Warning: Cannot modify header information - headers already sent by (output started at /home/correiod/public_html/index.php:1) in /home/correiod/public_html/mainfile.php on line 168
=:Correio da Fronteira:=

 Menu
 Inicio
 Registro
 Administrador
 Menu
 Torpedos
 Downloads
 Enquete
 Galeria de Fotos
 Seus Links
 Recomende-nos
 Internet_TV
 Artigos
 Internet_Radio3
 Publicações
 Conteudos
 Album
 Estatística
 Fale Conosco

· Procurar

 Radio On
Ouça Agora:
Nenhuma opção foi escolhida



<a href=''>Play Nenhuma opção foi escolhida</a>

Abrir em janela pop-up

 Previsão

 Visitas
Até o momento, recebemos
12813095
vizualizações de páginas (page views) desde July 2007

 Apoios:




CAFE DA MANHÃ
Diversos

'Provem uma corrupção minha que irei a pé para ser preso', afirma Lula. Veja o vídeo

  • Fotos Nelson Almeida/AFP/JC e Paulo Pinto Agência PT

    Lula chorou e desafiou procuradores a provarem acusações


Em seu primeiro pronunciamento após ser classificado como "comandante máximo do esquema de corrupção" na Petrobras, pelo coordenador da força-tarefa da Lava Jato, Deltan Dallagnol, e denunciado pelo MP à Justiça, Lula desafiou os procuradores a provar que ele cometeu algum ato de corrupção. Em entrevista, após reunião com lideranças do PT em um hotel de São Paulo, Lula chorou, disse estar "orgulhoso" em saber que é "alvo de perseguição" por causa "das coisas boas" que eu fez e desafiou os procuradores: "Provem uma corrupção minha que irei a pé para ser preso". 
 
Lula ironizou, ao se referrir a fala do procurador Henrique Pozzobon de ter convicção de sua culpa. "Eu não entendi como convoca uma coletiva e diz: não tenho crime, tenho convicção. Não tenho prova, mas tenho convicção", afirmou. O ex-presidente se autoelogiou, dizendo: "ninguém respeita as leis neste País mais do que eu". Por fim, afirmou que está à disposição das autoridades: "Quero dizer às pessoas sérias do Ministério Público, Polícia Federal e Justiça que eu estou à inteira disposição. Ninguém está acima da lei. Mas procurem outro para criar problema." 
 
Lula se comparou com Jesus Cristo, ao falar de sua popularidade. "Tenho uma história pública conhecida. Só ganha de mim aqui no Brasil Jesus Cristo. Pensa um cara conhecido e marcado neste país", afirmou. Por fim, o petista fez uma espécie de desafio: "Eu tenho convicção que quem mentiu [em referência a setores da imprensa e MP] está em uma enrascada", disse. E emendou: "A história mal começou. Alguns pensam que ela terminou. E eu vou viver muito. Estou com 70 anos, com vontade de viver mais 20". 
 
No evento, o ex-presidente foi saudado com gritos de "Lula, guerreiro do povo brasileiro” e “Facistas não passarão" e fez sua defesa cercado por senadores petistas, como Gleisi Hoffmann, Lindbergh Farias e Humberto Costa, além de outras lideranças do partido como o ex-ministro Jaques Wagner.
 
Veja aqui em vídeo a íntegra do evento com Lula divulgado pelo PT.
 

Candidatos da Capital arrecadam R$ 1,9 milhão, mas gastam R$ 4 milhões

Gasto é de 106,54% acima das doações de campanha

A segunda parcial na prestação de contas das eleições de 2016 revelou que os candidatos à Prefeitura de Campo Grande já gastaram 106,54% a mais do que receberam em doações. Os dados foram divulgados pelo TSE (Tribunal Superior Eleitoral) nesta quinta-feira (15). Juntos, eles arrecadaram R$ 1.947.186,01, mas gastaram R$ 4.021.820,42.

Na liderança das arrecadações, Rose Modesto declarou ter recebido R$ 1.348.666,16, sendo a maior doação de Janete Morais, que é membro do PTB e repassou R$ 405 mil à candidata, além de outras quantias de empresários e servidores do governo. Em despesas, Rose declarou ter gasto R$ 2.433.102,32 entre produtora e impressões. As mesmas quantias declaradas como pagas a funcionários de campanha são declaradas como doações à candidata.

Marquinhos Trad (PSD) registrou receitas de R$ 210 mil, sendo R$ 200 mil da direção estadual do partido e um cheque de R$ 10 mil de José Carlos Chinaglia. O candidato já gastou R$ 805.839,96 na campanha entre produtora, impressão e advogados.

Marcelo Bluma (PV) R$ 111 mil de receitas, sendo R$ 75 mil da direção nacional e R$ 36 mil do próprio candidato. Foram declarados R$ 34.118,31 em despesas com gráfica e repasse a candidatos a vereador.

O atual prefeito Alcides Bernal (PP) declarou R$ 87.019,85, sendo R$ 22 mil dele mesmo. O secretário de Administração Ricardo Ballock doou R$ 5 mil, em uma lista de receitas composta majoritariamente por servidores públicos comissionados, alguns que se licenciaram para campanha. Entre eles, os secretários Dirceu Peters, Elídio Pinheiro, Luidson Noleto, Odimar Marcon e outros assessores. Até o momento, Bernal declara gastos de R$ R$ 319.965,30.

Coronel David (PSC) declarou ter recebido R$ 82,5 mil, sendo R$ 35 mil dele mesmo e R$ 30 mil de Marcos Antonio David dos Santos. Foram gastos R$ 78.973,00 entre publicações e gravações.

Athayde Nery (PPS) declarou R$ 72.400,00 sendo R$ 50 mil da direção nacional e R$ 8,4 mil dele mesmo. As despesas do candidato somam R$ 159.877,79, entre repasses a candidatos a vereadores e gastos com gravações e impressões.

Alex do PT tem R$ 21,1 mil em receitas, sendo R$ 5 mil dele mesmo e outras doações de membros da campanha. Despesas somam R$ 182.268,00.

Pedrossian Filho (PMB) recebeu R$ 12.150,00, sendo R$ 5 mil do pai, Pedro Pedrossian e outros R$ 5 mil de Claudimeire Nogueira Vieira, além de declarar R$ 6.160 com despesas. Suél Ferranti (PSTU) recebeu R$ 1.350,0, sendo R$ 500,00 de assessora e R$ 350 dele mesmo.  Foram gastos até o momento R$ 1.253,04.

Adalton Garcia (PRTB) declarou R$ 1 mil, dinheiro que ele mesmo doou para a campanha. Gastos somam R$ 960 em posto de combustível e material impresso.

Arce (PCO), Aroldo Figueiró (PTN), Elizeu Amarilha (PSDC), Lauro Davi (PROS) e Rosana Santos (Psol) não declararam receitas ou despesas. 

 

Montagner morreu por asfixia mecânica por afogamento, diz IML

Ator foi arrastado por correnteza no Rio São Francisco.
Corpo foi localizado a 18 metros de profundidade.

IML de Aracaju informa que necropsia em corpo de ator foi realizada  (Foto: Priscilla Bitencourt/TV Sergipe)

O diretor do Instituto Médico Legal (IML) de Sergipe, José Aparecido Cardoso, informou por volta das 3h da madrugada desta sexta-feira (16) que o resultado da necropsia realizada no corpo de Domingos Montagner apontou que o ator morreu por afogamento. “Nós encontramos algumas lesões superficiais e a causa da morte foi constatada por afogamento”, afirmou. O corpo foi encontrado a 18 metros de profundidade e a 320 metros da prainha de Canindé do São Francisco, onde ele foi visto pela última vez

Segundo o diretor do IML, será emitida uma declaração de óbito atestando asfixia mecânica por afogamento. O IML aguarda o comparecimento de alguém da família ou algum responsável para fazer a liberação do corpo. Por regra só é possível fazer esse procedimento com grau de parentesco de pai, mãe, filho, esposa, irmão ou por uma pessoa que tenha procuração assinada por alguns desses parentes.

Domingos Montagner, o Santo de "Velho Chico", da TV Globo, morreu nesta quinta (15) após ser arrastado pela correnteza do Rio São Francisco.

Ele gravou cenas da novela na parte da manhã. Após o término da gravação, o ator almoçou e, em seguida, foi tomar um banho de rio. Durante o mergulho, não voltou à superfície. Camila Pitanga, que estava no local, avisou à produção, que iniciou imediatamente a procura pelo ator.

A atriz descreveu o acidente para a polícia. Segundo ela, os dois foram até uma pedra e mergulharam no rio. Depois, ela notou que havia muita correnteza e avisou Domingos. Eles nadaram de volta para a pedra, Camila chegou primeiro e tentou duas vezes segurar na mão do ator. Mas a correnteza o arrastou.

Equipes de buscas estão trabalhando no rio São Francisco (Foto: Helcio Eduardo Lima Gomes)Equipes de buscas trabalharam em vários potos do São Francisco (Foto: Helcio Eduardo Lima Gomes)

 


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

INDIOS

MS concentra 26% dos assassinatos de índios em todo o País, mostra relatório

Dados divulgados pelo Cimi nesta quinta-feira

Mato Grosso do Sul concentra 26% dos assassinatos contra os povos indígenas Das 137 mortes registradas em 2015, 36 aconteceram no Estado. Quando se trata de tentativa de homicídio, MS é destaque mais uma vez, registrando 38,7% das intenções de morte contra índios no Brasil. Os números podem ser maiores, já que a Sesai (Secretaria Especial de Saúde Indígena) reconhece que as informações fornecidas ao Cimi (Conselho Indigenista Missionário) são defasadas.

Os dados foram divulgados nesta quinta-feira (15) em Brasília. As informações repassadas ao Cimi pelo Dsei-MS (Distrito Sanitário Especial Indígena), dão conta que 96% das vítimas eram do sexo masculino, 33% tinham entre 10 e 19, 36% tinham entre 20 e 29 anos, 16%, entre 30 e 39 anos e 15% estavam acima de 40. Dourados, distante 230 quilômetros de Campo Grande, continua como o município com o maior número de mortes violentas de índios em Mato Grosso do Sul.

De 2003 a 2015, 891 indígenas foram assassinados no Brasil, o relatório porém dá ênfase ao número pertencente a Mato Grosso do Sul. Do total da série, o estado é responsável por 47% dos casos. Veja a tabela.

Segundo a organização, os dados de 2015 evidenciam a permanência do quadro de omissão dos poderes públicos em relação aos direitos dos povos indígenas, especialmente em relação ao direito à terra, o que impacta drasticamente no direito deles viverem de acordo com o seu modo tradicional, ambos reconhecidos e garantidos pela Constituição Federal.

De acordo com o Cimi, há um agravamento do número ataques milicianos contra os acampamentos das comunidades Guarani e Kaiowá no Mato Grosso do Sul. “Até mesmo inaceitáveis práticas de tortura com requintes de crueldade, como a quebra de tornozelos de anciãos, foram realizadas. Neste caso específico, em outubro, no tekoha Mbaracay, município de Amambai, após um desproporcional ataque com armas de fogo”, informa o Cimi ao lançar o relatório.

Registros feitos pelo Cimi

O próprio Cimi registrou, em 2015, 52 casos de violência com 54 vítimas de assassinatos. Desta soma, 20 foram registrados em Mato Grosso do Sul. Neste triste ranking, o estado fica bem a frente de Tocantins, que tem o segundo maior número, com 6 mortes. As informações. O levantamento dos dados foi feito pelas 11 regionais do Cimi no Brasil e através de outros meios de comunicação.

De acordo com as informações coletadas, “das 54 vítimas, oito eram do sexo feminino e tinham idades entre 9 e 82 anos. Uma criança do sexo feminino, de 9 anos, está entre as vítimas. As outras 46 pessoas eram do sexo masculino e tinham idade entre 2 e 75 anos. Do total de vítimas, incluindo homens e mulheres, nove eram menores e tinham entre 2 e 17 anos”.

Conforme o relatório, pelo menos 15 mortes ocorreram em decorrência de brigas ou consumo de álcool. Conflitos fundiários foram a causa de cinco casos. O relatório aponta que 21 indígenas morreram por armas brancas e 15 por armas de fogo.

O Cimi afirma no relatório que há “omissão” dos órgãos estaduais e federais, em relação aos conflitos fundiários. “Os órgãos estaduais e federais são omissos e coniventes diante dos crimes praticados contra os povos indígenas e o meio ambiente. A promiscuidade existente entre madeireiros e autoridades locais incentiva a exploração ilegal da madeira, um crime lucrativo”, diz trecho do relatório.

Suicídios

Dentre as notificações de suicídio, mais uma vez, Mato Grosso do Sul fica em evidência no relatório do Cimi. Dos 87 atos de atentado a própria vida, 45 foram registrados no estado. Segundo os dados repassados pela Sesai e pelo Dsei-MS, 73% das vítimas eram do sexo masculino e 27% entre o sexo feminino. A faixa etária com maior número de casos é a dos 15 aos 19 anos (37%), seguido de casos na faixa de 10 a 14 anos (24%) e 20 a 29 anos (22%). O maior número de casos se deu no município de Amambai (37%). 

A tabela ao lado mostra a distribuição dos suicídios entre as regiões do Brasil.

Outras formas de violência

O relatório ainda aborda outras formas de violência como homicídio culposo, lesões corporais, abuso de poder, racismo e discriminação étnico cultural e violência sexual. Das violências decorrentes de omissões, como o suicídio, o relatório contempla tópicos como desassistência na área de saúde, mortalidade infantil, disseminação de bebida alcoólica e outras drogas e desassistência na área de educação escolar indígena.


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

ELEIÇÃO

Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

MORTE PREMATURA

Domingos Montagner, de 'Velho Chico', morre aos 54 anos

Ator paulistano morreu nesta quinta-feira (15) em Sergipe. Ele estava acompanhado de Camila Pitanga quando foi tomar banho de rio.

Domingos Montagner como o personagem Santo, da novela 'Velho Chico' (Foto: Pedro Curi/TV Globo)

O ator Domingos Montagner, o Santo da novela "Velho Chico", da TV Globo, morreu nesta quinta-feira (15). Ele gravou cenas de "Velho Chico" na parte da manhã, em Alagoas. Após o término da gravação, ele almoçou e, em seguida, foi tomar um banho de rio.

Durante o mergulho, não voltou à superfície. A atriz Camila Pitanga, que estava no local, avisou à produção, que iniciou imediatamente as buscas pelo ator. Helicópteros do Grupamento Tático Aéreo, Policia Militar, Corpo de Bombeiros e pescadores da região ajudaram nas buscas.

Nesta semana, a novela também teve cenas gravadas em Piranhas (AL).

Paulistano, Montagner tinha 54 anos. Ele começou sua carreira artística trabalhando no teatro e em circos. Ele atuou em treze programas de TV, entre séries e novelas, além de nove filmes. Alguns papéis de destaque foram o Capitão Herculano Araújo de "Cordel Encatado" (2011) e o presidente Paulo Ventura de "O brado retumbante" (2012).

Ele também chamou atenção como o Zyah de "Salve Jorge" (2012) e João Miguel de "Sete Vidas (2015). O ator estava no ar como o Santo de "Velho Chico" (2016).

Montagner conta, em seu site oficial, que iniciou sua carreira no teatro, através do curso de interpretação de Myriam Muniz, e no Circo Escola Picadeiro.

Em 1997, formou o Grupo La Mínima, com Fernando Sampaio. A Noite dos Palhaços Mudos, de 2008, lhe rendeu o Prêmio Shell de Melhor Ator. Em 2003, criou o Circo Zanni, do qual foi diretor artístico.

O primeiro papel na TV foi no seriado "Mothern" (2006), do GNT, canal da TV por assinatura. A estreia na Globo foi também em seriados: "Força Tarefa", "A Cura" e "Divã". A primeira novela, "Cordel Encantado", foi em 2011. No ano seguinte, estreou no cinema, com uma participação no longa "Gonzaga - de Pai Pra Filho", de Breno Silveira.

Veja a lista com os principais filmes, novelas e seriados da carreira de Domingos Montagner

TV
“Mothern” (2008)
“Força tarefa” (2010)
“A cura” (2010)
“Divã” (2011)
“Cordel encantado” (2011)
“O brado retumbante” (2012)
“Salve Jorge” (2012)
“Joia rara” (2013)
“Sete vidas” (2015)
“Romance policial – Espinosa” (2015)
“Velho Chico” (2016)

Cinema
“Gonzaga, de pai para filho” (2012)
“A grande vitória” (2014)
“Através da sombra” (2015)
“De onde eu te vejo” (2016)
“Vidas partidas” (2016)
“Um namorado para minha mulher” (2016)

Domingos Montagner como o personagem Santo, da novela 'Velho Chico' (Foto: Caiuá Franco/TV Globo)


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

QUE PENA

Domingos Montagner: Veja repercussão da morte do ator

Luciano Huck, Angélica, atores e artistas lamentaram falecimento. Corpo do ator foi encontrado após mergulho no Rio São Francisco.

Domingos Montagner como o personagem Zyah, da novela 'Salve Jorge' (Foto: Alex Carvalho/TV Globo)

Atores e artistas lamentaram a morte de Domingos Montagner nesta quinta-feira (15). O ator morreu após um mergulho no Rio São Francisco, na região de Canindé de São Francisco (SE). Seu corpo foi localizado preso às pedras, a 30 metros de profundidade, perto da Usina de Xingó.

Paulistano, Montagner começou sua carreira artística trabalhando no teatro e em circos. Ele atuou em 13 programas de TV, entre séries e novelas, além de nove filmes. Alguns papéis de destaque foram o Capitão Herculano Araújo de "Cordel Encatado" (2011) e o presidente Paulo Ventura de "O brado retumbante" (2012).

Ele também chamou atenção como o Zyah de "Salve Jorge" (2012) e João Miguel de "Sete Vidas (2015). O ator estava no ar como o Santo de "Velho Chico" (2016).

Veja a repercussão da morte de Domingos Montagner:

Luciano Huck, apresentador, no Instagram:
"Muito muito muito muito triste. Despejo todo meu carinho na esposa, crianças e família. Meu apoio aos colegas que estão vivendo esta tragédia de tão perto. Que rasteira do destino. Inacreditável"

Angélica, apresentadora, no Instagram:
"Não posso acreditar! Um ator, um ser humano incrível... que Deus dê Luz e paz pra familia"

Lília Cabral, atriz, na GloboNews:
"Eu só consigo imaginar que isso é uma tragédia que nós jamais vamos consegur esquecer. Ele é uma unanimidade, uma pessoa adorável, um ator fantástico, um profissional incrível"

Fátima Bernardes, jornalista e apresentadora, no Instagram:
"Só tristeza! Duro de acreditar que Domingos Montagner não está mais entre nós. Toda minha solidariedade à família desse cara simples, bacana, que conquistou esse país com seu talento"

Vera Holtz, atriz, na GloboNews:
"Foi uma tragédia. O corpo artístico sofre junto. Realmente ninguém consegue trabalhar. Entramos em estado de luto"

Corinthians, clube de esportes, no Twitter:
"Além de grande ator, era corinthiano e foi atleta de handebol do clube. Nossos sentimentos à família de Domingos Montagner. Descanse em paz"

Bruno Mazzeo, ator e humorista, no Twitter:
"Cara, que tristeza"

Fiuk, cantor e ator, no Twitter:
"Que momento difícil... Até agora tá difícil de acreditar que ele se foi... Que tristeza. Grande ator Domingos Montagner, descanse em paz"

Felipe Andreoli, jornalista, no Twitter:
"Triste demais essa historia do Domingos Montagner. Inacreditável. Nao tem palavras, explicação"

Gaby Amarantos, cantora, no Twitter:
"Siga em paz Domingos, que Jesus console sua família e que por sua arte seja lembrado para sempre! Tem coisas na vida que a gente não consegue entender pois elas pertencem a Deus"

Valesca Popozuda, funkeira, no Twitter:
"Que Deus conforme a família e amigos do Domingos Montagner! Que notícia triste"

Laerte Coutinho, quadrinista, no Twitter:
"Domingos Montagner morreu, acabo de saber. Querido. Foi Capitão dos Piratas, foi um dos Palhaços Mudos. Grandão. Querido"

Isabela Freitas, youtuber e escritora, no Twitter:
"Era ele mesmo... Confirmaram. Domingos Montagner, que você vá em paz, e muita força pra amigos e família. Doeu o coração o que aconteceu. O que me arrepia é que seu personagem também desaparece no Rio São Francisco. A nossa vida é mesmo muito frágil. Temos que viver mesmo como se cada dia fosse o último, porque realmente, pode ser"

Klara Castanho, atriz, no Twitter:
"Eu e o Domingos Montagner estreamos juntos em Mothern, ele foi meu pai, era palhaço de circo, brilhou aqui e agora ainda mais!"

Bruno Guedes, ator, no Twitter:
"Confirmaram a morte do ator Domingos Montagner. Grande perda pra Dramaturgia! Que Deus conforte a família e amigos"

Thiago Pasqualotto, blogueiro e roteirista, no Twitter:
"Que triste a confirmação da morte do Domingos Montagner. Um grande ator. Meus sentimentos aos familiares e amigos"

Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

SEMIU
Diversos

Domingos Montagner, de 'Velho Chico', desaparece após mergulho

Ator paulistano gravou cenas da novela nesta quinta-feira (15). Ele estava acompanhado de Camila Pitanga quando foi tomar banho de rio. 

Domingos Montagner como o Santo, da novela 'Velho Chico' (Foto: João Miguel Júnior/TV Globo)

Nesta quinta-feira (15), Domingos Montagner gravou cenas de "Velho Chico" na parte da manhã, em Canindé de São Francisco (SE). Após o término da gravação da novela da TV Globo, o ator paulistano almoçou e, em seguida, foi tomar um banho de rio.
Domingos Montagner e Camila Pitanga como os personagem
 Santo e Tereza, durante gravações 
de 'Velho Chico'
 (Foto: Caiuá Franco/TV Globo)

Durante o mergulho, ele não voltou à superfície.Camila Pitanga, que estava no local, avisou à produção, que iniciou imediatamente as buscas pelo ator.

Helicópteros do Grupamento Tático Aéreo, Polícia Militar, Corpo de Bombeiros e pescadores da região estão ajudando nas buscas, mas até o momento o ator continua desaparecido.

Nesta semana, a novela também teve cenas gravadas em Piranhas (AL).

Montagner tem 54 anos e começou sua carreira artística trabalhando no teatro e em circos. Além de "Velho Chico", ele já atuou em seriados como "Força Tarefa", seu primeiro papel na Globo, e "Cordel Encantado", sua estreia em novelas.
Buscas estão sendo realizadas no Rio São Francisco (Foto: Dênison Paiva)

Populares acompanham buscas por Domingos Montagner (Foto: Dênison Paiva)


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

FIQUE SABENDO
Diversos  15h53

Juiz e esposa são amarrados na própria casa e tem veículos e objetos roubados

Três homens armados invadiram a casa do juiz da Vara do Trabalho de Cassilândia, Marcelino Gonçalves, e amarraram ele e a esposa, por volta de 20h30 de quarta-feira (14). Os assaltantes roubaram dois carros, joias e uma pistola do magistrado.

O caso aconteceu em Cassilândia, distante 418 km de Campo Grande e até a manhã desta quinta-feira (15), nenhum suspeito foi preso.

Os homens renderam o casal dentro da casa e amarraram os dois enquanto roubavam. Outro assaltante ficou dentro de um carro, do lado de fora da residência, dando suporte durante o roubo.

Dois veículos do casal, sendo uma caminhonete Chevrolet S10 de cor prata e um HB20 de cor branca, ambos com placas de Cassilândia, foram levados no assalto, além de joias e uma pistola .40, uso exclusivo das forças armadas.

Segundo informações do site Chapadense News, a quadrilha fugiu em direção a Goiânia e a região está cercada pelas polícias Militar e Civil do município.

Campo Grande News

 

Conheça os alimentos capazes de amenizar os temidos sintomas da TPM

Alimentação pode ter grande influência na vida das mulheres durante o período menstrual -Foto: Agência Getty Images

a TPM, ou tensão pré-menstrual, pode atrapalhar muito a rotina de algumas mulheres e também das pessoas que as cercam nos dias que antecedem a menstruação. Cada uma reage de um jeito, mas os sintomas clássicos como dores, mau humor, irritação e inchaço atingem 80% das brasileiras, segundo o Ministério da Saúde. Mas passar por esse período não precisa ser tão difícil. De acordo com a nutricionista Marcela Mendes, a alimentação pode ser grande aliada e ajudar a amenizar os problemas relacionados à TPM.

"É através da alimentação que o corpo vai produzir as substâncias que fazem a mulher se sentir melhor (ou pior) nesses dias. A deficiência de certos nutrientes dá sinais que ficam mais claros no período pré-menstrual, por isso, ser adepta de um estilo de vida saudável e, sobretudo, ter uma alimentação balanceada, pode minimizar os seus efeitos adversos e tornar os sinais mais brandos", afirmou Marcela.

E a nutricionista listou cinco alimentos que devem ser usados como "melhores amigos" das mulheres durante o período menstrual. Confira abaixo:

Chocolate 70% de cacau: o chocolate ajuda a melhorar sintomas como cansaço, falta de ânimo e tristeza. Ao consumir chocolate, há a liberação de serotonina, hormônio responsável pela sensação de bem-estar. A recomendação diária para obter os benefícios é consumir 30 gramas diariamente.

Linhaça: pequena, mas poderosa, a semente de linhaça tem várias características interessantes. A primeira delas é ser uma das maiores fontes de ômega 3 e ser cheia de nutrientes, como fibras e outras substâncias que ajudam a diminuir o risco de doenças. Além disso, a semente tem em sua composição grandes quantidades de lignanas, um fitoestrógeno com ação similar ao estrógeno, que auxilia diretamente no combate aos sintomas da TPM. A indicação é consumir a linhaça durante as refeições ou em cápsulas.

Óleo de prímula: óleo de prímula combinado com borragem formam uma combinação que auxilia na produção de substâncias com efeito anti-inflamatório, necessário na formação de compostos que regulam os hormônios femininos. O óleo contribui ainda para diminuição da mastalgia (dor nas mamas) e pode ser encontrado em cápsulas.

Soja e derivados: por conter isoflavonas e estrutura química similar ao estrogênio (hormônio sexual feminino), a soja ajuda na prevenção e controle dos sintomas da TPM. Ela pode ser consumida de diversas formas: grãos, proteína texturizada, tofu, bebida de soja, farofas e cápsulas.

Chá de gengibre: tem propriedade anti-inflamatória, auxiliando na diminuição dos sintomas da cólica. A indicação é consumir o gengibre cortado em sopas, ensopados e sucos, ou mesmo fazendo chás.

 


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

VELHO CHICO
Diversos

Martim aparece em embarcação encantada

Encarnação vê barco passar e prevê que a hora de sua morte está chegando


Alma de Martim surge em embarcação fantasma (Foto: Inácio Moraes/ Gshow)

Depois de um embate com Carlos Eduardo (Marcelo Serrado), que atirou contra o fotojornalista,Martim (Lee Taylor) aparece no "gaiola encantado", embarcação fantasma que Encarnação(Selma Egrei) tanto espera passar pelas águas do rio São Francisco.

Encarnação é atraída pelos berros e enfrenta Piedade (Foto: Caiuá Franco/ Globo)Encarnação vê o "gaiola" passar nas águas do rio (Foto: Caiuá Franco/ Globo)

Sem entender ao certo o que aconteceu, o fotojornalista se vê rodeado de crianças e procura por sua câmera fotográfica. Da janela da fazenda dos de Sá Ribeiro, Encarnação vê o barco passar e se emociona ao prever que a hora de sua morte está chegando. "Ele veio... O "encantado" veio me buscar! Veio me levar para, teu lado, Inácio! Finalmente, meu Deus, finalmente vou descansar dessa vida!", diz a viúva ao prever que quem está lá dentro é seu filho mais velho, que morreu em um acidente há muitos anos. Não perca a cena que está prevista para ir ao ar a partir desta quinta-feira, 15/9. 

.

Martim volta a morar na fazenda (Foto: Caiuá Franco/TV Globo)

Segunda-feira, 15/8:

A morte do suspeito de atirar em Santo (Domingos Montagner) dentro da cadeia é investigada pelos peritos. Miguel (Gabriel Leone) tenta fazer com que Olívia (Giullia Buscacio) se anime. Luzia(Lucy Alves) se comove com o enteado. Beatriz (Dira Paes) repreende Martim (Lee Taylor) por tentar fazer com que Bento (Irandhior Santos) investigue o atentado contra Santo. Bento tenta convencer os cooperados a confiarem em Miguel. Martim enfrenta Carlos Eduardo (Marcelo Serrado). Sophie (Yara Charry) avisa a Miguel que voltará para Paris. Olívia flagra beijo de Lucas(Lucas Veloso) e Sophie. Martim volta para a fazenda e Afrânio (Antonio Fagundes) não gosta.

Terça-feira, 16/8:

Martim enfrenta o pai. Carlos critica o coronel por não fazer nada contra o filho. Martim dá um ultimato a Encarnação (Selma Egrei). Afrânio afirma ao genro que ele será o seu herdeiro.Piedade (Zezita Matos) e Tereza (Camila Pitanga) acreditam que Santo esteja vivo. Tereza e Zé Pirangueiro (José Dumont) saem em busca de Santo. Martim decide derrubar a parede que a avó mandou construir no quarto de Inácio. Iolanda (Christiane Torloni) conforta a sogra. Isabel (Rayza Alcântara) tenta convencer Sophie a ficar em Grotas.

Tereza conta com a ajuda da madrasta (Foto: TV Globo)Tereza acredita que Santo está vivo (Foto: TV Globo)


Quinta-feira, 18/8:

Miguel procura o apoio da mãe. Tereza se preocupa com o filho e Iolanda tenta acalmá-la. Tereza sonha com Santo. Lucas e Sophie passam a noite juntos. Encarnação pede a Martim para deixar de investigar os negócios do coronel. Martim e Carlos se enfrentam. Tereza se surpreende com Afrânio. Bento tenta impedir Luzia de ir embora de casa. Olívia conversa com Miguel.

Luzia abre o jogo com o cunhado e revela seu receio (Foto: TV Globo)Luzia abre o jogo com a família (Foto: TV Globo)

Sexta-feira, 19/8:

Luzia decide se abrir com a família. Tereza menospreza Carlos. Afrânio questiona se Iolanda está a seu lado. Sophie surpreende Lucas. Bento tenta convencer a mãe a perdoar Luzia. Miguel conta a Iolanda que está se entendendo com Olívia. Miguel e Bento tentam encontrar uma solução para a cooperativa. Tereza garante a Ceci (Luci Ferreira) que Santo está vivo. Santo chama por Tereza.

Sábado, 20/8:

Tereza tem delírios durante o sono e Iolanda e Martim se preocupam com seu estado. Bento fala com Beatriz sobre o projeto de Miguel para os cooperados. Martim implora a Ceci que ajude Tereza. O pajé se preocupa com Santo. Um médico cuida de Tereza. Afrânio culpa Carlos pelo estado de sua filha e o deputado se revolta. Tereza vai procurar Santo sozinha e vê um índio na margem do rio.

Crime de Carlos é descoberto

Funcionários da pousada onde Martim se hospedou acham fotos que incriminam o ex-deputado

Fotos de Carlos Eduardo são encontradas (Foto: TV Globo)

Martim (Lee Taylor) foi embora da pousada onde estava hospedado em uma cidade perto de Grotas. Isso porque ele descobriu os "podres" de Carlos Eduardo (Marcelo Serrado) e, na tentativa de não ser visto, foi embora às pressas. Na correria, deixou um cartão de memória com fotografias que incriminam o ex-deputado.

Pouco tempo depois, funcionários do local encontram o material e ficam incrédulos com as imagens. "Minha virgê santa... Mas esse aqui... Esse é aquele moço que veio atrás do quarto e fois'embora sem dizê nada", diz um dos funcionários ao ver a imagem do novo Saruê recebendo uma maleta de dinheiro de um empreiteiro.


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

LULA
Diversos

Lula chora em ato do PT e diz que se entrega a pé se provarem corrupção

Ex-presidente diz ter consciência tranquila sobre acusações do MPF.
Lava Jato diz que Lula era o 'comandante' de esquema de corrupção.

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva criticou, nesta quinta-feira (15), a denúncia do Ministério Público Federal, que o acusa de ser o "comandante máximo" da Lava Jato, além de ter recebido R$ 3,7 milhões em propina. "Provem uma corrupção minha que irei a pé para ser preso."

Em evento do diretório do PT em São Paulo, com a presença de várias lideranças políticas e de movimentos sociais, Lula voltou a negar irregularidades e afirmou que ganhou o direito de "andar de cabeça erguida" no país. Ele chegou a chorar em alguns momentos do discurso.

"Todas essas denúncias, tenho a consciência tranquila, e mantenho o bom humor, porque me conheço, sei de onde vim, sei para onde vou, sei quem me ajudou a chegar onde estou, sei quem quer que eu saia, sei quem quer que eu volte."

Lula disse falar como um "cidadão indignado", e não como político. "Nunca pensei em passar por isso." Para o ex-presidente, "construíram uma mentira" e agora é hora de "concluir a novela". "Vão agora dar o desfecho, acabar com a vida política do Lula. Não existe outra explicação para o espetáculo de pirotecnia que fizeram ontem [quarta]."

Para Lula, a lógica de coletivas de imprensa como a do MPF é dar manchete, "mostrar quem vamos demonizar. Isso acontece desde 2005". "O PT é tido como partido que tem que ser extirpado da política brasileira." Ele questionou como se convoca uma entrevista para apresentar a prova de um crime e diz: "Eu não tenho prova, mas tenho convicção". "Eu não posso dizer que convicção eu tenho deles."

O ex-presidente defendeu o fortalecimento do Ministério Público e da Polícia Federal, mas disse que é preciso ter responsabilidade. "Respeito as instituições e respeito as leis. Vou prestar quantos depoimentos quiserem. É só me chamar", afirmou.

"Quando eu transgredir a lei, me punam para servir de exemplo. Mas quando eu não transgredir, procurem outro para criar problema." O ex-presidente declarou ainda que "ninguém está acima da lei, nem um ex-presidente, nem um procurador da República, nem um ministro do Supremo Tribunal Federal".

Lula disse não tem espaço para ficar triste. Com lágrimas nos olhos, o ex-presidente afirmou que "sabe o que é, num domingo de chuva, com cinco irmãos, em São Bernardo do Campo, esperando a hora do almoço sem ter um bocado de feijão para colocar no fogo." Ele disse que vai continuar lutando. "Só Deus pode me fazer parar."

O ex-presidente afirmou que não irá perder o sono por causa das investigações. "A história mal começou. Alguns pensam que ela terminou. E eu vou viver muito. Estou com 70 anos, com vontade de viver mais 20."

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva chora durante entrevista coletiva sobre a denúncia do Ministério Público Federal contra ele e sua esposa Marisa Letícia por crimes de corrupção, em um hotel no centro de São Paulo (Foto: Nelson Antoine/FramePhoto/Estadão Conteúdo)O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva chora durante discurso sobre a denúncia do MPF contra ele e sua esposa Marisa Letícia por crimes de corrupção, em SP (Foto: Nelson Antoine/FramePhoto/Estadão Conteúdo)

Transparência
Lula disse que seu governo e de Dilma tomaram medidas para combater a corrupção, além do fortalecimento da PF e do MPF. "Criamos o portal da Transparência e a Lei de Acesso à Informação."

"Não é que somos mais honestos que ninguém, mas tiramos da sala o tapete que escondia a corrupção do país." Segundo Lula, "só tem um jeito de a pessoa não ser perseguida, é ser honesta".

Trajetória e ódio contra o PT
No início do discurso, Lula falou sobre a sua trajetória como sindicalista e sua entrada na política. "Tenho orgulho de ter criado o mais importante partido de esquerda da América Latina." Ele disse que chegou à Presidência com o objetivo de não errar.

"Não prometi o socialismo para ninguém, não prometi o fim da luta de classes, propus algo muito mais simples, que, se chegasse ao final do meu mandato, que cada brasileiro tivesse três refeições por dia", afirmou, destacando ter feito muito mais do que isso.

"Tenho consciência de que o meu fracasso teria agradado meus adversários, meu fracasso não teria despertado tanto ódio contra o PT. O que despertou ira foi o sucesso do governo, a maior política de inclusão social do país, a maior política de bancarização do país", disse.

Ele citou tentativas de golpe na história do Brasil, como as feitas contra os presidentes Getúlio Vargas e Juscelino Kubitschek, e disse que o mesmo aconteceu com ele e Dilma, que acabou tirada do cargo.

Segundo Lula, seus adversários "transformaram uma mentira em verdade" e aprovaram o impeachment de Dilma na Câmara, liderados "por um cidadão [Eduardo Cunha] que agora foi cassado". E o processo foi ao Senado.

O ex-presidente disse que achava que o Senado tinha "um nível superior". "E eis que o Senado se apequenou, repetindo a Câmara e aprovando a admissibilidade. [...] Eles conseguiram dar um golpe tranquilo e pacífico." Ele agradeceu aos parlamentares que votaram contra o impeachment.

Lula convidou os militantes a usar camisa vermelha, para demonstrar orgulho de integrar o PT. Ele pediu que não pensem que está desanimado ou sofrido. "Daqui para frente, cada petista nesse país tem que começar a andar de camisa vermelha. Quem não gostar, coloque de outra cor. Mas esse partido tem que ter orgulho, porque ninguém fez mais do que nós fizemos nesse país", disse.

Nota do PT
Antes da fala de Lula, o presidente do PT, Rui Falcão, leu uma nota de repúdio à denúncia apresentada contra o ex-presidente e sua mulher. O texto, que foi escrito pelo diretório nacional do PT, criticou a "criminalização" do PT e disse a peça acusatória não tem provas e foi politicamente orientada, desrespeitando direitos e garantias constitucionais.

"Ao denunciar, confessadamente sem provas, o ex-presidente Lula e sua esposa, Marisa Letícia, além de Paulo Okamoto e outros cidadãos, o chefe dos procuradores sediados em Curitiba torna cada vez mais evidente o envolvimento de seu grupo na tramoia que levou ao golpe contra a presidenta eleita democraticamente. E desmascara sua intenção cavilosa, persecutória e autoritária, de antecipar, à margem da lei, um julgamento sumário e condenatório dos que elegeu, seletivamente, como vítimas", diz o texto do PT.

A nota chamou a coletiva de imprensa do MPF de "grotesco espetáculo midiático" e disse que os procuradores viraram "porta-bandeira da mata antipetista". "Mancomunados para criminalizar nosso partido e animar a campanha midiática contra os governos liderados pelo PT, estes burocratas facciosos agora buscam concluir o trabalho sujo que lhes foi encomendado pelas forças reacionárias. Seu objetivo é retirar da cena política o principal líder do povo brasileiro e restringir os próximos processos eleitorais a um jogo controlado pelas oligarquias."

O evento reuniu o ex-ministro-chefe da Casa Civil Jacques Wagner, o senador Humberto Costa(PT-PE), a senadora Gleise Hoffmann (PT-PR), o presidente da CUT, Vagner Freitas, o deputado Vicentinho (PT-SP), o ex-senador Eduardo Suplicy (PT-SP), entre outras dezenas de lideranças do PT.

Representantes do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem-Terra (MST), como Guilherme Boulos, e da Central Única dos Trabalhadores (CUT) também marcam presença.

A denúncia
Na quarta-feira (14), o 
MPF denunciou Lula, a mulher dele, Marisa Letícia, e mais seis pessoasno âmbito da Operação Lava Jato. O procurador Deltan Dallagnol afirmou que, segundo provas do MPF, Lula era o "comandante máximo do esquema de corrupção identificado na Lava Jato". VEJA A ÍNTEGRA DA DENÚNCIA

A denúncia abrange três contratos da OAS com a Petrobras e diz que R$ 3,7 milhões em propinas foram pagas a Lula. Os crimes imputados aos denunciados são corrupção ativa, passiva e lavagem de dinheiro. A denúncia não significa que eles sejam culpados dos crimes de que são acusados. Cabe à Justiça acolher ou não as argumentações dos promotores. Se acolher, os denunciados se tornarão réus e serão julgados.

A força-tarefa da Lava Jato afirmou que deixou de denunciar Lula pelo crime de organização criminosa porque este fato está em apuração no Supremo Tribunal Federal (STF).

O MPF pede a indenização de R$ 87,6 milhões, que deveria ser paga pela OAS e também por Lula, além de R$ 58,4 milhões, a serem pagos por Léo Pinheiro, ex-presidente da OAS, e Agenor Franklin Magalhães Medeiros, ex-executivo da OAS.

A denúncia do MPF diz que todo o megaesquema envolve o valor de R$ 6,2 bilhões em propina, gerando à Petrobras um prejuízo estimado em R$ 42 bilhões.

Em nota, os advogados de Lula disseram que o ex-presidente e sua mulher "repudiam publica e veementemente a denúncia" do MPF, a qual chamaram de "peça de ficção" e de "truque de ilusionismo".

O texto, assinado por Cristiano Zanin Martins e Roberto Teixeira, diz que os procuradores não apresentaram provas concretas de que o casal tentou esconder a propriedade do imóvel e que os recursos usados pela empresa tiveram origem em desvios da Petrobras. Segundo eles, a coletiva de imprensa violou as garantias de dignidade da pessoa humana e da presunção da inocência. "O evento apresentou denúncia como uma condenação antecipada aos envolvidos", afirma a n

 


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

POLICIA
Diversos

Empresário tenta impedir furto e acaba morto a marretadas por bandidos em Ivinhema

Após ser morto, homem foi amarrado com uma corrente e arrastado para um quarto

Um empresário identificado como Carlos Mancuzo, foi morto com golpes de marrete na tarde de ontem (14), na oficina que era dono em Ivinhema. Ele tentou impedir um furto e acabou sendo morto pelos bandidos.

De acordo com informações do site Ivi Notícias, Carlos era dono de uma oficina na rua Antônio Caus. Ele estava chegando ao estabelecimento quando flagrou dois homens tentando furtar o local. Ele tentou impedir a ação, entrou em luta corporal com a dupla e acabou sendo morto com golpes de marrete.

Em seguida, os bandidos amarram a vítima com uma corrente e arrastaram para um quarto da oficina. O corpo foi encontrado por um irmão de Carlos.

Os suspeitos do crime já haviam furtado o local anteriormente. O caso está sendo investigado pela Polícia Civil. 

Presos agora terão que reformar delegacias em Mato Grosso do Sul

A primeira delegacia contemplada será a 4ª DP, localizada no Bairro Moreninha II

Será realizada nesta quinta-feira, às 8h30, no prédio da Governadoria de Mato Grosso do Sul, no Parque dos Poderes, a assinatura do convênio entre o Poder Judiciário de MS e o Governo do Estado dando início ao projeto “Mãos que Constroem” que fará uso da mão de obra prisional em reformas de delegacias. A primeira delegacia contemplada será a 4ª DP, localizada no Bairro Moreninha II, gerando aos cofres públicos uma economia de 75% do que se a reforma fosse feita via licitação.

A iniciativa tomou como base o projeto do Poder Judiciário de Mato Grosso do Sul, “Pintando e Revitalizando a Educação com Liberdade”, idealizado pelo juiz Albino Coimbra Neto, que de forma pioneira promove a reforma de escolas estaduais com a mão de obra e o dinheiro de presos e a economia já representa mais de R$ 2 milhões para os cofres públicos.

Desde o início do projeto, a administração do Tribunal de Justiça, por meio do Des. João Maria Lós, vem incentivando a ampliação do programa que torna eficiente o sistema semiaberto de MS. Destas tratativas surgiram o “Mãos que Constroem”. No entanto, desta vez o Estado arcará não apenas com a mão de obra, mas também com a compra de materiais. Mesmo assim o uso da força de trabalho prisional, a qual não está sujeita ao regime da Consolidação das Leis do Trabalho, e onde não há gasto com o pagamento da empresa vencedora da licitação, desonera o Estado sobremaneira quanto aos custos de uma obra, o que permite, além da própria ressocialização do detento, grande economia aos cofres públicos.

O contrato de prestação de serviço será firmado por intermédio da Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública e o Conselho da Comunidade de Campo Grande e prevê a contratação de 10 internos dos regimes aberto e semiaberto do sistema prisional da Capital, nas especialidades de pedreiro, pintor, eletricista, encanador e ajudante geral.

Custos – O valor orçado para a reforma da primeira delegacia é de R$ 123 mil, sendo que R$ 35 mil se referem ao pagamento da mão de obra carcerária e o restante a despesas administrativas, material de construção, ferramentas e equipamentos de segurança. Esta obra, no formato tradicional, não sairia por menos do que R$ 500 mil.

Promotor de Justiça indicia três por ameaça a prefeito após atentado contra rádio

dete2Pedro Juan Caballero (PY) – Três pessoas são presas por atentado à emissora de radio na cidade de Pedro Juan Caballero na fronteira com Ponta Porã.

Os mesmo foram identificados como, Victoriana Benitez Ayala (56) em cujo nome foi cadastrado o chips, mas a mesma manifestou desconhecer o fato de ameaça e atentado contra a emissora de radio já que e moradora de Cidade Del Leste no Paraguai e a simples vista e possível verificar que a mesma e inocente mas a justiça a indiciou por ameaça ao prefeito Jose Carlos Acevedo e ao seu irmão o senador Roberto Ramão Acevedo ambos do Partido Liberal, outras duas pessoas foram presos e identificados como, Mariela Rossani Arevalos (26), irmã do traficante Walter Arevalos que se encontra preso na Penitenciaria de Pedro Juan Caballero e condenado a 10 anos de prisão o mesmo e ex marido da brasileira Josiane Vanessa Zilio (32) executada a tiros na tarde de quarta feira (31) por volta das 12:34hs, quando a mesma chegava em sua residência na cidade de Pedro Juan Caballero, também foi preso o marido identificado como, Carlos Alberto Souza Cano (26) e indiciados pelo promotor de justiça Oscar Samuel Valdez.

Os agentes da Seção de Investigação de Delitos da Policia Paraguaia chegou aos três após uma rápida investigação, onde Victoriana Benitez, seria a única que teve seus documentos utilizados para a compra do chip de aparelho celular e utilizado para ameaçar o prefeito e sua família, as investigações seguem e nas próximas horas novas novidades devem surgir sobre o caso em que indivíduos membros do crime organizado jogaram bomba sobre a emissora de radio deixando a comunicadora Patricia Ayala e seu entrevistado Raimundo Fariña com ferimentos leves.

dete


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

VEM COMIGO
Computer Music

ZECA DO PT ESTARÁ EM AMAMBAI NO SABADO PELA MANMHÃ

Resultado de imagem para ZECA DO PT


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

DA HORA2
Diversos

FRONTEIRA| Pavão diz que Rafaat o visitou um mês antes de morrer; “era meu amigo”

Brasileiro negou plano para matar presidente, mas fez ameaças contra governo do país vizinho: se for extraditado, vai revelar provas contra alto comando do Paraguai 

Jarvis Gimenes Pavão durante entrevista a jornal do Paraguai (Foto: ABC Color)

O narcotraficante brasileiro Jarvis Gimenes Pavão, 48, disse que era amigo de Jorge Rafaat Toumani e negou que tenha mandado executar o concorrente criminoso. Disse que um mês antes de morrer, Rafaat o visitou em sua cela vip na penitenciária de Tacumbú, em Assunção, onde Pavão estava até o dia 26 de julho deste ano, quando foi levado para o quartel do grupo especializado da Polícia Nacional.

Criminoso mais temido atualmente no Paraguai e apontado como o causador da guerra que acontece atualmente na fronteira seca de Pedro Juan Caballero com Ponta Porã (a 323 km de Campo Grande), Jarvis Pavão concedeu entrevista exclusiva ao jornal ABC Color, o mais influente do país vizinho. A entrevista foi autorizada pela Justiça paraguaia.

Acompanhado de sete advogados, Pavão conversou ontem por duas horas com dois repórteres do diário de Assunção e gravou entrevista para a rádio ABC Cardinal. O material foi divulgado nesta quinta-feira (15) na versão impressa do jornal e na emissora de rádio.

Hoje faz três meses que Jorge Rafaat foi executado a tiros de metralhadora calibre 50 na área central de Pedro Juan Caballero. Pavão foi acusado pela polícia paraguaia de ordenar a morte. O carioca Sérgio Lima dos Santos, 34, está preso em Assunção acusado de manusear a arma antiaérea usada para matar Rafaat.

“Ele [Rafaat] era meu amigo. Eu me coloquei contra a espada para defendê-lo em outras ocasiões que são irrelevantes agora. E se a sua família é sincera de coração, sabe que eu era amigo dele e nunca fiz nada contra ele. Seu filho e meu filho têm negócio juntos. Se sua senhora, que eu não conheço, e alguns funcionários, se são sinceros, sabem toda a verdade, que não tenho nada a ver com isso”, afirmou Pavão sobre a morte de Jorge Rafaat.

Galã 

Perguntado se conhecia o brasileiro Elton Leonel Rumich da Silva, 32, o “Galã”, membro do PCC (Primeiro Comando da Capital) e apontado como um dos responsáveis pelo atentado a Rafaat e que teria se refugiado na Bolívia, Pavão afirmou ser responsável apenas por ele mesmo.

“Eu não posso responder por qualquer um. Não posso responder para Galã, por Juan, por Pedro, por Mario. Eu nunca mais falei com Galã. Não sei, na realidade, o que aconteceu com o senhor Jorge. O que eu sei é que Rafaat tinha muitos problemas com várias pessoas, sua família mesmo sabe. Um mês antes de sua morte veio a mim, como sempre, tomamos um café”, declarou traficante brasileiro.
Pavão negou ter ordenado atentado contra presidente, mas faz ameaças ao governo (Foto: ABC Color)

Ameaças ao governo 

Na entrevista ao ABC Color, Jarvis Pavão e seus advogados mandaram um recado ao governo paraguaio: se ele for extraditado para o Brasil, vai revelar informações comprometedoras contra mandatários daquele país. Afirmam terem documentos comprovando o desvio de dinheiro destinado à FTC (Força Tarefa Conjunta), grupo criado para combater o EPP (Exército do Povo Paraguaio), grupo terrorista presente no estado de San Pedro.

Pavão revelou que, a pedido do governo paraguaio, ele negociou e pagou pela libertação do adolescente Arlan Fick Bremm, 17, filho dos brasileiros Alcido e Melania Fick Bremm. O rapaz passou 267 dias em poder EPP e foi libertado em dezembro de 2014. Acreditava-se que a família tivesse feito o pagamento, mas Pavão disse que foi ele.

O brasileiro contou que negociou a libertação de Arlan com um membro do grupo terrorista, na prisão de Tacumbú. Pavão disse que desembolsou quase todo o valor do resgate, de 500 mil dólares.

Presidente 

Jarvis Pavão negou que tivesse oferecido 5 milhões pela cabeça do presidente do Paraguai Horácio Cartes e afirmou estar “assustado” com a história.

"Eu nunca permitiria algo assim (tentativa de homicídio) contra o presidente ou com quem seja. Deus é testemunha número um de tudo isso”, afirmou.

“Isso está me assustando. Eu não sei o que está acontecendo, mas tenho a certeza que não vem do senhor Cartes. Deve ser de outro lugar, menos que o senhor Cartes”, disse Pavão sobre os boatos de que ele teria ordenado a morte do presidente.

A advogada Laura Casuso, que comanda a defesa de Pavão, disse que Cartes é um homem muito inteligente, que levando o país a um importante progresso econômico, “mas tem assessores ruins em torno dele que querem dirigir o país como uma tabacaria”.

Evangélico 

Jarvis Pavão encerra a entrevista com um pedido de desculpas aos paraguaios e diz que desde 1999 não se envolve mais com atividades ilícitas e que atualmente é religioso. Entre as obras que ele financiou no presídio de Tacumbú, onde vivia em um espaço luxuoso, Pavão mandou construir uma sala para os adventistas.

"Até 1999 ganhei o que eu queria no mundo em que eu vivia. Parei de fazer as coisas porque acreditava que estava bem e tinha o suficiente”, alegou. Indagado se fala do tráfico de cocaína, se recusou a responder diretamente: “fui condenado por tráfico no Brasil”.

Pedido de desculpas 

O brasileiro encerra a entrevista com um pedido de desculpas aos paraguaios: “O mais importante é que as pessoas que me conhecem sabem como eu sou, que tipo de pessoa eu sou. Quero aproveitar este momento para pedir desculpas ao povo paraguaio. Eu também sou paraguaio, tenho nove filhos paraguaios, minha família é toda de Belém. Quero pedir desculpas por esse transtorno, por esse desconforto, por todas essas notícias”.



Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

PROCURA-SE

Governo de MS ainda procura 2,2 mil servidores que podem ficar sem salários

Governador do Estado, Reinaldo Azambuja (PSDB), no lançamento do censo previdenciário. (Foto: Chico Ribeiro/Notícias MS).

O governo ainda procura 2,2 mil servidores estaduais que não realizaram o recadastramento no Censo Previdenciário e, por isto, poderão ter os salários bloqueados a partir de setembro. O aviso está no Diário Oficial do Estado desta quinta-feira (14) e informa que os funcionários ainda poderão se regularizar e reverter a situação.

Ao todo, foram convocados 36,8 mil ativos, 18,2 mil aposentados e 3,9 pensionistas. Os que fizeram o recadastramento somam 36,2 mil, 17,4 mil e 3,1 mil. Não informaram ao governo 539 servidores, 854 aposentados e 875 pensionistas.

Em agosto, o governo chamou 3,4 mil servidores que, até então, não haviam feito o recadastro. De lá para cá, 1,2 mil procuraram o governo e regularizaram a situação.

O Censo é nacional e todos os estados são obrigados a atualizar o cadastro. Em Mato Grosso do Sul, o último recadastramento foi feito em 2009. Confira aqui a lista dos que não realizaram o cadastro até agora.

Na edição de hoje, o Executivo Estadual também informa que os funcionários poderão regularizar o cadastro previdenciário, para restabelecer a remuneração ou pensão. Quem não resolver a situação após seis meses poderá ser desligado definitivamente da folha de pagamento do Estado. 

Para mais informações, o servidor ativo poderá entrar em contato com a Secretaria de Administração e Desburocratização (SAD), por meio dos telefones (67) 3318-1325 e (67) 3318-1309, e o aposentado ou pensionista com a AGEPREV, por meio do telefone (67) 3323.7356.

Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

DA HORA
Diversos

Adolescente morre e dois ficam feridos em acidente provocado por trator sem sinalização

Jovem morreu na hora 

Um adolescente de 17 anos morreu e duas pessoas ficaram feridas depois de um trator sem sinalização provocar um acidente que envolveu duas motocicletas na noite desta quarta-feira (14), na MS 276, na região do distrito de Lagoa Bonita.

Informações do Corpo de Bombeiros dão conta de que as duas motos, uma Honda Titan e uma Yamaha Lander, seguiam na rodovia com sentido a cidade de Dourados, quando foram surpreendidas por um trator sem sinalização que estava na via.

O condutor da Titan bateu na traseira do trator e o corpo do motociclista ficou enroscado no veículo. Familiares estiveram no local e disseram que o jovem tinha 17 anos. Ele estava sozinho e morreu no local.

Já o condutor e o garupa da Lander, identificados como Everton Vieira da Silva Santos e Alessandro Santana da Silva colidiram e foram arremessados para fora da pista. Eles foram socorridos com vida e encaminhados para o hospital de Dourados. 

Simted de Amambai reúne candidatos a prefeito no dia 20

Os candidatos responderão perguntas formuladas pela categoria dos profissionais na educação pública em Amambai

Informar os candidatos sobre a função do sindicato, saber o que pensam sobre os anseios da categoria e qual o plano de governo que estão propondo para a área da educação no município, são os objetivos do encontro promovido pelo Sindicato dos Trabalhadores em Educação Básica de Amambai (Simted) com os quatro candidatos a prefeito do município. 

O encontro vai acontecer na sede do Simted, no dia 20, terça-feira, às 19h30. Está confirmada a presença dos candidatos a prefeito Anilson Prego (PT), Dr. Bandeira (PSDB), Gilmar Vicentin (PDT) e Jaime Bambil (PMDB). 

Na ocasião, os candidatos responderão perguntas formuladas pela categoria. As perguntas estão sendo colhidas junto aos trabalhadores, nas escolas das redes estadual e municipal de ensino.  

Oportunidade

A direção do Simted ressalta a importância do encontro e convoca os profissionais da educação a elaborarem as perguntas e participarem do encontro. A diretoria do sindicato afirma também  que a reunião com os candidatos é a oportunidade que a categoria tem para expor suas reivindicações e comprometer os candidatos a terem a educação como prioridade nos seus planos de governo.   

A presidente do Simted, professora Olga Tobias Mariano, afirma que o sindicato está exercendo a sua função que é de informar e cobrar dos candidatos à aplicação de políticas públicas que garantam a valorização profissional e uma escola pública de qualidade. "Estamos colhendo perguntas junto aos profissionais da educação para serem feitas aos candidatos e saber o que pensam sobre o desenvolvimento da educação no município", destaca Olga.

Regras

Algumas regras foram estabelecidas pela direção do Simted e representantes das coligações partidárias, como a formação de uma comissão para decidir os casos omissos; a inscrição de no máximo 10 pessoas por coligação para participarem do eventom - as inscrições deverão ser encaminhadas até o dia 12 de setembro e, por último, que nenhuma manifestação, tanto oral como ilustrativa, deve ocorrer.

Blocos

Primeiro – Neste bloco cada candidato terá três minutos para expor seu plano;

Segundo – Os candidatos 

responderão as perguntas elaboras pela categoria, no máximo dez. Cada candidato terá dois minutos para respondê-las. Para encerrar o bloco, cada candidato terá três minutos para considerações.

Terceiro – Neste último bloco, cada candidato terá o tempo de cinco minutos para expressar as considerações finais. 

Fonte: Assessoria do Simted 

Amambai comemora 68 anos com programação cultural e esportiva

Resultado de imagem para BRASÃO DE AMAMBAI

Além de show cultural e 8° Edição do Festibai (Festival de Musica de Amambai), programação conta com bolo de aniversário de 68 metros e diversos eventos culturais, esportivos e artísticos

 

Amambai (MS) – Na quarta-feira (28), Amambai comemora 68 anos de emancipação político administrativa e a Prefeitura de Amambai presenteia a população amambaiense com agenda de eventos para comemorar essa data especial. Nesse ano, a data será comemorada no dia 26 de Setembro, devido decreto oficial emitido pelo Prefeito Municipal, Sergio Diozébio Barbosa.

A agenda de festividades inicia na sexta-feira (23), quando tem início a 8° edição do Festibai (Festival de Música de Amambai), maior vitrine de talentos da região sul do Mato Grosso do Sul, que segue até o dia 25 (Domingo). De acordo com a organização, o evento contará com a seguinte programação: 23 (Sexta-feira) – Semifinais do estilo Gospel; 24 (Sábado) - Semifinais do Estilo Livre; 25 (Domingo) – Grande Final.

Oportunidade de carreira profissional

Segundo Elton, Secretário Municipal de Desporte e Cultura, o Festibai é grande oportunidade para quem quer mostrar o seu talento e buscar espaço no meio artístico. "Como já é conhecido, o Festibai é a maior vitrine de talentos da fronteira do Estado e todos os anos reúne dezenas de participantes, nos mais variados estilos. Nós, da administração municipal, nos preocupamos em dar o respaldo para que esses talentos se desenvolvam, não só durante o concurso, mas também em busca da consolidação no mercado", falou o secretário.

O evento principal será realizado pela Prefeitura de Amambai no dia 26 de Setembro, a partir das 19 horas, na Rua Dom Pedro II, ao lado do Ginásio de Esportes Flávio Derzi e contará com shows da Banda Reise e das duplas Renato Reis e Renan e Bruno e Paulo Vitor, todos prata da casa mas com grande reconhecimento regional.

Bolo de aniversário terá 68 metros Às 17 horas do mesmo dia, acontecerá a partilha do tradicional bolo de aniversário do Município que, neste ano terá 68 metros de comprimento e será dividido entre a população presente, representando a idade da Cidade Crepúsculo.

"Será uma grande festa, com tudo o que a população merece. O bolo que preparamos, através da Associação Mãos que Produzem Arte vem para comemorar em grande estilo o aniversário da nossa amada Cidade Crepúsculo", enfatiza o Prefeito Sérgio Barbosa.

Confira abaixo a programação completa de aniversário:

23, 24 e 25 de Setembro - 8° Festibai,
23 - 19 horas Estilo Gospel
24 - 19 horas Estilo Livre
25 - 19 horas Grande Final

26 de Setembro

14 horas - Passeio Ciclístico com saida em frente a prefeitura
14 horas - Torneio de Skate na Pista Vagner Bampi Paixão
17 horas - Sorteio de prêmios aos participantes do passeio ciclístico
17 horas - Parabéns e bolo de 68 metros
19 horas - Show de aniversário com a Banda Reise, Renato Reis e Renan e Bruno e Paulo Vitor
00 horas - Queima de fogos

Resultado de imagem para BRASÃO DE AMAMBAI


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

VOCE É RESPONSAVEL
Diversos


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

DILMA
Diversos

Dilma diz que objetivo de denúncia é impedir candidatura de Lula em 2018

No Twitter, ex-presidente disse que denúncia é 'injustiça' que fere democracia. Para procuradores, Lula era 'comandante máximo do esquema de corrupção'.

ex-presidente Dilma Rousseff - Arquivo

A ex-presidente Dilma Rousseff afirmou na noite desta quarta-feira (14), em sua conta pessoal no Twitter, que a denúncia apresentada pelo Ministério Público Federal contra o também ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva tem o objetivo de impedir a candidatura do petista nas eleições presidenciais de 2018.

A denúncia, apresentada nesta quarta, abrange três contratos da OAS com a Petrobras e diz que R$ 3,7 milhões em propinas foram pagas a Lula. Os crimes imputados aos denunciados são corrupção ativa, passiva e lavagem de dinheiro. Caberá à Justiça decidir se eles se tornarão réus.

O procurador Deltan Dallagnol afirmou que, segundo provas do MPF, Lula era o "comandante máximo do esquema de corrupção identificado na Lava Jato" (VEJA A ÍNTEGRA DA DENÚNCIA).

"É lamentável que uma denúncia sem provas seja feita contra o presidente Lula e sua família. É evidente que esta denúncia atende ao objetivo daqueles que pretendem impedir sua candidatura em 2018", disse Dilma no Twitter.

"Mais uma vez, a democracia é ferida. Mais uma vez, grave injustiça é cometida sem fundamentos reais. Agora, o alvo é o ex-presidente Lula. Certamente, o ex-presidente saberá se defender e as pessoas de bem saberão reagir", concluiu a ex-presidente.

Além de Dilma, parlamentares e dirigentes do PT reagiram à denúncia e falaram em "perseguição política" a Lula (leia a repercussão).

Após os procuradores explicarem a denúncia, os advogados de Lula criticaram e afirmaram que o crime do petista "é ter sido presidente da República, eleito democraticamente por duas vezes”.

“Para sustentar o impossível, força-tarefa valeu-se de ilusionismo, promovendo improvável espetáculo judicial e midiático", disse o advogado Cristiano Zanin Martins (VEJA A ÍNTEGRA DA APRESENTAÇÃO DA DEFESA DE LULA).

Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

CAFE DA MANHÃ
Computer Music

Audiências para a Semana da Conciliação podem ser agendadas pela internet

Todas as varas e comarcas de Mato Grosso do Sul participam do projeto

Reprodução

Interessados em incluir seus processos na edição deste ano da Semana de Conciliação já podem fazer o agendamento on-line das audiências. Advogados podem fazer a inscrição para os clientes, defensores públicos para os assistidos ou as próprias partes podem fazer o cadastro.

O prazo segue até o dia 11 de novembro e a Semana da Conciliação acontece entre 21 e 25 do mesmo mês. Criada pelo CNJ (Conselho Nacional de Justiça), a ideia do projeto é resolver o maior número possível de ações judiciais por meio da conciliação e a ação acontece em todo o país, neste período.

Todas as varas e comarcas de Mato Grosso do Sul participam do programa.

Processos relacionados a divórcios, partilha de bens, pensão alimentícia, dívidas em bancos, pendências financeiras, problemas de condomínios ou com empresas de telefonia são alguns dos processos passíveis de conciliação. Casos envolvem crimes não podem entrar na Semana da Conciliação.

FRONTEIRA| Paraguai discute perdão a traficante brasileiro para acelerar extradição

Senador paraguaio admitiu que extradição para o Brasil pode ser uma saída para acabar com poder de Jarvis Pavão no país vizinho; brasileiro tem duas condenações no Brasil

Jarvis Pavão (à direita) ao lado de advogados durante audiência em Assunção (Foto: ABC Color)

Para se livrar do narcotraficante Jarvis Gimenes Pavão e da guerra que ele declarou para assumir o controle do crime organizado na fronteira, o Paraguai pensa até em perdoar os crimes do brasileiro naquele país e dessa forma acelerar sua extradição para o Brasil. A possibilidade foi admitida pelo senador paraguaio Eduardo Petta.

Preso desde 2010 em Assunção acusado de lavagem de dinheiro e tráfico, Jarvis Pavão foi condenado a oito anos de prisão e atualmente cumpre pena no quartel de um grupo especializado da Polícia Nacional após o governo paraguaio descobrir que ele vivia no luxo na penitenciária de Tacumbu.

No Brasil, Pavão está condenado a 17 anos de prisão por tráfico internacional de drogas em Santa Catarina, onde se instalou depois que deixou Ponta Porã, na década de 90, e de onde fugiu para se refugiar no Paraguai.

Desde o ano passado, a Justiça brasileira tenta extraditar Pavão para que ele cumpra sua pena no Brasil. O processo está em andamento na Suprema Corte paraguaia.

Rafaat apoiava extradição 

Recentemente , o presidente do Senado do Paraguai, Robert Acevedo, disse que o também narcotraficante Jorge Rafaat estaria apoiando a extradição de Pavão para o Brasil e que por isso o brasileiro teria ordenado a execução do concorrente, ocorrida em junho deste ano em Pedro Juan Caballero.

“Tem se falado em indulto, mas essa é uma atribuição exclusiva do presidente da República. Foi apenas uma hipótese, não é minha proposta”, afirmou Eduardo Petta. Há rumores no Paraguai de que Pavão teria oferecido 5 milhões de dólares pela morte do presidente Horácio Cartes ou um de seus familiares.

Petta disse que devido aos problemas que Pavão tem causado à República do Paraguai, o governo deveria se preocupar em fazer sua extradição imediatamente.

O senador afirmou que existe possibilidade até mesmo de o traficante brasileiro forçar outro processo para se tornar réu naquele país e dificultar ainda mais a extradição. Até agora, três meses após a morte de Rafaat, Pavão ainda não foi acusado formalmente pelo crime.

Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

 


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

DA TARDE 2
Diversos

Resultado de imagem para CHARGE DE TARTARUGA

TAPA BURACOS AMAMBAI- CORONEL SAPUCAIA

Passados nove meses, estragos das chuvas permanecem nas rodovias do sul de MS

Três importantes estradas da região sul continuam com erosões

 

Nove meses passaram e os estragos causados pelas chuvas em rodovias estaduais permanecem. O Correio do Estado percorreu parte da região sul do Estado que foi vítima de danos decorrentes das fortes chuvas no final do ano passado. Estranho foi verificar que pouca coisa mudou. 

A MS-180, que a liga as cidades de Iguatemi e Juti, por exemplo, não teve nenhuma intervenção aparente e erosão engole praticamente as duas pistas junto ao Km 75. Também em estado precário estão as rodovias MS-156, entre Caarapó e Amambai e a  MS-295, em trecho entre Paranhos e Iguatemi. 

Viajar pelos 95 km da MS-180 coloca a vida de quem transita por lá em risco. A obra foi aprovado em maio de 2010, com valor de US$ 375 milhões, sendo US$ 75 milhões de contrapartida do governo estadual. O problema mais grave desta rodovia está no quilômetro 75. 


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

Horário de verão entrará em vigor no próximo mês

O horário foi instituído pela primeira vez no Brasil através do Decreto Lei nº 20.466, em outubro de 1931, visando a economia de energia

No próximo mês os brasileiros terão que adiantar 1 hora nos relógios onde o Horário de Verão é aplicado. A medida foi instituída pela primeira vez no Brasil através do Decreto de Lei nº 20.466, de 1 de Outubro de 1931, estipulando o adiantamento do relógio em uma hora em todos os estados do território brasileiro. Atualmente, os estados da região Norte e Nordeste não participam do Horário de Verão.

Os relógios deverão sofrer alterações a partir da zero hora do dia 16 de outubro, devendo ser adiantados em 1 hora nos estados em que o Horário de Verão é válido. O encerramento do novo horário será na terceira semana do mês de fevereiro de 2017.

Veja quais são os estados onde é aplicado o horário:

• São Paulo

• Rio de Janeiro

• Espírito Santo

• Minas Gerais

• Paraná

• Santa Catarina

• Rio Grande do Sul

• Goiás

• Mato Grosso

• Mato Grosso do Sul

• Distrito Federal

Atualmente o horário de verão é aplicado em 30 países. A grande exceção são os países localizados na faixa equatorial, onde não existem variações de estações e o clima mantêm-se o mesmo em quase todo o ano. O horário de verão é adotado nesta estação pelo fato de os dias serem mais longos, devido à posição da Terra em relação ao Sol. Isso faz com que as luzes sejam acendidas mais tarde, e faz dessa medida uma forma eficiente de se economizar energia.



Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)


Página selecionada de 1619 páginas.
Fotos

Nova pagina 2


Notícias

Sábado, janeiro 21
· SEM TOMAR BANHO
· PLANTÃO 2
· DA HORA 2
· MEGA
· DA TARDE
· DA MANHÃ
· DURMA BEM
· INDUSTRIA DA NULTA
· PLANTÃO
Sexta, janeiro 20
· RECEITA
· DESABAFO
· USA
·
· FIM DE TARDE
· INCENDIO
· BARRADO NO BAILE
· DA HORA
· AMAMBAI
· COBRAS
· PLAMTÃO
Quinta, janeiro 19
· CHUVAS
· CAI PODER DA FUNAI
· eleição
·
· MINISTRO MORRE EM QUEDA DE AVIÃO
· ACHADA MORTA
· TSE
· PRESOS
· DA MANHÃ
· DAYSE

 Calendario de Eventos
Janeiro 2017
1 2 3 4 5 6 7
8 9 10 11 12 13 14
15 16 17 18 19 20 21
22 23 24 25 26 27 28
29 30 31  

Eventos

 Hora Certa

 Amigos do Site!

Image and video hosting by TinyPic




RondPoint Web Services Web site powered by MEGAWEB