produtoras de macarrão fazem doações do alimento a entidades beneficentes no Brasil, foi sancionada pela presidente Dilma Rousseff e publicada ontem no Diário Oficial da União. Elaborado à pedido da Associação Brasileira da Indústria Alimentícia (Abima), o projeto foi apresentado há 10 anos na Câmara pelo deputado Luiz Carlos Hauly (PSDB-PR).

Secretário vitalício...?

Panoramio/Reprodução Arquivo

No day after do feriado do Dia da Justiça em Campo Grande, dois advogados que aguardavam audiência conversavam ontem no Fórum sobre o futuro secretariado do governador eleito Reinaldo Azambuja (PSDB).

Um deles lembrou então que o procurador-geral do Estado, Rafael Coldibelli Francisco, nomeado há nove anos pelo então governador Zeca do PT chefiou a advocacia estadual por todo o governo André Pucinelli (PMDB).

Em seguida, apostou uma garrafa Royal Salute 21 no palpite de que o colega militante da advocacia pública seguirá firme no governo tucano.

Franzindo o sobrecenho, seu interlocutor até esboçou um ar de dúvida.

Mas, preferiu não correr o risco de perder a aposta

O índio gay

José Varella/Correio Braziliense/Arquivo Reprodução

Do Ancelmo Gois em blog no O Globo:
 
"Luiz Mott, o antropólogo fundador do Grupo Gay da Bahia, começou uma campanha para que São Luís, a capital maranhense, faça um monumento em homenagem a Tibira, o índio tupinambá executado há 400 anos, acusado de ser homossexual. Mott, que lança, em Salvador, o livro ´São Tibira do Maranhão`, acha que esse foi o primeiro crime de homofobia no país."

Veja/Reprodução

A Justiça do Trabalho condenou a rede Casas Pernambucanas a pagar R$ 2,5 milhões de multa por usar mão de obra análoga a de escravo na produção de roupas. A decisão é do da 81ª Vara do Trabalho de São Paulo, Marcelo Donizeti Barbosa, baseado em denúncia do MP trabalhista. A rede foi flagrada por duas vezes violando a lei, entre 2010 e 2011, na produção de duas de suas marcas, Argonaut e Vanguard. 
 
Na ocasião, conforme o MP, pelo menos 31 estrangeiros da Bolívia, Paraguai e Peru foram encontrados trabalhando em condições degradantes em oficinas de costura, com jornada superior a 14 horas diárias em locais sem higiene e segurança. Nenhum tinha registro em carteira e recebiam de 20 a 50 centavos por peça costurada e do total eram descontados valores relativos à alimentação e ao transporte do país de origem até o Brasil. A procuradora Valdirene Silva de Assis diz que esta foi a primeira ação civil pública sobre trabalho escravo urbano envolvendo mão-de-obra estrangeira no Brasil. 
 
Em nota, a Casas Pernambucanas informou que vai recorrer da decisão. “Tudo o que a Pernambucanas tem investido o faz porque não quer ver seus ideais e princípios sendo confundidos com qualquer prática ilegal. O faz porque está ao lado do Ministério do Trabalho e Emprego, de entidades não governamentais e de toda a sociedade brasileira na luta contra qualquer precarização ou dumping social, provocados pela ilegalidade”, diz o comunicado à imprensa.
 

Fotos Divulgação e Reprodução

Quem adora lamber tampinha ao abrir o pote de iogurte não vai gostar da novidade. Inspirada nas folhas de lótus, planta aquática antiaderente, a empresa japonesa Toyo Aluminium criou a tampinha Toyal Lotus que evita que o produto fique grudado no lacre. Os pesquisadores descobriram que o ângulo de contato entre a folha da planta e a borda da gota d´água é de cerca de 150 graus, o que impede a água de ficar retida. Projetaram, então, uma tampinha de alumínio cuja superfície tem ângulo de contato ainda maior, de 170 graus. Empresas de iogurte japonesas já adotaram o design. A Toyo diz que, ao longo de um ano, a quantidade de iogurte grudado nas tampas é equivalente ao volume consumido na África, conforme o site Nikkei Asian Review.

Posse de Reinaldo Azambuja no governo será na tarde do dia 1º de janeiro

Aumentar texto Diminuir texto

Wendell Reis

Gerson Walber

O governador André Puccinelli (PMDB) vai entregar o comando do governo de Mato Grosso do Sul para Reinaldo Azambuja (PSDB) na tarde do dia 1º de janeiro. A cerimônia de posse começa na Assembleia Legislativa, às 15 horas.

A cerimônia começa dentro da Assembleia Legislativa, quando dois deputados são nomeados para acompanhar o governador até a Assembleia. Após o Hino Nacional, Azambuja prestará juramento de respeito à Constituição de Mato Grosso do Sul e será declarado empossado no cargo de governador pelo presidente da Assembleia.

Tradicionalmente, há discurso do presidente da Assembleia e do novo governador. Após o discurso, já empossado, Azambuja desce a esplanada da Assembleia e passa em revista à guarda militar que estará perfilada em sua homenagem.

Na segunda parte da cerimônia, se seguir o ritual feito por Zeca do PT, Azambuja seguirá para a Governadoria, onde receberá a faixa governamental das mãos de André Puccinelli (PMDB), que deixa o governo após oito anos de administração. Após a troca de faixas, Azambuja segue para o Centro de Convenções “Arquiteto Rubens Gil de Camillo”, onde dá posse aos secretários.


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

POLICIA
Diversos
vc me adicionou pra q? to sabendo q vc flw por aí q andou pegando o Keiton... q negócio é esse? ta ficando doida?
 
Ladrões são assassinados por cliente de joalheria durante assalto em CORONEL SAPUCAIA MS
 

Ladrões são assassinados por cliente de joalheria durante assalto em MS

Na manhã desta quarta-feira (10) dois assaltantes foram assassinados por um cliente de uma joalheira no município de Coronel Sapucaia, cidade que fica na fronteira com o Paraguai.

Informações levantadas pelo site da 94FM de Dourados é que, uma dupla de moto chegou à joalheria e rendeu o funcionário e um cliente no local. Após pegaram as jóias, um deles saiu do comércio para ligar a moto, enquanto o outro ladrão havia ficado no interior da loja.

Ele ‘deu bobeira’ e foi morto pelo cliente que estava armado. O assaltante que estava do lado de fora da joalheria, ao ver o comparsa baleado, tentou deixar o local.

O cliente saiu rapidamente do interior da loja e atirou contra o ladrão que estava a aproximadamente 50 metros de distância. O ladrão foi baleado na cabeça e também morreu na hora.

A polícia, até o momento, só identificou um dos assaltantes (Bruno Alinor, de Cuiabá) e apreendeu duas armas. O cliente depois de matar os dois bandidos deixou o local e também não foi identificado.

Projeto prevê reajuste de 22% nos salários de deputados e governador de MS

O projeto de lei da Mesa Diretora da Assembleia pode reajustar em até 22% o salário dos deputados estaduais, secretários, vice e do novo governador a partir de 2015. A proposta fixa percentual do subsídio do Executivo e Legislativo estadual baseado nos vencimentos do STF (Supremo Tribunal Federal) e da Câmara dos Deputados.

O Supremo Tribunal já enviou proposta para o Congresso Nacional, para aumentar seu subsídio de R$ 29,4 mil para R$ 35,9 mil, uma alta de 22%, para o ano que vem.

Os deputados federais também tem a intenção de aumentar o salário de R$ 26,7 mil, para R$ 33,7 mil, ou até chegar no teto máximo dos servidores, igualando o valor do Supremo, que seria de R$ 35,9 mil.

Estas propostas ainda estão em análise no Congresso e devem ser votadas até o final do ano. Em Mato Grosso do Sul, com este aumento dos salários nacionais, terá o mesmo reajuste de 22%, caso estes projetos sejam aprovados em Brasília.

O novo governador do Estado irá receber o mesmo valor do desembargador do TJ-MS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul), que hoje é de R$ 26.589,67, mas poderá chegar a R$ 32,4 mil, no ano que vem, já que este pode chegar a 90,5% do subsídio do ministro do Supremo.

Os secretários estaduais e a vice-governadora recebem hoje R$ 21.373,02, e também podem chegar a R$ 25,9 mil, em 2015, pois terão direito a 80% dos vencimentos do governador.

Já os deputados estaduais irão receber 75% do valor dos salários dos deputados federais, que podem chegar a R$ 33,7 mil ou até R$ 35,9 mil, caso se equipare ao Supremo, com a aprovação dos projetos em Brasília.

A proposta apresentada ontem (09) segue agora para análise das comissões do legislativo, para depois entrar em pauta para votação dos deputados, com previsão de ocorrer antes do recesso parlamentar.


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

MS
Diversos

André não atende pedido da equipe de Azambuja e entrega documentos nesta quarta

Aumentar texto Diminuir texto

Yarima Mecchi

O governador André Pucccinelli (PMDB) vai entregar nesta quarta-feira (10) o restante dos documentos para a equipe de transição do governador eleito, Reinaldo Azambuja (PSDB). O encontro será na Governadoria e deve reunir membros de ambas equipes de transição.

Com os documentos a equipe de transição fará um relatório final e entregar para Azambuja um ‘raio X’ do Estado. O coordenador da equipe de transição do tucano, Marcelo Miglioli, chegou a pedir a Puccinelli e sua coordenadora de transição, Thie Higuchi, para que tudo fosse entregue até o dia 5 de dezembro, o que não aconteceu.

Miglioli chegou a dizer que entregaria o relatório para Azambuja até o dia 15 deste mês, próxima segunda-feira (15). Até agora Puccinelli entregou os documentos das seguintes secretarias: Setas (Secretaria de Estado de Trabalho, Assistência Social); Funtrab (Fundação Social do Trabalho); Semac (Secretaria do Estado de Meio Ambiente, do Planejamento, da Ciência e da Tecnologia); Fundect (Fundação de Apoio ao Desenvolvimento do Ensino, Ciência e Tecnologia do Estado de Mato Grosso do Sul); Imassul (Instituto de Meio Ambiente do Mato Grosso do Sul); Secretaria de Gestão de Recursos Humanos; Seprotur (Secretaria de Estado de Desenvolvimento Agrário, da Produção, da Indústria, do Comércio e do Turismo).

Ainda entre os documentos entregue estão o Iagro (Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal); Jucems (Junta Comercial do Estado de Mato Grosso do Sul); Fundtur (Fundação de Turismo de Mato Grosso do Sul); Agraer (Agência de Desenvolvimento Agrário e Extensão Rural); Sefaz (Secretaria do Estado de Fazenda); Auditoria Geral; SAD (Secretaria de Administração); Agiosul (Agência Estadual de Imprensa Oficial de Mato Grosso do Sul); Escolagov (Escola de Governo); Ageprev (Agência de Previdência Social); Seop (Secretaria de Estado de Obras Públicas); FCMS (Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul) e Sedem (Secretaria Extraordinária de Desenvolvimento e Articulação dos Municípios).

Entre as que não forem entregues está a Sejusp (Secretaria de Justiça e Segurança Pública), SES, Detran (Departamento Estadual de Trânsito), Sanesul (Empresa de Saneamento de Mato Grosso do Sul S.A.) e Subsecretaria de Mulher.

Governador chama de ‘burro’ quem não entende portal

O governador André Puccinelli, do PMDB, disse ontem que o portal da transparência do governo funciona, sim, e quem diz o contrário “só mente e quem é burro”. Puccinelli afirmou ainda que seu governo cumpre a lei desde o ano passado. “Tem tudo ali. A hora que você quiser ver no portal da transparência tem tudo. Só não tem dados pessoais dos servidores, porque isso é sigilo individual, mas tem tudo: gasto, compra, licitação, processo, tem tudo, tudo, tudo”, garantiu. Por volta das 18h de ontem, a reportagem entrou no portal da transparência e buscou informações acerca dos movimentos financeiros da Secretaria de Governo, aquela mais próxima do governador e que no mês passado gastou em torno de R$ 12 milhões. Quis saber detalhes dos contratos firmados no ano pela Secretaria de Governo. No entanto, a última informação publicada sobre o assunto a ser pesquisada referia-se ao ano de 2013, nenhuma deste ano. E o último balanço de receita e repasses aos poderes e aos municípios feito pelo Estado é de maio. Naquele mês, segundo o portal, o Estado arrecadou R$ 762 milhões e fechou o mês com R$ 23 milhões negativos. O portal revela ainda que em maio deste ano – último balanço dos repasses aos poderes – o governo de Puccinelli repassou R$ 17 milhões para a Assembleia Legislativa, R$ 39 milhões ao Tribunal de Justiça, R$ 11,5 milhões ao Tribunal de Contas e R$ 21,5 milhões ao Ministério Público, além de R$ 8,25 milhões à Defensoria Pública.O governador André Puccinelli, do PMDB, disse ontem que o portal da transparência do governo funciona, sim, e quem diz o contrário “só mente e quem é burro”. Puccinelli afirmou ainda que seu governo cumpre a lei desde o ano passado. “Tem tudo ali. A hora que você quiser ver no portal da transparência tem tudo. Só não tem dados pessoais dos servidores, porque isso é sigilo individual, mas tem tudo: gasto, compra, licitação, processo, tem tudo, tudo, tudo”, garantiu. Por volta das 18h de ontem, a reportagem entrou no portal da transparência e buscou informações acerca dos movimentos financeiros da Secretaria de Governo, aquela mais próxima do governador e que no mês passado gastou em torno de R$ 12 milhões. Quis saber detalhes dos contratos firmados no ano pela Secretaria de Governo. No entanto, a última informação publicada sobre o assunto a ser pesquisada referia-se ao ano de 2013, nenhuma deste ano. E o último balanço de receita e repasses aos poderes e aos municípios feito pelo Estado é de maio. Naquele mês, segundo o portal, o Estado arrecadou R$ 762 milhões e fechou o mês com R$ 23 milhões negativos. O portal revela ainda que em maio deste ano – último balanço dos repasses aos poderes – o governo de Puccinelli repassou R$ 17 milhões para a Assembleia Legislativa, R$ 39 milhões ao Tribunal de Justiça, R$ 11,5 milhões ao Tribunal de Contas e R$ 21,5 milhões ao Ministério Público, além de R$ 8,25 milhões à Defensoria Pública.

O governador André Puccinelli, do PMDB, disse ontem que o portal da transparência do governo funciona, sim, e quem diz o contrário “só mente e quem é burro”. Puccinelli afirmou ainda que seu governo cumpre a lei desde o ano passado. “Tem tudo ali. A hora que você quiser ver no portal da transparência tem tudo. Só não tem dados pessoais dos servidores, porque isso é sigilo individual, mas tem tudo: gasto, compra, licitação, processo, tem tudo, tudo, tudo”, garantiu.

Por volta das 18h de ontem, a reportagem entrou no portal da transparência e buscou informações acerca dos movimentos financeiros da Secretaria de Governo, aquela mais próxima do governador e que no mês passado gastou em torno de R$ 12 milhões. Quis saber detalhes dos contratos firmados no ano pela Secretaria de Governo. No entanto, a última informação publicada sobre o assunto a ser pesquisada referia-se ao ano de 2013, nenhuma deste ano.

E o último balanço de receita e repasses aos poderes e aos municípios feito pelo Estado é de maio. Naquele mês, segundo o portal, o Estado arrecadou R$ 762 milhões e fechou o mês com R$ 23 milhões negativos. O portal revela ainda que em maio deste ano – último balanço dos repasses aos poderes – o governo de Puccinelli repassou R$ 17 milhões para a Assembleia Legislativa, R$ 39 milhões ao Tribunal de Justiça, R$ 11,5 milhões ao Tribunal de Contas e R$ 21,5 milhões ao Ministério Público, além de R$ 8,25 milhões à Defensoria Pública.

Deputados criticam ausência do governo em debate sobre segurança pública

Aumentar texto Diminuir texto

AgênciaCâmara/DA

A ausência de convidados marcou a audiência pública convocada para debater a viabilidade política, jurídica, econômica e constitucional da federalização da segurança pública e a criação de um ministério específico para o setor.

Parlamentares presentes criticaram a ausência de representantes do governo federal, do Poder Judiciário e das demais autoridades convidadas. "Ou estão com medo de enfrentar o problema ou simplesmente não dão importância ao tema. As duas situações são graves", disse o deputado Domingos Dutra (SD-MA), que sugeriu a realização do debate.

Entre os debatedores que não compareceram estão o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo; e o presidente do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), ministro Ricardo Lewandowski.

Apenas o representante da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Pedro Paulo Guerra, compareceu à audiência, realizada nesta terça-feira (9) pelas comissões de Direitos Humanos e Minorias; e de Segurança Pública e Combate ao Crime Organizado da Câmara dos Deputados.

Posição da OAB

Pedro Paulo Guerra disse que a audiência pública é uma legitimação da democracia brasileira e que se sente honrado em representar a OAB no debate. Ele afirmou que a entidade é favorável à criação de um ministério específico para tratar da segurança pública. "Toda iniciativa que tenda a combater a criminalidade, de forma unificada e unificando informações das polícias, terá o apoio irrestrito do Conselho Federal da OAB e da OAB nacional", declarou.

Mesmo demonstrando apoio à criação de um ministério para a segurança pública, Guerra disse que não é favorável a medidas consideradas “populistas”. "Temos que combater a criminalidade, não simplesmente tratando os sintomas dessa doença, que é combatendo o crime em si – aumentando penas, recrudescendo o cumprimento de pena, evitando progressão de regime, transformando todos os crimes em hediondos. Isso é apenas combater os sintomas. Combater a causa é tomar medidas de cunho social”, afirmou.

Criação de ministério

Ao ser questionado sobre a viabilidade financeira para criar um novo ministério, Domingos Dutra afirmou que não há qualquer dúvida de que o governo federal possui, sim, dinheiro para esse investimento, e citou casos recentes de corrupção para justificar que "está sobrando dinheiro no País".

"Basta verificar os escândalos periódicos e citar o último da Petrobras. Só um denunciado está devolvendo – parte do que ele roubou – R$ 258 milhões. Então, recursos o País tem", disse Dutra.

O deputado Dr. Carlos Alberto (PMN-RJ) também defendeu a criação do Ministério da Segurança Pública. "O sistema penitenciário virou uma fábrica de criminosos, sem falar no sistema socioeducativo, que não reabilita ninguém. Portanto, sou a favor da criação do ministério para tratar especificamente desse e de outros temas relevantes para o País", disse o parlamentar.

A deputada Rosane Ferreira (PV-PR) lembrou que, somente neste ano, ocorreram 53 mil homicídios no País. "É como se um avião caísse todos os dias. Além disso, no Brasil, já instituíram a pena de morte para jovens negros e pobres", afirmou a parlamentar, que também se posicionou favorável à criação do novo ministério.

Estado tem o 5º pior Ensino Médio do País, diz pesquisa

Estado só está à frente de Alagoas, Bahia, Maranhão e Pará

Mato Grosso do Sul é o 5º pior estado brasileiro quando o assunto é o Ensino Médio, mais especificamente, a conclusão da etapa por jovens de até 19 anos. O levantamento divulgado pela ONG Todos pela Educação, com base nos dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad) de 2013, revela que os números sul-mato-grossenses só ficam à frente de Alagoas, Bahia, Maranhão e Pará, estados situados nas duas regiões do País com os piores índices.

Dos adolescentes e jovens de até 19 anos que ingressam no Ensino Médio, apenas 42,2% concluíram o 3º ano em 2013. Mato Grosso do Sul está apenas 8,8 pontos porcentuais acima do índice do pior estado brasileiro no ranking, o Pará, e 25,9 pontos porcentuais atrás do Distrito Federal, que apresentou conclusão de 68,1% dos alunos que entraram no Ensino Médio.

A pesquisa revela, ainda, que o Estado ficou atrás de unidades da Federação conhecidas em todo o País pela baixa qualidade do ensino. Entre elas, estão: Amapá, Rondônia e Roraima. Com o baixo índice, Mato Grosso do Sul também ficou atrás do índice brasileiro de 54,3% de conclusão da etapa educacional.

Outro índice que preocupa a educação sul-mato-grossense é a comparação dos números de 2013 em relação aos índices de anos anteriores. Em 2012, o Estado tinha índice de 54,2% de aprovação; na época, o valor era um pouco superior ao índice do Brasil, quando 53% dos jovens e adolescente que ingressaram no Ensino Médio concluíram os estudos.

A reportagem, de Aliny Mary Dias, está na edição de hoje do jornal Correio do Estado


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

ASSOMASUL
Diversos

PMDB e PSDB definem candidatos e podem se enfrentar na briga pela Assomasul

Aumentar texto Diminuir texto

Wendell Reis

O PMDB e PSDB podem entrar em disputa novamente em janeiro. Após a briga pelo Governo do Estado, os partidos agora devem se enfrentar na busca pela presidência da Associação dos Municípios de Mato Grosso do Sul (Assomasul).

Reunidos ontem, 25 prefeitos elegeram o prefeito de Amambai, Sérgio Barbosa (PMDB), como pré-candidato a eleição que deve acontecer em janeiro. O prefeito de Costa Rica, Waldeli Rosa (PR), confirmou a indicação do nome de Sérgio Barbosa, mas disse que o grupo não se nega a compor com o atual governador, Reinaldo Azambuja (PSDB).

O PSDB, por sua vez, já fechou acordo para lançar como candidato o prefeito de Nova Alvorada do Sul, Juvenal Neto (PSDB). A informação inicial é de que o atual presidente, Douglas Figueiredo (PDT), desistiu de disputar a reeleição. Douglas era filiado ao PSDB e chegou à presidência após arranjo com o PT, liderado pelo senador Delcídio do Amaral (PT). Porém, ele deixou o partido para apoiar Delcídio. A reportagem apurou que Douglas pode abrir mão para apoiar João Neto.

O prefeito Waldeli, que perdeu a presidência para Douglas, explica que há possibilidade de acordo, desde que Douglas não seja o candidato, mas diz que tudo depende de uma boa conversa entre os candidatos. “O Douglas está fora de cogitação. Gostaríamos de discutir a eleição, mas não com a chapa atual. Queremos conversar, desde que o candidato não seja o Douglas. Discutir e não partidarizar a Assomasul. Nos últimos dois anos partidarizaram a Assomasul e isso não é bom. A entidade tem que estar acima de tudo”, concluiu. A reportagem tentou contato com Douglas por diversas vezes, mas ele não retornou para dizer se vai tentar a reeleição.



Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

ESCOLAS DE Mato Grosso do Sul terão 200 dias de aulas em 2015
Diversos

Os alunos da rede estadual de ensino de Mato Grosso do Sul terão 200 dias de aulas em 2015, além de outras datas para exames finais e para jornada pedagógica. O calendário escolar foi publicado nesta terça-feira (9) no Diário Oficial do Estado (DOE).

Em Campo Grande, as aulas começam no dia 4 de fevereiro. Nas cidades do interior do estado, o ano letivo começa no dia 9 de fevereiro. Nesses municípios, estão previstos três sábados de aulas, nos dias 25 de abril, 30 de maio e 27 de junho. Desses 200 dias, oito serão de uso das escolas e sete da Secretaria de Estado de Educação (SED). Nessas datas, os estudantes terão aula programada, para ser realizada em casa. Outros dez dias serão usados para exames finais e jornada pedagógica, sendo cinco para cada atividade.

Na capital sul-mato-grossense, também serão oito dias dos 200 letivos para uso das escolas e sete da SED, também com aula programada para os alunos. Além disso, cinco dias serão dedicados para os exames finais e dois para jornada pedagógica.

As resoluções estão disponíveis na edição dessa terça-feira (9) do DOE acesse aqui para visualizar o calendário, nas páginas 28 e 29.


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

Vander rebate Delcídio
Diversos

O deputado Vander Loubet (PT) rebateu as declarações feitas pelo senador Delcídio do Amaral (PT) durante encontro do diretório no fim de semana. Delcídio disse que a derrota dele começou em 2010, quando Vander teve apenas 5% dos votos. Porém, o deputado discorda e cita arranjos do passado, tendo Delcídio como protagonista de muitos.

Vander alega que a relação difícil com Campo Grande vem desde a eleição de Zeca do PT para o Governo do Estado e se estendeu a outros períodos, tendo como principal ponto a eleição de 2010, quando boa parte do partido não fez campanha para o PT.

“É uma análise muito simplista. Vem desde 2000 e passa por 2010, quando boa parte do partido não fez campanha para o Zeca e para Dagoberto Nogueira (PDT), que também era nosso candidato ao Senado. Isso acabou refletindo na campanha de 2012, quando boa parte do partido fez campanha para o Alcides Bernal (PP) e um grupo tinha acordo com Giroto”, justificou.

Vander entende que as traições vêm se repetindo dentro do PT e que na eleição deste ano o mesmo grupo fez campanha para outro partido, apoiando desta vez o governador eleito, Reinaldo Azambuja (PSDB). O deputado federal lembra que Delcídio também tem participação na derrota, já que foi abandonado por vários aliados que prometeram fazer campanha para ele.

“Este mesmo pessoal o Delcídio achou que fez campanha para ele e não ficou com ele. Mais de 10 vereadores na Capital. A Simone Tebet (PMDB) e o deputado Eduardo Rocha (PMDB), e outros deputados que Delcídio sempre fez política junto. É uma declaração muito simplista”, rebateu.

Vander entende que não é mais hora de ficar discutindo o que passou e defende uma união do partido. “Na dor às vezes é mais fácil a gente se juntar. Após todas as derrotas, pode ser uma grande oportunidade de a gente unificar nossas ações e juntar os projetos individuais em torno do projeto maior, que é do partido”, concluiu.


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

FIQUE SABENDO
Diversos NOTÍCIAS DA TARDE

Projeto que utiliza água da chuva para irrigação é selecionado 
em Conferência Nacional

Alunos da Escola Municipal Dr. Mitsuro Saito

Um projeto desenvolvido por professores e alunos dos 6º e 7º anos de uma escola de Paranhos (MS) foi selecionado na Conferência Nacional Infanto-juvenil pelo Meio Ambiente.

A Escola Municipal Dr. Mitsuro Saito recebeu R$ 14 mil para executar o projeto intitulado “Captação de água pluvial para fins de irrigação de hortas e demais usos não potáveis, utilizando a estrutura da quadra de esportes da Escola Municipal Dr. Mitsuro Saito em Paranhos-MS”.

O projeto deteve a atenção de toda a comunidade escolar. “A construção dessa cisterna é um sonho muito antigo da nossa comunidade escolar. Fiquei muito honrada em ter a oportunidade de escrever esse projeto e agradeço a todos que colaboraram com a efetividade desse sonho”, disse a professora Katiúscia Karla Urague de Oliveira.

Para chegar até lá, a ideia começou com um evento, realizado ano passado, com objetivo de ensinar as crianças sobre recursos hídricos, preservação e sustentabilidade. O projeto foi levado para a Conferência Estadual, em Campo Grande, onde foi selecionado para representar o Estado a nível nacional, em novembro deste ano.

Vereadores aprovam primeira revisão do Plano Plurianual

Vereadores durante sessão desta terça-feira

Os vereadores da Câmara Municipal de Campo Grande aprovaram na sessão ordinária dessa terça-feira (9) a 1ª revisão do PPA (Plano Plurianual).
 
Em primeira discussão e votação foi aprovado em Plenário o Projeto de Lei n° 7.840/14, que dispõe sobre a 1ª revisão do Plano Plurianual 2014/2017, instituído pela Lei n. 5.298, de 17 de janeiro de 2014. A proposta é de autoria do Poder Executivo Municipal.
 
O Projeto será votado em segundo turno de discussão na sessão da próxima terça-feira (16).

Curtume de Três Lagoas demite mais 100 funcionários

Curtume de Três Lagoas (MS)

O Curtume de Três Lagoas (MS) demitiu 100 funcionários nos últimos dois meses. O número representa 90% do quadro de trabalhadores. Atualmente, foram mantidos apenas aqueles que fazem parte do setor administrativo, porém, sem a garantia de que os postos de empregos serão mantidos por muito tempo. Isso porque o Curtume foi lacrado há quatro meses e desde então acumula um prejuízo de mais de R$ 2 milhões, já que sua produção está 100% paralisada.

De acordo com Aline Gonçales da Silva, química industrial do Curtume, a empresa mantem os funcionários do administrativo porque ainda tem esperança de contornar a situação. “Estamos lutando para conseguir regularizar todas as pendências para que possamos voltar a operar. Mas por enquanto não há previsão de quando isso pode acontecer”, explicou.

A produção do Curtume foi lacrada em agosto deste ano pelo Imasul (Instituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul) por conta de irregularidades encontradas em relação à falta do cumprimento de critérios de segurança e meio ambiente. Na época, a empresa que processa couro, foi multada em R$ 1 milhão, porém, como ela já havia sido notificada outras vezes e não cumpriu as determinações do Imasul a multa final foi de R$ 3 milhões, que resultou ainda na paralisação da produção. 

Adicional de R$ 51 milhões salva 13º de municípios do Estado

Capital receberá o maior montante de recursos extras

O reforço de R$ 51,5 milhões vai salvar o 13º salário dos servidores dos municípios de Mato Grosso do Sul. O dinheiro extra, que corresponde ao repasse de 1% do Fundo de Participação dos Municípios (FPM), cairá amanhã nas contas das prefeituras. Campo Grande, com a maior parcela, receberá R$ 5,89 milhões. Além de possibilitar o pagamento do funcionalismo, o recurso também ajuda os prefeitos a terminarem o ano com a situação contábil regularizada. 

“Com esse dinheiro, todos os prefeitos deverão pagar o 13º”, afirmou o prefeito de Anastácio e presidente da Associação dos Municípios de MS (Assomasul), Douglas Figueiredo (PMDB). Ele enfatiza que as prefeituras foram impactadas com o recuo do FPM, em razão da desoneração do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) para alguns segmentos. O fundo é composto de 23,5% do Imposto de Renda (IR) e do IPI – em 2015, esse índice sobe para 24,5%. 

Figueiredo afirmou, ainda, que o 1% do FPM é importante por questões contábeis. Segundo ele, o dinheiro ajuda os gestores a fecharem o ano orçamentário em conformidade com a Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF). Essa lei preconiza limites de dispêndios com diferentes áreas. Quando a receita do município reduz ou cresce pouco, as despesas pesam mais. Isso faz com que o índice permitido pela lei aumente. 

De acordo com o presidente da Assomasul, o gasto com a folha de pagamento, cujo teto estabelecido pela LRF é de 54% da receita, é um dos que apresentam grande dificuldade de cumprimento quando a prefeitura enfrenta problema de caixa. O recurso extra do FPM ajuda, assim, as prefeituras a não estourarem esse índice e cumprirem as determinações da lei.  

Avanço

Pela estimativa da Confederação Nacional dos Municípios (CNM), o valor do recurso, em todo o País, é de R$ 3,47 bilhões. Em Mato Grosso do Sul, o montante de R$ 51.554.138 representa avanço de 9,3% sobre os R$ 47.171.783 transferidos em 2013. A CNM projetou o valor do repasse com base no relatório fiscal do 4.º bimestre do Ministério do Planejamento, que indica a arrecadação total de IPI e do IR. Por município do Estado, o valor varia de R$ 307,4 mil (26 prefeituras recebem essa quantia) a R$ 5,89 milhões, montante destinado a Campo Grande.

Nove meses depois, Olarte não decola e Capital segue paralisada

Gilmar Olarte assumiu no lugar do prefeito cassado Alcides Bernal

Depois de assumir a Prefeitura de Campo Grande, quase nove meses atrás, com pompa de salvadora da pátria, a gestão de Gilmar Olarte, do PP, ainda não deslanchou. Pelo contrário, beira o fiasco. Neste período, além de travar o desenvolvimento de Campo Grande, azedou a relação com a Câmara dos Vereadores e está vivendo guerra política, nos bastidores, contra sua própria base. 

Assim que sentou na poltrona de seu gabinete, no dia 14 de março, um dia depois da cassação do antecessor Alcides Bernal, Olarte prometeu de uma só vez: destravar as obras, acabar com as buraqueiras, construir mais Ceinfs, dar sequência nas construções paradas e impor um ritmo de crescimento até então empacado por ingerência política. 

Até agora, contudo, nada disso aconteceu. Antes de completar um mês de mandato, a polícia entrou em ação à procura de documentos como parte de investigação, cujo alvo seria o prefeito novo. 

O caso já passou pelas mãos de dois desembargadores e é examinado, em segredo, pelo Tribunal de Justiça. 

As ruas continuam esburacadas, os professores deflagraram greve e a população continua a queixar-se do transporte coletivo, pelo preço e pela péssima qualidade.

Reinaldo Azambuja: "Compromissos e desafios"

Deputado federal e governador eleito Reinaldo Azambuja

Muito antes da campanha eleitoral, na prospecção que fizemos ao longo de um ano e meio em todas as cidades do nosso Estado, percebemos que a angústia da população residia numa única constatação – a ausência do Estado, desde as ações mais simples às providências mais complexas. 

Mas o que mais indigna a população, somada à ausência, que em muitos casos se dá por insuficiência de desempenho da administração pública, é a má gestão dos recursos públicos, mazela que reflete na condição de vida do cidadão. Por isso venho repetindo que nada valerá a pena se não pudermos governar para as pessoas, atender às necessidades de progresso social e desenvolvimento econômico. Acreditamos que nosso desafio deva ser isso – fazer com que o braço do Estado chegue a todos, especialmente às famílias que hoje estão privadas de suas necessidades mais prementes.

Não basta ao governante aplicar os recursos corretamente, até porque isso é dever, uma obrigação do gestor público. O que o administrador deve perseguir, sem trégua, é a eficiência, a eficácia e efetividade. Chamar para si a responsabilidade da melhoria dos indicadores sociais, por meio de ações coletivas, convocando todos os poderes para uma cruzada pela mudança, uma mudança realmente perceptível, capaz de refletir de modo positivo na vida das pessoas.

Não podemos abrir mão de valores como a proatividade, a competência e a eficiência. Nenhuma ciência, por si só, pode mudar o mundo, mas uma nova cultura, assentada na educação,  na boa gestão e no compromisso com os cidadãos seremos  capazes  de transformar o mundo.

É o comprometimento que buscamos, a partir de agora, na formação do nosso governo, convencido de que uma administração voltada ao interesse coletivo, sem privilegiar grupos ou segmentos, pode atingir aos objetivos a que nos propomos.

A par da secular dicotomia burocracia-eficiência, temos que ter a percepção e sensibilidade para acreditar no poder da transformação. Não vamos mudar um milímetro do nosso programa de governo por acreditar em uma revolução na gestão pública, que hoje tem privado a população de atenção básica, de serviços essenciais, do direito e da própria esperança de progredir e de ter acesso às oportunidades geradas pelas mãos do Estado. 

A mudança da qual não se pode abrir mão nos impõe os desafios de estabelecer prioridades e assegurar o usufruto das riquezas geradas pelo círculo virtuoso da produção, do trabalho e participação de todos nas conquistas da sociedade. 

Faltam recursos, não há dúvida, mas falta, sobretudo, eficiência na gestão dos recursos. Daí a nossa disposição de trabalhar para as pessoas, com as pessoas, com a responsabilidade de, no poder público, contar com a importante contribuição dos servidores, oferecendo a eles condições de se qualificar e assim poder oferecer eficiência na nobre função de servir a coletividade.

Não há o que arredar nessa missão de estabelecermos  um plano e governo comprometido com a mudança, com um novo jeito de fazer política. Respeitando as leis, contribuindo para o seu aperfeiçoamento e, fundamentalmente, promovendo  justiça e ampliando oportunidades. 

Sem deixar de honrar a grande dívida social que se acumulou ao longo dos anos pela falta de ações eficientes na saúde, educação e segurança pública, onde residem as principais mazelas que impedem nossa população de viver em paz e com dignidade. 

 

João Pereira da Rosa: "Faculdades de Medicina?"

 

Propala-se a construção de duas (2) faculdades de Medicina no Estado. 

Atualmente somos 388.015 médicos no País, temos 198 escolas médicas, ocupamos o 2º lugar no mundo, só perdemos para Índia. Temos duzentos milhões de habitantes e a Índia 1,3 bilhão. 

O governo precisa dizer em quantas cidades não se consegue fazer um exame laboratorial de análises clínicas, uma radiografia ou ultrassonografia. 

O governo precisa ser claro com a população, como afirmou o presidente da Associação Médica Brasileira, Dr. Florentino Cardoso, em artigo sobre “o sistema público de saúde” publicado em 8 de março na seção “Espaço Aberto” do Jornal “O Estado de São Paulo”, reafirmando que o governo tenta imputar a falta de médicos e a deterioração do sistema. 

O governo precisa dizer ao povo que o SUS paga por uma consulta de um pediatra, de um ginecologista menos de R$ 3,00. 

O povo precisa saber que o SUS por uma cirurgia de amígdala-adenoide R$ 183,41, para retirar um apêndice R$ 161,03 e pasmem os leitores, esta quantia é dividida pelos três (3): cirurgia, auxiliar e anestesiologista. Paga por uma curetagem uterina R$ 63,03, para uma radiografia de tórax R$ 14,32. 

Como veem, o “caos” instalado na saúde pública não é devido à falta de médicos, mas à falta de condições de trabalho nas periferias das grandes cidades e no interior. Querem um médico missionário que vá para uma comunidade onde não há estrutura adequada para atendimento à população, sem equipamento, sem auxiliares! Sem nada! 

Como o governo tem dinheiro para construir estádios de futebol? 

Como o governo quer importar médicos cubanos e bolivianos? Para Lula e Dilma hospital Sírio Libanês, para o povo brasileiro médico que não fala português. 

Antes de importar médicos, o governo precisa de planejamento para corrigir a má distribuição de médicos no País e ter uma política que dê condições de trabalho. 

O governo tem que investir em saúde; para se ter uma ideia, o Brasil investe menos percentual do Produto Interno Bruto que a média dos países africanos e outros países da América do Sul. Há um subfinanciamento da saúde, pois o governo federal contribui menos do que Estado e Municípios juntos, mas é quem mais arrecada, uma das maiores cargas tributárias do mundo. 

A maioria dos médicos apoia a proposta de uma carreira de Estado para médicos, dentistas, farmacêuticos, enfermeiros e outros, mas o governo do PT empaca há 9 anos o Plano de Carreira do SUS, elaborado por uma comissão do Ministério da Saúde em 2004. 

E mais, a formação do médico deverá premiar a qualidade e não a quantidade e, por fim, lembrar que a superlotação, as filas de espera de pacientes são exemplos da má gestão e da corrupção na saúde pública brasileira, o que irá levar a uma situação caótica que vivemos, sofrendo ainda mais os menos favorecidos. 

Em todas estas mazelas, a Academia de Medicina de MS não se curvará e estará sempre defendendo o que for melhor para nossos pacientes. 
Vasmos em frente, com as graças do Altíssimo. 

Papai Noel chegará em locomotiva para abrir programação de Natal

 

O Papai Noel chegará de uma forma diferente, este ano, em Aquidauana (MS). Uma parceria entre a Prefeitura de Aquidauana e a ALL – América Latina Logística – promete levar, de forma alegre e descontraída, a magia do natal a centenas de crianças aquidauanenses. E para colaborar com o clima natalino, o Papai Noel chegará à cidade dentro de uma locomotiva. A ação será realizada na sexta-feira (12), a partir das 18h30min, na Estação Ferroviária da cidade.

Maquinista na ALL desde 2008, Fernando Vieira é quem estará vestido a caráter e guiando a locomotiva até a cidade. Ele conta que já se vestiu de Papai Noel em outras ocasiões, mas que será a primeira vez que chegará a uma cidade, dentro de uma locomotiva, representando o bom velhinho.  “É uma satisfação muito grande poder participar deste projeto e levar um pouco de alegria para as crianças”, comenta.

De acordo com a diretora presidente da Fundação de Turismo de Aquidauana, Lejania Ribeiro, todos os anos a prefeitura promove a chegada do Papai Noel ao município e, desta vez, optaram por fazer algo diferente. “Foi quando tivemos a ideia de utilizar uma locomotiva. Entramos em contato com a ALL e fomos prontamente atendidos para esta parceria. Será algo inovador para a cidade”, explica.

Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)


ENFOQUES
Diversos Bancada do PMDB reitera apoio a Reinaldo Azambuja

Os deputados estaduais do PMDB reafirmaram hoje o compromisso de apoio ao governador eleito Reinaldo Azambuja (PSDB). Em reunião hoje, os parlamentares discutiram com Reinaldo a composição da Mesa Diretora da Assembleia Legislativa e a estruturação das secretarias da nova gestão estadual. 
Zeca pede ao MP investigação sobre Aquário

Fotos Divulgação

Zeca do PT protocolou pedidos no Ministério Público federal e no estadual, para que investiguem indícios de irregularidades na contratação prestadores de serviços do Aquário do Pantanal. O vereador e deputado federal eleitor diz que pairam dúvidas sobre a legalidade no contrato com a empresa espanhola “Fluída Brasil Indústria e Comércio”, convidada sem licitação a estruturar o local. Pelo contrato, o valor do serviço seria de R$ 6 milhões, mas a empresa já teria embolsado R$ 25 milhões. O petista também cita o Consórcio Eco Pantaneiro, em que o “coordenador científico” do projeto, professor João Onofre Pereira Pinto, seria sócio oculto da empresa Silis Tecnologia Ltda., responsável por atos preparatórios das licitações da obra milionária. Em janeiro, Onofre teria saído da sociedade, mas colocado o filho em seu lugar, conforme dados da Junta Comercial de MS. “Essas denúncias de que empresas foram favorecidas e que teriam recebido a mais pelos serviços contratados devem ser investigadas com rigidez e celeridade. Há poucos dias, foi anunciado que o governo estadual receberá um patrocínio de R$ 15 milhões da Petrobras para o Aquário do Pantanal. O MPF tem que investigar se os referidos recursos foram aplicados de acordo com o previsto, evitando os recursos da estatal não sejam usados em maracutaias”, disparou Zeca do PT

Acredite se quiser...

Divulgação ALMS

Do jornalista Dante Filho, em Campo Grande:
 
"De longe, tem-se que a impressão de que há três deputados disputando a presidência do Poder Legislativo de Mato Grosso do Sul: Júnior Mochi, Zé Teixeira e Paulo Corrêa. 
 
O governador eleito Reinaldo Azambuja afirmou que não interferirá neste processo. 
 
Acredite quem quiser. 
 
Se Mochi for eleito a sombra de Puccinelli ficará pairando nos céus do próximo governo durante dois longos anos, até as eleições municipais. 
 
Se o escolhido for Zé Teixeira, haverá uma compensação no processo de equilíbrio de poder, pois ele foi negligenciado quando da escolha da vice-governadoria. 
 
Já com o deputado Paulo Corrêa, aí é outra história: esse é pragmático o suficiente para aderir ao governo (qualquer governo) e defendê-lo com mais competência e denodo do que qualquer parlamentar do PSDB."
Assédio sexual: propaganda polêmica do Metrô de São Paulo vira alvo do MP

Tiago Queiroz/Estadão Reprodução

Casos de assédio sexual no Metrô de São Paulo viraram alvo do Ministério Público Estadual (MPE) após uma gafe publicitária da companhia. Uma propaganda que foi ao ar na Rádio Transamérica encomendada pela empresa no início do ano dizia que "trem lotado é bom para xavecar a mulherada" e acabou criticada porque estimularia abusos contra as passageiras. Agora, a promotora de Direitos Humanos, Paula de Figueiredo Silva, fará um termo de ajustamento de conduta (TAC) para o início de 2015 estabelecendo regras da campanha. Além do Metrô, assinarão o compromisso a Rádio Transamérica e a agência NovaSB, responsável pela peça que foi ao ar em março, levando o MPE a abrir o inquérito. "Em vez de buscar um ressarcimento monetário, pensei em uma forma de compensação do dano por meio de uma campanha contra a violência sexual contra as mulheres. A minha ideia é que a empresa de publicidade faça a campanha e que o Metrô e a Rádio Transamérica usem seus espaços para divulgá-la", afirma Paula Silva.

Ilustração/Blog do Noblat/Reprodução

Do Ricardo Noblat em blog no O Globo:
 
"Ouvi do prefeito de uma das capitais brasileiras mais importantes: ´Foi a ação dos Black blocs que nos salvou, os governantes, quando o povo saiu às ruas em junho de 2013 cobrando melhores condições de vida`.
 
A ação dos baderneiros mascarados esvaziou as manifestações por passagens de ônibus mais baratas, saúde e educação eficientes, reforma agrária, lazer, contra a corrupção e contra a impunidade.
 
Por enquanto, os Black blocs saíram de cena. No seu lugar entraram pessoas agenciadas não se sabe por quem ou simplesmente pessoas que acreditam que a volta dos militares ao poder fará bem ao país.
 
Muitas entre essas pessoas pedem o fim do comunismo como se ele ainda existisse. A propósito, não vale citar a China e a Rússia. São imitações grotescas, macaqueadas de regimes comunistas.
 
De repente, a presidente Dilma e a sua turma ganharam aliados onde menos esperavam. Os que pedem um golpe militar, quer queiram quer não, podem contribuir para esvaziar passeatas e comícios dos insatisfeitos ´com tudo isso que está aí`.
 
Por ´tudo isso` entenda-se o grosso das mesmas reivindicações de junho de 2013, com ênfase crescente no combate à corrupção e à impunidade.
 
Há 15 dias, 2.500 pessoas ocuparam a avenida Paulista em protesto contra o governo Dilma. Foram cinco mil no último sábado em ato apoiado pelo PSDB e partidos da oposição.
 
Minoritária, a porção dos golpistas tenta se misturar com a porção dos insatisfeitos. Essa, por sua vez, tenta se distinguir da outra. Mais políticos compareceram à primeira manifestação do que à segunda.
 
Os principais líderes da oposição, entre eles Aécio Neves (PSDB-MG), correm o risco de se meter numa saia justa.
 
Por mais que digam o contrário, são acusados pelos partidários do governo de defender o golpe militar. Se não defendem o golpe, se batem pelo impeachment da presidente da República, o que militantes espertos do PT apregoam como sendo outro tipo de golpe. Não é.
 
Aécio está ficando rouco de tanto repetir: ´Olha, eu não sou golpista, sou filho da democracia. (…) Não acho que exista nenhum fato específico que leve a impeachment. Essas manifestações [golpistas] que se misturam com as manifestações democráticas têm meu repúdio veemente`.
 
Talvez devesse ir à próxima passeata reafirmar de público seu compromisso com a legalidade.
 
Impeachment não é golpe. Fernando Collor, o primeiro presidente do Brasil eleito pelo voto direto depois de 21 anos de ditadura, foi derrubado pelo Congresso via um processo de impeachment.
 
Fora os comparsas deles, órfãos do poder, ninguém disse que Collor foi vítima de um golpe. O impeachment está previsto na Constituição.  E nada se fez contra ela. Nada se fará contra ela.
 
No início do segundo governo de Fernando Henrique, deputados do PT assinaram um manifesto em defesa do impeachment dele. Tarso Genro, na época ex-prefeito de Porto Alegre, publicou artigo na Folha de S. Paulo onde pediu que Fernando Henrique renunciasse.
 
Aliados do presidente saíram em sua defesa, acusando Tarso e os deputados de ´golpistas`. Não eram golpistas.
 
Por ora, carece de razão o impeachment de Dilma. Mas ela e o PT têm motivos de sobra para se preocupar com isso, sim. Afinal, Dilma soube a tempo que a roubalheira existia na Petrobras. E nada fez para abortá-la.
 
Dinheiro sujo financiou parte da campanha de Lula para presidente em 2002. Suspeita-se que dinheiro igualmente sujo financiou as duas campanhas de Dilma. A ver."
 

Wilson Aquino/Sintracon-CG

Embora ainda sejam poucas em meio aos cerca de 30 mil homens que atuam no setor na cidade, mais de 600 mulheres já estão incorporadas à construção civil de Campo Grande rompendo preconceitos, conforme o Sintracom-CG, sindicato dos trabalhadores do segmento. Elas se destacam em atividades de acabamento das obras, como azulejistas e trabalhos com gessos e avançam em funções especializadas e até algum tempo restritas aos colegas homens, como pedreiras, encanadoras e pintoras de parede. “Elas são mais caprichosas que muitos homens nessas atividades e ao que tudo indica, vieram para ficar na construção civil”, diz o presidente do sindicato, José Abelha Neto. “Elas são dedicadas, focadas e determinadas”, elogia Abelha Neto, que aposta no ingresso de mais mulheres nos canteiros de obra a partir do Ano Novo.

PMDB e PSDB definem candidatos e podem se enfrentar na briga pela Assomasul

Aumentar texto Diminuir texto

Wendell Reis

O PMDB e PSDB podem entrar em disputa novamente em janeiro. Após a briga pelo Governo do Estado, os partidos agora devem se enfrentar na busca pela presidência da Associação dos Municípios de Mato Grosso do Sul (Assomasul).

Reunidos ontem, 25 prefeitos elegeram o prefeito de Amambai, Sérgio Barbosa (PMDB), como pré-candidato a eleição que deve acontecer em janeiro. O prefeito de Costa Rica, Waldeli Rosa (PR), confirmou a indicação do nome de Sérgio Barbosa, mas disse que o grupo não se nega a compor com o atual governador, Reinaldo Azambuja (PSDB).

O PSDB, por sua vez, já fechou acordo para lançar como candidato o prefeito de Nova Alvorada do Sul, Juvenal Neto (PSDB). A informação inicial é de que o atual presidente, Douglas Figueiredo (PDT), desistiu de disputar a reeleição. Douglas era filiado ao PSDB e chegou à presidência após arranjo com o PT, liderado pelo senador Delcídio do Amaral (PT). Porém, ele deixou o partido para apoiar Delcídio. A reportagem apurou que Douglas pode abrir mão para apoiar João Neto.

O prefeito Waldeli, que perdeu a presidência para Douglas, explica que há possibilidade de acordo, desde que Douglas não seja o candidato, mas diz que tudo depende de uma boa conversa entre os candidatos. “O Douglas está fora de cogitação. Gostaríamos de discutir a eleição, mas não com a chapa atual. Queremos conversar, desde que o candidato não seja o Douglas. Discutir e não partidarizar a Assomasul. Nos últimos dois anos partidarizaram a Assomasul e isso não é bom. A entidade tem que estar acima de tudo”, concluiu. A reportagem tentou contato com Douglas por diversas vezes, mas ele não retornou para dizer se vai tentar a reeleição.


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

INAUGURADO FRIGORIFICO FRIGMANN EM AMAMBAI
Diversos

Depois de vários anos fechada a principal indústria do município de Amambai, o Frigorífico Frigmann foi reinaugurado na tarde desta segunda-feira (8).

A presença de autoridades, empresários e pecuaristas demonstra a importância do empreendimento e a credibilidade dos novos empresários junto à sociedade amambaiense, manifestada na solenidade de inauguração do frigorífico. Na oportunidade, o padre Tiago Ongirwalu, da igreja católica e a pastora, Alzemira Bittencourt, da igreja Montge Sião, fizeram orações.

As instalações do antigo Frigorífico Amambai (Fribai) foram adquiridas pela família Bauermann, proprietária do Frigorífico RD, desde o ano de 2004, e agora proprietários do Frigmann. As empresas são dirigidas pelos empresários Ilmo Bauermann e Cássia Lorenzetti.

Durante os últimos dois anos, os empresários fizeram as adequações físicas necessárias e, com apoio da administração municipal, viabilizaram os licenciamentos obrigatórios para o funcionamento da indústria, também receberam incentivos fiscais e a formação de mão de obra qualificada, realizada pelo município, através do Centro de Capacitação Profissional (CPP).

Na opinião do presidente do Sindicato Rural de Amambai, Diogo Peixoto, a

empresa beneficia os pecuaristas e garante a comercialização do rebanho dentro do município. “O novo frigorífico atende interesse da classe produtora, gera empregos e renda para todos”, ressalta o líder ruralista

O vice-prefeito de Amambai, Dr. Bandeira, destacou a credibilidade dos empresários e a relação que mantêm com os colaboradores. “É motivo de satisfação termos no município empresários com este perfil, onde a seriedade nas relações comerciais e o comprometimento com o bem estar dos seus colaboradores têm demonstrado serem premissas maiores”, diz o vice-prefeito.

Para o presidente do legislativo municipal de Amambai, vereador Roberto Dias, o empreendimento vai beneficiar pecuaristas da região e garantir desenvolvimento para o município de Amambai. “O povo de Amambai e da região está de parabéns”, afirma.

Para o prefeito de Amambai, Sérgio Barbosa, o funcionamento do novo frigorífico garante desenvolvimento sócio econômico para o município e atende antiga reivindicação da população. Sérgio destaca também a origem dos empresários proprietários. “São empresários amambaienses que já demonstraram confiança e merecem todo o apoio da administração pública”, afirma o prefeito.

A empresária Cássia Lorenzetti lembra a luta da família para conseguir atender as exigências legais e destaca o apoio recebido dos poderes públicos municipal e estadual. “Agradecemos o governador André Puccinelli e, em especial, o prefeito Sérgio Barbosa pelo empenho dispensado neste período”, ressalta Cássia.

Estiveram prestigiando a solenidade o prefeito e vice-prefeito de Amambai, Sérgio Barbosa e Dr. Bandeira, respectivamente; o presidente do legislativo, vereador Roberto Dias; o presidente do Sindicato Rural de Amambai, Diogo Peixoto; empresário Jandir Guerra, representando a diretoria da Acia; vereadores; pecuaristas; empresários; representantes de entidades, de clubes de serviços e de instituições financeiras, secretários municipais e membros da comunidade.

 

texto Moreira produções


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

AMAMBAI
Diversos

Semed realizou o 2° Seminário do Pnaic em Amambai

Seminário teve como objetivo a apresentação das atividades realizadas e a troca de experiências entre as profissionais de Educação

A Prefeitura de Amambai, através da Semed (Secretaria Municipal de Educação) realizou, na noite da segunda-feira (01) e durante a terça-feira (02), o 2° Seminário Municipal do PNAIC(Pacto Nacional Pela Alfabetização na Idade Certa). O seminário aconteceu no auditório da Semed.

O seminário realizou o fechamento das ações realizadas pelo pacto, que se apoiaram em quatro eixos de atuação: Formação continuada presencial para os professores alfabetizadores e seus orientadores de estudo, materiais didáticos, obras literárias, obras de apoio pedagógico, jogos e tecnologias educacionais, avaliações sistemáticas e gestão, mobilização e controle social.

O Pnaic consiste em um compromisso formal assumido pelos governos federal, estaduais e municipais de assegurar que todas as crianças estejam alfabetizadas até os oito anos de idade, ao final do 3° ano do ensino fundamental.

Apresentações culturais dos alunos da Reme (Rede Municipal de Ensino) também marcaram a noite. O coral formado por alunos do Programa Mais Educação apresentou aos presentes, teatro musical com a música “Meu Barquinho”, seguidos por apresentação realizada pelos alunos da Escola Flávio Augusto Coelho Derzi.

Ainda durante a solenidade, houve palestra proferida pela Professora Luciene Cléa da Silva, mestre em Educação pela UCDB (Universidade Católica Dom Bosco), graduada em Pedagogia e pós-graduada em Língua Portuguesa. Cléa é, atualmente, professora da UFMS (Universidade Federaldo Mato Grosso do Sul), campus de Ponta Porã (CPPP).

Durante a terça-feira, foram apresentadas as atividades desenvolvidas pelas escolas da Reme, além de haver a abertura para debates e questionamentos a respeito do Pnaic, onde se pôde realizar a troca de modos de trabalho e experiências entre as Unidades de Ensino.

O Pnaic em Amambai é coordenado pela professora LizianaArâmbula Teixeira, que acompanha e organiza as atividades ministradas às profissionais vinculadas ao pacto.

Fonte: Assessoria Prefeitura

Dr. Bandeira destaca inauguração de frigorífico em Amambai

"Nestes últimos dois anos, vários acontecimentos e ações administrativas importantes aconteceram no município de Amambai, mas a inauguração do frigorífico Frigmann, está no topo dos acontecimentos."

A afirmação é do vice-prefeito de Amambai, médico ortopedista Dr. Bandeira, feita durante a solenidade de inauguração do frigorífico, ocorrida na tarde de segunda-feira (8). Bandeira afirma também que o seu projeto político é um dia ser prefeito do município.

De acordo com o vice-prefeito, a retomada do empreendimento atende os anseios de todos os segmentos da sociedade. Bandeira cita, como exemplos, o benefício da indústria junto aos pecuaristas – que terão onde vender o seu produto, a geração de centenas de empregos diretos e indiretos - iniciando pelo frigorífico e, no futuro, estendendo junto às empresas do segmento que deverão retomar suas atividades, como o curtume e a indústria de brinquedos para cães.

“Nestes dois anos, o nosso governo efetivou ações administrativas importantes para garantir, com aplicação de recursos próprios, a realização de inúmeras obras e serviços em benefício da comunidade, como as obras de recapeamento de várias ruas da cidade, ampliação de escolas, apoio as entidades, efetivação do consórcio da saúde, porém, em minha opinião, o apoio destinado para a reabertura do frigorífico é a que mais atende os anseios da população”, ressalta o vice-prefeito de Amambai, Dr. Bandeira.

Depois de muitos anos fechado, as instalações do antigo Frigorífico Amambai (Fribai) foram adquiridas pelos proprietários do Frigorífico RD. No local, os empresários investiram em maquinários e reabriram a indústria com nova denominação, ou seja, Frigorífico Frigmann. O novo empreendimento tem capacidade para abater diariamente 650 reses e deve gerar cerca de 200 empregos diretos.

A abertura do frigorífico teve apoio da atual administração, através da isenção temporária de impostos e na formação de mão de obra qualificada para atuar na indústria, por intermédio do Centro de Capacitação Profissional (CCP).

amambai noticias

 

 


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

DA NOITE
Hardware

Píton devora antílope em reserva florestal africana; veja sequência de fotos

Um turista inglês, que fazia um safári na reserva florestal Masai Mara, no Quênia, testemunhou uma cena impressionante da vida selvagem. Em uma sequência de fotos, Caron Steele registrou o ataque de uma píton gigante contra um filhote de antílope. Nas fotos, a serpente, de 4,5m de comprimento, aparece se enrolando ao corpo da presa antes de engoli-la por inteiro e, depois, se esconder em um rio. As informações são do Daily Mail.

As fotos, que chamaram a atenção da imprensa internacional nesta semana, foram feitas em outubro, quando os antílopes da reserva costumam parir suas crias. Alguns filhotes acabam sendo atacados por outros predadores, como leões e hienas. Conseguir testemunhar o ataque de uma píton, no entanto, não é considerado comum.

As pítons usam a força de seus músculos para quebrar os ossos das presas antes de devorá-las. Depois, as cobras passam meses digerindo os animais, que podem ser bem maiores que elas.

Foto: Reprodução / Richards Camp Maasai Mara Kenya

Foto: Reprodução / Richards Camp Maasai Mara Kenya

Foto: Reprodução / Richards Camp Maasai Mara Kenya

Foto: Reprodução / Richards

Aline Bernardes (Foto: Divulgação/MF Models Assessoria)

Musa da Mancha Verde, Aline Bernardes sensualiza em ensaio

Ela posou de biquíni em um ensaio de fotos feito em uma praia da Flórida, nos Estados Unidos.

Aline Bernardes (Foto: Divulgação/MF Models Assessoria)


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

TJ
Diversos

Puccinelli será julgado no TJ-MS por lavagem de dinheiro em ação com quebra de sigilo fiscal

Aumentar texto Diminuir texto

Wendell Reis

Minamar Junior

O Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul (TJMS) deve receber no próximo ano, a partir de 1º de janeiro, o processo movido pelo Ministério Público Federal (MPF) contra o governador de Mato Grosso do Sul, André Puccinelli (PMDB), que está parado desde 2010, quando a Assembleia passou a 'blindar' o chefe do executivo.

O processo corre em segredo de justiça no Superior Tribunal de Justiça (STJ), mas vai voltar para o TJMS por que o governador vai ficar sem mandato e perder o foro privilegiado.

Apesar de estar em sigilo, em um dos despachos públicos, a relatora, ministra Nancy Andrighi, diz que o governador responde pela denúncia de crime previsto na Lei 9.613, de 1998, que dispõe sobre crimes de lavagem ou “ocultação de bens, direitos e valores”, com pena de 10 anos em caso de condenação.

Além de Puccinelli, também figuram como réus no processo a esposa dele, Elizabeth Puccinelli, o ex-coordenador de licitações de Campo Grande na gestão de Puccinelli, Mauro Cavalli e a esposa dele, Maria Rogéria Fernandes Cavalli. Porém, como não têm foro privilegiado, o processo deles já foi desmembrado e tramita no Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul.

Em parte do processo, disponível no STJ, também é possível verificar que houve quebra do sigilo fiscal dos envolvidos, o que justificou a imposição do sigilo no processo. No dia 29 de setembro deste ano, depois de ficar parado por quatro anos, chegou à Coordenadoria da Corte Especial do STJ, órgão máximo, dirigido pelo presidente do tribunal e formado pelos 15 ministros mais antigos.

O processo de Puccinelli ficou parado no STJ por que a Assembleia Legislativa demorou a autorizar ou negar a relatora a levá-lo adiante. Desta forma, ele permanece parado até o final do mandato do governador, que desistiu de se candidatar ao Senado e perderá foro privilegiado a partir de janeiro.

Em evento oficial na última sexta-feira (6), questionado pela reportagem sobre o motivo pelo qual aparentemente preferiria ser julgado no TJ-MS, e supostamente teria manobrado para não ser julgado na corte federal, Puccinelli desconversou e foi irônico, respondendo ao repórter com nomes de instrumentos musicais: "Trombone, trompete, clarinete"...


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

ENFOQUES
Diversos Os cotados a presidir o PT de MS

Facebook Reprodução

O prefeito de Corumbá, Paulo Duarte, anunciou ao diretório do PT neste fim de semana que vai entregar a presidência estadual da sigla para se dedicar à prefeitura, confirmando o que foi aqui antecipado no começo do mês passado. Fica no cargo até fevereiro, quando, por consenso, será escolhido o novo presidente da sigla. Os dois principais cotados conforme algumas lideranças do partido, são Antonio Carlos Biffi, cujo mandato de deputado federal expira neste fim de ano e não foi reeleito, e o ex-presidente da sigla, Marcus Garcia.

Deputados do PMDB com Reinaldo

Da assessoria de Reinaldo Azambuja

Acompanhado de Sérgio de Paula, cotado a comandar a Casa Civil em seu governo, o governador eleito Reinaldo Azambuja (PSDB) recebeu hoje a visita de deputados estaduais do PMDB e de Lídio Lopes do PEN que reafirmaram apoio à sua gestão. “Falamos na nossa disposição em ajudar na restruturação do governo, das criações das secretarias e nos colocamos à disposição para todos os assuntos que ele (Reinaldo) precisar de apoio”, disse o deputado e presidente estadual do PMDB Júnior Mochi. O grupo também conversou sobre a eleição da Mesa Diretora da Assembleia e Azambuja repetiu que não vai intervir na composição, a ser definida peloos deputados. “O apoio do PMDB é importante para termos governabilidade. É um partido que pode contribuir e muito com nosso governo”, afirmou Reinaldo após o encontro que contou ainda com os deputados eleitos e reeleitos do PMDB Antonieta Amorim, Renato Câmara e Eduardo Rocha. Pela manhã, Reinaldo recebeu ainda as visitas do vereador Vanderlei Cabeludo (PMDB) e do prefeito de Bataguassu, Pedro Arlei Caravina (PSDB). Na pauta, investimentos e projetos para os municípios, diz a assessoria do tucano.

Bernal não quis trocar o vice, diz assessora que escreve livro sobre os bastidores de 2012

Foto e Imagem Facebook/Reprodução

A publicitária Marcia Scherer, ex-assessora de imprensa do prefeito cassado de Campo Grande, Alcides Bernal (PP), contou que está escrevendo um livro sobre "os bastidores de 2012" e neste fim de semana antecipou no Facebook uma das histórias que pretende contar:
 
"Estou aproveitando esses dias mais tranquilos pra rascunhar meu sonhado livro sobre os bastidores de 2012 e tem uma história que vai estar lá. Vou resumi-lá aqui.
 
O vice sempre deu trabalho pra comunicação da campanha, tinha rejeição, era estrela e mais tirava votos que acrescentava.
 
Então sugeri ao Bernal, sugeri não, praticamente implorei, que trocasse o vice, usei todos meus argumentos de marketing, sugeri uma mulher, enfim, tentei com muita força.
 
Bernal ouviu e ao final disse que não poderia fazê-lo e usou a seguinte frase, que até hj ressoa: ´eu não posso fazer isso, seria uma TRAIÇÃO com o rapaz`." [sic]

Divulgação/Funai

Produtos artesanais e extrativistas produzidos por índios das terras indígenas reconhecidas pela Funai serão reconhecidos agora com o Selo Indígenas do Brasil, instituído por meio de portaria interministerial publicada no Diário Oficial da União, na sexta-feira. O selo de origem visa promover a identificação de procedência étnica e territorial desses produtos e poderá ser requisitado pelos indígenas ao Ministério do Desenvolvimento Agrário ou em suas delegacias regionais nos estados. Uma vez autorizado, o requerente poderá estampar os dois selos – Sipaf e Indígenas do Brasil – em seus produtos. A identidade visual do Selo Indígenas do Brasil foi desenvolvida pela Funai com base em elementos do artesanato, da agricultura e do extrativismo tradicional dos povos indígenas, como cestaria, milho, mandioca, banana, açaí e guaraná.

Homem é preso acusado de chamar médico de "preto nojento" no HU em Campo Grande

Reprodução de vídeo TV Morena

Um homem foi preso após chamar de "preto nojento" um médico no Hospital Universitário da UFMS neste fim de semana em Campo Grande e autuado como injúria racial na Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário (Depac) da Vila Piratininga. O boletim de ocorrência diz que o médico foi à recepção do HU na tarde de sábado atender uma paciente com dores no peito e explicou ao acompanhante da mulher que daria início ao atendimento, mas explicou que o pronto-socorro estava cheio e que não havia leitos. O homem, de 64 anos, teria ficado nervoso e afirmado: "Eu não quero explicações, seu preto nojento".

Murilo nomeia ex-secretário de Bernal

Deurico/Capital News/Arquivo

O ex-secretário de Saúde de Campo Grande na gestão do ex-prefeito Alcides Bernal (PP), Ivandro Correa Fonseca, ganhou um cargo na Prefeitura de Dourados. Foi nomeado neste início de mês assessor especial II, símbolo DGA-02, na Secretaria de Saúde da cidade 225 km ao sul da Capital por meio de decreto assinado pelo prefeito Murilo Zauith (PSDB e pelo secretário da pasta João Azambuja, informa o site Douranews

Santos livra Palmeiras da degola

Miguel Schincariol/LanceNet Reprodução

Com gol de Thiago Ribeiro, o Santos venceu por 1 a 0 e rebaixou o Vitória em Salvador e, quem diria..., salvou o Palmeiras que empatou por 1 a 1 em casa com Atlético Paranaense e segue na Série A do Brasileirão em 2015. Derrotado pelo Coritiba por 3 a 2 o Bahia também foi rebaixado e com o conterrâneo Vitória, o Botafogo e o lanterna Criciúma vão jogar a Segundona no ano que vem.

6ª edição do Festibai tem início nesta segunda-feira (8)

O Festibai (Festival de Música de Amambai), evento que aconteceria em setembro deste ano por ocasião do aniversário de 66 anos do município, porém teve sua data de realização adiada, devido ao mau tempo que acometeu a cidade na data, acontece nesta segunda, terça e quarta-feira, dias 8, 9 e 10 de dezembro, na praça Coronel Valêncio de Brum.

Distribuídos em três categorias Gospel Adulto, Adulto Livre e Infantojuvenil, 54 candidatos representando diversas regiões do Estado e do País, disputarão troféus e premiações em dinheiro.

Os concorrentes serão acompanhados pela Banda Fruto Proibido, do Paraná, e avaliados pelos jurados Débora Paez (educadora vocal), Otavio Neto (produtor musical e cantor) e Gilson Espíndola (produtor e músico). As semifinais reunirão candidatos de Campo Grande, Dourados, Caarapó, Coronel Sapucaia, Londrina (PR), Aral Moreira, Laguna Carapã, Itaquiraí e Amambai.

As semifinais serão distribuídas na segunda e terça-feira, sendo na segunda realizadas as apresentações da modalidade gospel, tanto nas categorias infanto-juvenil quanto adulto, e ao final da noite, show da Banda Fruto Proibido.

Na terça as apresentações serão de modalidade livre, para as categorias infanto-juvenil e adulto. Ainda no dia 9, acontece apresentação da dupla amambaiense Renato Reis e Renan.

A final acontece no dia 10 de dezembro, quando serão realizadas as apresentações dos finalistas das três categorias, com a entrega da premiação aos vencedores. A programação será encerrada com o show da Banda Fruto Proibido.

Os vencedores das categorias Gospel e Adulto Livre receberão troféus e R$ 2 mil, os segundos colocados, troféus e R$ 1.500,00, os terceiros, troféus e R$ 1 mil. Os prêmios em dinheiro para a categoria infanto-juvenil serão, respectivamente, R$ 1 mil, R$ 500,00 e R$ 300,00.

O Festibai está em sua 6° edição e foi criado na gestão do prefeito Sérgio Barbosa, em seu mandato anterior, no ano de 2005. O objetivo do evento é valorizar artistas locais e revelar talentos da região.

Confira abaixo os classificados em cada categoria do evento:

Categoria Gospel

1º Joice Aparecida
2º Wiviane Silveira
3º Rud e Rone
4º Adriane Inês
5º Alisson Dionizio
6º Suelen Freitas
7º Tatiane e Ruama
8º Thaysa Tobias e Erevaldo
9º Walisson Correia
10º Adilson Ratier
11º Izaias e Ezequias
12º Eva Karen
13º Waldirene Lima
14º Eliz Graciele
15º Paulo Cesar Antunes
16º Rosinha Aparecida
17º Danley Ribeiro
18º Joelson Pedroso
19º Elizabete Pereira
20º Marciovane Marques
21º João Paulo

Categoria Infantojuvenil

1º Jamilli Pereira
2º Gabriel Riveros
3º Daniela e Camila
4º Emanuelly Tobias
5º LoiseAdrieli
6º Raquel Batista
7º Aliã Romeiro
8º Laira Brandão
9º Beatriz Nogueira
10º Patrick Zaya
11º Gabriel Moreira
12º Jesaias Martins
13º Dayane Freitas
14º Juan Gagriel
15º Inara e Naiara

Categoria Livre

1º Edinho e Emiliano
2º Nilvia Nogueira
3º Viviane Leite
4º Refletir MC’S
5º Wagner Silva
6º Adilson da Silva
7º Leonardo Nunes
8º Camila e Vanessa
9º Marques e Martins
10º Jonas Terra
11º Dayane de Souza
12º Thiago Viola e Paulinho
13º Aldo Ratier
14º Luiz Fernando
15º DorivaldoAlvez
16º Duadino e Vera
17º Deyse Lima e Eliezer
18º Dhenifer Vilhalva


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

NATAL DE LUZES DE AMAMBAI
Diversos

ABERTO O NATAL DE LUZES DE AMAMBAI, MAIS UM GOL DE PLACA DO PREFEITO SERGIO BARBOSA E SEU VICE DR.   BANDEIRA

LUIS CLAUDIO- ARTISTA RESPONSAVEL PELA DECORAÇÃO NATALINA DE AMAMBAI

PARABENS

NOSSA PREFEITURA MUNICIPAL ESPERA TAMBEM ALGUMA DECORAÇÃO..


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

FATOS & FOTOS
Diversos

LINDAS

JORGE PACHECO ENTREVISTANDO ISMAEL VALIENTE NO PROGRAMA CONEXÃO INTERNACIONAL NA 90.7 CONQUISTA FM

SELEÇÃO SUB 17 DE CAPITAN BADO

DIRETORA DA RADIO CONQUISTA 90.7 DE CAPITAN BADO-PY- SRA. SILVIA COM SUA EQUIPE

FESSTA DA VITORIA DO SELECIOBADO SUB 17 DE CAPITAN BADO QUE DERROTOU CONCEPCION E PASSOU PARA A OUTRA FASE NO CAMPEONATO NACIONAL DE FUTEBOL DE CAMPO

TRIO PEDROJUANINO DE ÁRBITRAGEM BEM NA PARTIDA

SELECIONADO VITORIOSO DE CAPITAN BADO

SELEÇÃO DE CONCEPCION, VALORIZOU A VITORIA DE CAPITAN BADO, POIS NO TEMPO NORMAL TERMINARAM EMPATADOS DE 3 X 3. FORAM PARA AS PENALIDADES E O ARQUEIRO DE CAPITAN BADO, FEZ A DIFERENÇA, DANDO A VITORIA PARA O TIME DA CASA POR 5 A 3 . ARRIBA CAPITAN BADO

PARTICIPANDO DE PROGRAMA DA CO-IRMÃ

FAMILIA 90.7 RADIO CONQUISTA

LINDAS GAROTAS DE CAPITAN BADO- PY-

LINDA LISSIONARIA DA ARGENTINA- BUENOS AIRES-LENDO O JORNAL DE AMAMBAI CORREIO DA FRONTEIRA

 

SÓ DIRETORIA- RADIALISTA E VEREADOR JAIME BAMBIL DUTURO PRESIDENTE DA CAMARA MUNICIPAL EM 2015

 

GRANDE ARTISTA, RESPONSAVEL PELA DECORAÇÃO NATALINA DE AMAMBAI NO NATAL DE LUZES. - LUIS CLAUDIO FERREIRA

É O FERA. PARABENSPela terceira vez, Luiz Claudio Ferreira é o responsável pela criação da decoração natalina em Amambai; o tema terá foto na cenografia


Clique aqui (comentários? | Editar Apagar | Pontos: 0)

Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

RONDA POLICIAL
Diversos

Homem mata filho de 4 anos ao brincar com arma de fogo em cidade do interior de MS

Aumentar texto Diminuir texto

Mayara Bueno

Um homem de 31 anos matou o filho de 4 anos de idade, ao fazer roleta russa com sua arma de fogo, em Coronel Sapucaia (MS), município distante 380 quilômetros de Campo Grande (MS), na noite de sábado (6). Após o disparo, que atingiu o peito da criança, o pai escondeu o corpo do filho em um matagal.

José Villara Barbosa, pai da criança, se negou a dizer onde o corpo estava. Após 16 horas de buscas, a Polícia Militar e Civil, Corpo de Bombeiros e Exército conseguiram encontrar o menino. Segundo informações, o local era de difícil acesso.

De acordo com o delegado titular da Polícia Civil do município, Roberto Duarte Faria, o acusado teria colocado uma munição no tambor do revólver e teria apontado a arma, primeiramente, na direção de sua enteada, mas não houve disparo.

Já ao apontar para o menino a arma de fogo disparou. Quando questionado sobre o fato pelo delegado, o pai teria dito que era ‘efeito da cachaça’. Ele foi encaminhado à delegacida da cidade e deve responder por crime de homicídio qualificado e ocultação de cadáver. Além desta ocorrência, o autor tinha passagem na polícia por crime de receptação.

Homem é preso após chamar médico de ‘preto nojento’ em hospital da Capital

Aumentar texto Diminuir texto

Wendy Tonhati

Um homem de 64 anos foi preso na tarde do sábado (6) por praticar ato de racismo contra um médico do Hospital Universitário de Campo Grande. De acordo com boletim de ocorrência, o autor teria chamado a vítima de ‘preto nojento’.

Conforme o registro, o médico foi chamado à recepção do hospital para atender uma paciente que estava com o autor das supostas ofensas racistas. A paciente apresentava dores no peito e já havia passado pelo posto de saúde do Aero Rancho.

O médico tentou explicar ao idoso que daria início ao atendimento, mas que o pronto-socorro estava cheio e que não havia leitos. O homem teria ficado revoltado e falado: "Eu não quero explicações, seu preto nojento".

A Polícia Militar foi acionada e o denunciado acabou sendo encaminhado a Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) da Vila Piratininga.

O caso foi registrado como injúria, se consiste na utilização de elementos referentes à raça, cor, etnia, religião, origem ou à condição de pessoa idosa ou portadora de deficiência

Taxista nega corrida e agride homem por desconfiar de que se tratasse de ladrão

Aumentar texto Diminuir texto

Wendy Tonhati

Um homem de 36 anos procurou a Polícia Civil neste domingo (7), para relatar que foi agredido por um taxista, na região da Avenida Manoel da Costa Lima, em Campo Grande. Ele relatou aos policiais, que dois taxistas negaram a realizar a corrida e um deles o agrediu, com socos e até uma pedrada.

Consta no registro da ocorrência, que a vítima foi até um ponto de taxis, por volta das 6 horas. No local estavam dois taxistas, mas nenhum quis leva-lo até o destino. Ele ligou na central, informou a atitude dos trabalhadores e fez imagens os dois taxistas.

Conforme a vítima, um dos taxistas o agrediu com socos, tentou esganá-lo e ainda, deu uma pedrada na cabeça. Quando pessoas que passavam pelo local pararam para ver o que acontecia, o taxista soltou a vítima e disse que não faria a corrida, pois achava que ele fosse ladrão.

A vítima foi a um posto de saúde e entregou as placas dos táxis para a polícia. O caso foi registrado como lesão corporal dolosa e calúnia na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) da Vila Piratininga.

Após briga, mulheres ficam feridas em Caarapó

Após briga, mulheres ficam feridas em Caarapó

Na tarde deste domingo, por volta das 16h15 o Corpo de Bombeiros foi solicitado na rua Cuiabá para socorrer duas vítimas com ferimento de arma branca. De acordo com o Corpo de Bombeiros, Nanci Martins Lopes (31) e Eunilce Martins Lopes (22), brigaram entre si, mas não se sabe o motivo e nem quem começou a briga, no entanto teria uma terceira pessoa envolvida no caso.

 

O Corpo de Bombeiros disse aoCaarapoNews que populares os informaram que as mulheres teriam se machucado com cacos de vidros de garrafas de cerveja. Na qual teria acontecido uma briga em um bar próximo de onde as vítimas estavam e ambas foram feridas por uma pessoa desconhecida.

 

A Nanci teve um corte frontal no rosto no lado esquerdo, já a Eunice teve quatro perfurações no abdômen do lado direito. As vítimas foram imobilizadas pelos bombeiros e encaminhadas ao hospital Beneficente São Mateus.

 
 
Jovem é assassinado na frente da namorada em Dourados
Jovem é assassinado com dois tiros nesta madrugada em Dourados. Foto: Cido Costa

Foto: Osvaldo Duarte

O jovem André dos Santos Martins de 27 anos, conhecido como 'Lopinho' e residente no Altos do Indaiá, foi assassinado na madrugada deste domingo em Dourados. O fato aconteceu por volta das 3h em uma lanchonete no cruzamento da Avenida Marcelino Pires com a Rua Albino Torraca.

De acordo com informações, ele foi até a lanchonete juntamente com a namorada e, após alguns minutos, um homem não identificado chegou e efetuou três disparos de arma de fogo. André foi atingido com dois tiros, um na cabeça na altura da nuca e um nas costas. O acusado saiu correndo logo após os disparos e fugiu.

A Polícia Militar foi até o local, para isolar, preservar o local dos curiosos e esperar a chegada da Polícia Civil e da perícia. Segundo a namorada, que não foi identificada, a vítima estaria recebendo ameaças por causa de uma 'tetra'. O corpo foi encaminhado para o IML de Dourados.


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

CAFE DA MANHÃ
Diversos

Câmara de Amambai tem sessão nesta segunda-feira

Sessão tem inicio às 8h no Plenário Lourino de Jesus Albuquerque.

Dos 79 municípios de MS, 75 estão com pendências e podem não receber verbas fede
Diversos

O número corresponde a 94,9% do total das prefeituras sul- mato-grossenses.

Dos 79 municípios de Mato Grosso do Sul, 75 estão com irregularidades listadas no Cauc (Cadastro Único de Convênios) e podem deixar de receber transferências voluntárias da União, ou seja, aquelas que não estão na Constituição Federal ou em Lei.

 

 A situação de Mato Grosso do Sul se repete em todo o país. Dos 5.570 municípios brasileiros, 5.368 vão encerrar o ano com irregularidades listadas no cadastro.

A lista, que leva em consideração àqueles que estão com alguma restrição no Cauc até o mês de novembro deste ano, ainda aponta o número de restrições. Em Mato Grosso do Sul, 47 municípios possui 1 restrição, 18 possui 2, 5 possui 3, e 5 mais de 3 restrições.

País

Em comparação com 2013, a situação é considerada alarmante, já que houve um aumento de 81%. Em novembro passado apenas 2.965 estavam com pendências neste cadastro.

No caso de cinco Estados – Acre, Amazonas, Amapá, Rio de Janeiro e Rio Grande do Norte – 100% dos municípios estão presentes na listagem do Cauc. Todos os demais Estados passam de 90%.

CNM

A Confederação Nacional dos Municípios buscou saber quais são os principais motivos para que esses municípios estejam listados no cadastro. “A situação é preocupante no fim deste ano, a quantidade daqueles que estão com algum apontamento está crescendo demais, este indicador é um termômetro da situação que se encontra a gestão das cidades brasileiras”, explica o presidente da CNM, Paulo Ziulkoski.

De acordo com o levantamento da CNM, 2.309 municípios têm apenas um item irregular; outros 1.314 têm dois motivos para estarem listados no Cauc; 652 têm três itens pendentes e para 1.093 a situação é mais preocupante, pois eles têm mais de três apontamentos no cadastro.

ul, 75 estão com irregularidades listadas no Cauc (Cadastro Único de Convênios) e podem deixar de receber transferências voluntárias da União, ou seja, aquelas que não estão na Constituição Federal ou em Lei.

O número corresponde a 94,9% do total das prefeituras sul- mato-grossenses. A situação de Mato Grosso do Sul se repete em todo o país. Dos 5.570 municípios brasileiros, 5.368 vão encerrar o ano com irregularidades listadas no cadastro.

A lista, que leva em consideração àqueles que estão com alguma restrição no Cauc até o mês de novembro deste ano, ainda aponta o número de restrições. Em Mato Grosso do Sul, 47 municípios possui 1 restrição, 18 possui 2, 5 possui 3, e 5 mais de 3 restrições.


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)


Página selecionada de 1329 páginas.
Fotos

Nova pagina 2


Notícias

Sexta, maio 22
· AGORA A COBRA VAI FUMAR
· FIQUE SABENDO
· AMAMBAI
· DA HORA
· CAFE AMARGO
Quinta, maio 21
· FATOS & FOTOS
· MACONHA
· Dependência do álcool começa em casa
· DA NOITE
· INDIOS
· DA TARDE
· DA HORA
· POLICIA
· CAFE AMARGO
· NOTICIAS
· CAFE DA MANHÃ
· ETA, MUNDÃO
Quarta, maio 20
· EXPOBAI 2015
· FRONTEIRA
· DA HORA
· ENEM
· PSDB
· RAPIDAS
Terça, maio 19
· FATOS & FOTOS
· NOTICIAS DA NOITE
· FIQUE SABENDO
· CAMARA MUNICIPAL DE PONTA PORÃ
· DOF
· CUIABA
· CAMPO GRANDE MS

 Calendario de Eventos
Maio 2015
  1 2
3 4 5 6 7 8 9
10 11 12 13 14 15 16
17 18 19 20 21 22 23
24 25 26 27 28 29 30
31  

Eventos

 Hora Certa

 Amigos do Site!




RondPoint Web Services Web site powered by MEGAWEB