Warning: Cannot modify header information - headers already sent by (output started at /home/correiod/public_html/index.php:1) in /home/correiod/public_html/mainfile.php on line 168
=:Correio da Fronteira:=

 Menu
 Inicio
 Registro
 Administrador
 Menu
 Torpedos
 Downloads
 Enquete
 Galeria de Fotos
 Seus Links
 Recomende-nos
 Internet_TV
 Artigos
 Internet_Radio3
 Publicações
 Conteudos
 Album
 Estatística
 Fale Conosco

· Procurar

 Radio On
Ouça Agora:
Nenhuma opção foi escolhida



<a href=''>Play Nenhuma opção foi escolhida</a>

Abrir em janela pop-up

 Previsão

 Visitas
Até o momento, recebemos
12170161
vizualizações de páginas (page views) desde July 2007

 Apoios:




FRONTEIRA
Diversos

Candidato a prefeito de Foz é preso por associação criminosa, diz polícia

Túlio Bandeira (PROS) foi levado à 6ª Subdivisão Policial nesta quarta (14).
Mandado de prisão foi expedido pela Justiça Estadual de Mato Grosso.

Candidato do PTC, Tulio Bandeira, diz que povo está cansado dos políticos 'que estão aí' (Foto: Sérgio Tavares Filho/G1)

O candidato a prefeito de Foz do Iguaçu, no oeste do Paraná, Túlio Bandeira (PROS) foi preso temporariamente nesta quarta-feira (14). A suspeita é de associação criminosa, e o mandado foi expedido pela Justiça Estadual de Mato Grosso, de acordo com a Polícia Civil. Bandeira foi levado para a 6ª Subdivisão Policial.

A prisão é válida por cinco dias, podendo ser prorrogada ou transformada em preventiva. A assessoria de imprensa do candidato afirmou que deve divulgar uma nota oficial ainda nesta quarta-feira.

O delegado Waner dos Santos Neves, de Brasnorte (MT) - cidade onde foi expedido o mandado de prisão, informou que o candidato foi preso por associação criminosa com invasão de terras e extorsão. Ainda conforme o delegado, Túlio Bandeira estava retirando moradores assentados das propriedades.

Segundo a polícia, a prisão do candidato faz parte da segunda fase da Operação Deméter, que investiga 
ameaças a moradores e produtores rurais. A ação foi deflagrada, de acordo com a polícia, para desarticular um grupo criminoso considerado de alta periculosidade que agia em conflitos de terras. Outras duas pessoas também foram presas.

Esta é a primeira vez que Tulio Bandeira se candidata à Prefeitura de Foz do Iguaçu. Em 2002, foi candidato a deputado estadual. Em 2014, era um dos postulantes ao cargo de governador do Paraná. Bandeira tem 43 anos e é advogado, formado pela Faculdade de Direito de Curitiba.

 

 


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

ESTUPRADORES DEVERIAM SEREM CASTRADOS
Diversos

Tatuagens entregam e autor de estupro contra criança de 10 anos é preso

Teria abusado de outras crianças

Lauro foi preso - Foto: Maracaju Na Hora

Na terça-feira (13), Lauro dos Santos Duarte, de 33 anos, foi preso em Maracaju, cidade a 162 quilômetros de Campo Grande por estupro de vulnerável. Ele é acusado pela polícia de estuprar uma menina de 10 anos e tentar cometer o mesmo crime contra outras crianças.

Equipes do SIG (Setor de Investigações Gerais) fizeram a prisão de Lauro, que conforme o site Maracaju Na Hora, estuprou a criança de 10 anos e ainda tentou abusar de outra vítima no dia 16 de junho, no Bairro Fortaleza. No dia 30 de agosto, ele teria tentado abusar de uma criança de 12 anos, no Bairro BNH.
Tatuagens ajudaram vítimas a reconhecer o homem - Foto: Maracaju Na Hora

Durante as investigações, os policiais civis conseguiram informações que levaram até Lauro e, através de fotografias, ele foi reconhecido. As tatuagens ajudaram as crianças a reconhecerem o homem, então por meio do delegado foi decretada a prisão de Lauro. O mandado foi expedido pela 1ª Vara da Comarca de Maracaju e cumprida na terça-feira.

Após a prisão de Lauro, outra vítima o reconheceu na delegacia, também por tentativa de estupro ocorrida no dia 16 de junho, no Bairro Olídia Rocha. Segundo as vítimas, ele aproveitava quando os pais saíam e deixavam as crianças sozinhas e entrava nas casas, dizendo que faria algum serviço de conserto na residência.

Já na casa, ele abusava das crianças. Lauro também encontrava crianças na rua e as chamava para ver cachorros dentro de imóveis e construções e abusava das vítimas. As fotos de Lauro foram divulgadas para que, se alguma vítima o reconhecer, procurar a Delegacia de Polícia Civil de Maracaju ou ligar para (67) 3454-1972.



Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

DA TARDE
Diversos

Temer dá posse a Grace Mendonça no comando da AGU

Advogada-geral será única mulher no primeiro escalão do governo Temer. Servidora de carreira do órgão, ela substitui Fábio Medina Osório no cargo.

Reprodução

O presidente Michel Temer empossou nesta quarta-feira (14) a advogada Grace Mendonça no comando da Advocacia-Geral da União (AGU) em uma cerimônia no Palácio do Planalto. Servidora de carreira da AGU, Grace, 47 anos, é a primeira mulher a assumir efetivamente o comando da pasta e a única integrante do primeiro escalão do governo federal.

A nova chefe do órgão responsável pela defesa jurídica do Executivo federal substituiu o advogado Fábio Medina Osório, que foi demitido na semana passada após atritos com o ministro da Casa Civil, Eliseu Padilha, que o havia indicado para o comando da pasta.

O presidente da República disse em seu rápido discurso na cerimônia de posse que Grace está “à altura da responsabilidade e dos desafios inerentes à função que vai ocupar”.

Temer defendeu ainda a harmonia entre os poderes e disse que “muitas e muitas vezes nós perdemos o critério do institucional”. “Somos representantes do poder, não somos o poder”, destacou o peemedebista.

Além de Temer, prestigiaram a cerimônia integrantes do governo federal e os ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) Luís Roberto Barroso, Gilmar Mendes e Dias Toffoli.

'Coisa pública'

Em seu primeiro discurso após tomar posse, Grace ressaltou o papel da AGU na retomada de dinheiro público desviado ou indevidamente aplicado.

“Em defesa do erário, a Advocacia-Geral da União tem buscado evitar que recursos públicos sejam desviados, na certeza de que cada real mal aplicado resulta em prejuízo para a efetivação de políticas públicas”, declarou.

 "Em defesa do erário, a Advocacia-Geral da União tem buscado evitar que recursos públicos sejam desviados, na certeza de que cada real mal aplicado resulta em prejuízo para a efetivação de políticas públicas" Grace Mendonça, nova advogada-geral da União

Dirigindo-se a Temer, a nova AGU frisou que o peemedebista poderia contar com o seu comprometimento. "Posso assegurar que o que tenho a oferecer é o meu trabalho e o meu comprometimento com a coisa pública."

Reprodução

Ao final do discurso, ela se emocionou e ficou com a voz embargada ao mencionar os pais, o marido e as filhas. Ao agradecer o apoio do marido, a advogada-geral citou trecho da música "Velha infância", do supergrupo musical Tribalistas. "Meu melhor amigo é meu amor", recitou Grace.

Ao discursar, Temer comentou o tom emocionado do discurso da nova AGU. “Ela [Grace] deu um exemplo de como deve ser o governo: emocionante e alegre. E as duas coisas se juntaram à informalidade para revelar um pouco da fisionomia do vosso governo”, enfatizou.

Perfil

Natural de Januária (MG), a nova advogada-geral da União ingressou na instituição em 2001. Até ser convidada por Temer para assumir o comando da pasta, ela exercia o cargo de secretária-geral de contencioso da AGU, sendo responsável por representar a União junto ao Supremo Tribunal Federal (STF). Ao longo dos 13 anos em que ficou à frente do posto, atuou em mais de 60 processos na Suprema Corte.

Na AGU, Grace Mendonça também exerceu os cargos de adjunta do advogado-geral da União e de coordenadora-geral do gabinete do advogado-geral da União. Ela chegou a ocupar o cargo de advogada-geral da União interinamente.

A nova advogada-geral foi professora titular de direito constitucional, processual civil e administrativo na Universidade Católica de Brasília entre 2002 e 2015. Ela ocupou ainda os cargos de assessora do subprocurador-geral da República (1995 a 2001) e de advogada da Companhia Imobiliária de Brasília (Terracap) (1992 a 1995).

Governo não é 'idiota' de restringir direitos trabalhistas, diz Michel Temer

Presidente afirmou que vai combater boatos sobre propostas do governo. Temer disse que mudanças na jornada de trabalho ainda estão em debate.

presidente Michel Temer - Reprodução/GloboNews

O presidente Michel Temer negou nesta quarta-feira (14) que seu governo tenha como “objetivo central destruir a saúde, a educação e o direito dos trabalhadores”. Ele afirmou que mudanças na jornada de trabalho ainda estão em discussão e falou em combater versões divulgadas em redes sociais.

"Não é o que se alardeia, não é o que se divulga. Então se deixa de reproduzir a verdade dos fatos, e isso cria problemas para nós. Porque, convenhamos, é muito desagradável imaginar que um governo seja tão estupidificado, tão idiota, que chega ao poder para restringir o direito de trabalhadores, acabar com saúde e acabar com a educação", afirmou o presidente.

"As redes sociais têm um poder extraordinário. É preciso combatê-los [os boatos], e eu vou combatê-los", disse. Ele "convocou" deputados e senadores da base do governo para que "contestem aqueles que queiram vilipendiar os fatos".

Temer citou a polêmica envolvendo as declarações do ministro do Trabalho, Ronaldo Nogueira, que falou emoficializar uma carga horária diária de até 12 horas de trabalho, limitada a 48 horas semanais. Atualmente, a jornada é de oito horas por dia, na maioria dos casos. Para Temer, a proposta “bombou” nas redes sociais de forma equivocada.

Segundo o presidente, a ampliação da carga horária de trabalho deve passar pela aprovação de uma convenção coletiva, com representantes do governo, patrões e trabalhadores. Sem dar detalhes, ele citou a possibilidade de redução do número de dias trabalhados.

“Quem sabe o trabalhador passe a trabalhar apenas quatro dias por semana e folgar três dias. Ou se quiser, pode trabalhar esses outros dias da maneira como bem entenda”, disse Temer no Palácio do Planalto, logo após cerimônia ao lado do ministro da Saúde, Ricardo Barros, sobre liberação de R$ 1 bilhão para a saúde. Pouco depois, ele participou da posse da nova advogada-geral da União, Grace Mendonça.

Proposta do ministro

As declarações do ministro do Trabalho sobre a possível mudança de carga horária foram dadas na última quinta-feira (8) em encontro com sindicalistas. De acordo com Ronaldo Nogueira, a proposta de reforma trabalhista deveria prever a negociação, em convenção coletiva, da jornada semanal. Com isso, o governo esperar conferir segurança jurídica para acordos entre patrões e empregados.

"Nós vamos ter dois outros tipos de contrato. Por jornada [modelo atual], por hora trabalhada e por produtividade", disse o ministro durante reunião da Central dos Sindicatos Brasileiros, em Brasília.

A ideia seria regulamentar a jornada exercida atualmente por categorias profissionais que preferem trabalhar 12 horas seguidas para descansar 36 horas.

"Tem trabalhador que prefere trabalhar um tempo a mais, uns minutos a mais diariamente, e folgar no sábado. [...] O freio será de 12 horas [de trabalho por dia], inclusive, com horas extras. Não estou falando de aumentar a jornada diária para 12 horas. A convenção coletiva vai tratar como as 44 horas semanais serão feitas”, afirmou Nogueira.

Após as declarações, o Ministério do Trabalho divulgou uma nota negando que o governo vá propor a elevação da jornada de trabalho semanal ou da carga diária.

FGTS

Em vídeo publicado na manhã desta quarta-feira (14) no Twitter, o presidente disse que o governo não impedirá que o trabalhador saque seu saldo no Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) em caso de demissão.

"De vez em quando se divulgou que quem tivesse perdido seu emprego por despedida injusta não poderia sacar os valores do FGTS. Não é verdade. Este é o primeiro esclarecimento que quero fazer. Não há nenhum pensamento a respeito dessa matéria no governo, ou seja, o fundo de garantia continuará a exercer seu papel, como vem exercendo ao longo do tempo."

Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

CAMPANHA
Diversos

Fakes irrigam redes sociais com denúncias comprometedoras na capital

Embora considerado irregular, método é usado como forma de denegrir a imagem dos candidatos 

 14/09/2016 - 15h19
 

Willams Araújo

Campo Grande 

Marquinhos, Rose e Bernal se confrontam na Capital (Foto: Divulgação )

A campanha eleitoral em Campo Grande ganhou um ingrediente perigoso para os comandos das campanhas a prefeito por meio do uso de “fakes” (perfis falsos) que aproveitam as redes sociais para fazer denúncias contra os adversários.


De uns dias para cá, os fakes irrigaram esses espaços na Internet, principalmente o Facebook, com denúncias comprometedoras, feitas por meio de uma verdadeira produtora clandestina de vídeos nos quais aparecem o candidato junto com políticos fichas sujas.


Embora considerado irregular e mesmo sob os olhares da Justiça Eleitoral, o método tem sido  usado com freqüência como forma de denegrir a imagem dos rivais.  


Entre os 15 candidatos registrados no TRE-MS (Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul), 14 estão em campanha, já que a Justiça Eleitoral indeferiu o registro da terapeuta ocupacional Rosana Santos (PSOL).


É que o juiz José Henrique Neiva de Carvalho e Silva, da 44ª Zona Eleitoral, acatou, no último dia 7, Ação de Impugnação de Registro de Candidatura do Ministério Público Eleitoral alegando que ela não deixou cargo público no período exigido pela lei.


Entre os vídeos mais rodadas está um em que o candidato do PSD, deputado estadual Marquinhos Trad, aparece pedindo votos em campanhas anteriores para o então deputado federal Edson Giroto (PR), investigado pela Operação Lama Asfáltica sob suspeita de desvio milionário de verbas públicas por meio de licitações fraudulentas.


Por causa disso, Giroto chegou a ficar preso por vários meses em Campo Grande.


Outra denúncia divulgada nas redes sociais é a que aparece a candidata do PSDB, vice-governadora Rose Modesto, falando ao telefone com o então prefeito Gilmar Olarte (ex-PP).


Trata-se do grampo telefônico autorizado pela justiça como parte da Coffee Break, que denunciou 24 pessoas no Tribunal de Justiça sob acusação de envolvimento em suposto esquema de propinas e compra de voto na Câmara de Vereadores para cassar o prefeito Alcides Bernal (PP), em março de 2014.


Apesar de aparecer falando com Olarte, afastado mais tarde pela Justiça, Rose Modesto, que á época era vereadora, não foi citada entre os 24 nomes denunciados pelo MPE.


Disputam o cargo, além de Marquinhos Trad e Rose Modesto, o prefeito Alcides Bernal (PP), que busca à reeleição, Lauro Davi (PROS), Adalton Garcia (PRTB), Alex do PT, Arce (PCO), Aroldo Figueiró (PTN), Athayde (PPS), Coronel David (PSC), Elizeu Amarilha (PSDC), Marcelo Bluma (PV), Pedrossian Filho (PMB) e Suél Ferranti (PSTU).


PUNIÇÕES


Mesmo com os dispositivos rígidos da legislação eleitoral e do Marco Civil da Internet, as redes sociais são consideras por muitos como um território livre, ideal para apontar os defeitos, apoios políticos duvidosos, acusações e promessas não realizadas de adversários que vão para o pleito.


No entanto, o TSE atua no combate a perfis falsos  desde as eleições de 2010 por entender que a legislação eleitoral permite que os candidatos destaquem apenas as suas qualidades no mundo virtual, possibilitando, inclusive, críticas aos adversários políticos na disputa. Contudo, é expressamente proibido usar subterfúgios para atacar, especialmente, quando o responsável pela página se esconde em um perfil fake.


Desta forma, havendo a comprovação da ligação entre o candidato a página ou ao perfil, ele pode ser multado ou até ficar inelegível.


A campanha política começou oficialmente para valer no dia 16 de agosto e terá a metade do tempo das anteriores, passando de 90 para 45 dias.


Para analistas, se o clima está pesado a essa altura com denúncias mútuas entre os candidatos, até o dia 2 de outubro (primeiro turno das eleições), muita coisa poderá ocorrer na corrida pela prefeitura do maior colégio eleitoral do Estado, incluindo eventuais punições a candidatos que bancam esse tipo de campanhas sujas.   


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

IESTADO FALIDO
Diversos

Azambuja e outros 13 governadores ameaçam decretar calamidade financeira

Eles se reuniram ontem (13) com Meirelles por cerca de duas horas e meia e pressionaram pela concessão de um auxílio para compensar a queda de receitas

 14/09/2016 - 08h09

Com Agência Brasil 

Brasília 

Governador Reinaldo Azambuja (PSDB-MS) (Foto: Chico Ribeiro )

O governador de Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja (PSDB-MS) e colegas de outros 13 estados do Norte, do Nordeste e do Centro-Oeste ameaçaram decretar situação de calamidade financeira caso o governo federal não conceda a ajuda de R$ 7 bilhões para repor as perdas com os repasses federais. 


Por cerca de duas horas e meia, eles se reuniram com o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, e pressionaram pela concessão de um auxílio para compensar a queda de receitas.


De acordo com os governadores, o objetivo é que os 14 estados soltem uma nota conjunta na próxima semana para alertar o governo federal. Caso a ajuda não seja concedida, eles pretendem decretar o estado de calamidade financeira, como o Rio de Janeiro fez em junho. Do Nordeste, apenas Ceará e Maranhão não tomariam a medida.


Pela proposta apresentada hoje, os governadores pediram a antecipação de R$ 7 bilhões de recursos da repatriação (pagamento de tributos sobre recursos mantidos no exterior) que entrarão nos cofres federais até o fim de outubro. Originalmente, os estados propunham que a ajuda fosse equivalente à queda total de R$ 14 bilhões nos repasses da União ao Fundo de Participação dos Estados em 2016 em relação ao ano passado.


Além dos governadores do Norte e do Nordeste, governadores do Centro-Oeste e do Paraná pediram o pagamento de R$ 1,9 bilhão que o governo federal deve ao fundo que garante a reposição das perdas tributárias da Lei Kandir, que isenta as exportações de produtos agropecuários de ICMS (Imposto sobre a Circulação de Mercadorias e Serviços). Todos os anos, os estados precisam negociar com a União o pagamento da compensação.


O encontro reuniu governadores do Distrito Federal e de 16 estados: Acre, Amapá, Amazonas, Bahia, Ceará, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Paraíba, Pernambuco, Paraná, Piauí, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Roraima, Sergipe e Tocantins. 


Segundo o governador do Piauí, Wellington Dias, o governador do Rio, Luiz Fernando Pezão, compareceu à reunião em solidariedade aos estados do Norte e do Nordeste. Em junho, o estado recebeu ajuda financeira de R$ 2,9 bilhões da União após decretar estado de calamidade financeira.


De acordo com Dias, o governo federal está em débito com os governos do Norte e do Nordeste, que, mesmo com baixo nível de endividamento, entraram no acordo para renegociar a dívida dos estados com a União. “A economia do meu estado está crescendo. 


A receita com ICMS [do Piauí] está aumentando, o que está caindo são as transferências do Fundo de Participação dos Estados [repasses da União]. O dinheiro que falta ameaça a saúde pública, a manutenção das cadeias. A ajuda federal precisa ser imediata”, disse.


Segundo o governador da Paraíba, Ricardo Coutinho, Meirelles informou que, no momento, a União não tem condições de conceder o auxílio aos estados. De acordo com ele, o ministro informou que a equipe econômica precisa conhecer o montante que entrará com a repatriação para ver se conseguirá cumprir a meta de déficit primário – resultado negativo sem considerar os juros da dívida pública – de R$ 170,5 bilhões para 2016.


“O problema todo é que, neste país, quem fez o dever de casa, se endividou menos, cortou gastos, diante de uma crise de três anos em que o PIB [Produto Interno Bruto] caiu 7%, a maior depressão econômica que esse país já viu, se vê hoje na condição de que todo trabalho feito corre o risco de ser perdido por falta de um auxílio que se faz necessário”, advertiu Coutinho.]


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

NOVELAS
Diversos

Carlos se livra dos rastros do acidente de Martim

A mando do ex-deputado, Queiroz some com a moto do fotojornalista

Carlos fica aflito por notícias  (Foto: Inácio Moraes/Gshow)

arlos (Marcelo Serrado) não quer deixar rastro do seu crime. Após provocar o acidente deMartim (Lee Taylor), ele manda Queiroz (Batoré) acabar com a moto do fotojornalista. Muito aflito, o ex-deputado logo pergunta para o secretário de segurança se deu tudo certo.

Queiroz tranquiliza Carlos  (Foto: Inácio Moraes/Gshow)O secretário de segurança tranquiliza o aliado (Foto: Inácio Moraes/Gshow)

Queiroz, que é malandro, responde: "Ô, dó! Atropelâro o bichinho primêro, depois, pra num sofrê, botâro uma bala na cabeça. Mas, moto... Moto assim, dessas vermelha, esportiva, vi foi nada, não". Diante da cara de pau do secretário, Carlos sorri aliviado, mas quer saber se mais alguém está sabendo dessa história.

Não perca a cena que está prevista para ir ao ar nesta quarta-feira, 14/9. Saiba mais sobre o capítulo e fique por dentro do resumo da semana.

.

Camila consegue pista sobre a explosão no Grand Bazzar

Fotógrafa investiga testemunhas envolvidas no caso que levou Giovanni à cadeia

Camila consegue uma pista para investigar a explosão do Grand Bazzar (Foto: TV Globo)

Desde que Camila (Agatha Moreira) conseguiu encontrar o processo que incriminou Giovanni(Jayme Matarazzo) no caso da explosão do depósito do Grand Bazzar, ela está focada em estudar todas as informações e investigar as testemunhas. E assim que descobriu o nome de João Romantini, um funcionário de uma loja de explosivos, ela decidiu ir atrás dele para saber por que ele prestou depoimento na delegacia, mas não compareceu no dia do julgamento.

"Logo depois da explosão... O João disse que teve um problema de família e sumiu. Por isso não foi encontrado a tempo pro julgamento. Depois a gente soube que ele se enrolou com a polícia, foi preso em Osasco por venda ilegal de explosivos...", contou o gerente da loja de produtos químicos, onde os explosivos usados no Grand Bazzar foram comprados.

O gerente da loja de explosivos entrega à fotógrafa o endereço de um antigo funcionário (Foto: TV Globo)O gerente da loja de explosivos entrega à fotógrafa o endereço de um antigo funcionário (Foto: TV Globo)

Camila fica intrigada com a informação e tentar tirar mais alguma coisa do senhor. Até que ele lhe passa o endereço da mãe de João Romantini, que fica em Osasco.

Até onde será que Camila vai com essa investigação? Cuidado, menina!!! Não perca a cena que vai ao ar nesta quarta-feira, 14/9. Saiba mais sobre o capítulo e confira o resumo das novelas.


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

DA MANHÃ
Diversos

Servente de pedreiro sequestra neta dos patrões no PR e é preso em MS

Policial com a menina após resgate (Foto: PRF/Divulgação)

Menina de 4 anos foi pega na casa dos avôs na manhã desta terça-feira.
Segundo a PRF, carro era furtado e suspeito estava embriagado.

Um servente de pedreiro, de 39 anos, foi preso ao ser flagrado com uma menina de 4 anos sem autorização dos pais ou responsáveis na BR-163 no sul de Mato Grosso do Sul, na tarde desta terça-feira (13). Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), a criança foi sequestrada da casa dos avôs em Xambrê (PR) pelo homem que é funcionário da família.

De acordo com a PRF, o suspeito seguia pela BR-163 para Campo Grande. O suspeito passou pelo teste do bafômetro que acusou consumo de bebida alcoólica. O veículo onde estavam pertence à família da criança. Conforme os policiais, a menina relatou atos libidinosos do homem.

"Após ganhar a confiança da criança, a mesma falou que o cidadão tocou em seu corpo e ter que olhar para o rosto do autor", disse um dos policiais que participou da ocorrência.

O suspeito foi levado para a delegacia de Polícia Civil de Naviraí, município distante 350 quilômetros da capital sul-mato-grossense, onde foi autuado por estupro de vulnerável, furto de veículo automotor e por dirigir sob efeito de álcool.

Segundo a PRF, a criança já estava sendo procurada no estado do Paraná. O delegado regional de Naviraí, Claudineis Galinari, informou que a família da menina já chegou à cidade e acompanha o caso na 1ª Delegacia de Polícia Civil.

Vizinhos arrombam porta para salvar moradora de apartamento em chamas

Incêndio atingiu somente a sala do apartamento em Campo Grande.
Homem que ajudou no resgate inalou fumaça e foi levado para hospital.

Chamas atingiram somente a sala do apartamento (Foto: Dyego Queiroz/TV Morena)

Uma mulher foi socorrida pelos vizinhos depois que o apartamento onde mora, em um condomínio na Vila Nasser, em Campo Grande, pegar fogo nesta terça-feira (13). Segundo o Corpo de Bombeiros, a vítima foi levada para a Santa Casa e passa bem.

O zelador do condomínio, Ozeias Francisco de Oliveira, contou ao G1 que as chamas se concentraram na sala do apartamento, localizado no segundo andar. A moradora não soube dizer onde as chamas começaram.

Ainda de acordo com o funcionário, vizinhos tiveram de arrombar a porta para  ajudar no socorro e no controle do fogo até a chegada dos bombeiros.

"Assim que apareceu a fumaça, todo mundo [moradores] saiu correndo para ver o que estava acontecendo. Aí arrombaram a porta e entraram. Tudo que estava na sala ficou destruído. No restante dos cômodos só teve fumaça", contou Oliveira.

Um homem que não mora no condomínio, mas estava pelo local na hora do incêndio participou do resgate e inalou fumaça. Ele não passou mal no momento, só um tempo depois, segundo familiares.

"Cheguei em casa e encontrei ele caído no banheiro, mas consciente. Acho que ele mesmo ligou para o socorro e pediu ajuda. Uma ambulância veio aqui e pegou ele", disse Frederico Buremamn, pai da vítima.

 

Temperatura começa a cair

 

Dia ensolarado em Campo Grande, apesar de névoa seca encobrindo ar (Foto: Carla Salentim/G1 MS)

O calor continua em Mato Grosso do Sul na quarta-feira (14), mas uma massa polar se aproxima do estado e começa a derrubar a temperatura, segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet). Os termômetros devem oscilar entre 17°C e 33°C, uma queda de 6°C da temperatura máxima.

A umidade do ar vai permanecer baixa, na casa dos 20% por causa da névoa seca que continua no estado.

Em Campo Grande, o dia será parcialmente nublado com névoa seca. Não há previsão de chuva. A mínima prevista é de 19°C e a máxima de 27°C. Na região norte, Pedro Gomes a temperatura deve variar de 20°C a 33°C.

Na região sul, Dourados terá dia parcialmente nublado. A mínima de registrar 10°C e a máxima chegar aos 24°C. Região leste, Selvíria terá sol entre nuvens, com mínima de 19°C e máxima de 31°C.

Já na região do Pantanal, Ladário terá sol entre nuvens e sem chuva. Os termômetros devem variar entre 20°C e 33°C.

Homem é preso suspeito de

Um homem de 64 anos foi preso na manhã desta terça-feira (13), no bairro Vida Nova, em Campo Grande, acusado de estuprar duas netas. O crime teria ocorrido durante três anos e a condenação do aposentado saiu no ano de 2011, segundo a Polícia Civil. Após esse período, o aposentado esteve foragido e a investigação conseguiu o atual endereço na noite anterior.

Os policiais da Delegacia Especializada de Proteção à Criança e o Adolescente (Depca) então organizaram o flagrante e pegaram o homem por volta das 8h (de MS). Na ocasião, ele estava fazendo a manutenção em um telhado, quando foi surpreendido pelos investigadores. Ele foi encaminhado para a delegacia e negou o crime.

Durante o período da investigação, as crianças teriam sido entrevistadas por diversas vezes. Elas relataram as mesmas versões, dizendo que o suspeito ameaçava matar a avó e a mãe delas, caso o crime fosse descoberto. As vítimas, que são primas, disseram que os abusos sexuais ocorreram de 2007 a 2010. A mais nova tinha seis anos e a outra 12 anos, ainda conforme a investigação.

O suspeito agora permanece preso e responde por estupro de vulnerável. Ao G1 ele nega o crime. "Se algo for comprovado, vou ter que pagar. O meu advogado está aí para resolver", ressaltou Izidório dos Santos, que não tinha antecedentes criminais. A pena ultrapassa a 30 anos de reclusão.

A prisão, de acordo com a polícia, faz parte da operação Anilhas, deflagrada em julho deste ano, para capturar foragidos da Justiça, que respondem aos crimes de estupro. Até o momento, dez mandados de prisões já foram cumpridas.

 


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

POLICIAL
Diversos

Cães farejadores encontram cocaína escondida em carro preparado

Entorpecente pesou 38 quilos divididos em tabletes embalados

Com auxílio de cães farejadores, a Polícia Rodoviária Federal encontrou, no porta malas e assoalho de veículo, 38 quilos de cocaína embalados em tabletes. A abordagem ocorreu durante fiscalização de rotina, no quilômetro 68, da BR-463.

O veículo VW/Santana, placas de São Paulo, era conduzido por motorista de 36 anos. Em compartimento preparado no tanque de combustível, policiais encontraram 34 tabletes envoltos em fitas coloridas.

O condutor afirmou ter recebido o veículo preparado com a droga no pátio do Posto Fazendeiro em Ponta Porã, e que transportaria até a cidade de Campo Grande, onde receberia o valor de R$ 3 mil.

'Farra das licenças' e mini usina 
colocam instituto sob investigação

Concessões para perfuração de solo também motivaram inquérito

 

O Instituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul (Imasul) responde a pelo menos duas investigações sobre licenças expedidas a empresas privadas e à concessionária de água e esgoto de Campo Grande. Em um dos casos, o órgão autorizou que mini usina hidrelétrica fosse instalada em Campo Grande mesmo o conselho composto por especialistas ambientais sendo contrário à operação da hidrelétrica.

Os dois inquéritos civis foram abertos por promotores do Ministério Público Estadual. O que diz respeito à usina é assunto de discussões desde o ano passado.

De acordo com a documentação da apuração, a Águas Guariroba requereu, no ano passado, tanto ao Conselho Gestor da Área de Proteção Ambiental (APA) do Guariroba quanto ao Imasul autorização para instalação da Central Geradora Hidrelétrica, a mini usina, em fazenda localizada na BR-262, saída de Campo Grande para Três Lagoas.

Em janeiro deste ano, o Imasul liberou a Licença de Instalação e Operação (LIO) com validade de quatro anos. No entanto, em junho, o conselho, que é ligado à prefeitura, negou o pedido da Águas e notificou o Imasul para que anulasse a licença concedida.

Em resposta, o Imasul disse que não seguiria a orientação dos conselheiros porque a autorização tinha sido expedida com base em resolução da Secretaria Estadual de Meio Ambiente (Semade).

A concessionária Águas Guariroba disse à reportagem que recentemente encaminhou ao Conselho Gestor toda documentação referente à instalação da mini usina e que tudo foi elaborado atendendo todas as normas ambientais vigentes.

Nenhum representante do Conselho foi encontrado pela reportagem para comentar o assunto. O Imasul será notificado sobre a abertura da investigação nos próximos dias e terá de detalhar por que emitiu a liberação à concessionária.

MAIS LICENÇAS

Outra apuração também contra o Imasul foi aberta depois de denúncia do Fórum da Cidadania sobre “farra das licenças” que autorizam perfuração de poços artesianos em Campo Grande.

O promotor Alexandre Lima Raslan notificou o secretário de Meio Ambiente do Estado, Jaime Verruck para que repasse ao MP, no prazo de 15 dias contados da última terça-feira, detalhamento de todas as concessões de outorgas fornecidas a empresas para que perfurem o solo.

Integrante do Fórum da Cidadania, Haroldo Borralho afirma que o Imasul tem “invadido” a competência da concessionária Águas Guariroba, única responsável por autorizar perfuração do solo. “Há descontrole total de poços em Campo Grande. A perfuração de artesiano, semiartesiano e de boca contamina o lençol freático. O Imasul interfere em área que não é dele. Tem uma concessionária privada que trata disso”, afirma Borralho.

Em um dos casos de concessão expedida pelo Imasul, a empresa que recebeu a concessão tem que devolver ao Estado valor de R$ 60 mil. Nos últimos dois meses, segundo o integrante do Fórum, foram cerca de quatro concessões autorizadas pelo Imasul.

A reportagem procurou o Instituto de Meio Ambiente para posicionamento sobre as duas apurações, mas não houve retorno até o fechamento desta matéria.


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

COISA DE CRIANÇA E DE ADULTOS
Diversos

Bebê fica preso em panela de pressão no Acre

Com um alicate usado em salvamentos, bombeiros resgataram a menina

Uma menina de 1 ano e 4 meses precisou ser resgatada nesta terça-feira (13) pelo Corpo de Bombeiros depois de ficar presa dentro de uma panela de pressão. O caso ocorreu no município de Brasileia, no interior do Estado do Acre, a 232 quilômetros da capital Rio Branco.

 

Os bombeiros receberam o chamado da mãe da criança às 9h30. Segundo o major Falcão, do Corpo de Bombeiros do Acre, a dona de casa Maria Rosineide da Cruz, de 23 anos, tinha acabado de lavar a panela e procurava um local para guardá-la quando a criança começou a brincar com o utensílio e se prendeu pelas costas e pelo joelho.

 

Com uma espécie de alicate usado em arrombamentos e salvamentos, os bombeiros conseguiram resgatar a criança, após cerca de 12 minutos de operação. "Ela já estava nervosa e a mãe muito mais nervosa", conta o major.

 

Segundo o ele, foi necessário muito cuidado da equipe para não machucar a criança. Depois de resgatada, a menina foi atendida no próprio local, pelos bombeiros, sem ferimentos.

 

Na prática, Dilma fica inelegível por 8 anos

Ação civil pública seria suficiente para anular uma nomeação da petista

Dilma Rousseff ficará mesmo inelegível por oito anos, mas não por deliberação do STF (Supremo Tribunal Federal). No exame de “caso concreto”, uma ação civil pública será suficiente para anular a nomeação da ex-presidente para um cargo público ou o eventual registro de uma candidatura, afirmam ministros do STF ouvidos pelo colunista Cláudio Humberto, do Metro Jornal. Juízes aplicam a Constituição, que vincula a perda do cargo à perda de direitos políticos.

 

O art. 52 da Constituição, ignorado pelo Senado no julgamento de Dilma, determina inelegibilidade de presidente que sofre impeachment.

 

O STF decidiu ignorar as ações contra o “fatiamento”: não é instância de recurso para o impeachment, tema exclusivo do Poder Legislativo.

 

Se Dilma quiser se candidatar, a Justiça de 1º grau poderá enquadrá-la na Lei Ficha Limpa, que inabilita gestores públicos condenados.

 

Na visão do colunista, o STF não analisará o julgamento, ainda que não se conheça um único ministro que aprove a decisão de preservar os direitos de Dilma.

 

Temer iniciará privatizações em 2017

Segundo cronograma, primeiros leilões serão de concessões de aeroportos

Os primeiros leilões de concessões e privatizações do governo do presidente Michel Temer começarão a acontecer apenas no ano que vem, segundo cronograma distribuído nesta terça-feira (13) pelo Palácio do Planalto.

Os primeiros leilões deverão ser os das concessões dos aeroportos de Porto Alegre (RS), Salvador (BA), Florianópolis (SC) e Fortaleza (CE), no primeiro trimestre de 2017. Os editais devem ser publicados no fim deste ano.

As concessões fazem parte do Programa de Parcerias de Investimentos (PPI), cujo conselho está realizando sua primeira reunião nesta terça-feira.

Ainda na área de logística, o governo pretende licitar terminais de combustíveis de Santarém (PA) e o terminal de trigo do Rio de Janeiro no segundo trimestre do ano que vem.

O trecho da ferrovia Norte-Sul entre Porto Nacional (TO) e Estrela d´Oeste (SP) deve ser leiloado no segundo semestre de 2017, assim como a Ferrogrão, entre Sinop (MT) e Miritituba (PA) e a Ferrovia de Integração Oeste-Leste (Fiol) entre Ilhéus e Caetité (BA).

Também estão previstas as concessões de dois trechos de rodovias, da BR-364/365 (GO-MG) e da BR-101/116/290/386 (RS), ambos no segundo semestre.

O governo afirmou que a emissão de debêntures será uma aposta para captar recursos para os projetos. Na fase das obras, o risco de crédito será assumido pelos bancos, inclusive BNDES, Caixa e Banco do Brasil. Além disso, as garantias serão compartilhadas entre credores e debenturistas. 


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

UFC
Diversos

Junior Cigano mira cinturão e aceita enfrentar Werdum: "É uma boa"

Ex-campeão dos pesados acompanhou combate do compatriota no UFC 203 e alfinetou velho desafeto: "Como foi ruim a luta. Vaias o tempo todo, os dois cansados"

Após a vitória de Fabrício Werdum no UFC 203, no sábado, a possibilidade de o brasileiro encarar Junior Cigano voltou a ser cogitada. Werdum venceu Travis Browne, por decisão unânime (29-28, 29-27, 30-27) na co-luta principal do evento, em Cleveland (EUA). Em entrevista ao programa "Planeta SporTV", logo após a luta, Cigano afirmou que o seu objetivo é voltar a defender o cinturão, e se tiver que encarar o compatriota para isso, não será problema. Mas não deixou de alfinetar o antigo desafeto.

- Eu tô dentro. O meu objetivo é o cinturão. O que eu tiver que fazer para lutar pelo cinturão, eu vou fazer. E eu fiquei impressionado com as duas lutas, como foi a boa luta do Miocic e como foi ruim a luta do Werdum. Vaias o tempo todo, os dois cansados. Então, vamos em frente. Se eles quiserem casar essa luta, é uma boa. Eu e o Velásquez, eu e o Werdum, eu e o Overeem... Talvez, não sei. Ou o Miocic, eu tô dentro. Como eu falei, eu quero lutar pelo cinturão e o que eu tiver que fazer, eu vou fazer.

Os dois se enfrentaram em outubro de 2008, no UFC 90. Cigano levou a melhor, nocauteando Werdum no primeiro round.

Junior Cigano UFC Croácia (Foto: Getty Images)Junior Cigano no UFC Croácia (Foto: Getty Images)

Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

CHILE
Diversos

Jornal chileno chama Sue Lasmar de “Mulher do Corpo Perfeito”

Reprodução

Sue Lasmar estampou capa de um dos maiores jornais do Chile, o La Cuarta. O veículo intitulou a diva fitness como “Mulher do Corpo Perfeito” e com isso a morena não para de receber mensagens dos hermanos chilenos em suas redes sociais.

Sue chamou a atenção do diário chileno ao divulgar um ensaio sensual vestindo lingerie e dizer que, por estar solteira, não aproveitaria o dia do sexo, que foi comemorado dia 6 de setembro.

"Uma porção de pessoas mandando mensagens em espanhol de ontem pra hoje, depois fiquei sabendo da matéria no Chile. Fui chamada hoje para ser madrinha em um concurso de beleza no país. Acho que posso dar um pulo lá. Dizem que o Chile é lindo", contou Sue Lasmar.

A morena também comentou sobre o fato de fazer sucesso com seu corpo no Brasil, Estados Unidos e em países de língua latina: "Acho que minha cor e meu jeito latino podem chamar a atenção. A latina está na moda nos Estados Unidos e agora eles estão com essa tendência de bumbum. Coisa que a latina tem, né. Principalmente as brasileiras. Já nos países de língua espanhola, acho que é pelo jeito mesmo."

Em mais um novo ensaio feito nas lentes do renomado fotógrafo americano Mike Ohtrangutang, Sue mostra por quer também tem o apelido de bumbum mais bonito da web.
Foto: Mike Ohrangutang / MF Models Assessoria

Foto: Mike Ohrangutang / MF Models Assessoria

Foto: Mike Ohrangutang / MF Models Assessoria

Foto: Mike Ohrangutang / MF Models Assessoria

Foto: Mike Ohrangutang / MF Models Assessoria

Foto: Mike Ohrangutang / MF Models Assessoria

Foto: Mike Ohrangutang / MF Models Assessoria

Foto: Mike Ohrangutang / MF Models Assessoria

Foto: Mike Ohrangutang / MF Models Assessoria



Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

SERVIÇOMAL EXECUTADO
Diversos

Voçoroca dificulta acesso de Naviraí ao estado do Paraná

Cratera destruiu parte do prolongamento de avenida, que é saída para Porto Caiuá

A cidade de Naviraí , a 358 quilômetros de Campo Grande, tem problema recorrente em períodos de chuvas extensas: as voçorocas. Desta vez, a cratera se abriu no prolongamento da Avenida Weimar Gomes Torres, que margeia o córrego Cumandai e liga o centro aos bairros Cidade Jardim e Ecoparque, além de ser a saída para o Porto Caiuá, divisa com o estado do Paraná.

Assim como aconteceu na divisa dos bairros jardim Paraíso IV e Vila Alta, esta voçoroca se abriu com as chuvas que castigaram a região no final do ano passado e continua dando dor de cabeça para os moradores até hoje. Para passar pelo local, eles improvisaram um desvio. "Se eu não passar por aqui, tenho que andar mais de sete quilômetros. Não tem condições, fica muito longe", disse Andrielly Rodrigues Cioca, de 32 anos, gerente de uma relojoaria.


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

DA HORA 2
Diversos

Mulher fica ferida durante acidente em Amambai

Vítima sofreu corte na perna e apresentava suspeita de fratura, diz Corpo de Bombeiros.

Clique na Imagem para ampliá-la

Momento que os bombeiros prestavam atendimento à vítima. Honda Biz que a mulher conduzia sofreu avarias de grande monta em decorrência do acidente. (Fotos: Carlos Nascimento)

 

Uma mulher de 38 anos ficou ferida depois que a moto que conduzia, uma Honda Biz cor prata, foi atingida por uma caminhonete, na tarde dessa segunda-feira, 12 de setembro, em Amambai.

O acidente aconteceu na Rua da República, região central da cidade.

Segundo a equipe de busca e salvamento do 16º Subgrupamento Independente do Corpo de Bombeiros, que prestou socorro a vítima, Ivone Hoinoscki, se deslocava pela Rua da República, quando foi colhida pela caminhonete Toyota Hilux cor prata, placas OOK 2564 de Amambai-MS que se deslocava pela Rua Leorival Nunes Vargas e teria invadido a via preferencial.

De acordo com o Corpo de Bombeiros durante a colisão a mulher sofreu escoriações, um corte na panturrilha, lado esquerdo e apresentava suspeita de fratura na perna.

Após receber os primeiros socorros no local a vítima foi socorrida pela equipe do 16º SGB para o Pronto Socorro do Hospital Regional de Amambai para passar por cuidados médicos.

Fonte: A Gazeta News

Valores são definidos e pedágio da BR-163 vai aumentar em MS

Em Rio Verde, valor aumenta R$ 0,10

A partir desta quarta-feira (14), os motoristas que trafegam pela BR-163 em Mato Grosso do Sul devem ficar atentos a alteração nos valores cobrado no pedágio sob administração da CCR. A medida foi anunciada no Diário Oficial da União diante de autorização da Agência Nacional de Transportes Terrestres -ANTT- e implica em desconto e aumento das tarifas.

Conforme a Agência, a os novos preços foram baseados tendo base o reequilíbrio das receitas e verbas e a aplicação do Índice de Reajustamento Tarifário -IRT-, de 8,74%, correspondente à variação do IPCA -Índice de Preços ao Consumidor Amplo- no período.

Para se ter uma ideia, para se trafegar em veículos de nove eixos os motoristas terão que desembolsar de R$ 41,40 até R$ 66,60, dependendo do trecho.

Já os valores na via para a categoria 1, que encaixa os carros de passeio, o valor passa de R$ 4,70 para R$ 4,60 na praça P1, em Mundo Novo; de R$ 6,40 para R$ 6,50 na P2, em Itaquiraí/Naviraí; na P3, em Caarapó, a tarifa continuará a mesma, R$ 6,50; de R$ 6,50 para R$ 6,60 na P4, em Rio Brilhante; de R$ 7,20 para R$ 7,40 na P5, em Campo Grande; o valor na praça de pedágio P6, em Bandeirantes/Rochedo/Jaguari, mantém-se em R$ 5,60; na P7, em São Gabriel do Oeste/Camapuã, a tarifa também será mantida em R$ 5,50; de R$ 7,20 para R$ 7,30 na P8, em Rio Verde de Mato Grosso; e na P9, em Pedro Gomes/ Sonora, o preço também será mantido em R$ 5,40.

A BR-163 conta com 847,2 quilômetros de extensão e foi concedida para iniciativa privada com o objetivo de exploração da infraestrutura pelo período de 30 anos. A concessão iniciou em 11 de abril de 2014.

Van que transportava cabos eleitorais pega fogo

 

Trabalhadores entreg

avam panfletos quando incêndio começou

~

Van que transportava equipe de cabos eleitorais pegou fogo, no fim da tarde de ontem, na região do Parque das Nações, em Dourados.

Conforme o portal Dourados News, grupo de pessoas que trabalha na campanha do candidato a prefeito Geraldo Resende (PSDB) distribuíam panfletos no momento em que o incêndio começou, por isso ninguém se feriu.

A suspeita é que tenha ocorrido pane elétrica. Geraldo que concorre à prefeitura da cidade é deputado federal e não estava em Dourados ontem. Ele participou da sessão da Câmara dos Deputados, em Brasília (DF), que votou a cassação do, então, ex-deputado federal Eduardo Cunha (PMDB/RJ).

 


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

INDIOS
Diversos

Índios em Coronel Sapucaia relatam suposto ataque a tiros

Grupo armado teria queimado barracos que abrigam os Kaiowá

Grupo de ao menos 200 índios kaiowá foi atacado a tiros ontem à noite por homens que ocupavam cinco caminhonetes, perto das propriedades identificadas como Bom Retiro e Santa Joana e Madama, aos arredores dos municípios de Coronel Sapucaia e Amambai, área de fronteira entre Mato Grosso do Sul e Paraguai. Em 2007, um líder indígena morreu baleado num suposto embate com fazendeiros da região.

Na noite de ontem, segunda-feira (12), os índios, entre os quais crianças e idosos, fugiram para a mata e, ao menos até por volta do meio-dia desta terça-feira (13), não havia histórico de feridos. Índios e fazendeiros disputam há décadas pelo domínio de terras nesta região. Para os Kaiowá, a localidade em questão é indígena e chama-se Kurusu Ambá.

A informação do ataque à comunidade indígena é de Gilmar Batista, líder Kaiowá. “Eles [homens que conduziam as caminhonetes] queimaram nossos barracos, casas. Estávamos apagando o fogo, mas não conseguimos. Ouvimos tiros, muitos tiros e corremos. Muitas crianças estavam com nós”, afirmou a liderança, por telefone.

A Polícia Militar de Amambai, que fica a 20 quilômetros da aldeia, ao meio-dia desta terça-feira, informou ao Midiamax que ainda não sabia de alguma ocorrência, “mas que ali [aldeia Kurusu]”, há confrontos constantes envolvendo índios e fazendeiros.

A causa indígena da comunidade em questão é defendida pela Funai, em Ponta Porã. Pela manhã, coordenadores do órgão não foram localizados.

Ano passado, em outubro, ocorreu outro ataque, à época, divulgado por meio de nota pelo Cimi (Conselho Missionário Indígena).

De acordo com o comunicado, homens descritos como “jagunços armados” teriam invadido o acampamento dos índios com facões e derrubaram os barros dos Kaiowá. Os índios resistiram e permaneceram na área. Para os fazendeiros, a área está invadida; já os índios afirmam que tentam ocupar a terra por ser suas.

Em outubro passado, o MPF (Ministério Público Federal), por nota, informou que havia pedido o apoio da Polícia Federal e Força Nacional de Segurança, sem êxito.

Até a manhã de hoje, o MPF não tinha se manifestado quanto ao ataque da noite de ontem. Entidades ruralistas também não comentaram o episódio.

 


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

CORUMBA
Diversos

Prefeito de Corumbá tem carro apreendido com dinheiro e material de campanha

Um veículo de passeio com R$ 27 mil também teria sido abordad

Uma camionete Toyota SW4 e um VW Gol foram flagrados pela Polícia Civil no fim da noite desta segunda-feira (12), em Ladário, município a 423 km da Capital, com dinheiro e material de campanha supostamente irregulares do candidato à reeleição em Corumbá, prefeito Paulo Duarte (PDT). Ele não foi encontrado até o momento para comentar o episódio.

Segundo informações apuradas pelo Jornal Midiamax em Corumbá, os policiais pararam os veículos com um assessor de Duarte. Na caminhonete de luxo, teriam encontrado ‘expressiva’ quantidade de material de campanha com apenas uma nota fiscal no valor de R$ 135.

Já no veiculo de passeio, que seria da esposa do assessor de Paulo Duarte, estariam R$ 27,5 mil dentro de uma mala. Aos policiais que realizavam a operação, o assessor teria dito que o dinheiro era fruto de sua remuneração profissional.

A reportagem tentou contato com o próprio Paulo Duarte, e com o suposto assessor envolvido no caso. Nenhum deles retornou ligações e mensagens até o fechamento da matéria.

Por meio de nota, a coordenação de campanha confirmou a apreensão dos veículos, mas negou irregularidades com o material. “Informamos que dois veículos foram levados para averiguação pela Polícia Civil, porém nenhuma irregularidade é do nosso conhecimento. Neste momento aguardamos a liberação dos veículos”, informou. 

Na polícia, um problema com o sistema que permite o registro de ocorrências impede que os detalhes fiquem disponíveis. Fontes policiais informaram que ainda nem sabiam como o flagrante seria registrado até o final desta manhã de terça-feira (13).

Na delegacia, a informação repassada é que somente o delegado responsável de Ladário, Fernando Araujo da Cruz Junior, pode passar informações oficiais. Ele deve se manifestar oficialmente sobre o caso na tarde desta terça-feira​.

Uma das assessoras da campanha de Duarte à reeleição, limitou-se a dizer que ainda não tinha conhecimento dos fatos. (Matéria editada às 14h40 para acréscimo de informações)


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

DA MANHÃ
Diversos

Cassado: veja os dez que votaram a favor de Cunha

  • Ilustração

    Cunha: só dez companheiros

Depois de deflagrar o processo de desenvolvimento impeachment que derrubou Dilma da Presidência da República, Eduardo Cunha também caiu. E feio. Foi atropelado pelos votos de 450 deputados a favor da cassação de seu mandato dentre os 513. Dez votaram a favor dele. Nove se abstiveram, ficando em cima do muro. Os demais nem apareceram na Câmara. Para quem tinha apoio da maioria dos pares, restaram poucos aliados do ex-todo poderoso deputado: um massacre. Votaram a favor de Cunha: Carlos Marun  (PMDB-MS) Paulinho da Força  (SD-SP) Marco Feliciano (PSC-SP) Carlos Andrade  (PHS-RR) Jozi Araújo  (PTN-AP) Julia Marinho  (PSC-PA) Wellington (PR-PB) Arthur Lira (PP-AL) João Carlos Bacelar  (PR-BA) e Dâmina Pereira  (PSL-MG).
 

'Cassar o Eduardo só por uma mentirinha?'

  • Agência Câmara

    Carlos Marun (PMDB-MS): fiel a Cunha até o fim


Do blog do Lauro Jardim em O Globo:
 
"Carlos Marun, um dos poucos deputados que restaram fiéis a Eduardo Cunha, está abordando deputados que eram próximos ao ex-presidente da Câmara com a seguinte frase:
 
– Você vai ter coragem de cassar o Eduardo só por uma mentirinha?"

Gigante de ouro! Alessandro da Silva sobra e vence no lançamento do disco

Atleta quebra recorde paralímpico da prova e se torna campeão no Engenhão

O apelido de Gigante nunca caiu tão bem para Alessandro da Silva como nesta segunda-feira. Com 1,90m e 126kg, o paulista de 32 anos sobrou para ser o melhor da prova do lançamento do disco da classe F11 da Paralimpíada do Rio de Janeiro. Com uma marca bem acima dos demais concorrentes no Engenhão, com 43,06m, assegurou a medalha de ouro e o novo recorde paralímpico. A medalha de prata ficou com o italiano Oney Tapia, com 40,89m. O espanhol David Casinos Sierra fechou o pódio com 38,58m.

- É inexplicável. Além do ouro, foi recorde paralímpico. Ganha quem erra menos. Errei menos e fui feliz. Tinha uma pressão (por ser líder do ranking mundial). Sabia que os adversários iam vir com tudo. Vim para fazer meu melhor, e a medalha era consequência. Se eu não deixasse o nervosismo me afetar, com certeza iria muito bem. Fui muito mal nos dois primeiros lançamentos, mas como só precisa de um para ganhar, esse um veio (risos) - disse o atleta, que é cego.

Saiba como é a avaliação de atletas paralímpicos e entenda nomenclaturas

Alessandro Rodrigo (Foto: Fernando Maia/MPIX/CPB)Descrição da imagem: Alessandro da Silva vibra com a bandeira brasileira na pista (Foto: Fernando Maia/MPIX/CPB)

Alessandro começou a perder a visão aos 26 anos. Quando descobriu que uma manifestação de toxoplasmose era o motivo, já era tarde - nunca soube se adquiriu a doença ou se é congênita. Ele não podia mais trabalhar na sua profissão de químico, chegou a trabalhar como alinhador de carros antes da perda total da visão, mas não se deixou abater pela cegueira e se descobriu no atletismo, que hoje é seu ganha pão e também de sua família.

Desde jovem, Gigante “vive” em uma academia de Mauá, na Grande São Paulo. Conhece tão bem o local que sabe exatamente onde estão halteres e barras. Só depois de perder a visão ele começou a praticar o atletismo, em 2013. A ascensão foi rápida. O paulista ganhou dois ouros no Parapan de Toronto, no ano passado, e agora conseguiu o título paralímpico.

- O esporte me ajudou na minha vida, com a minha família. É tudo para mim, é onde consigo ter felicidade. Entrei tranquilo na prova e dei um presente para todos. Quando estava no Parapan, no Canadá, trouxe duas medalhas, uma para mim e uma para o meu filho (Mathias), que estava com dois meses. Vamos ver se agora ele vai querer tirar essa de mim - brincou Alessandro.

Outro brasileiro participou da disputa do disco nesta segunda. Marcio Braga Leite obteve 34,71m como melhor marca e ficou na quinta colocação. Alessandro também havia disputado a prova do arremesso de peso na Paralimpíada. A marca de 12,43m, entretanto, o deixou apenas da 10ª colocação entre os finalistas, longe do pódio.

 

Marquinhos mantém liderança; indecisos são destaque na 3ª pesquisa DATAmax

Cenário mudou entre candidatos

Pesquisa Instituto DATAmax

O candidato do PSD à prefeitura de Campo Grande, Marquinhos Trad, mantém a liderança na disputa com 26,5% das intenções de voto, mas a 20 dias das eleições municipais o número de eleitores indecisos ou que pretendem votar ninguém, branco ou nulo soma 39,1%, conforme aponta a terceira rodada de pesquisa do Instituto DATAmax. Respectivamente os percentuais são 27% e 12,10%.

 A vice-governadora Rose Modesto (PSDB) aparece com 17,80% de intenções de voto, à frente do prefeito Alcides Bernal (PP), que registra 12,20% da preferência dos eleitores.

O vereador Marcos Alex (PT) conseguiu até o momento 1,10% do eleitorado campo-grandense, seguido pelo ex-vereador Marcelo Bluma com 0,90%. O ex-secretário estadual de Cultura Athayde Nery (PPS) tem 0,70% da intenção de voto assim como o deputado estadual Coronel David (PSC).

A candidata Rosana Santo (PSOL) aparece com 0,60%. Ela teve registro de candidatura indeferido pela Justiça Eleitoral, mas já ingressou com recurso para reverter a situação. Os concorrentes Aroldo Figueiró (PTN), Elizeu Amarilha (PSDC) e Lauro Davi (PROS) estão com 0,10% cada.

Não pontuaram os postulantes Suél Ferranti (PSTU), Adalton Garcia (PRTB), Arce (PCO) e Pedrossian Filho (PMB). A pesquisa quantitativa foi realizada entre os dias 7 e 11 de setembro com eleitores das sete regiões de Campo Grande, sendo elas: Anhanduizinho, Bandeira, Centro, Imbirussu, Lagoa, Prosa e Segredo que representam 99% da população, conforme IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).

Ao todo 804 pessoas foram entrevistadas e a amostragem está registrada no TRE-MS (Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul) com o número MS-04438/2016. A margem de erro é de 3,5 pontos percentuais para mais ou para menos, levando em consideração nível de confiança de 95%.

Amambai comemora 68 anos com programação cultural e esportiva

Além de show cultural e 8° Edição do Festibai (Festival de Musica de Amambai), programação conta com bolo de aniversário de 68 metros e diversos eventos culturais, esportivos e artísticos

Amambai (MS) – Na quarta-feira (28), Amambai comemora 68 anos de emancipação político administrativa e a Prefeitura de Amambai presenteia a população amambaiense com agenda de eventos para comemorar essa data especial. Nesse ano, a data será comemorada no dia 26 de Setembro, devido decreto oficial emitido pelo Prefeito Municipal, Sergio Diozébio Barbosa.

A agenda de festividades inicia na sexta-feira (23), quando tem início a 8° edição do Festibai (Festival de Música de Amambai), maior vitrine de talentos da região sul do Mato Grosso do Sul, que segue até o dia 25 (Domingo). De acordo com a organização, o evento contará com a seguinte programação: 23 (Sexta-feira) – Semifinais do estilo Gospel; 24 (Sábado) - Semifinais do Estilo Livre; 25 (Domingo) – Grande Final.

Oportunidade de carreira profissional

Segundo Elton, Secretário Municipal de Desporte e Cultura, o Festibai é grande oportunidade para quem quer mostrar o seu talento e buscar espaço no meio artístico. "Como já é conhecido, o Festibai é a maior vitrine de talentos da fronteira do Estado e todos os anos reúne dezenas de participantes, nos mais variados estilos. Nós, da administração municipal, nos preocupamos em dar o respaldo para que esses talentos se desenvolvam, não só durante o concurso, mas também em busca da consolidação no mercado", falou o secretário.

O evento principal será realizado pela Prefeitura de Amambai no dia 26 de Setembro, a partir das 19 horas, na Rua Dom Pedro II, ao lado do Ginásio de Esportes Flávio Derzi e contará com shows da Banda Reise e das duplas Renato Reis e Renan e Bruno e Paulo Vitor, todos prata da casa mas com grande reconhecimento regional.

Bolo de aniversário terá 68 metros Às 17 horas do mesmo dia, acontecerá a partilha do tradicional bolo de aniversário do Município que, neste ano terá 68 metros de comprimento e será dividido entre a população presente, representando a idade da Cidade Crepúsculo.

"Será uma grande festa, com tudo o que a população merece. O bolo que preparamos, através da Associação Mãos que Produzem Arte vem para comemorar em grande estilo o aniversário da nossa amada Cidade Crepúsculo", enfatiza o Prefeito Sérgio Barbosa.

Confira abaixo a programação completa de aniversário:

23, 24 e 25 de Setembro - 8° Festibai,
23 - 19 horas Estilo Gospel
24 - 19 horas Estilo Livre
25 - 19 horas Grande Final

26 de Setembro

14 horas - Passeio Ciclístico com saida em frente a prefeitura
14 horas - Torneio de Skate na Pista Vagner Bampi Paixão
17 horas - Sorteio de prêmios aos participantes do passeio ciclístico
17 horas - Parabéns e bolo de 68 metros
19 horas - Show de aniversário com a Banda Reise, Renato Reis e Renan e Bruno e Paulo Vitor
00 horas - Queima de fogos


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

ADEUS CUNHA
Diversos

A CASSAÇÃO DE CUNHA:
O JULGAMENTO DA PERDA DE MANDATO DO DEPUTADO

Câmara decide futuro político do ex-presidente da Casa

 


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

POVO REVOLTADO COM SHOW EM CASTELO
Maiara e Maraisa inciaram o show as 4h30
  

Forró Caju ? Maiara e Maraisa
Quem foi ao show das cantoras Maiara e Maraisa no último dia 09 no Castelão, na cidade de Castelo-ES, saiu frustrado para não dizer revoltado.

Nas redes sociais a reclamação é grande pelo fato das cantoras terem iniciado a apresentação às 4h30 da manhã e cantaram apenas cerca de 30 minutos.

A apresentação estava marcada para iniciar às 22h00, mas, quem acessou o site oficial das cantoras observaram que no mesmo horário a dupla se apresentava na cidade de Colatina-ES.

Isso mostra que a organização do evento já sabia que o atraso ocorreria, mas, mesmo assim, não repassou a informação ao público.

AMAMBAI MS

O SHOW DAS GORDINHAS NÃO AGRADOU NA EXPOBAI, MESMO NÃO TENDO ATRASO. ACHO QUE O SUCESSO SUBIU NA CABEÇA DAS MENINAS, MAS TUDO QUE SOBE, TAMBEM DESCE...


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

JUSTIÇA ELEITORAL
Diversos

GUA CLARA| Condenado por improbidade, ex-prefeito tem candidatura impugnada

Edvaldo foi acusado de desvio de verbas durante a gestão (Foto: Rádio 90 FM)

O ex-prefeito de Água Clara, Edvaldo Alves de Queiroz (PDT), teve o registro de candidatura para as eleições 2016 impugnado pela Justiça Eleitoral. Ele tentava assumir novamente o Executivo do município localizado a 198 quilômetros de Campo Grande, mas teve a participação na disputa vedada por ter sido condenado por improbidade administrativa.

Ele, junto com o ex-secretário de finanças José Aílton Paulino dos Santos, foi acusado de fraudar a aplicação de recursos destinados pelo Governo Federal através do PNAE (Programa Nacional de Alimentação Escolar). O prejuízo causado aos cofres públicos pelos acusados, segundo apurou o MPF-MS (Ministério Público Federal em Mato Grosso do Sul), chega a casa de R$ 1.459.190,77.

Segundo informações do TRE-MS (Tribunal Regional Eleitoral), a decisão ainda condenou o requerente ao ressarcimento integral do dano ao erário, ao pagamento de multa civil em relação do dano e a suspensão dos direitos políticos.

De acordo com o art. 13 da Lei 9.504/97, é possível a substituição do candidato considerado inelegível, caso novo pedido seja apresentado até 10 dias contados do fato ou da notificação do partido da decisão judicial que deu origem à substituição.

Ele pode ainda entrar com recurso, que no caso terá efeito suspensivo, permitindo que ele continue a campanha até que haja uma decisão definitiva.

 

DOURADOS| Justiça Eleitoral indefere dezessete candidaturas a vereador no município

Com os seis que já tinham desistido da disputa, número de 225 concorrentes a 19 vagas na Câmara caiu para 202 candidatos

Com os seis que já tinham desistido da disputa, número de 225 concorrentes a 19 vagas na Câmara caiu para 202 candidatos

Dos 225 candidatos a vereador inscritos na Justiça Eleitoral para as eleições deste ano em Dourados, cidade a 233 km de Campo Grande, 23 já estão fora da corrida pelas 19 vagas na Câmara Municipal da segunda maior cidade de Mato Grosso do Sul.

O sistema do TSE (Tribunal Superior Eleitoral) para divulgação de candidaturas e contas eleitorais não detalha os motivos para indeferimento.

Além dos seis que já tinham desistido duas semanas após o início da eleição, outros 17 tiveram a candidatura indeferida pela Justiça Eleitoral. Outras três candidaturas ainda estão aguardando julgamento.

Dos 17 indeferidos, seis são da coligação Compromisso de Verdade, que tem como candidato a prefeito o deputado federal Geraldo Resende (PSDB): Odete Nasrallah (PDT), Antonio Hilário de Oliveira (SD), Maria Marcela Mac Leoud de Almeida (PSDB), Joana Luzia Batista Vazquez Banhara (PTB), Adilson Freitas Valdez, o Dil do Canaã (PSD), e Adão Francisco dos Santos (PTB).

Do Psol, que tem como candidato a prefeito o professor Ênio Ribeiro, foram indeferidas as candidaturas de Marlene de Andrade Cote, Maria Aparecida Xaves Costa e Erica Ferreira de Moraes.

Coligação de Délia 

Da coligação Por Amor a Dourados, que tem como candidata à prefeita a vereadora Délia Razuk (PR), foram indeferidas as candidaturas de Givaldo Aparecido Soares (PT do B), Michele dos Santos Moura (PSDC), Deniz Silva Figueredo (PSDC) e Camila Caetano Ferreira (PR).

Foram indeferidas também duas candidaturas da coligação Coragem para Mudar Dourados, que tem como candidato a prefeito o deputado estadual Renato Câmara (PMDB): Vilmar Oliveira Ferreira (PRP) e Eliane Marques da Silva de Azevedo (PPL).

A coligação Dourados Levado a Sério, que tem como candidato a prefeito Wanderlei Carneiro (PP), teve impugnadas as candidaturas de Jefferson Carlos dos Santos e de Heliton Matos Alves, os dois do PMN.


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

FIM DE TARDE
Diversos

Horário de verão entrará em vigor no próximo mês

O horário foi instituído pela primeira vez no Brasil através do Decreto Lei nº 20.466, em outubro de 1931, visando a economia de energia

No próximo mês os brasileiros terão que adiantar 1 hora nos relógios onde o Horário de Verão é aplicado. A medida foi instituída pela primeira vez no Brasil através do Decreto de Lei nº 20.466, de 1 de Outubro de 1931, estipulando o adiantamento do relógio em uma hora em todos os estados do território brasileiro. Atualmente, os estados da região Norte e Nordeste não participam do Horário de Verão.

Os relógios deverão sofrer alterações a partir da zero hora do dia 16 de outubro, devendo ser adiantados em 1 hora nos estados em que o Horário de Verão é válido. O encerramento do novo horário será na terceira semana do mês de fevereiro de 2017.

Veja quais são os estados onde é aplicado o horário:

• São Paulo

• Rio de Janeiro

• Espírito Santo

• Minas Gerais

• Paraná

• Santa Catarina

• Rio Grande do Sul

• Goiás

• Mato Grosso

• Mato Grosso do Sul

• Distrito Federal

Atualmente o horário de verão é aplicado em 30 países. A grande exceção são os países localizados na faixa equatorial, onde não existem variações de estações e o clima mantêm-se o mesmo em quase todo o ano. O horário de verão é adotado nesta estação pelo fato de os dias serem mais longos, devido à posição da Terra em relação ao Sol. Isso faz com que as luzes sejam acendidas mais tarde, e faz dessa medida uma forma eficiente de se economizar energia.


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)


Página selecionada de 1558 páginas.
Fotos

Nova pagina 2


Notícias

Segunda, setembro 26
· POLITICA
· FESTIBAI FOI SUCESSO
· CLEVERSON 22
· ACOBTECEU
· DA MANHÃ
Domingo, setembro 25
· DA HORA
· PESQUISA E PESQUISAS
· NOMES COMUNS
· POLICIA
· COLIRIO
· UFC
· CAFE DA MANHÃ
· AMAMBAI
· DA HORA 2
· DA HORA
Sábado, setembro 24
·
· VACINA
· POLICIA
· AMAMBAI 68
Sexta, setembro 23
·
· EDUCAÇÃO
· ATEARAM FOGO
· CASO BEUNO
· VACINAÇÃO
· CAMPO GRANDE
· NOVELA
· educação
· MEGA
· POLICIA
Quinta, setembro 22
· FATOS & FOTOS

 Calendario de Eventos
Setembro 2016
  1 2 3
4 5 6 7 8 9 10
11 12 13 14 15 16 17
18 19 20 21 22 23 24
25 26 27 28 29 30  

Eventos

 Hora Certa

 Amigos do Site!

Image and video hosting by TinyPic




RondPoint Web Services Web site powered by MEGAWEB