Menu
 Inicio
 Registro
 Administrador
 Menu
 Torpedos
 Downloads
 Enquete
 Galeria de Fotos
 Seus Links
 Recomende-nos
 Internet_TV
 Artigos
 Internet_Radio3
 Publicações
 Conteudos
 Album
 Estatística
 Fale Conosco

· Procurar

 Radio On
Ouça Agora:
Nenhuma opção foi escolhida



<a href=''>Play Nenhuma opção foi escolhida</a>

Abrir em janela pop-up

 Previsão

 Visitas
Até o momento, recebemos
7988926
vizualizações de páginas (page views) desde July 2007

 Apoios:




GRAZIELLE- A FORÇA DA MULHER
Diversos

Grazielle fala da força da mulher na política, das dificuldades e do novo desafio a partir de 2015

Foto: Valquíria Oriqui

Com quase 40 mil votos, a herdeira de Londres Machado, uma das principais lideranças políticas no Estado, entre as mulheres, foi a campeã de votos na disputa por vaga na Assembleia Legislativa.

Fã da poesia de Cecília Meireles, Grazielle usa versos da poetisa mineira para definir sua experiência eleitoral de âmbito regional. “Aprendi com as primaveras a deixar me cortar para voltar sempre inteira”.

Em entrevista exclusiva para o Jornal A Crítica, a vereadora se define como uma pessoa simples, familiar e dinâmica. Figura pública desde o seu nascimento, filha de Londres Machado, que disputa uma vaga como vice-governador de Mato Grosso do Sul, aos 23 anos entrou para a Câmara dos Vereadores e segue conquistando cada vez mais seu espaço na política sul-mato-grossense.

A Crítica - Quem é Grazielle Machado?

Grazielle Machado - Grazielle Machado é uma pessoa muito simples, mais família, gosta de ficar em casa, muito ligada a igreja, dinâmica que tenta se desdobrar entre ser uma boa política, uma boa mãe e uma boa esposa. Tento viver uma vida normal, mas já nasci numa vida pública. Nunca vivi uma vida diferente disso. Apesar de ser pública tento viver minha vida de forma simples, na simplicidade que eu posso viver.   

A Crítica - Única vereadora de Campo Grande que conseguiu se eleger como deputada estadual e teve a terceira maior votação com 39.374 votos. O que a população pode esperar da Deputada Estadual?

Grazielle Machado – Durante estes 10 anos de vida pública eu tentei imprimir uma identidade. Eu tive que primeiro quebrar o paradigma de ser somente a filha do Londres e criar meu brilho próprio e minha identidade. No último ano, em 2013 eu pude mostrar muito a população campo-grandense, à frente da presidência da Comissão de Orçamento e Finanças, onde fui a primeira mulher a presidir essa Comissão, na história de Campo Grande, que eu poderia ter garra, expressão, força e voz. A mulher carrega muito consigo a questão da sensibilidade, mas também tem a firmeza e a força dos posicionamentos. Então, Mato Grosso do Sul pode esperar uma deputada de posição.  

A Crítica - Acabamos de eleger a segunda senadora, a senhora acredita que o número de mulheres pode aumentar tanto na Câmara como na Assembleia?

Grazielle Machado – Acredito que o caminho está sendo trilhado. Tivemos desbravadoras para isso. Agora temos um aumento de cadeira de mulheres na Assembleia, temos uma senadora, e isso fortalece até a questão emocional para que as mulheres possam se engajar na política. 

A Crítica  - Ao que a senhora atribui um quadro escasso de mulheres na política sul-mato-grossense?

Grazielle Machado – Primeiro falta de apoio. Apoio político. E também tem a questão familiar. Para a mulher não é fácil, você tem que se desdobrar. Enquanto o homem político tem a  mulher que te dá o alicerce dentro de casa, cuidando dos filhos, a mulher política tem que exercer seu papel público político e ela continua se desdobrando no seu papel de cuidar de filhos, do esposo, se desdobrando na questão familiar. Então para a mulher é um papel duplo. E isso dificulta a participação da mulher na política.   

A Crítica – Uma pessoa jovem e tamanha responsabilidade, como a senhora administra essa função?

Grazielle Machado – Apesar de ser jovem eu assumo um lar político. Eu vivenciei muito essa questão das decisões políticas. A experiência que a Câmara dos Vereadores me deu sendo veterana, passando por quase todas as Comissões, presidindo importantes Comissões, estando num processo importante como foi o da cassação, me deu uma bagagem política. Essa experiência que me foi dada sobressai a questão da minha juventude. Eu adquiri essa experiência durante minha juventude. Entrei com 23 anos na Câmara Municipal e ao longo destes anos, através dos ensinamentos do deputado Londres Machado, que claro, como meu pai me instrui bastante, mas a experiência, a vivência e a prática da política diária me fizeram ter essa experiência que sobressai a juventude.     

A Crítica - A senhora vai seguir a mesma linha que seu pai?

Grazielle Machado – Eu sou muito do embate. Eu sou mais do posicionamento, de tribuna, das discussões. Meu pai é mais conciliador. É conhecido como conciliador. Eu acho e acredito que nós vivemos um momento em que o político não pode ser frio, ele tem que ser quente e ter posição. As pessoas não querem político nem de base nem de oposição, elas querem políticos de posição.

A Crítica – No que seu pai, Londres Machado, te influencia e influenciou?

Grazielle Machado – Principalmente na questão do relacionamento político. Da questão da convivência entre os políticos, de ter bom relacionamento entre as instituições, isso é muito importante para o político. Da questão de você ter uma boa relação não só com o executivomas com o Ministério Público, respeito ao Tribunal de Contas, respeito aos próprios colegas. Na Câmara Municipal graças a Deus nós conseguimos adquirir um respeito dos vereadores. Isso tudo veio de ensinamento. Durante todos esses anos Londres traz consigo muitos companheiros, principalmente dentro da política. Todos o respeitam, principalmente porque ele respeita o outro. E acho que falta isso dentro da política. E isso eu trago do meu pai.      

A Crítica  – A senhora sente que sofre comparações e uma cobrança maior por ser filha de Londres Machado?

Grazielle Machado – Atualmente não mais. Mas no passado já sofri demais. No primeiro ano de mandato foi muito difícil. As pessoas esperavam que eu tivesse a mesma característica que ele. E aos poucos eu fui imprimindo a política Grazielle. Eu sou muito mais do empate e acredito que ser filha do Londres ainda mesa. O Machado ainda pesa no meu nome. Mas acredito que a Grazielle já conseguiu o seu brilho próprio e se sobressair. E a nossa votação mostrou isso. Eu consegui ter uma votação maior do que do meu pai, sem o apoio físico do meu pai. Pois, ele sendo vice-governador eu não podia tê-lo caminhando ao meu lado. Então eu tive que carregar o Machado, mas a Grazielle teve que caminhar sozinha.  

A Crítica – Quais são seus projetos frente à Assembleia Legislativa?

Grazielle Machado – Vamos carregar a bandeira da mulher sempre. Das crianças. Vamos lutar muito na questão da segurança pública das fronteiras. Da questão dos indígenas, onde nós tivemos uma expressiva votação. Percorremos as aldeias e vimos de perto a questão dos índios. Vamos batalhar para o próximo governo já no primeiro semestre fazer uma pesquisa qualitativa para descobrirmos a vocação dos municípios. Muitos municípios, principalmente do norte e do sul do estado não têm ainda a vocação do seu município, diferente da região sudoeste por exemplo. Nosso estado é novo, nós precisamos, para determinar a vocação de cada município, precisamos ter em mãos um estudo técnico, para que possamos trazer indústrias, qualificar os jovens. Fazer o que foi feito em Três Lagoas, que é um município que trás muitas indústrias. Precisamos trazer para cada município essa descoberta de vocação.   

A Crítica - O que a senhora pretende fazer, resumidamente, nas áreas da educação, cultura, esporte e saúde?

Grazielle Machado – Vamos trabalhar primeiramente junto ao governo pela saúde descentralizada. Percorremos todos os municípios de Mato Grosso do Sul e vimos de perto que a saúde está um caos. Dourados e Campo Grande estão muito sobrecarregados. Muito deles não tem estrutura para atender. Por exemplo, Naviraí é um município que atende o Conesul, porém, não tem nem uma UTI. Precisamos rever essa questão. Educação: Nós precisamos valorizar os nossos professores da educação estadual. Precisamos aumentar os convênios para que possamos estar estruturando e qualificando-os em pós-graduação, mestrado, para que possam estar preparados não só para educar melhor mas para que tenham um salário melhor. Precisamos estar junto com Delcídio. A educação da escola integral, onde entra a cultura, uma segunda língua. Cultura não é somente show na praça, cultura vai além disso, cultura é teatro, é vídeo, livro. Vai além da música. Não desvalorizando a nossa música, mas querendo valorizar o folclore e a cultura de raiz, a cultura que está esquecida. Esporte laser e educação serão também movimentos fortes de debate no nosso mandato.     

A Crítica – Qual partido a senhora vai apoiar para governador do Estado?

Grazielle Machado – Partido da República está com Delcídio do Amaral  como vice Londres Machado.

A Crítica - Qual a possibilidade da senhora assumir alguma secretaria, como a da Mulher, por exemplo?

Gazielle Machado – Nenhuma. Mato Grosso do Sul me escolheu para ser deputada.

A Crítica - A senhora acredita que recebeu bastante voto das mulheres?

Grazielle Machado – Eu acredito que eu tive muito voto das mulheres. Gostaria, mas não tenho como saber. Até por conta da participação na campanha, nas reuniões, nas andanças, eu acho que passou a época onde mulher não votava em mulher. Antigamente era assim, existia até uma competição, hoje em dia mudou, as mulheres têm orgulho de ver a outra naquele posto a representando, porque sabe que não é fácil chegar até lá.    

A Crítica – Gostaria de deixar um recado para a população?

Grazielle Machado – Nós vamos fazer um mandato de excelência. Os sul-mato-grossenses irão se surpreender com o mandato de Grazielle Machado. Nós estaremos usando da nossa voz, usando do peso que Mato Grosso do Sul nos deu, da responsabilidade de ser a primeira mulher a  ser levada a Assembleia Legislativa com essa expressiva votação, o que nos aumenta a responsabilidade de estar representando e estar mais perto das pessoas. As pessoas precisam de políticos que estejam mais perto. Que os conheçam que gostem de gente e que conheçam o problema local. Não vamos fazer um mandato somente de gabinete, vamos fazer um mandato próximo aos municípios. Serei uma deputada municipalista. Não vamos esquecer nossas raízes, os municípios que nos trouxeram com uma votação expressiva dos quatro cantos do estado. Não vamos esquecer dos municípios. Vai ter uma deputada de garra de valor e principalmente honrando cada voto que nós tivemos, mas principalmente jamais esquecendo a história que o Londres Machado construiu. 


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

CAFE DA MANHÃ
Diversos

Depois de serem despejados e resistir, indígenas são atacados por fazendeiros em MS

Indígenas guarani-caiuás da Comunidade Tekoha Kurusu Amba, situada em Coronel Sapucaia, a 380 quilômetros da Capital, tiveram os barracos incendiados por fazendeiros neste domingo (12). Ordem da Justiça na segunda-feira (6) dá 20 dias para os indígenas se retirarem do local. Eles resistiram e de lá para cá eles sofreram ataques de fazendeiros da região.

Eliseu Lopes, liderança dos indígenas, garante que dois ataques já haviam acontecido antes: um tiro para o alto e um ataque aos barracos. “Não vamos sair, a terra é nossa por direito”, frisa. Os indígenas prometem permanecer. Após o terceiro ataque, 40 lideranças indígenas viajaram neste domingo para Brasília para tentar expor a situação à Presidência.

O caso

Depois da ordem da Justiça na segunda-feira (6), a Comunidade Tekoha Kurusu Amba anunciou na quarta-feira (8), na página oficial do Conselho Aty Guasu, no Facebook, que os indígenas não vão abandonar a área, retomada há 10 anos. De acordo com a carta divulgada pelo grupo, a decisão foi acordada entre indígenas de 250 comunidades.

"Nós decidimos recuperar um pedaço de nossa terra antiga e aqui estamos sobrevivendo e resistindo há 10 anos, e todos nós vamos resistir até a morte, decidimos morrer todos juntos e não iremos sair despejados de nossa terra antiga. Essa é a nossa decisão", garantem.

Segundo o coordenador regional do Cimi (Conselho Indigenista Missionário), Flávio Vicente Machado, cerca de 20 mil indígenas vivem nas regiões de fronteira. Ele explica que para esses povos, as condições são mais precárias se comparadas a outras comunidades.

"Nos últimos 4 anos houve um agravamento humanitário entre esses indígenas. Eles vivem na beira das rodovias, são expostos a situação de miséria e violência. Existe uma série de situações que os obrigam a tomar essa decisão", justificou.

Machado denuncia ainda que os povos tiveram os barracos queimados e foram feridos por funcionários de fazendeiros da região. "É um povo submetido à crise e trauma social. Registramos um assassinato a cada 12 dias e um suicídio a cada 7", destacou.

Vinte presos são transferidos para a Capital após rebelião em presídio superlotado

A rebelião no Estabelecimento Penal Máximo Romero, em Jardim, a 234 quilômetros da Capital, teve início na tarde de sábado (11) e foi contida por volta das 23 horas. Policiais de vários municípios trabalharam para estabilizar a situação e aguardaram a chegada do BPChoque (Batalhão de Polícia Militar de Choque) para entrarem nas celas. 

Durante a madrugada, 20 presos, considerados “líderes”, foram transferidos para o Presídio de Segurança Máxima de Campo Grande, escoltados pelo Bope (Batalhão de Operações Policiais Especiais). Durante a rebelião, houve danos materiais, uma parede foi quebrada e parte do presídio precisou ser interditada. Além disso, houve a queima de colchões, mas ninguém ficou ferido.

Rebelião

Em dia de visita, os presos aguardaram os familiares deixarem o local para atear fogo em colchões, controlado por equipe do Corpo de Bombeiros. Eles se recusavam a voltar para a celas e iniciaram a rebelião. Além da Polícia Militar de Jardim, atenderam a ocorrência policiais de Bela Vista, Caracol, Nioaque e Aquidauana.

Superlotação

O motivo da rebelião seria a superlotação: 120 detentos dividiam 6 celas em local com capacidade para 24 presos. O MPE (Ministério Público Estadual) e a Defensoria Pública de Jardim pediram em fevereiro a interdição do local, aceita parcialmente pela Justiça.

Na ocasião, a Defensoria classificou a situação dos presos como “insustentável” e alegou que a superlotação “coloca em risco a segurança dos detentos e da unidade". A Agepen (Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário) foi incumbida de cumprir determinações para diminuir a lotação no presídio

Para Azambuja, Delcídio terá “dor de cabeça” com denúncias de corrupção na Petrobras

Delcídio do PT esquiva-se de falar sobre as denúncias de corrupção na Petrobras

Para Reinaldo Azambuja (PSDB), as informações sobre o esquema de corrupção na Petrobras atingiram diretamente a candidatura do senador Delcídio do Amaral (PT) ao Governo de Mato Grosso do Sul por causa das citações de seu nome pelo ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa.

Delcídio, que antes acreditava que continuaria inabalável diante das denúncias, viu no dia 5 de outubro pequena diferença de votos entre ele e Reinaldo, de menos de 4 pontos percentuais dos votos válidos. Líderes tucanos atribuem a rejeição e a queda do favoritismo do petista à ausência de explicações das denúncias.

“Enquanto ele tenta se esquivar de dar explicações, o Costa falou o nome dele, mostrou como era a operação desse esquema absurdo de corrupção”, declara Azambuja, que diz, ainda, que ao invés de esclarecer, Delcídio cria fatos “mentirosos” para desviar o foco da população sul-mato-grossense. “Essa é a velha política deles, tentam criar fatos que não existem. Mas, se não se explicar, (Delcídio) vai ter muita dor de cabeça por aí”, analisa.

Diante da crise, Delcídio dispensou Pedro Chaves (PSC) do cargo de coordenador de campanha na Capital e apelou para Zeca do PT, de quem, nos bastidores, é desafeto. No entanto, Zeca foi o deputado federal mais bem votado, com mais de 160 mil votos, e pode atrair eleitores para Delcídio.

A reportagem, de Zana Zaidan, está na edição desta segunda-feira do Jornal Correio do Estado.


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

DA NOIYE
Diversos

Mulher engravida de anão na sua despedida de solteira

 

Espanhola engravida de anão na sua despedida de solteira

Uma mulher que contratara um stripper anão para a sua despedida de solteira em Valencia (Espanha) acabou engravidando dele, segundo reportagem do site "Las Cinco del Dia". 

O caso foi revelado depois que nasceu o bebê e ficou claro que ele não era do marido. A criança apresentava nanismo. 

"As amigas mais próximas e os parentes não sabiam que ela tinha feito sexo com o stripper", afirmou o site. "Mas, com a criança no colo, ela desabou e teve que confessar", acrescentou. 

Não foi informado o que aconteceu ao casal após a revelação.

Horário de verão começa no próximo dia 19 em dez estados

 

 

O horário de verão começa à 0h do próximo dia 19, quando os relógios devem ser adiantados uma hora em todos os Estados das regiões Centro-Oeste, Sul e Sudeste do Brasil. A medida vai vigorar até 22 de fevereiro de 2015.

O principal objetivo do horário de verão é aliviar as redes de transmissão de energia nos períodos do dia em que o consumo é mais intenso, principalmente das 19h às 21h. No último horário de verão, porém, que terminou em fevereiro deste ano, o forte calor e o uso do ar-condicionado reduziram a economia.

Na região da CPFL, com 301 municípios e 7,2 milhões de clientes, a economia de energia foi de 110 GWh, 30,54% menor que os 158 GWh poupados no horário de verão anterior ­entre 2012 e 2013. Já na área da Nacional, que atende 15 cidades, a redução na economia foi de 3,7% (de 0,80GWh para 0,77 GWh).

Desde 2008, um decreto presidencial estabelece datas fixas para o início e término do horário de verão. Antes, anualmente, era publicado um decreto para definir o período da mudança.

De acordo com o decreto, a mudança no horário ocorrerá, todos os anos, no terceiro domingo de outubro e terminará no terceiro domingo de fevereiro. Quando a data coincide com o domingo de Carnaval, como ocorrerá nesta edição, o final do horário de verão é transferido para o próximo domingo.

Latino deve mais de R$ 300 mil de pensão a bebê de um ano

 

A advogada Gláucia Deneno, de 36 anos, briga por pensão alimentícia de mais de R$ 300 mil, para seu bebê de um ano e 10 meses, devidos pelo cantor Latino, de acordo com entrevista ao jornal Extra.

A filha de Latino foi reconhecida após um exame de DNA. Ao jornal, a advogada revela que fez o exame ainda grávida e que ela mesma pagou pelo exame para agilizar o processo. Latino e Gláucia viveram o affair quando o cantor já estava com Rayanne Morais, hoje sua mulher. A advogada conta ainda na entrevista que Latino depositou R$ 8 mil na conta dela para ajudar no parto. Glaucia não tinha plano de saúde e precisou da ajuda de Latino para pagar o hospital durante o parto.

Após o pagamento do parto, Latino não ajudou mais seu bebê de quase dois anos. Glaucia revela ainda que era empresária e teve que vender o negócio após a gravidez. Por isso, hoje tem dificuldade financeira. A família da advogada mora em Minas Gerais e ela não tem com quem deixar a filha recém-nascida. A advogada fala na entrevista que Latino nem quis conhecer a filha. 


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

POLITICA
Diversos

Marina anuncia: "Votarei em Aécio e o apoiarei"

Divulgação

Marina Silva, que ficou em terceiro lugar na disputa pela Presidência da República pelo PSB, anunciou nesta manhã de domingo em São Paulo que vai apoiar no segundo turno o candidato do PSDB, Aécio Neves. "Alternância de poder fará bem ao Brasil", disse. Antes de fazer o anúncio, Marina agradeceu "a Deus e ao povo brasileiro" e declarou: "Prefiro ser criticada lutando por aquilo que acredito ser o melhor para o Brasil, do que me tornar prisioneira do labirinto da defesa do meu interesse próprio, onde todos os caminhos e portas que percorresse e passasse, só me levariam ao abismo de meus interesses pessoais". No primeiro turno, ela obteve 22.176.619 votos (21,32% dos válidos).

Sérgio Reis abre mão de regalias políticas

 

 

O cantor Sérgio Reis foi eleito deputado federal, por São Paulo, com 45.330 votos – pelo PRB. Ele, claro, está feliz da vida. À coluna, ele confessou estar consciente sobre o desafio que terá pela frente. Mas está animado. “O grande problema é que tem muita gente que está no poder e esquece que está representando um grupo de pessoas, uma nação. E daí eles só se preocupam em ganhar benefícios. Eu tenho nojo disso”, disse.  

Sendo assim, Sérgio resolveu dispensar os serviços de aluguel de apartamento, carro e manobrista. “Já estou providenciando um carro para mandar para lá. E eu mesmo vou dirigir. Para que eu vou precisar de uma manobrista? Eu só quero fazer o meu trabalho e voltar para casa”, diz. 

Entre os projetos, Sérgio diz que quer investir em hospitais e também beneficiar os aposentados. “O público tem tanto carinho por mim. Eu quero tentar fazer algo para retribuir. Por isso resolvi aceitar entrar na política”, explica ele, que vai conciliar a agenda política com a carreira de cantor. “Eu não abro mão da música, de jeito algum.” 

Sobre a saúde, Sérgio, que recentemente ficou internado e passou por um cateterismo, diz estar 100% e pronto para enfrentar Brasília. “Não vejo como uma guerra, eu encaro como um grande desafio. Que eu encontre bons aliados por lá e pessoas que pensem como eu, em busca de justiça”, discursa.

Bolivianos votam e devem dar terceiro mandato a Morales
 
 
 
Os bolivianos votam neste domingo no pleito que deve dar o terceiro mandato consecutivo ao presidente Evo Morales, um ex-plantador de coca que promete consolidar as reformas de esquerda que ampliaram o papel do Estado numa economia em crescimento.

Numa zona eleitoral em La Paz, os eleitores formavam desde cedo fila para votar. Os policiais patrulhavam em grande número as ruas. A votação começou pontualmente às oito da manhã. Nas zonas rurais, houve relatos de grandes atrasos, porém.

O apelo popular de Morales e os gastos cautelosos dos recursos do gás em ações sociais, estradas e escolas deram amplo apoio ao presidente de 54 anos, num país marcado por golpes e instabilidade política.

"Votei no Morales", disse Flavia Nuñez, 50 anos, auxiliar de escritório. "Esses outros candidatos de direita vão nos levar de volta no tempo. Eu não quero isso".

Morales, primeiro líder boliviano da etnia Aymara, vota na região onde cultivou coca na juventude. Ele fez um apelo para que os seis milhões de eleitores votassem e mostrassem "a unidade do país".

Nos seus outdoors de campanha, o slogan é "Com Evo estamos indo bem".

As pesquisas de opinião mostram Morales vencedor no primeiro turno com 60 por cento dos votos.

Se vencer, Morales, que prega contra o capitalismo, mas recebe elogios de Wall Street por manter o superávit fiscal, pode se tornar o presidente boliviano por mais tempo no poder.

Desde que assumiu o cargo, em 2006, ele presidiu por um período de oito anos de crescimento econômico acima dos cinco por cento, nacionalizando indústrias como gás e usando os recursos para financiar o seu "socialismo indígena". O número de bolivianos vivendo em extrema pobreza caiu no período.

 


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

NOTICIAS DA NOITE
Diversos

Carro com três crianças capota após condutor perder o controle por discutir com a mulher

 

Um Uno, de placa HQJ 7949, capotou com três crianças dentro depois de o condutor perder o controle do veículo por discutir com a mulher, na estrada do Inferninho, na MS-040, em Campo Grande.

E. de A. S., de 29 anos, dirigia o veículo, acompanhado de sua mulher e filhos de um amigo. Eles estavam nas cachoeiras da região e, segundo testemunhas, o casal estaria embriagado.

Populares relataram que o casal teria começado a discutir e E. bateu e subiu em barranco, e capotou. O carro foi parar há alguns metros do local.

Apesar do capotamento, não houve feridos. O Corpo de Bombeiros atendeu as crianças, que estavam bem abaladas, e as encaminhou para a UPA Coronel Antonino.

Luiz Alberto

Rapaz é preso por tentar matar o tio com foice e diz que quando sair mata no mesmo dia

Um rapaz, de 27 anos, tentou matar o próprio tio a golpes de foice, durante a manhã deste domingo, em Coxim, distante 256 quilômetros de Campo Grande. Os golpes chegaram a atingir o pescoço e a mão da vítima, que acionou a PM (Polícia Militar).

De acordo com a vitima, o sobrinho Ueskler Lucio da Silva chegou a casa por volta das 10h45, visivelmente alterado. Após fazer ameaças, Silva pegou uma foice e começou a golpear o tio, de 37 anos.

Para tentar se defender a vítima segurou a arma e acabou sofrendo um corte profundo na mão, em seguida foi atingido por outro golpe no pescoço, o que causou um ferimento leve. Após o crime Silva fugiu do local. Segundo a vítima, o sobrinho é alcoólatra e usuário de drogas.

A PM foi acionada e enquanto conversava com a vítima Ueskler voltou à casa, onde foi preso em flagrante e encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil do município. Durante todo o caminho, o jovem ameaçava o tio e falava que se fosse liberado mataria ele no mesmo dia.

Corredor morre durante a Volta das Nações

Fotos Divulgação Fiems e Guilherme Pimentel/O Estado MS/Reprodução

Um homem morreu nesta manhã de domingo de parada cardíaca ao participar da Volta das Nações, evento que reúne atletas profissionais e amadores em Campo Grande como parte das comemorações do aniversário de Mato Grosso do Sul promovido pela Fiems por meio do Sesi em parceria com a TV Morena. Juliano Batista, de 30 anos, que veio de Várzea Grande (MT) só para participar do evento, passou mal durante a corrida da meia-maratona faltando 500 metros para concluir o percurso, próximo ao cruzamento das avenidas Hiroshima e Mato Grosso. Uma equipe de socorristas do Serviço de Atendimento Médico de Urgência (Samu) tentou reanimar Batista, que não resistiu. O Sesi e a TV Morena lamentaram o ocorrido em nota divulgada há pouco.

Leia a íntegra

 
"NOTA DE ESCLARECIMENTO
 
O Sesi e a TV Morena lamentam a fatalidade ocorrida na data de hoje (12/10) durante a Meia-Maratona Internacional do Pantanal Volta das Nações, quando o participante da prova de 21 km, Juliano Batista, 30 anos, de Várzea Grande (MT), sofreu uma parada cardiorrespiratória e veio a óbito quando percorria o trecho da Avenida Hiroshima, próximo ao cruzamento com a Avenida Mato Grosso. A organização informa que o participante foi imediatamente atendido por três ambulâncias e ressalta que a garantia de assistência médica sempre foi prioridade desde a primeira edição da prova em 2009. A organização tomou as devidas providências e continuará prestando o apoio necessário à família em decorrência desta fatalidade."

Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

MAIS LIDAS
Diversos
FOTOS & FATOS
Diversos

Pedro JUN  tem muitas garotas linda

Recepcionista da    Camara Municiál de Amambai

Vice prefeito de Amambai DR. BANDEIRA, DEPUTADA MARA CASEIRO  e prefeito SERGIO BARBOSA

VEREADORES FERNANDO E VALTER BRITO

GILMAR VICENTIM AGRADECE A POPULAÇÃO DE AMAMBAI QUE VOTARAM EM SEUS CANDIDATOS BETO PEREIRA E DAGOBERTO NOGUEIRA ELEITOS DEPUTADOS

Horário de verão começa no dia 19 em Mato Grosso do Sul

O horário de verão começa a partir do dia 19 deste mês e adiantará em uma hora os relógios dos estados de Mato Grosso do Sul, São Paulo, Rio de Janeiro, Espírito Santo, Minas Gerais, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, Goiás, Mato Grosso e no Distrito Federal. O motivo é estimular a economia de energia elétrica.

A medida economizou R$ 405 milhões entre 2013 e 2014, segundo os dados divulgados pelo Operador Nacional do Sistema Elétrico. O horário de verão diminui o uso de termelétricas e hidrelétricas que abastecem todo o território nacional, utilizando mais a luz natural dos dias mais longos da estação.

Desde 2008, um decreto determina que o início da temporada de economia comece no terceiro domingo do mês de outubro, seguindo até o terceiro domingo de fevereiro seguinte.

Foto: Achei lindo! 
Isso é para as avós mais lindas e corujas que eu conheço!!!

Foto

ELEITOS
Diversos

Confira a lista dos novos deputados estaduais de Mato Grosso do Sul


Com 100% das urnas apuradas, o TSE (Tribunal Superior Eleitoral) divulgou o nome dos candidatos que vão ocupar um das 24 cadeiras da Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul.

São eles: Marquinhos Trad (PMDB), Paulo Corrêa (PR), Grazielle Machado (PR), Renato Câmara (PMDB), Junior Mocchi (PMDB), Zé Teixeira (DEM), Eduardo Rocha (PMDB), Angelo Guerreiro (PSDB), Professor Rinaldo (PSDB), Felipe Orro (PDT), Beto Pereira (PDT), Flavio Kayatt (PSDB), Onevan de Matos (PSDB), Lidio Lopes (PRTB), Mara Caseiro (PT do B), Márcio Fernandes (PSDB), Mauricio Picarelli (PMDB), Antonieta Amorim (PMDB), Barbosinha (PRTB), Cabo Almi (PT), João Grandão (PT), Amarildo Cruz (PT), Pedro Kemp (PT) e Dr. George Takimoto (PDT)

Os cinco primeiros mais votados foram Marquinhos Trad, com 47.015 votos (3,58%), Paulo Corrêa, com 39.540 (3,01%), Grazielle Machado com 39.374 (3,%), Renato Câmara, com 36.903 (2,81%) e Junior Mocchi, com 35.297 (2,69%).

Dos candidatos que buscavam a reeleição apenas Laerte Tetila, com 15.459 votos e Lauro Davi, com 9.534, não garantiram novo mandato.

 

FEDERAIS

Por volta das 19h20 deste domingo (5), dia de Eleições Gerais em todo o Brasil, Mato Grosso do Sul elegeu oito deputados federais.

Conheça os nomes que representarão o Estado em Brasília, na Câmara Federal, segundo dados do TRE/MS (Tribunal Regional Eleitoral) :

Zeca do PT

Carlos Marun (PMDB)

Geraldo Resende (PMDB)

Tereza Cristina (PSB)

Vander Loubet (PT)

Luiz Henrique Mandetta (DEM)

Márcio Monteiro (PSDB)

Dagoberto Nogueira (PROS)


CARTAZ PATROCINIO E ATRAÇÕES 2014

Brasil adotará modelo de placa do Mercosul a partir de 2016 Em vez de três letras e quatro números, serão quatro letras e três números.

 

Os países membros do Mercosul (Brasil, Argentina, Uruguai, Paraguai e Venezuela) terão um modelo único de placas, apresentado nesta quarta-feira (8) em Buenos Aires.

Segundo o Itamaraty, a medida terá "implantação gradual" no Brasil. Assim, a partir de 1º de janeiro de 2016 a nova placa será obrigatória nos "veículos novos em seu primeiro emplacamento e sobre veículos objeto de transferência de propriedade ou de local de emplacamento". Mas, de acordo com o Ministério das Cidades, veículos já emplacados não serão obrigados a trocar o mecanismo.

O objetivo, diz o Itamaraty em nota, é "facilitar a circulação e a segurança no trânsito entre os países do bloco, contribuindo, por exemplo, para uma melhor fiscalização aduaneira e migratória".

Em comunicado, o Ministério das Relações Exteriores argentino disse que "a patente única, de uso obrigatório para os veículos dos cinco países, começará a ser implementado em breve, já que para o caso da Argentina, as combinações alfanuméricas do sistema atual de patentes se esgotarão em 2015".

O novo modelo foi definido aos moldes das placas de países da União Europeia. De fundo branco e caracteres de cor preta, a placa terá no alto uma faixa horizontal azul, com o símbolo do Mercosul e o nome e bandeira do país membro do bloco.

 


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

F1
Diversos

Hamilton leva primeiro GP da história da Rússia; Massa fica fora dos pontos

Lewis Hamilton recebe o troféu de vencedor do GP da Rússia das mãos do presidente Vladimir Putin (Foto: Reuters)

Antes da corrida, os pilotos da Fórmula 1 se uniram na reta principal do novíssimo circuito de Sochi para uma corrente de oração pela recuperação do colega Jules Bianchi, da Marussia, internado em estado grave desde o acidente no Japão, no domingo passado. Mas assim que as luzes vermelhas se apagaram para o primeiro GP da história da Rússia, passou a ser cada um por si. 

E quem levou a melhor foi Lewis Hamilton, que chegou à nona vitória na temporada, seu 31º triunfo na carreira, igualando-se a Nigel Mansell como o sexto maior vencedor da categoria. Nico Rosberg completou a dobradinha da Mercedes, que garantiu o título antecipado do Mundial de Construtores para as Flechas de Prata. Companheiro de Felipe Massa na Williams, Valtteri Bottas completou o pódio com mais uma boa atuação. Já o brasileiro, que largou em 18º após ter problemas no motor na classificação de sábado, fez uma corrida de recuperação, mas não conseguiu entrar na zona de pontuação, terminando em 11º. Assista aos melhores momentos no vídeo acima.

Hamilton, F1 GP da Russia em Sochi (Foto: AP)Lewis Hamilton vence o primeiro GP da história da Rússia (Foto: AP)


Com o resultado, Hamilton chegou aos 291 pontos e abriu 17 de vantagem para Rosberg. Confira a classificação completa. Ainda há 100 pontos em jogo nas três corridas restantes para o fim da temporada - GP das EUA (02/11), GP do Brasil (09/11) e GP de Abu Dhabi (23/11), que vale pontuação dobrada.

Logo na largada, Rosberg mostrou que estava determinado a desbancar o parceiro de Mercedes. Mas o alemão se precipitou, fritou os pneus ao dar o bote na curva 2, teve que devolver a posição para Hamilton e ainda precisou parar nos boxes logo no fim da primeira volta. Sem o principal rival, o inglês não teve dificuldades para administrar a vitória. Depois de cair para o fim do pelotão, Nico levou os pneus médios até o fim, protagonizando uma bela corrida de recuperação para chegar em segundo. 

Nico Rosberg fritou pneus ao dar o bote em Lewis Hamilton na primeira volta do GP da Rússia (Foto: Getty Images)Nico Rosberg fritou pneus ao dar o bote em Lewis Hamilton na primeira volta do GP da Rússia (Foto: Getty Images)


Felipe Massa também adotou uma tática semelhante à de Rosberg, parando no fim da primeira volta e tentando fazer apenas uma pit stop, só que com compostos macios. O brasileiro chegou a escalar o grid junto com o alemão, mas ficou preso atrás de Sergio Pérez (Force India) e optou por mais uma visita aos boxes. E o mexicano foi uma verdadeira pedra no sapato para o piloto da Williams. Nas voltas finais, o brasileiro voltou a ser bloqueado por Checo e não conseguiu entrar na zona de pontuação.

A McLaren foi um dos grandes destaques do fim de semana. Com uma corrida sólida, Jenson Button terminou em quarto, acompanhado por Kevin Magnussen, que largara em 11º. Já a STR acabou sendo a decepção do dia. Fernando Alonso (Ferrari), Daniel Ricciardo (RBR), Sebastian Vettel (RBR) e Kimi Raikkonen (Ferrari) vieram na sequência. Para tristeza da torcida russa que lotou as arquibancadas de Sochi, o único representante do país no grid não conseguiu manter o ótimo quinto lugar no grid, e foi despencando até cruzar em 14º, atrás do outro carro do time, de Jean-Eric Vergne.

Massa volta a ficar preso em Pérez

A prova prosseguiu com poucas mudanças nas primeiras posições. Nas voltas finais, Massa teve pela frente, mais uma vez, Pérez na tentativa de entrar na zona de pontuação. Lá na frente, com tranquilidade, o inglês cruzou a linha de chegada para a vitória, com 13s de vantagem sobre Nico. Bottas, Button e Magnussen completaram os cinco primeiros. Alonso, Ricciardo, Vettel, Kimi e Pérez fecharam o top 10.


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

12 DE OUTUBRO
Diversos

12 de Outubro - Dia das Crianças

O Brasil sediou em 1923 um evento: o 3º Congresso Sul-Americano da Criança, que aconteceu no Rio de Janeiro. Aproveitando a data, no ano seguinte, um deputado chamado Galdino do Valle Filho propôs a criação de uma lei federal para instituir um dia dedicado às crianças. O dia escolhido foi o 12 de outubro. Os deputados aprovaram e o presidente da época, chamado Arthur Bernardes, instituiu a comemoração por meio do decreto nº 4867, de 5 de novembro de 1924.

A princípio, a data não era comemorada. Mas anos depois, em 1955, uma empresa fabricante de brinquedos fez uma campanha de propaganda para aumentar as vendas dos seus produtos e usou essa data como base. A estratégia deu certo e nos anos seguintes muitas lojas e empresas aderiram ao dia para alavancar os lucros.

No mundo inteiro, vários países celebram, em dias diferentes, homenagens para as crianças. Na Índia, é 15 de novembro. Em Portugal e Moçambique, dia 1º de junho. Dia 5 de maio, é na China e no Japão.

Mas também há um Dia Universal da Criança. A data, escolhida pelo Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF), é 20 de novembro, por causa da aprovação da Declaração dos Direitos das Crianças nesse dia, no ano de 1959.

Essa declaração diz que toda criança deve ter proteção e cuidados especiais antes e depois do nascimento.

Curiosidade

No Brasil, o dia 12 de outubro também é dedicado à homenagem à Nossa Senhora Aparecida, considerada pelos católicos como padroeira do país. Ela é chamada assim porque sua imagem apareceu na rede de pescadores no rio Paraíba, depois de rezarem a Deus pedindo por peixes, já que haviam tentado por muito tempo, sem conseguir nada. Primeiro, apareceu a imagem sem a cabeça. Na segunda vez que lançaram a rede, apareceu a cabeça. Depois disso, eles pescaram tantos peixes que quase afundaram o barco.

Além disso, a data também lembra o Descobrimento da América, por Cristóvão Colombo. Ele teria chegado à uma ilha das Bahamas neste dia no ano de 1492 pensando ter descoberto um novo caminho para as Índias.

Nossa Senhora da Conceição Aparecida

NS Aparecida.png

Nossa Senhora da Conceição Aparecida, popularmente chamada deNossa Senhora Aparecida, é a padroeira do Brasil3 . Venerada na Igreja Católica.1 Um título mariano negro, Nossa Senhora Aparecida é representada por uma pequena imagem de terracota da Virgem Mariaatualmente alojada na Basílica de Nossa Senhora Aparecida, localizada na cidade de Aparecida, em São Paulo.

Sua festa litúrgica é celebrada em 12 de outubro, um feriado nacional no Brasil desde 1980, quando o Papa João Paulo II consagrou a Basílica, que é o quarto santuário mariano mais visitado do mundo,4 capaz de abrigar até 45.000 fiéis.2

Há duas fontes sobre o achado da imagem, que se encontram no Arquivo da Cúria Metropolitana de Aparecida (anterior a 1743) e no Arquivo da Companhia de Jesus, em Roma: a história registrada pelos padres José Alves Vilela, em 1743, e João de Morais e Aguiar, em 1757, cujos documentos se encontram no Primeiro Livro de Tombo da Paróquia de Santo Antônio de Guaratinguetá.5

Segundo os relatos, a aparição da imagem ocorreu na segunda quinzena de outubro de 1717, quando Dom Pedro de Almeida, conde de Assumar e governante da capitania de São Paulo e Minas de Ouro, estava de passagem pela cidade deGuaratinguetá, no vale do Paraíba,1 6 durante uma viagem até Vila Rica.7 8

O povo de Guaratinguetá decidiu fazer uma festa em homenagem à presença de Dom Pedro de Almeida e, apesar de não ser temporada de pesca, os pescadores lançaram seus barcos no Rio Paraíba com a intenção de oferecerem peixes ao conde.1 6 Os pescadores Domingos Garcia, João Alves e Filipe Pedroso rezaram para a Virgem Maria e pediram a ajuda de Deus.1 6 Após várias tentativas infrutíferas, desceram o curso do rio até chegarem ao Porto Itaguaçu.8 Eles já estavam a desistir da pescaria quando João Alves jogou sua rede novamente, 1 6 em vez de peixes, apanhou o corpo de uma imagem da Virgem Maria, sem a cabeça.1 6 Ao lançar a rede novamente, apanhou a cabeça da imagem,1 6 que foi envolvida em um lenço.7 Após terem recuperado as duas partes da imagem, a figura da Virgem Aparecida teria ficado tão pesada que eles não conseguiam mais movê-la.2 A partir daquele momento, os três pescadores apanharam tantos peixes que se viram forçados a retornar ao porto, uma vez que o volume da pesca ameaçava afundar as embarcações.9 Este foi a primeira interceção atribuida à santa.6

Início da devoção[editar | editar código-fonte]

Durante os quinze anos seguintes a imagem permaneceu na residência de Filipe Pedroso, onde as pessoas da vizinhança se reuniam para orar.8 10 A devoção foi crescendo entre o povo da região e muitas graças foram alcançadas por aqueles que oravam diante da santa.8 A fama de seus supostos poderes foi se espalhando por todas as regiões do Brasil.8Diversas vezes as pessoas que à noite faziam diante dela as suas orações, viam luzes de repente apagadas e depois de um pouco reacendidas sem nenhuma intervenção humana. Logo, já não eram somente os pescadores os que vinham rezar, mas também muitas outras pessoas das vizinhanças. A família construiu um oratório no Porto de Itaguaçu, que logo tornou-se pequeno para abrigar tantos fiéis.8 10

Assim, por volta de 1734, o vigário de Guaratinguetá construiu uma capela no alto do morro dos Coqueiros, aberta à visitação pública em 26 de julho de 17458 10 . A capela foi erguida com a ajuda do filho de Filipe Pedroso, que não aprovava o local escolhido, pois considerava mais cômodo para os fiéis uma região próxima ao povoado.11

Há relatos não confirmados de que no dia 20 de abril de 1822, em viagem pelo Vale do Paraíba, o então Príncipe Regente do Brasil, Dom Pedro I e sua comitiva, visitaram a capela e conheceram a imagem de Nossa Senhora Aparecida.

O número de fiéis não parava de aumentar e, em 1834, foi iniciada a construção de uma igreja maior (a atual Basílica Velha),8 sendo solenemente inaugurada e benzida em 8 de dezembro de 1888.12 13

Coroa de ouro e o manto azul[editar | editar código-fonte]

Em 6 de novembro de 1888, a princesa Isabel visitou pela segunda vez a basílica e ofertou à santa, em pagamento de uma promessa (feita em sua primeira visita, em 8 de dezembro de 1868), uma coroa de ouro cravejada de diamantes e rubis, juntamente com um manto azul, ricamente adornado.

Chegada dos missionários redentoristas[editar | editar código-fonte]

Em 28 de outubro de 1894, chegou a Aparecida um grupo de padres e irmãos da Congregação dos Missionários Redentoristas, para trabalhar no atendimento aos romeiros que acorriam aos pés da imagem para rezar com a Senhora "Aparecida" das águas.

Coroação da imagem[editar | editar código-fonte]

A 8 de setembro de 1904, a imagem foi coroada com a riquíssima coroa doada pela Princesa Isabel e portando o manto anil, bordado em ouro e pedrarias, símbolos de sua realeza e patrono. A celebração solene foi dirigida por D. José Camargo Barros, com a presença do núncio apostólico, muitos bispos, o presidente da República Rodrigues Alves e numeroso povo. Depois da coroação o Santo Padre concedeu ao santuário de Aparecida mais outros favores: ofício e missa própria de Nossa Senhora Aparecida, e indulgências para os romeiros que vêm em peregrinação ao Santuário.

Instalação da basílica[editar | editar código-fonte]

No dia 29 de abril de
Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)


GIRO DE NOTICIAS
Diversos

Vinte presos são transferidos para a Capital após rebelião em presídio superlotado

 

A rebelião no Estabelecimento Penal Máximo Romero, em Jardim, a 234 quilômetros da Capital, teve início na tarde de sábado (11) e foi contida por volta das 23 horas. Policiais de vários municípios trabalharam para estabilizar a situação e aguardaram a chegada do BPChoque (Batalhão de Polícia Militar de Choque) para entrarem nas celas. 

Durante a madrugada, 20 presos, considerados “líderes”, foram transferidos para o Presídio de Segurança Máxima de Campo Grande, escoltados pelo Bope (Batalhão de Operações Policiais Especiais). Durante a rebelião, houve danos materiais, uma parede foi quebrada e parte do presídio precisou ser interditada. Além disso, houve a queima de colchões, mas ninguém ficou ferido.

Rebelião

Em dia de visita, os presos aguardaram os familiares deixarem o local para atear fogo em colchões, controlado por equipe do Corpo de Bombeiros. Eles se recusavam a voltar para a celas e iniciaram a rebelião. Além da Polícia Militar de Jardim, atenderam a ocorrência policiais de Bela Vista, Caracol, Nioaque e Aquidauana.

Superlotação

O motivo da rebelião seria a superlotação: 120 detentos dividiam 6 celas em local com capacidade para 24 presos. O MPE (Ministério Público Estadual) e a Defensoria Pública de Jardim pediram em fevereiro a interdição do local, aceita parcialmente pela Justiça.

Na ocasião, a Defensoria classificou a situação dos presos como “insustentável” e alegou que a superlotação “coloca em risco a segurança dos detentos e da unidade". A Agepen (Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário) foi incumbida de cumprir determinações para diminuir a lotação no presídio.

Ladrão coloca arma na cabeça de criança após invadir casa em cidade de MS

Aumentar texto Diminuir texto

Wendy Tonhati

Dois homens foram presos na tarde deste sábado (11), após roubarem uma família em Maracaju, a 162 quilômetros de Campo Grande. De acordo com o boletim de ocorrência, um dos ladrões invadiu a casa, ameaçou os moradores e colocou uma arma na cabeça de mãe e filha. ´

As vítimas relataram aos policiais que por volta das 9h20, um homem entrou na casa armado com uma arma de fogo e anunciou o assalto. O comparsa ficou do lado de fora, dando apoio.

Os homens foram identificados como Arsênio Espindola Cardoso, de 32 anos, e Ricardo dos Santos Bagetti, de 30 anos. Bagetti teria exigido que as vítimas entregassem as chaves de uma caminhonete que estava estacionada na frente da residência.

Duas vítimas tentaram fugir e acionaram a Polícia Militar pelo telefone. Nesse momento, o criminoso derrubou uma mulher e a filha criança no chão e colocou a arma na cabeça das duas. O suspeito exigiu que a chave do carro fosse entregue a vítima entregou a chave de outro veículo.

Eles não conseguiram ligar o veículo, ficaram nervosos e fugiram a pé. A dupla foi localizada pela PM, que realizava buscas pela cidade. Com Bagetti ainda foi encontrado uma pistola calibre 380.

O caso foi registrado como tentativa de roubo majorado pelo concurso de pessoas.

Coligação de Reinaldo vai acionar Justiça contra Delcídio por ‘mentiras’ em propaganda

Aumentar texto Diminuir texto

Juliene Katayama

Mal começou o horário eleitoral gratuito na televisão no segundo turno e a Coligação “Novo Tempo”, do candidato ao governo Reinaldo Azambuja (PSDB), vai recorrer à Justiça Eleitoral contra inserções do adversário Delcídio do Amaral (PT) por causa de “novas mentiras”.

Segundo nota do PSDB, a Coligação “Novo Tempo” tomará medidas judiciais contra jogo sujo de petista. “Como era esperado, a candidatura de Delcídio do PT e Londres Machado iniciou o segundo turno em desespero e praticando o jogo sujo, as mentiras e calúnias contra o candidato a governador Reinaldo Azambuja”

Confira os quatro pontos esclarecidos pela Coligação “Novo Tempo”:

1 – Delcídio do PT mente à população de Mato Grosso do Sul, em inserções nos canais de TV, quando diz que Reinaldo não foi aprovado como prefeito de Maracaju.

2 – A verdade é que Reinaldo teve as suas contas da Prefeitura de Maracaju aprovadas pelo Tribunal de Contas, fato comprovado pelas certidões negativas.

3 – O corpo jurídico da Coligação tomará todas as medidas judiciais cabíveis contra a estratégia suja e mentirosa da candidatura de Delcídio do PT.

4 - Voltamos a pedir que os órgãos de imprensa e a sociedade civil de MS fiquem atentos ao jogo sujo das mentiras, calúnias e ataques infundados que Delcídio do PT e sua coligação continuarão a destilar neste segundo turno das eleições, em claro desespero eleitoral e moral.

Propaganda de Delcídio parte para ofensiva a Reinaldo, que mantém linha do 1º turno

Aumentar texto Diminuir texto

Waldemar Gonçalves

O primeiro programa eleitoral gratuito dos candidatos ao governo estadual, na disputa pelo segundo turno, foi marcado pela ofensiva de Delcídio do Amaral (PT) sobre o adversário, Reinaldo Azambuja (PSDB). O tucano, por sua vez, usou material já veiculado no primeiro turno, focando a própria história de vida, em tom emotivo e popular.

Delcídio, mais votado no primeiro turno, apresentou primeiro o programa, neste sábado (11). Falou de programas federais, citando que eles precisam continuar em execução, e elencou projetos encaminhados pelo candidato, enquanto senador, em Mato Grosso do Sul, sob o slogan “só foi possível com Delcídio”.

Na segunda parte, o programa do petista faz críticas diretas ao PSDB e Reinaldo. Segundo o discurso de Delcídio, os tucanos articulam para transferir a São Paulo a arrecadação de impostos obtida com o gasoduto Bolívia-Brasil, medida que, ainda conforme o petista, levaria Mato Grosso do Sul à falência.

“Não vou permitir que isso aconteça”, finaliza Delcídio, após vídeo enumerando recursos que deixariam de ser investidos em educação e saúde, por exemplo. O programa do petista termina com um vídeo, narrado por ele, em homenagem aos 37 anos de Mato Grosso do Sul.

A propaganda de Reinaldo não é inédita. Em tom documental, traz o candidato relatando sua história de vida, falando do avô, pais, irmãos, esposa, filhos e até de funcionários da família.

Depois, fala sobre a chegada de Reinaldo à política, quando assumiu a prefeitura de Maracaju, até ser eleito deputado federal. Finaliza com o tucano falando sobre seu “terceiro desafio de vida” – governar Mato Grosso do Sul – e de propostas para o desenvolvimento socioeconômico do Estado.

Os dois candidatos serão submetidos a novo crivo do eleitor no próximo dia 26. Neste sábado, foi veiculado o primeiro programa eleitoral gratuito após o primeiro turno.


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

Outubro Rosa: Prefeitura de Amambai realiza campanha de prevenção contra o Câncer

Campanha pretende alcançar cerca de 2.400 mulheres no município

A Prefeitura de Amambai, através da Secretaria de Saúde e em parceria com a Coordenadoria de Políticas Públicas para as Mulheres de Amambai adere ao “Outubro Rosa”, campanha nacional que tem como objetivo a prevenção e tratamento contra o câncer de mama e colo do útero. A campanha será lançada no dia 10 (sexta-feira).

 

De acordo com Zélia Borges, gestora da Coordenadoria da Mulher em Amambai, ao longo do mês, serão realizadas diversas ações de panfletagem, divulgação e visitas a postos de saúde, afim de divulgar para a população amambaiense o objetivo e importância do tratamento.

 

A coleta de exame preventivo colo uterino (em mulheres com idade entre 25 e 60 anos), além de exame clínico das mamas (apalpação) será realizada do dia 13 à 16 de outubro, em todos os postos de saúde do município. A meta é atender pelo menos 2.400 mulheres no município.

 

Para o Secretário de Saúde, Pedro Humberto, a campanha é de extrema importância para garantir a saúde da mulher amambaiense. “Campanhas como essa contribuem para que possamos realizar um trabalho de prevenção, com objetivo de isentar a população feminina dos riscos trazidos pelo câncer de mama e de colo do útero, doenças tão comuns hoje em dia que podem ser evitadas se realizados os exames de forma correta”, comenta o secretário.

 

Todos os postos de saúde participarão da campanha, inclusivo os localizados em área indígena. Dessa forma, cada paciente deverá ser atendida no posto mais próximo a sua residência ou onde possuir o cadastro, já as pacientes residentes em área rural devem se dirigir ao Posto Central.

 

A coordenadora do programa Saúde da Mulher, Katia Melo Cavalari, explica que para ser atendida durante a campanha, não é necessário que a paciente realize o agendamento prévio da consulta, pois a Secretaria de Saúde disponibilizará enfermeiros exclusivos para atender a população durante a campanha.

 

Fonte: Assessoria Prefeitura 

Meta: atenuar a celulite

Procure uma atividade aeróbica aquática que, além de queimar calorias, ajuda a desinchar e a eliminar a gordura acumulada no corpo, que causa celulite. "É como se a água fizesse uma drenagem linfática natural. Isso melhora a circulação sanguínea e libera as toxinas", explica Bianca Vilela, personal trainer, de São Paulo. Boas pedidas são as aulas de spinning e esteira dentro d'água. Com duração de 45 minutos, elas mandam embora entre 400 e 600 kcal. Faça três vezes por semana. 

No prato

Evite tudo que retém líquido, como os alimentos com alto teor de sódio, como molho de soja e sopas em saquinho, e inclua aqueles com propriedades diuréticas e antioxidantes. Coma: 

Pepino 
Com pouquíssimas calorias, é rico em água e antioxidantes. Ajuda a combater os radicais livres, assim como a má circulação. Inclua em sucos ou saladas. 

Chá de cavalinha 
Assim como o chá-branco, o verde e o de hibisco, tem poder diurético. A indicação de experts é consumir até 4 xícaras por dia para intensificar a eliminação natural das toxinas pelo organismo. 

Agrião 
Vegetais verde-escuros, como agrião, rúcula e espinafre, são antioxidantes, contribuindo para melhorar a oxigenação das células. Aposte em saladas. 

Meta: diminuir a flacidez

A falta de exercícios físicos é a grande responsável pela flacidez dos músculos, que dão sustentação à pele. Por isso, foque em atividades que os fortaleça, principalmente as que exigem dos membros inferiores, como o agachamento. E dá para fazer em casa: coloque um elástico nas pernas passando-o em volta dos tornozelos e vá dando um passo largo para um lado e para o outro. "O acessório cria uma resistência que exigirá mais esforço durante o exercício", diz a personal Bianca. 

No prato

A estratégia é unir alimentos importantes para a síntese do colágeno. "Consuma feijão e lentilha, que fornecem proteínas magras", conta Roseli Ueno, nutricionista de São Paulo. Coma: 

Peito de frango 
Valem as carnes brancas, em geral, como peixe e peru. Elas são fonte de proteína magra, responsável pela sustentação dos músculos e da pele. 

Gelatina 
Opte pela que é feita com pó de ágar-ágar, extraído de algas marinhas. O produto é encontrado em lojas de produtos naturais. "Essa gelatina é rica em colágeno e vitaminas E, B6 e B1, o que melhora o aspecto da pele", diz Simone Maia, nutricionista esportiva da Cia Athletica, do Rio de Janeiro. Coma três potinhos por dia. 

Acerola 
A fruta fornece vitamina C, poderoso antioxidante e nutriente essencial para o enrijecimento da pele. Complementa a ação da proteína e da gelatina 

Meta: perder gordura na região do abdômen

Enquanto exercícios aeróbicos ajudam a perder peso, abdominais fortalecem a musculatura. Por isso, adote um trio desses exercícios. Comece o clássico - deitada de barriga para cima, com as pernas elevadas e flexionadas a 45 graus. Para trabalhar as laterais, nessa mesma posição, flexione o corpo para a direita e para a esquerda. Depois, trabalhe a parte inferior: coloque as mãos embaixo do bumbum e eleve cada perna alternadamente. Faça três séries de 15 repetições de cada abdominal. 

No prato

O segredo é enganar o corpo, comendo menos de cada vez, para fazê-lo entender que existe um déficit que não será reposto. "Fracionando as refeições, obrigamos o organismo a tirar energia de onde há gordura acumulada", resume Alessandra Luglio, nutricionista da clínica P4B, de São Paulo. Coma: 

Aveia 
"Rica em fibras, pode ser adicionada aos alimentos para diminuir o índice glicêmico e estimular a atividade metabólica", ensina Roseli. Além de melhorar o funcionamento do intestino, evita inchaços no abdômen. 

Feijão-branco 
Segundo a nutricionista Simone Maia, o grão contém a substância faseolamina, capaz de reduzir a absorção de parte dos carboidratos ingeridos. 

Castanhas 
"Gorduras monoinsaturadas, como a do azeite de oliva e das castanhas, ajudam a reduzir os processos inflamatórios das células, que favorecem o estoque de gorduras", ensina a nutricionista Alessandra Luglio. Só é preciso ingerir moderamente. Consuma nos lanches uma ou duas castanhas por dia. 


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

Após efeito sanfona, empresária perde 19kg em cinco meses e define o abdome
Diversos

A empresária Osanita Rodrigues nunca se conformou em ser gordinha. Moradora de São Paulo, ela sempre buscou ter um corpo magro, mas, por algumas vezes, voltou a engordar. Até que, em sua última tentativa de emagrecer novamente, há um ano, ela perdeu 19 quilos e, em apenas cinco meses, conquistou um abdome definido e adotou de vez um estilo de vida saudável.

A primeira grande transformação aconteceu em 2007. Então com 33 anos, a advogada foi convidada para abrir uma loja de moda fitness em uma academia.

Osanita com 80kg

Osanita com 80kg Foto: Arquivo pessoal

- Eu simplesmente aceitei e montei a loja. Mas o ambiente começou a me incomodar. Eu era muito diferente das mulheres que circulavam por lá: pesava 80kg. Por minha conta, contratei um personal trainer, que disse que se eu o obedecesse, fizesse os exercícios recomendados e mudasse a minha alimentação, eu emagreceria. O professor me deu um prazo de seis meses para mudar meu corpo, senão ele não me daria mais aula - conta Osanita, que chegou a fazer uma lipo aos 28 anos, mas não emagreceu: - Com o personal, não só fiquei magra, pesando entre 59kg e 60kg, como cheguei a vestir manequim 34 e 36, que é o que eu visto hoje.

Além de advogada, Osanita é empresária e tem três lojas de moda fitness

Além de advogada, Osanita é empresária e tem três lojas de moda fitness Foto: Arquivo pessoal

No entanto, a mudança que aconteceu lá em 2007 não durou para sempre. No ano passado, interessada em jornalismo, a empresária ocupou seu tempo com cursos na área e faculdade, e foi deixando os hábitos saudáveis de lado:

Antes e depois da segunda fase de emagrecimento

Antes e depois da segunda fase de emagrecimento Foto: Reprodução / Instagram

- Eu não tinha mais disposição para ir para a academia, ia pouco. Passei a comer fora também. Não que eu me alimentasse mal, mas comida de restaurante, preparada para muita gente, com sal, essas coisas, não é a mesma coisa que o que a gente faz. Engordei entre janeiro de 2013 e setembro do mesmo ano. O dia do basta foi quando eu estava na academia dando uma corridinha e uma professora tirou uma foto. Eu estava um monstrinho, com o rosto redondo, barriguda e pesando 78,9kg. Aí me dei conta que meu manequim já tinha passado a ser entre 42 e 44 há muito tempo.

A solução foi se reeducar mais uma vez:

- Voltei a comer como antes de engordar: alimentos sem gordura ou fritura, passei a usar açúcar orgânico e massas integrais, e ingeria algo de três em três horas. Hoje sei que, se quero comer um bolo, eu posso, mas eu mesma faço e uso proteína na massa.

Reeducação alimentar ajudou Osanita a emagrecer

Reeducação alimentar ajudou Osanita a emagrecer Foto: Reprodução / Instagram

Juntando a alimentação com o retorno à academia, onde treina cada grupo muscular duas vezes por semana, além de fazer exercícios aeróbicos como escada e transport, não só fez Osanita voltar a desfilar seu manequim 36 e seus 60kg em 1,70m de altura, como transformou seu abdome, que agora é saradíssimo.

Osanita malha duas vezes por semana cada grupo muscular

Osanita malha duas vezes por semana cada grupo muscular Foto: Reprodução / Instagram

- Ficar com a barriga assim foi consequência. Ao fazer abdominais três vezes por semana, desde fevereiro, naturalmente ele foi mudando. E está cada vez melhor - revela a empresária, que hoje administra o blog Projeto Massa Magra e três lojas de moda fitness.

Abdominal é parte da rotina da morena

Abdominal é parte da rotina da morena Foto: Reporução / Instagram

Osanita Rodrigues é a personagem da semana do Projeto Toda Extra, no Instagram (@TodaExtra). Ela foi escolhida porque usou a hashtag #projetotodaextra em seus posts de antes e depois. As leitoras que têm histórias de emagrecimento, sem cirurgias e remédios, também podem ter suas trajetórias contadas no Extra Online. Para isso, devem fazer como Osanita e usar a hashtag #projetotodaextra. No Instagram da Toda Extra também tem dicas de moda, beleza, boa forma e comportamento.

 


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

Brasil bate "velha amiga" de Dunga com 2 de Diego Tardelli
Diversos

Brasil venceu a Argentina com dois gols de Diego Tardelli

O "bom relacionamento" de Dunga com a Argentina ganhou mais um capítulo neste sábado (11). Em seu primeiro clássico no retorno ao comando da Seleção Brasileira, o treinador somou mais uma vitória sobre o arquirrival: 2 a 0 em Pequim, com dois gols de Diego Tardelli. Foi o terceiro triunfo em três jogos do técnico nesta nova fase, ainda sem sofrer gols.

Em sua primeira passagem pela Seleção, Dunga conquistou vitórias marcantes contra a Argentina. Em 2006, ganhou amistoso por 3 a 0 em Londres; na final da Copa América de 2007, com um time sem as principais estrelas, aplicou outro 3 a 0 sobre o rival e foi campeão; nas Eliminatórias da Copa, venceu por 3 a 1 em Buenos Aires. Saldo amplamente favorável, apesar dos 3 a 0 sofridos para os argentinos na semifinal da Olimpíada de 2008, justamente em Pequim.

Depois da conquista do Superclássico das Américas, o próximo amistoso do Brasil acontece contra o Japão, em Cingapura, na próxima terça-feira.


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

Estados Unidos se vingam e acabam com sonho brasileiro
Diversos

Norte-americanas acabaram com sonho das brasileiras

Depois de 11 vitórias consecutivas, a Seleção Brasileira teve a invencibilidade quebrada no Campeonato Mundial Feminino de Vôlei. Derrotados no final da segunda fase, os Estados Unidos se vingaram e acabaram com o sonho brasileiro de conquistar o título inédito da competição. Com uma atuação excelente, as norte-americanas venceram a semifinal deste sábado por 3 sets a 0, com parciais de 25/18, 29/27 e 25/20.

Brasil e Estados Unidos, líder e vice-líder do ranking mundial, respectivamente, fizeram as finais das duas últimas edições dos Jogos Olímpicos, nas quais as brasileiras levaram a melhor e venceram. O time de José Roberto Guimarães também superou as adversárias no dia 5 de outubro, no último jogo da segunda fase. Embora o Brasil tenha vencido com facilidade na ocasião, o duelo não contava com as principais jogadoras de cada seleção já que os técnicos optaram por utilizar as reservas.

Apesar de serem duas potências do voleibol mundial, Brasil e Estados Unidos ainda não conquistaram nenhum título do Campeonato Mundial Feminino. Depois da derrota, o Brasil passa a focar na decisão de terceiro lugar, que será disputada neste domingo, às 12h30 (de Brasília). O adversário sairá do confronto entre Itália e China.

O jogo

Depois de começar vencendo, o Brasil logo sofreu a virada. Tendo dificuldades, a Seleção Brasileira encontrou uma cenário atípico no torneio. Enquanto isso, do outro lado, as norte-americanas, com atuação surpreendente, abriram 16/10 e souberam manter a vantagem para fecharem o set em 25/18.

Dispostas a empatar, as brasileiras voltaram melhores no segundo set. Parecendo estar recuperada do susto do início do jogo, a equipe abriu 6/1 e manteve a vantagem até o final da parcial, até que as norte-americanas reagiram, salvaram set-points e travaram um duelo muito equilibrado para conseguirem vencer e abrir 2 sets a 0.

A perda de chances e a virada no segundo set afetou a Seleção Brasileira, que não conseguiu impor seu ritmo de jogo. Encontrando dificuldades para repetir o que foi visto ao longo da competição, o time de Zé Roberto viu as adversárias abrirem boa vantagem na terceira parcial e não teve forças para correr atrás do resultado.


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

Em aniversário de 37 anos, Mato Grosso do Sul comemora urbanização e desenvolvim
Diversos

Motivos de orgulho não faltam para a população comemorar o aniversário de Mato Grosso do Sul, criado há exatos 37 anos, com a divisão do Mato Grosso uno, em 1977. Na época da Divisão do Estado, Mato Grosso do Sul ficou com 1.354.206 habitantes - Mato Grosso ficou com algo em torno de 900 mil. Hoje, o número em MS saltou para uma população estimada em 2.619.657, conforme levantamento do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Os números do IBGE apontam também para uma mudança de perfil nos domicílios. Hoje, a concentração dos habitantes está nas regiões urbanas. Somente na Capital, residem 843 mil habitantes, sendo que pouco mais de 10 mil moram na área rural.

Paralelamente ao aumento de domicílio nas áreas urbanas, houve também a queda do número de analfabetos no Estado. Em 1983, havia 238 mil pessoas (21,4 % da população) sem saber ler ou escrever.

Agora, o número caiu para 193 mil (8,7%). Um dos fatores que resultaram diretamente neste quadro foi a exigência do mercado para as pessoas que vieram trabalhar nas cidades.

Outro ponto positivo foi o aumento da expectativa de vida da população, nas últimas três décadas. Em 1980, a média era de 63,79 anos. Agora, passou para 73,80 anos. Um ganho médio de cerca de 10 anos de vida para cada cidadão.

A reportagem, de Rafael Bueno, está na edição deste sábado do jornal Correio do Estado.


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

Paciente com suspeita de ebola pode receber alta na segunda
Diversos

Os médicos da Fundação Oswaldo Cruz informaram neste sábado (11) que passa bem o paciente com suspeita de ebola, internado no Rio de Janeiro. Soullymane Bah, de 47 anos, continua sob observação e pode receber alta na segunda-feira (13), após o resultado do segundo exame. Ele recebeu com alívio o laudo negativo do primeiro teste. Neste domingo, ele repetirá o exame, que pode descartar definitivamente o diagnostico de ebola.

“Dando negativo, ele passa a ser um paciente viajante, que veio da África e que teve um quadro febril. Clinicamente, se não houvesse a suspeita do ebola, ele não precisaria ficar internado”, explicou o médico infectologista da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), Jorge Cerbini. De acordo com o diretor do Instituto Nacional de Infectologia Evandro Chagas (INI), Alejandro Hasslocher, onde Soullymane recebe os cuidados médicos, todo paciente com suspeita de qualquer doença infecciosa grave, é submetido a dois exames para confirmar a doença. No caso do paciente da Guiné, no entanto, os médicos acreditam que o ebola não deve ser confirmado.

“Ele não teve nem febre desde que chegou, então, o risco é baixíssimo”, avaliou a infectologista do INI, Marília Santini. “O que acontece no ebola é que quanto mais doente, maior a quantidade de vírus no sangue. Então, se você colheu [o sangue] no primeiro dia e a pessoa não está muito doente, [o exame] pode dar negativo. Em dois dias, se a pessoa tem o vírus, dá positivo. Por isso, não podemos dizer ainda que a chance de dar negativo é zero”, ponderou.

Caso receba a alta, a liberação do paciente dependerá da logística para transportá-lo de volta ao Paraná, de onde veio ao Rio em avião da Força Aérea Brasileira. O esquema especial na Fiocruz será mantido até o resultado do segundo exame, que sai na segunda-feira.

Os especialistas informaram que todo o protocolo de atendimento e segurança para o ebola foi seguido à risca na Fiocruz, que é a unidade de referência para os casos suspeitos no Brasil. Dois quartos do INI estão preparados desde junho e os profissionais foram treinados em vários simulados. Ao todo, a unidade tem 32 leitos que podem atender pacientes suspeitos.

Soullymane Bah foi notificado na quinta-feira (9) em uma Unidade de Pronto-Atendimento em Cascavel (PR). O paciente saiu da Guiné, na África Ocidental, no dia 18 de setembro, e chegou ao Brasil em 19 de setembro. Por apresentar febre e ter vindo de um dos países com a doença, foi classificado como suspeito e encaminhado à unidade de referência no Rio de Janeiro.


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

Educação alimentar é fundamental para evitar obesidade infantil
Diversos

Educação alimentar e a conscientização dos pais de que a obesidade é uma doença são os principais fatores no combate à obesidade infantil. Segundo o presidente da Associação Brasileira para o Estudo da Obesidade e da Síndrome Metabólica (Abeso) e diretor do Departamento de Obesidade da Sociedade Brasileira de Endrocrinologia e Metabologia (Sbem), Mario Carra, sem a conscientização e a participação das famílias, a mudança do cenário é inviável.

“A intervenção dos pais para eliminar os maus hábitos alimentares e para modificar os hábitos sedentários das crianças é comprovadamente eficaz”, destaca. Hoje (11), dia de Combate a Obesidade, a Sbem realizou atividades no Ceará, na Paraíba, em Minas Gerais, Santa Catarina e São Paulo para chamar a atenção para os riscos do sobrepeso e da obesidade, que já atinge metade da população brasileira.

No Brasil, dados da Pesquisa de Orçamentos Familiares, realizada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), mostram um aumento da obesidade de mais de 300% entre meninos (de 4,1% em 1989, para 16,6% em 2009). Entre as meninas a variação foi ainda maior: de 2,4% em 1989 para 11,8% em 2009. 

Segundo o levantamento, a criança obesa tem de 50% a 80% mais chance de se tornar um adulto jovem obeso comparado ao risco em crianças com peso adequado. De acordo com a Sbem, a doença acarreta maior probabilidade de desenvolver diabetes, doenças cardíacas e câncer.


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

Pesquisa Istoé/Sensus: Aécio tem 58,8% e Dilma, 41,2%
Diversos

Foram feitas 2 mil entrevistas em 24 estados

A primeira pesquisa Istoé/Sensus, divulgada neste sábado (11), mostra o candidato Aécio Neves (PSDB) com 58,8% dos votos válidos e a petista Dilma Rousseff, com 41,2%, uma diferença de 17,6 pontos percentuais.

De acordo com o site da revista Istoé, o levantamento foi feito entre 7 e 10 de outubro. A pesquisa também aponta que o índice de eleitores que afirmam não votar em Dilma de forma alguma é de 46,3%. Já a rejeição de Aécio Neves é de 29,2%. 

Ainda segundo a Istoé, as 2000 entrevistas foram realizadas em 24 estados e 136 municípios. No levantamento sobre o total de votos, Aécio soma 52,4%, Dilma 36,7% e os indecisos, brancos e nulos são 11%, com margem de erro 2,2% e índice de confiança de 95%.

Nos votos espontâneos, quando nenhum nome é apresentado ao eleitor, Aécio soma 52,1%, Dilma fica com 35,4% e os indecisos são 12,6%. 

Dados da pesquisa ISTOÉ|Sensus

Realização – Sensus

Registro na Justiça Eleitoral – BR-01076/2014

Entrevistas – 2.000, em cinco regiões, 24 Estados e 136 municípios do País

Metodologia – Cotas para sexo, idade, escolaridade, renda e urbano e rural

Campo – de 07 a 10 de Outubro de 2014

Margem de erro - +/- 2,2%

Confiança – 95%


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

Crianças e pets: Carinho é a base da relação
Diversos

Desde que era bebê, Ana Beatriz e Brad não se largam, nem na hora de ir dormir

Neste Dia das Crianças, que é comemorado amanhã, uma boa notícia para os pequenos e para os pets. De acordo com estudo recente publicado na revista britânica Clinical & Experimental Allergy, cachorros e gatos podem fazer muito bem à saúde de bebês e crianças! Segundo o artigo, além de estimular a afetividade e o sistema locomotor, pesquisas mostram que o convívio não causa alergias – e poderia até diminuir a incidência do problema. Crianças que convivem com estes animais desde o primeiro ano de vida tendem a ter menos sensibilidade a seus alérgenos.

A pesquisa acompanhou a rotina de 565 participantes, do nascimento à vida adulta. Para a médica-veterinária de Campo Grande Evânia Marcia Silva Barros, não resta dúvidas dos benefícios oferecidos à criança que cresce com um pet. “Como veterinária, eu acredito muito nessa relação como algo positivo, que ensina a criança a questão do afeto e carinho”, destaca.

No caso de alergias, Evânia é mais cautelosa. “Pediatras recomendam que crianças alérgicas não tenham animais em casa. Fora esses casos, eu acredito que, se você acostumar um animal à sua rotina, vai acabar criando resistência aos alérgenos. Mas depende de cada organismo.”

Melhores amigos

Na Capital, famílias relatam as amizades saudáveis entre crianças e animais. A advogada ThaísPaes de Campos, 36 anos, é mãe de Heloísa, de um ano e meio. A filha, assim que nasceu, formou uma amizade forte e duradoura com a cachorrinha de Thaís, a shih-tzu Lana, de quatro anos. “Elas são uma duplinha dinâmica”, diz Thaís. “Vivem brincando, grudadas, uma provocando a outra.”

O afeto surgiu quase de imediato, com Lana cuidando da porta do quarto de Heloísa.Thaís não teve preocupações. “A Lana sempre foi uma cadela muito tranquila.” As vantagens são muitas, relata a mãe. Heloísa se movimenta mais com as brincadeiras de Lana, além de ter criado um laço afetivo logo cedo. A menina também já se preocupa com o bem-estar da amiga pet. “Às vezes, ela mesma pega o saco de ração e coloca ao lado do pote de comer da Lana. Ela sabe que precisamos alimentar e dar água. Já existe um senso de responsabilidade.”

Inseparáveis

No caso da jornalista Aline Kraemer Kohl, 35 anos, a chegada da primeira filha, Ana Beatriz, hoje com dois anos, foi sem animais em casa. Aline relata que já havia feito tentativas de levar o cachorrinho Brad, de oito anos, para morar em sua casa. “Mas ela preferia morar com a minha mãe.” Só depois do nascimento de Ana Beatriz é que Brad aceitou mudar de casa. “Nós sentimos o quanto ele queria isso. A amizade entre eles é linda demais”, relata Aline. “Ele está sempre cuidando dela, observando-a no carrinho, no berço, no chão, mamando, em qualquer lugar.” 

O afeto é tanto que o cachorro fica doente quando separado da amiga. “Se a gente viaja e não o leva, a imunidade dele cai e ele adoece”. Assim como na casa de Thaís, da amizade improvável surgem avanços para a criança, que se locomove mais pela casa por conta das brincadeiras e, também, cria uma sensibilidade aguçada. “A Ana Beatriz já respeita os bichinhos, essa relação é totalmente saudável”, diz a mãe.

Dia das crianças

Nesta data comemorativa, muitos pais acham uma boa ideia presentear os filhos com um animal de estimação. Os protetores animais fazem um apelo quanto à prática e ressaltam que animal não é brinquedo. “É preciso ter muita responsabilidade e pensar muito bem antes de tomar essa decisão”, recomenda Aline, com experiência própria na criação de cachorros e crianças. Se a decisão for pensada, em vez de comprar, os pais podem adotar bichinhos que procuram um lar. A “Seção animal”, ao lado, é uma boa dica de como começar.

 


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

Acadêmico de MS morre em acidente ao voltar de universidade de MT
Diversos

O acadêmico Alison Pereira morreu num acidente de trânsito que ocorreu na noite desta sexta-feira (10), na BR-163, no Mato Grosso. O fato se deu quando a vítima, que mora em Sonora, voltava com amigos da universidade em Rondonópolis (MT).

Alison e outros quatro jovens ocupavam o veículo que capotou seis vezes, quando o condutor tentou desviar de uma campana no asfalto. O estudante teria sido arremessado para fora do carro. Ele foi socorrido, mas não resistiu aos ferimentos.

Três jovens saíram ilesos e um outro teve 

 


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)

Brasil vence Argentina no Superclássico das Américas
Diversos

A China, de 1,3 bilhão de habitantes, viveu dias em função de saber quem brilharia mais no duelo estelar: Neymar ou Messi? Também se mobilizou pelo ídolo Kaká e entrou em polvorosa com os astros David Luiz, Di Maria, Higuaín... Depois do jogo, essa imensidão de gente aprendeu quem é Diego Tardelli. Rapaz sem cabelo invocado, sem contrato com potências europeias, mas com o nome cravado na história após decidir um Brasil x Argentina.

Foram dele os gols da vitória por 2 a 0, os seus primeiros pela Seleção. Em determinado momento, os adversários mostraram maior repertório, futebol mais moderno, jogadores versáteis. Pode empacotar tudo e despachar de volta pra casa. A mala brasileira voltará mais pesada, com o troféu de tricampeão do Superclássico das Américas

Diego Tardelli, Superclassico, Brasil x Argentina (Foto: Reuters)

Só Tardelli? Claro que não. Houve também a brilhante defesa de Jefferson. Não inporta se foi bem ou mal batido, pegar um penâlti de Messi é sempre brilhante

E o que dizer de Di María? Ele caiu na área, o árbitro caiu na dele. Na cobrança do pênalti, Messi ouviu poucas e boas (ou ruins?) de David Luiz antes de chutar nas mãos de Jefferson. O goleiro se agigantou por toda a partida. Foi decisivo.

Daí para frente, o 10 de amarelo brilhou mais. Neymar, por pouco, não fez dois golaços. Concluiu mal, mas foi o desafogo ideal para o Brasil. Acumulou cartões nos argentinos, que não conseguiam pará-lo.

Dunga segue invicto diante da Argentina: quatro vitórias e um empate pela seleção principal – perdeu a semifinal olímpica com jogadores sub-23. E, agora, segue mais firme na tentativa de levar a equipe brasileira a figurar, novamente, entre as principais do planeta.


Clique aqui (comentários? | Pontos: 0)


Página selecionada de 1248 páginas.
Fotos

Nova pagina 2


Notícias

Segunda, outubro 27
· TRAD
· NOTICIAS DA NOITE
· TEMPO
· ACIDENTES
· ELEIÇÃO 2014
· DILMA FOI REELEITA
· REINALDO ESTÁ PRONTO PARA GOVERNAR
· NA MOSCA
· ACIDENTE
Domingo, outubro 26
· REINALDO AZAMBUJA É O NOVO GOVERNADOR NO MS
· ELEIÇÃO 2014
· UFC
· informações e seções de Amambai
· RONDA
· CAFE DA MANHÃ
Sábado, outubro 25
· ENFOQUES
· CAPOTAMENTO
· parto
· RONDA
· CAFE DA MANHÃ
Sexta, outubro 24
· fim de semana
· CAPITAN BADO EM FOCO
· GUTO: UM BRASILETRO NO CANADA
Quinta, outubro 23
· ENFOQUES
· OPÇÃO
·
· AGORA
· ENFOQUES
· NOTICIAS DA TARDE
· GOSTA DE REPADURA

 Calendario de Eventos
Outubro 2014
  1 2 3 4
5 6 7 8 9 10 11
12 13 14 15 16 17 18
19 20 21 22 23 24 25
26 27 28 29 30 31  

Eventos

 Hora Certa

 Amigos do Site!




RondPoint Web Services Web site powered by MEGAWEB