Warning: Cannot modify header information - headers already sent by (output started at /home/correiod/public_html/index.php:1) in /home/correiod/public_html/mainfile.php on line 168
=:Correio da Fronteira:=

 Menu
 Inicio
 Registro
 Administrador
 Menu
 Torpedos
 Downloads
 Enquete
 Galeria de Fotos
 Seus Links
 Recomende-nos
 Internet_TV
 Artigos
 Internet_Radio3
 Publicações
 Conteudos
 Album
 Estatística
 Fale Conosco

· Procurar

 Radio On
Ouça Agora:
Nenhuma opção foi escolhida



<a href=''>Play Nenhuma opção foi escolhida</a>

Abrir em janela pop-up

 Previsão

 Visitas
Até o momento, recebemos
13448886
vizualizações de páginas (page views) desde July 2007

 Apoios:




EXEMPLO, DEVERIA ACONTECER COM TODOS OS ESTUPRADORES...
Diversos

Mulher capou o marido após saber que ele tentou estuprar sua filha de 6 anosA mãe relatou à polícia que, quando o companheiro, que estava em um bar, voltou para casa por volta das 23 horas, ela não conseguiu esperar e, revoltada, pegou uma faca na cozinha e cortou o pênis do companheiro.

Uma mulher de 24 anos, tomada pela ira cortou o órgão genital do companheiro na noite de segunda-feira, em Cachoeiro de Itapemirim, no Sul do Estado.

Ela ficou revoltada após a filha de seis anos relatar que havia sido abusada sexualmente, na noite do último sábado, pelo padrasto de 26 anos. A família vivia junto há cerca de quatro anos, e a menina é filha do primeiro casamento da mãe.

A jovem tem mais uma menina de dois anos, fruto da segunda união. De acordo com informações da Polícia Civil, no sábado passado, a menina estava com a avó, que é deficiente visual, enquanto a mãe estava na casa de uma amiga. Foi quando o homem retirou a garota da presença da avó e a levou para o quarto, onde tentou manter relações sexuais com ela.

Ao sentir dor, a menina gritou, e o homem teria ameaçado bater na enteada caso ela contasse algo à mãe. Com medo, a criança decidiu revelar o ocorrido para a avó, no início da noite de segunda-feira. No momento em que a mãe da criança chegou do trabalho, ouviu parte da conversa. Foi quando soube do suposto abuso do companheiro. Ela ligou para a Polícia Militar, que a orientou a procurar o Conselho Tutelar. Uma reunião foi marcada para o meio-dia de ontem.

A mãe relatou à polícia que, quando o companheiro, que estava em um bar, voltou para casa por volta das 23 horas, ela não conseguiu esperar e, revoltada, pegou uma faca na cozinha e cortou o pênis do companheiro.

Após o crime, a mulher saiu de casa correndo, levando a filha de seis anos e a mãe.

Em seguida ligou para a polícia.

O homem foi levado para Santa Casa de Misericórdia de Cachoeiro, onde passou por uma cirurgia de duas horas para reconstrução do órgão e permanece em recuperação.

Exames Segundo o delegado Guilherme Eugênio, a menina passará por exame de conjunção carnal e, caso seja comprovado que houve o abuso, o padrasto responderá processo por crime de violência sexual contra menor, mas em liberdade, pois não houve flagrante.

Já a mãe foi levada para a prisão feminina e vai responder por crime de lesão grave, podendo pegar de um a cinco anos de prisão.

Em seu depoimento, ela disse que sua única preocupação neste momento é a segurança das crianças, pois sua mãe é cega e ela não tem com quem deixar a filha mais nova.

A menina de seis anos está com o pai biológico, que assumiu a guarda provisória da menor. Abuso recorrente Na ocorrência policial consta ainda que essa teria sido a segunda vez que o padrasto tentou abusar sexualmente da enteada.

A primeira foi quando a família morava no distrito de Córrego do Ouro, em Itapemirim, também no Sul do Estado.

Na ausência da mãe, ele teria dito à avó que iria dar banho na criança e teria aproveitado para abusar da menina.

Por Odair Araujo


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

CPF
Diversos

CPF poderá ser atualizado pela internet

O serviço poderá ser utilizado por brasileiros e estrangeiros residentes no Brasil, independentemente da idade

Serviço poderá ser usado por cerca de 191 milhões de pessoas - Arquivo

A partir da próxima segunda-feira (16), a atualização de dados cadastrais no Cadastro de Pessoas Físicas (CPF) poderá ser feito no site da Receita Federal. O novo serviço é gratuito e ficará disponível 24h por dia, inclusive nos feriados e finais de semana. Além dessa mudança, a Receita disponibilizará novos modelos de comprovantes de inscrição e de situação cadastral no CPF com a utilização do chamado QR Code.

Para atualizar quaisquer dados cadastrais do CPF, tais como nome, endereço e telefone, o contribuinte deverá preencher formulário eletrônico, disponível no endereço receita.fazenda.gov.br.

O serviço poderá ser utilizado por brasileiros e estrangeiros residentes no Brasil, independentemente da idade. A Receita estima que cerca de 191 milhões de pessoas poderão ser beneficiadas com o serviço.

O atual serviço presencial de alteração de CPF continuará sendo disponibilizado em unidades de atendimento dos Correios, do Banco do Brasil e da Caixa Econômica Federal. Nesse caso, há cobrança de tarifa de serviço no valor de até R$ 7,00.



Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

UM PASSADO NÃO MUITO DISTANTE
Diversos

A imagem pode conter: 4 pessoas, pessoas sorrindo, pessoas sentadas


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

BUROCRACIA
Diversos 2017 19h58

Empresa receberá R$ 1,2 milhão para pavimentar trecho da MS-156 em Caarapó

Trecho da MS 156 entre Amambai e Caarapó. Fotos: Daniel Túlio Nunes

A Agesul (Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos de Mato Grosso do Sul) contratou uma empresa para obras de pavimentação da MS-156, no trecho entre os entroncamentos com a BR-163 e a MS-378. Ambos os locais ficam na região de Caarapó.

O edital oficializando o serviço foi publicado na edição desta quinta-feira (12) do Diário Oficial. A obra será executada pela Cação, Cação & Stiirmer Ltda. ME, que já tinha um contrato com o poder público que foi aditivado para incluir o empreendimento em questão.

De acordo com a publicação, o acréscimo será no valor de R$ 1.283.656,54, que somados ao valor da contratação original atinge o montante de R$ 16.796.124,85.

Um dos trecho em questão ainda não é asfaltado. Nessa mesma rodovia, entre Amambai e Caarapó, existem outros com pavimento antigo, que nunca receberam obras de manutenção e que por isso encontram-se em mau estado de conservação.

Ednei Marcelo Miglioli, secretário da Infraestrutura, e presidente da Agesul, adiantou que ainda nesta semana outro edital seria publicado referente ao conserto da MS-156 no valor de R$ 55 milhões. Enquanto o procedimento administrativo para contratação caminha, uma empresa taparia os buracos de forma paliativa.


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

FEBRE
Diversos

Com risco de surto de febre amarela no país, Capital reforça estoque de vacina

Apesar de casos em estados vizinhos, a procura por doses é baixa

 

Diante do aumento de casos de febre amarela silvestre (transmitida em regiões rurais e de mata) em dois estados que fazem divisa com Mato Grosso do Sul, Minas Gerais e São Paulo, a coordenadoria de imunização da Secretaria de Saúde do Município de Campo Grande (Sesau) reforçou o estoque de vacinas na Capital, que hoje totaliza 11 mil doses.

Conforme a pasta de saúde, não há registro recente da doença. As doses estão disponíveis em todas as Unidades Básicas de Saúde (UBS) e Unidade Básica de Saúde da Família (UBSF) que funcionam das 7h30min às 11h e das 13h às 17h.

Apesar do surto cíclico da febre amarela, como já observado em 2009 e diante do risco que o país corre de ter o retorno da doença nas áreas urbanas, conforme avaliação de pesquisadores, até o momento não houve aumento significativo na procura da vacina, em Campo Grande.

Em Mato Grosso do Sul, a Secretaria de Saúde afirmou que os estoques de vacina estão abastecidos, pois fazem parte da rotina de vacinação e a procura não é alta, por enquanto.

NACIONAL

Desde o início de janeiro, 23 casos suspeitos foram notificados no interior de Minas Gerais — 14 deles levaram à morte dos pacientes. Segundo a Secretaria de Saúde do Estado, 16 deles são considerados prováveis, após exames apontarem a presença do vírus, mas ainda estão sendo investigados.

No interior de São Paulo, uma morte foi confirmada como causada pela febre amarela silvestre em dezembro, a primeira desde 2009.

A FEBRE

A febre amarela é considerada endêmica nas regiões rurais e de mata do Brasil, onde é transmitida por mosquitos de espécies diferentes, como o Haemagogus e o Sabethes, para macacos e, ocasionalmente, para humanos não vacinados. Mas não há registro de casos em áreas urbanas — onde o vetor é o mosquito Aedes aegypti — desde 1942.

O Ministério da Saúde notificou a OMS (Organização Mundial da Saúde) dos casos, seguindo recomendação do Regulamento Sanitário Internacional de informar à organização ocorrências importantes de saúde pública.

Em 2016, o Brasil teve seis casos da doença confirmados, segundo o governo. O último surto da febre amarela silvestre ocorreu entre 2008 e 2009, quando 51 ocorrências foram confirmadas.

A pasta também afirmou que enviou duas equipes e cerca de 285 mil doses de vacina contra a febre amarela para Minas Gerais para controlar a doença. Pessoas nas áreas onde há registro de casos serão vacinadas, e, em seguida, moradores de municípios vizinhos.

SINTOMAS

Em sua fase inicial, que dura de três a cinco dias, a febre amarela causa calafrios, febre, dores de cabeça e no corpo, cansaço, perda de apetite, náuseas e vômitos. Em sua fase mais grave, a doença provoca hemorragias e insuficiência nos rins e no fígado, o que pode levar à morte.


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

CAIADO
Diversos

Senador Ronaldo Caiado inicia companha à presidência

Parlamentar participou de evento em Salvador, na companhia do prefeito ACM Neto

© Reprodução

O senador Ronaldo Caiado (DEM-GO) participou nesta quinta-feira (12) de seu primeiro evento público como possível candidato à presidência da República. O parlamentar foi à Salvador, onde participou da tradicional lavagem das escadarias da Igreja do Bonfim.

As informações são da coluna Radar On-Line, do site da revista Veja.

O parlamentar estava acompanhado do prefeito da capital baiana, Antonio Carlos Magalhães Neto (DEM-BA).

Ainda de acordo com a revista, Caiado já havia autorizado seu correligionário, Onyx Lorenzoni (DEM-RS), a começar a campanha de pré-candidatura após o recesso dos parlamentares.

Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

FIM DE TARDE
Diversos 13h00

Mulher é presa dirigindo carro que custa R$ 125 mil com CNH falsa

Mulher é presa dirigindo carro que custa R$ 125 mil com CNH falsa

FOTO: DIVULGAÇÃO

Em fiscalização no km 600 da BR 262 em Miranda, em frente à Unidade Guaicurus, às 19h30 de ontem (11), foi abordado o veículo Honda/Civic Touring 2017 avaliado em R$ 125 mil, placas de Campo Grande, conduzido por mulher de 33 anos que seguia até Corumbá.

Após solicitação dos documentos de porte obrigatório, a motorista apresentou CNH com suspeita de inautenticidade.

Ao realizar consulta no sistema policial constatou-se que a condutora não possuía registro. Ao ser questionada sobre o documento ela declarou que comprou o mesmo por R$ 2 mil em Campo Grande no ano passado.

Depois do flagrante, ela foi encaminhada para a Delegacia de Polícia Federal da Capital e presa em flagrante pela prática do crime de uso de documento falso, sendo encaminhada ilesa e sem o uso de algemas.

Com reajuste de 7,64%, piso salarial do professor passa para R$ 2.298,80

Com reajuste de 7,64%, piso salarial do professor passa para R$ 2.298,80

FOTO: ASSESSORIA - Ministro da Educação, Mendonça Filho

O Ministério da Educação anunciou nesta quinta-feira, dia 12 de janeiro, um reajuste de 7,64% no piso salarial dos professores do país. Com o aumento, o menor valor a ser pago a esses profissionais deve passar dos atuais R$ 2.135,64 para R$ 2.298,80. A implementação do novo valor, porém, vai depender de cada Estado.

Um levantamento feito em 2016 pela CNTE (Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação) mostrou que mais da metade dos estados brasileiros não pagam o piso.

O reajuste deste ano ficou 1,35 ponto percentual acima do índice da inflação do ano passado, que foi de 6,29%. Em 2016, ainda sob a gestão da ex-presidente Dilma Rousseff, o salário teve um reajuste de 11,36%, passando de R$ 1.917,78, em 2015, para R$ 2.135,64. A inflação acumulada no período foi de 10,67% (ganho real de 0,69 ponto percentual).

Questionado sobre o atual cenário de crise financeira do Estado, o ministro da Educação, Mendonça Filho, disse que cumprir o piso é obrigação nacional.

"As redes municipais e estaduais têm obrigação de cumprir a legislação federal. Sabemos que o contexto atual é de dificuldade financeira, mas governo federal tem empreendido esforços para passar recursos que ajudem na receita para a área da educação dos Estados e municípios", declarou.

Em entrevista coletiva, Mendonça Filho reforçou que o governo federal antecipou, no fim do ano passado, R$ 1,5 bilhão do Fundeb (Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação).

Estados não pagam o piso

Segundo a tabela divulgada pela CNTE, Alagoas, Goiás, Maranhão, Paraíba, Paraná, São Paulo, Tocantins e Rio Grande do Sul não cumpriam o valor do piso apenas para os professores com formação de nível médio, mas aqueles com formação superior recebiam o valor atualizado.

Já Bahia, Ceará, Rio de Janeiro, Rondônia e Pernambuco não pagavam o valor no vencimento, como estipula a lei, mas cumprem o valor na remuneração, ou seja, acrescentando gratificações e complementações. Espírito Santo não cumpria o valor estipulado para 2016 nem mesmo na remuneração.

Piso é reajustado com base em lei

O piso é pago para profissionais com formação de nível médio, em início de carreira, que têm carga horária de 40 horas semanais.

O reajuste é anual e acontece sempre em janeiro, de acordo com a Lei do Piso, de 2008. A legislação assegura que o piso deve ser reajustado seguindo a variação no valor anual mínimo nacional investido por aluno da educação básica, que no ano passado foi de R$ 2.739,77. Esse valor é definido pelo Fundeb (Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais de Educação).

Quando a lei foi criada, o salário inicial do professor foi fixado em R$ 950,00, que considerando a inflação acumulada de julho de 2008 até dezembro de 2016 seria R$ 1.602,49 nos dias de hoje. Pela lei, os demais níveis de carreira dos professores têm o aumento negociado em cada ente federativo.


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

DA HORA
Diversos

Começa sábado venda de ingressos para Carnaval do Rio

A venda de ingressos do tradicional carnaval carioca tem início neste sábado, 14. Os valores de vagas em arquibancadas e cadeiras individuais para os desfiles das escolas do Grupo Especial, no Rio variam de R$ 190 a R$ 320 e os interessados só poderão comprar pelo sistema telefônico.

Segundo informações, há um número de telefone específico para a venda do ingresso de cada setor. No total, serão comercializados 18,2 mil ingressos para cada dia de desfile. As escolas do Grupo Especial se apresentam nos dias 26 e 27 de fevereiro, no Sambódromo.

MARCELINO NUNES
Diversos

Marcelino Nunes repudia enredo da escola Imperatriz e diz que agronegócio que sustenta o Brasil

Marcelino Nunes repudia enredo da escola Imperatriz e diz que agronegócio que sustenta o Brasil O vereador de Ponta Porã, (350 km da capital- Campo Grande/MS)Marcelino Nunes de Oliveira (PROS), demonstrou imenso desagrado ao samba enredo da escola Imperatriz Leopoldinense do Rio de Janeiro, que neste Carnaval homenageia a região do Parque Nacional do Xingu com o tema “Xingu – O clamor que vem da Floresta”.

A composição do enredo é de Moisés Santiago, Adriano Ganso, Jorge do Finge e Aldir Senna e homenageia o povo indigena, mas ao mesmo tempo critica o agronegócio brasileiro. Marcelino diz estar indignado com cultura dos compositores que fazem músicas por interesses. “É notório que não houve uma pesquisa prévia antes de escreverem este enredo. É indignante a produção deste tema com interesses de outros.

A Escola de Samba Imperatriz Leopoldinense tem uma grande história e grandes sambas, mas este enrendo é uma afronta aos produtores rurais com ataques diretos”, alegou o vereador. O vereador diz que manifestações artisticas e culturais do país devem ser valorizadas, mas não é possível concordar que a escola de samba leve mensagens tão negativas e distorcidas da realidade sobre o agronegócio brasileiro para o restante do mundo.

O parlamentar também aponta que os produtores rurais sim são os heróis da nação e não os monstros como fala no enredo. “O agronegócio é o setor que segura e alavanca a economia no Brasil, principalmente neste momento em que o país esta em crise, sendo responsável por 22% do PIB nacional, gerando empregos e abastecendo o mundo com exportações. São os produtores com sua garra e muito trabalho que levam o alimento diariamente para a mesa de todos, inclusive dos compositores e indigenas”, finalizou Marcelino.

A imagem pode conter: 9 pessoas, pessoas sorrindo, texto


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

CUIDADO
Diversos

Depois de tomar dipirona, grávida
de 35 anos aborta feto em casa

Mulher de 35 anos teve aborto em casa na madrugada de hoje no jardim Zé Pereira, em Campo Grande, um dia depois de tomar dipirona, medicamento que é contraindicado para gestantes. O feto de 48 cm foi encontrado enrolado em um cobertor em cima da cama e a polícia investiga se o aborto foi espontâneo ou induzido pela mulher.

De acordo com boletim de ocorrência, a vítima informou aos policiais que enquanto dormia sentiu a cama molhada, tentou se levantar, mas caiu no chão. A filha da gestante a encontrou caída no quarto e chamou socorro. Ninguém da família sabia que a mulher estava grávida, segundo relatos de parentes à polícia.

Quando socorristas chegaram, encontraram feto enrolado em um cobertor em cima da cama. Medicamentos abortivos foram procurados por equipe da perícia, mas nada foi encontrado. A mulher foi levada para Santa Casa da Capital e o feto encaminhado para Instituto de Medicina e Odontologia Legal (Imol) da Capital.

A polícia investiga o caso para verificar se a criança nasceu com vida ou se a mãe realizou manobra abortiva. Será realizada uma perícia necroscópica para atestar a causa da morte do bebê.

HISTÓRICO E DIPIRONA

A filha da gestante contou aos policiais que ontem à noite, antes de dormir, a mãe passou mal dentro do banheiro. Ao ser questionada pela filha, a mulher disse que estava com dor de cabeça e pediu remédio. A filha conta ter dado dipirona para a mãe. 

Na madrugada de hoje, a jovem encontrou a mãe caída no chão perdendo muito sangue e chamou o atendimento médico. Ela também informou à polícia que não sabia que a mãe estava gestante e não percebeu que um bebê estava no quarto pois não ouviu nenhum tipo de choro.

A mãe da gestante informou também à polícia que suspeitava que a filha estivesse grávida, mas que não tinha certeza e que há pouco tempo ela perdeu o pai e tinha sintomas de depressão. 

De acordo com especialistas, dipirona sódica é capaz de passar pela placenta, atingindo o feto. Pesquisas comprovam que a dipirona, quando consumida nos primeiros 3 meses de gestação pode causar má formação do feto, ou ainda atraso no desenvolvimento deste, sendo que o consumo da medicação em doses elevadas pode causar até mesmo a morte do embrião.


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

SAUDE
Diversos

| O que fazer quando você é picado pelo Aedes aegypti?

Infectologista seleciona dicas importantes para evitar complicações causadas pelo mosquito

© iStock

Ano a ano cresce o número de pessoas infectadas pela Dengue, Zika e Chikungunya no Brasil. Essas arboviroses transmitidas pelo mosquito Aedes aegypti têm maior incidência na estação mais quente do ano, quando os períodos de chuvas são mais frequentes e, com isso se formam mais criadouros do mosquito. Até setembro de 2016 1.438.624 contraíram o vírus da Dengue; houve 236.287 prováveis casos de Chikungunya e 200.465 possíveis infecções por Zika vírus, de acordo com dados do Ministério da Saúde. A par desses números alarmantes o médico infectologista, Marcelo Neubauer, selecionou 4 informações imprescindíveis para enfrentar o período verão com segurança. Confira:

1 - Na praia, no campo ou na cidade: use repelente e reaplique a cada 3 horas

As arboviroses são transmitidas quase que exclusivamente pela picada dos mosquitos. A melhor maneira de preveni-las é combater os focos do mosquito. Mas para a prevenção das picadas, o repelente ainda é uma das melhores opções. O especialista ainda alerta que mesmo quem já está com a doença deve continuar utilizando essa proteção, já que existem diferentes tipos de vírus e a pessoa poderia ser picado novamente por outro mosquito infectado.

2- Sente febre, dor no corpo e atrás dos olhos, manchas vermelhas e cefaleia: procure um médico

As três doenças transmitidas pelo Aedes aegypti são potencialmente graves e os sintomas mais severos aparecem em até 12 dias. A Dengue pode evoluir para formas hemorrágicas. Zika pode trazer sérias consequências neurológicas em bebês e, talvez em adultos e Chikungunya pode evoluir com uma dor articular crônica de forte intensidade. Por isso, se sentir dois ou mais sintomas, é importante procurar orientação médica o quanto antes para tratar e prevenir complicações.

3 - Está com Dengue, Zika ou Chikungunya: hidrate-se muito!

Essa é uma recomendação universal em caso de febre, já que com a elevação da temperatura o corpo perde água por evaporação, como o suor e respiração, por exemplo. Além disso, na Dengue a desidratação pode complicar a evolução da doença.

4- Não tome medicamentos por conta própria

Além dos riscos inerentes dos antinflamatórios na dengue, que podem precipitar quadros hemorrágicos, medicamentos podem mascarar sintomas da doença ou agravá-los. O paciente pode utilizar alguns medicamentos aprovados pelo Ministério da Saúde para o tratamento dos sintomas associados a estas doenças, como por exemplo, o Paracetamol (dor e febre) e a Dexcloferinamina (coceira), porém, é muito importante que o paciente procure e seja acompanhado por um profissional de saúde habilitado. Fique atento!




Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

BANDIDA
Diversos

Bandida gata’ é presa após roubar carro no Paraná

Estefanni Ramires, de 19 anos, ainda deu uma canseira na Polícia Militar durante a fuga

‘Bandida gata’ é presa após roubar carro no Paraná © REPRODUÇÃO / FACEBOOK


Após uma perseguição cinematográfica, com direito a helicóptero do Batalhão da Polícia Militar de Operações Aéreas, a jovem Estefanni Ramires, de 19 anos, conhecida como “bandida gata”, foi presa por agentes da PM no km 5 da BR-116, em Campina Grande do Sul, no Paraná.

© REPRODUÇÃO / FACEBOOK

De acordo com o jornal O Dia, a suspeita estava em uma picape Nissan Frontier, que tinha sido roubada no bairro Guatupê. Através do rastreador, policiais conseguiram localizar o automóvel, que trafegava a mais de 150 km/h na vida.

Estefanni, que foi autuada em flagrante por roubo, não estava armada. O comparsa dela conseguiu fugir. “Ela foi muito debochada. Saiu do carro e disse aos PMs que era receptação e aqui (na delegacia), aos jornalistas, falou que, se fosse um carro esportivo, não seria capturada”, disse João Marcelo Renk Chagas, delegado titular da Delegacia de Campina Grande do Sul.
© REPRODUÇÃO / FACEBOOK
Quando foi apresentada aos jornalistas na delegacia, Estefanni disse que falaria com a imprensa de costas, alegando que “estava feia”.


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

DELCIDIO
Diversos

De delator, Delcídio pode ser investigado por suposta propina de meio milhão

De acordo com reportagem da revista Veja, uma delação premiada do pacote da Odebrechet ameaça a liberdade do ex-senador sul-mato-grossense.  

 

Delator da Operação Lava Jato, o ex-senador Delcídio do Amaral (ex-PT/MS) pode ser investigado por suposta propina de meio milhão de reais, verba recebida à época em que ele era líder do Governo da presidente Dilma Rousseff no Congresso Nacional.


De acordo com reportagem recente da revista Veja, uma delação premiada do pacote da Odebrechet ameaça a liberdade do ex-senador sul-mato-grossense.  


O texto destaca que o ex-presidente da Braskem Carlos Fadigas contou, em um dos quatro anexos de sua delação, como repassou R$ 500 mil ao ex-líder do governo Dilma em troca de “apoio” na aprovação do PRS 72/2010, que favoreceu a empresa em questões ligadas ao ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços).


Também há e-mails sobre o caso, em que Delcídio é tratado como “Ferrari”. O problema para o ex-senador é que a negociata não consta da sua própria delação. Se ficar provado que escondeu isso, pode deixar sua fazenda de gado e voltar para trás das grades.


Delcídio teve o mandato cassado pelo Senado acusado de tentar obstruir a Operação Lava Jato da Polícia Federal.


Grampeado pelo filho do ex-diretor da Petrobras Nestor Cerveró, Bernardo Cerveró, o então senador foi flagrado em conversa telefônica tramando um esquema de fuga para o hoje delator.


DEPOIMENTO


Em depoimento à Justiça Federal de Brasília no fim de novembro, Bernardo Cerveró reafirmou que sofreu pressão do ex-senador para impedir que o pai fechasse um acordo de delação premiada com o Ministério Público.


O depoimento foi prestado dentro do processo que apura se houve uma tentativa de obstruir a Justiça na Operação Lava Jato. O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva é um dos sete réus desta ação penal.


A denúncia, apresentada em maio do ano passado, diz que, além de Delcídio, atuaram para comprar o silêncio de Cerveró o ex-presidente Lula, o banqueiro André Esteves, o pecuarista José Carlos Bumlai e o filho dele, Maurício Bumlai, o ex-chefe de gabinete de Delcídio Diogo Ferreira e o advogado Edson Ribeiro.


A acusação do Ministério Público diz que Bumlai e Lula estariam por trás do pagamento feito a Bernardo, conforme depoimento prestado por Delcídio em sua própria delação premiada.


No depoimento, contudo, o filho de Cerveró disse que sabia somente que o dinheiro havia sido enviado pelo senador, desconhecendo a origem do recurso.


“Os pagamentos eram nesse sentido. Vai haver ajuda a família, contanto que não houvesse delação. O Edson fala isso claramente [...] Foi-se criando claramente a figura da preservação do senador em função dessa ajuda, condicionada à não menção de certos [fatos]”, disse Bernardo.


A suposta participação de André Esteves no pagamento foi mencionada a Bernardo pelo próprio Delcídio, numa conversa gravada que teve com o senador em Brasília, em novembro do ano passado.


Na ocasião, o senador também disse que o banqueiro ajudaria a pagar despesas desde que Nestor não citasse a participação dele num suposto esquema envolvendo postos de combustível.


Em quase duas horas de depoimento, Bernardo não mencionou a participação de Lula e Bumlai, mas principalmente de Delcídio e Edson em tentativas de evitar a delação, aceita no fiml de 2015 e que levou à prisão de Delcídio.


No depoimento, Bernardo também reafirmou que recebeu R$ 50 mil de Edson Ribeiro, enviados por Delcídio, para que Nestor Cerveró não mencionasse casos envolvendo o senador na delação.

Posteriormente, o próprio Delcídio teria pedido a Bernardo o silêncio de Nestor Cerveró numa reunião no aeroporto Santos Dumont, no Rio de Janeiro.


“No Santos Dumont, ele diz explicitamente, ele me pede textualmente para não fazer delação. Que ele [Nestor] ia ficar refém dos procuradores. Que o Paulo Roberto [ex-diretor da Petrobras, que também fechou acordo de delação] tinha ficado endividadíssimo”, disse Bernardo.


Segundo Bernardo, Delcídio e Edson também teriam tentado evitar que outro delator da Lava Jato, o lobista Fernando Baiano, mencionasse o senador em sua delação.


“Para o meu espanto, ele [Edson] pede para eu passar a mensagem para o Gustavo para que Fernando Baiano não falasse do senador. Então, ele me colocou na situação de cometer um crime de obstrução de Justiça”, narrou. Bernardo disse que chegou a conversar com Gustavo Soares, irmão de Baiano, para obter provas que ajudassem a fechar o acordo de delação.

 

 


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

Criança morre em acidente entre Prisma e caminhonete em bairro de Campo Grande

Médicos tentaram reanimar a criança por aproximadamente uma hora

O garoto morreu devido a um grave traumatismo craniano encefálico

Uma criança, de 4 anos, Vinícius Carvalho, morreu em um acidente envolvendo dois veículos na Avenida Prefeito Heráclito Diniz Figueiredo no Bairro Otávio Pécora em Campo Grande, na noite desta quarta-feira (11). A mãe do menino que dirigia um Chevrolet Prisma foi levada consciente e com cortes no rosto para a Santa Casa. 
O motorista da caminhonete foi levado a Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) Centro onde prestará esclarecimentos

O menino estava no banco de trás e, de acordo com o Corpo de Bombeiros, estava preso na cadeirinha. O garoto morreu devido a um grave traumatismo craniano encefálico. Ela também sofreu um corte profundo na região da cabeça. Médicos do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) tentaram por aproximadamente uma hora, reanimar a criança com desfibrilador e massagem cardíaca.

Acidente

A mãe dirigia o Prisma na Prefeito Heráclito em sentido sul-norte, quando teria tentado ultrapassar uma motocicleta, momento em que invadiu a pista contrária. Uma caminhonete Mitsubishi L-200 seguia no sentido contrário quando houve a colisão frontal. De acordo com um motociclista que passava na hora, a motorista ainda deu uma ré por aproximadamente 10 metros, após o impacto.

O acidente aconteceu em uma curva a aproximadamente 50 metros de uma lombada eletrônica de onde havia passado o Chevrolet Prisma. A polícia não descarta alta velocidade de algum dos veículos envolvidos, por causa do forte impacto. O motorista da caminhonete que não sofreu ferimentos foi levado a Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) Centro onde prestará esclarecimentos e passará por exame de alcoolemia. O caso será investigado pela Polícia Civil. Samu, Corpo de Bombeiros e BPtran (Batalhão de Trânsito) foram acionados.

Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

POLICIA
Diversos
h51

Jovens são detidas com maconha em ônibus de viagem

Duas jovens de 18 e 19 anos foram detidas na madrugada de hoje, com mais de 48 quilos de maconha, em uma abordagem de ônibus de viagem próximo ao município de Dourados.

Segundo o boletim de ocorrência, as jovens estavam em um ônibus de viagem com itinerário Ponta Porã/Campo Grande e, após parada pela polícia e revista nas bagagens, foram encontrados nas malas das jovens cerca de 28 tabletes de maconha.

As autoras que são do Amapá foram até Ponta Porã buscar a droga que seria levada até a cidade de origem delas. Cada uma receberia cerca de R$ 3 mil.

As jovens foram encaminhadas à Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário de Dourados (Depac) onde foram encontrados mais dois tabletes da droga, totalizando mais de 48 quilos do entorpecente.

 

Preso” é preso por manter “boca-de-fumo” em Amambai

Esta foi à quinta vez que “Zezinho” é preso pela Polícia Civil acusado pelo mesmo crime na cidade.

Clique na Imagem para ampliá-la

O acusado, a droga e os objetos encontrados em seu poder e o ursinho onde as porções de crack eram escondidas, segundo a polícia. Esta é a quinta vez que “Zezinho” é preso pelo mesmo crime em Amambai, segundo o SIG. (Fotos: Divulgação/A Gazetanews)

Vilson Nascimento

Após levantar informações e realizar monitoramento do local o SIG (Setor de Investigação Geral) da Delegacia de Polícia Civil local, prendeu na tarte dessa quarta-feira, dia 11 de janeiro, um “detento”, acusado de manter um ponto de venda de drogas, a chamada “boca-de-fumo”, em Amambai.

De acordo com a polícia, essa foi à quinta vez que José Alves de Oliveira, o “Zezinho”, de 49 anos, é preso pelo mesmo crime na cidade, mas beneficiado pela legislação em vigor no País, acaba voltando para a rua e lesando a sociedade, cometendo o mesmo tipo de crime.

A prisão dessa quarta, a exemplo da última, ocorrida em outubro de 2015, aconteceu na casa do acusado, situada no Residencial Pôr-do-Sol.

Ao tomar conhecimento que Zezinho, apesar de ainda estar cumprindo pena no regime semiaberto da PAM (Penitenciária de Amambai), continuava mantendo o esquema de venda de drogas em sua residência, o SIG passou a monitorar o local.

De acordo com a Polícia Civil, durante o trabalho de monitoramento os policiais notaram frequentes movimentações de pessoas conhecidas nos meios policiais por consumo de drogas, saindo e entrando da casa de José Alves.

Segundo o SIG, os dependentes procuravam a boca-de-fumo, supostamente para adquirir drogas, sempre nos períodos da manhã ou da tarde, já que no período noturno Zezinho se apresentava no presídio onde passava a noite conforme determinação da Justiça.

Na tarde dessa quarta-feira, após novo trabalho de monitoramento e flagrar um viciado deixando o local, os policiais entraram em ação.

De acordo com o SIG, ao ser abordado, como já havia feito nas vezes anteriores, Zezinho teria negado estar comercializando entorpecente, mas em vistoria na residência os investigadores localizaram várias pedras da droga conhecida como crack, que estavam escondidas dentro de um ursinho de pelúcia.

A droga, que já estava embalada em papel alumínio e pronta para ser fornecida aos usuários, a exemplo das outras vezes, não era armazenada em grande quantidade, o que para a polícia é uma estratégia adotada por traficantes que agem nessas condições para tentar ludibriar a Justiça e tentar descaracterizar o crime de tráfico perante o Poder Judiciário.

Segundo o SIG, na residência de Zezinho também foi apreendida certa quantidade em dinheiro, supostamente proveniente da venda da droga e vários objetos, segundo a polícia, possivelmente furtados de residências da cidade por usuários de entorpecente e trocados na boca-de-fumo como forma de pagamento pela porção da droga.

Encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil de Amambai, José Alves de Oliveira, o “Zezinho” foi autuado em flagrante pelo delegado, Dr. Mikaill Alessandro Gouveia Faria, mais uma vez pelo crime de tráfico de drogas e permaneceu preso à disposição da Justiça.

Para a polícia, além de aliciar pessoas, sobretudo jovens, para o consumo de drogas, as chamadas bocas-de-fumo também são as principais incentivadoras de crimes como furtos a residências e estabelecimentos comerciais e até assaltos a mão armada, já que a maior parte desse tipo de delito é praticada por usuários de entorpecentes para manter o vício.


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

DEVERIA TER PENAS MAIS SEVERAS PARA ESTUPRADORES
Diversos

Em 11 dias, polícia de MS registra 24 casos de estupro no estado

 

Em 2016, a Sejusp registrou 1372 casos de estupro, em MS.
Quase 90% dos casos tinham o envolvimento de menores de idade

 dias de 2017, a polícia de Mato Grosso do Sul registrou 24 casos de estupro no estado. Em média, são dois casos por dia. Os dados são da Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp).

No caso mais recente, em Campo Grande, a vítima foi uma adolescente de 13 anos. Segundo o boletim de ocorrência, a menina e uma amiga, também menor de idade, foram à casa de um amigo nas proximidades do Terminal Júlio de Castilho. Lá consumiram drogas e bebidas alcoólicas.

“Ela relata ter entrado em coma alcoólico e ficado desacordada e quando ela se deu por si estava sobre uma cama, despida e ao lado dela uma pessoa desconhecida," explica o delegado da Delegacia Especializada de Proteção à Criança e ao Adolescente (Dpca), Paulo Sérgio Lauretto.

A adolescente fugiu e pediu ajuda aos guardas municipais do terminal. O caso é tratado como suspeita de estupro de vulnerável. O delegado ainda aguarda o resultado do exame de corpo de delito e vai ouvir a jovem pra tentar encontrar as outras pessoas que estavam na casa.

Um caso é considerado estupro quando há qualquer tipo de relação sexual sem consentimento de uma das partes. Não precisa ter, necessariamente conjunção carnal.

Estatística
No ano passado, em todo o estado, a Secretaria de Justiça e Segurança Pública registrou 1372 crimes de estupro. Na capital de Mato Grosso do Sul foram 413. Quase 90% dos casos foram registrados na Dpca porque tinham o envolvimento de menores.

Nessa quarta-feira (11), os investigadores registraram quatro ocorrências deste tipo na Depca. E em quase todos os relatos uma semelhança: o agressor é alguém muito próximo da vítima.

Homem é preso em município de MS suspeito estuprar menina de 10 anos

Denúncia anônima apontou endereço do suspeito de 52 anos, em Ivinhema.
Caso foi divulgado segunda-feira (9), pela Polícia Civil.

 

Informações divulgadas na segunda-feira (9), pela Polícia Civil revelam que um homem de 52 anos, foi preso na quarta-feira (4), por estuprar uma menina de 10 anos, no bairro Itapoã, em Ivinhema, a 282 quilômetros de Campo Grande.

Segundo a polícia, uma denúncia anônima apontou o endereço onde a criança estaria sofrendo abuso sexual. Os investigadores foram ao local e ficaram monitorando a residência. Pouco tempo depois a menina saiu correndo da casa.

Os policiais se aproximaram para conversar com a garota. Ela contou que sempre visitava a casa do suspeito, para assistir televisão, enquanto o homem a beijava, tirava sua roupa, a colocava na cama e tocava seu corpo.

Os investigadores foram à casa do suspeito e durante o depoimento ele entrou em contradição e acabou preso em flagrante.


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

TEMPO
Diversos

Previsão de chuva em MS e queda de granizo em 50 municípios, diz Inmet

Deve chover mais intensamente no centro-leste e nordeste do estado.
Em Campo Grande, temperaturas variam entre 23°C e 33°C.

 

Pancadas de chuva leve atingiram a capital na tarde desta quarta-feira (11). (Foto: Nathália Rabelo/ Divulgação)

 

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) prevê pancadas de chuva com trovoadas em Mato Grosso do Sul na quinta-feira (12). O céu deve ficar parcialmente coberto por nuvens e precipitações vão ser mais intensas nas regiões centro-leste e nordeste do estado.

Segundo o Inmet, há alerta de quedas de galhos de árvores, leves alagamentos e até granizo em 50 municípios do estado. Os ventos podem chegar até 60 km/h e chover 50 milímetros. As temperaturas oscilam entre 21°C e 36°C.

No sul, sudoeste e Pantanal sul-mato-grossense, há previsão de chuva com trovoadas apenas no período da tarde.

Em Campo Grande, o dia deve amanhecer nublado e chover mais intensamente à tarde. Já ao anoitecer, céu volta a ficar nublado. As temperaturas devem variar de 23°C e 33°C.


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

26 ANOS
Diversos

A imagem pode conter: 3 pessoas

CASAL JORGE E ALINE DO CORREIODAFRONTEIRA, COMPLETAM NESTE 12 DE JANEIRO, 26 ANOS DE FELIZ UNIÃO.PARABENS


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

FIM DE TARDE
Diversos
FATOS & FOTOS
Diversos

Sabrina Sato (Foto: Eduardo Rezende)

SABRINA SATO

BUMBUM PARA TODOS OS GOSTOS

SIMONE E VEREADOR VALTER BRITO

BORA

CONSEJAL ISMAEL VALIENTE NA CONEXÃO INTERNACIONAL- O MELHOR PROGRAMA DE ENTREVISTAS DA FRONTEIRA- TODOS OS SABADODOS NA FM 90.7 CONQUISTA, APARTIR DAS 12 HORAS, TODOS OS SABADOS

ANTIGA PRAÇA DE AMAMBAI- QUE SAUDADE

 

 

ZECA, SILVIA E SEGUNDO ROCHA

avid.


 


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

MACUMBA
Diversos

Morador coloca fogo em casa para se livrar de macumba feita por mãe e irmã

O homem se apresentou como um 'enviado por Deus'

Moradores de um bairro na cidade de Três Lagoas distante 339 quilômetros de Campo Grande, acionaram a polícia por causa de um incêndio em uma residência, que na realidade teria sido provocado pelo próprio morador.

Ao chegar ao local, os bombeiros foram recebidos pelo dono da casa, que disse ser um enviado de Deus e que ele teria colocado fogo na realidade em vários objetos do imóvel para purificar o ambiente, que estava com macumba feita pela mãe e irmã.

Ainda de acordo com o site Rádio Caçula, Odair José, de 35 anos, disse morar na residência há 6 anos, e que a irmã que já morreu seria a dona dos objetos em que ele colocou fogo. Os militares utilizaram água para apagar o fogo e a Policia Militar esteve no local.

 


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

REU
Economia

5 anos depois, Puccinelli vira réu por coagir servidores durante campanha

Matéria do jornal Midiamax revelou escândalo em 2012

Foi no dia 21 de agosto de 2012 que o jornal Midiamax noticiou um escândalo que 'balançou' a classe política sul-mato-grossense. Gravações as quais o jornal teve acesso mostraram o ex-governador André Puccinelli (PMDB) coagindo servidores públicos estaduais da Secretaria de Estado de Trabalho e Assistência Social (Setass) a votarem no então candidato a prefeito de Campo Grande, Edson Giroto (PR), hoje investigado pela operação Lama Asfáltica.

Cinco anos depois, a Justiça Federal acatou o pedido do MPF-MS (Ministério Público Federal em Mato Grosso do Sul) e agora, o italiano é reu por improbidade administrativa. A informação foi confirmada hoje, pela assessoria de imprensa da Procuradoria da República.

"- Já te chamou e você ficou com falta!

- Fiquei nada...tô aqui”

- Diz que ia ser exonerado quem não veio”

As aspas indicam parte do diálogo que mostra a coerção. A fala é uma das servidoras, que parecia assustada com a possibilidade da companheira de trabalho perder o cargo.

Puccinelli chegou a ser denunciado à Justiça em 2012, mas foi inocentado em novembro de 2013 por decisão do Tribunal Regional Eleitoral, que entendeu não haver provas da coação, apesar de a juíza responsável, Denise Dódero, estranhar o governador estar com uma listagem de servidores, aos quais era perguntado em quem iam votar.

O MPF, no entanto, apresentou novo recurso em 2015 e o parecer da PRE (Procuradoria Regional Eleitoral), que entendeu a necessidade de investigar o ex-governador e abriu, novamente, a 'caixa preta', que parecia ter sido jogada fora.

Procuradoria da República

A Procuradoria da República pediu R$ 2,4 milhões de multa pela coerção, em ação ingressada pelo Núcleo de Combate à Corrupção (NCC). Além da Setass, outra secretaria, de acordo com o MPF, foi alvo de coerção, a de Desenvolvimento Agrário e Turismo (SEPROTUR).

"A conduta do ex-governador viola os deveres de honestidade, imparcialidade, legalidade e lealdade, tal como atenta contra os princípios da impessoalidade e moralidade administrativa. O Ministério Público quer que o político seja punido tanto na esfera cível, por improbidade administrativa, quanto na eleitoral", pediu a procuradoria, em janeiro de 2016.

Na reunião, Puccinelli chamava os servidores nominalmente e conferia seus votos:

Puccinelli - Graziela da Silva Tenório?

Servidora - Giroto e Otávio Trad.

Puccinelli - Você era Edil, agora mudou para Otávio Trad

Funcionário comenta - “Vixe, que lei dura...” (todos riem da “linha dura”). Na próxima chamada, a funcionária se mostra visivelmente constrangida, e dá satisfação ao governador:

Puccinelli  - Cássila Andreá Alves

Servidora - Giroto e Pastora Marta

Puccinelli  - “Fala pra pastora Marta que ela colocou Giroto no microscópico...eu tenho que comprar uma luneta pra enxergar .

Servidora- (preocupada) - “Mas no meu carro tá grande”

Puccinelli  – Se ela não colocar grande no carro dela, eu vou “girotear” a Marta.

Servidora – O meu tá no carro com emblema grande!

Puccinelli - Então fala pra ela que eu disse...“O do Giroto tem que ser daquele fechado no vidro traseiro do carro”. Não tem que dar mole pra vereador!

Puccinelli  - José Carlos Lopes Silva?

Servidor - Edil e Giroto.

Puccinelli  - Nós vamos por pra votar pra Carla aqui, tá bom?

Servidor - Tá bom.

Puccinelli  - Agora mudou, tá bom?

Servidor - Tudo bem.


O teor foi parar nas mãos da Procuradoria, e esta entendeu que o "Vídeo - encaminhado ao MPF para parecer ano passado, já em grau de recurso eleitoral - mostra Puccinelli listando, nominalmente, servidores das Secretarias de Estado e ordenando que os comissionados informassem em quais candidatos votariam para os cargos de prefeito e vereador. O político aparece fazendo anotações e orientando alguns de seus subordinados a manter a intenção de voto em candidatos da coligação por ele apoiada".

Para os procuradores que investigam o caso, vídeo e áudio são suficientes para constatar a "óbvia coação praticada por André Puccinelli contra comissionados a ele subordinados, em benefício de candidatos apadrinhados e dele mesmo, com quebra da isonomia, da impessoalidade, da legalidade e da moralidade administrativa”.

Se for condenado, André Puccinelli pode ficar 8 anos inelegível.


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)


Página selecionada de 1680 páginas.
Fotos

Nova pagina 2


Notícias

Domingo, maio 21
· FIM DE TARDE
· PLANTÃO
· CAFE DA MANHÃ
Sábado, maio 20
· PARABENS
· PLABTÃO
· NOTA FRIA
· STF
· LANÇADO PELO DETRAN MAIO AMARELO EM AMAMBAI
· DUPLA
· MAUS POLITICOS VENDERAM O BRASIL PARA JBS
Sexta, maio 19
· NOTA DO ZECA DO PT
· ANDRÉ E REINALDO
· CONEXÃO INTERNACIONAL
· PAINEL
· DA TARDE
· MS
· JBS
·
· PLANTÃO
Quinta, maio 18
· CASO TEMER
· -E OROIBIDO...
· MISTERIO
· FIM DE TARDE
· ENEM
· AMAMBAI
· DA TARDE
· JUSTIÇA
· FIQUE SABENDO
· NOVA ELEIÇÃO
· PONTA PORÃ

 Calendario de Eventos
Maio 2017
  1 2 3 4 5 6
7 8 9 10 11 12 13
14 15 16 17 18 19 20
21 22 23 24 25 26 27
28 29 30 31  

Eventos

 Hora Certa

 Amigos do Site!

Image and video hosting by TinyPic




RondPoint Web Services Web site powered by MEGAWEB